sexta-feira, agosto 19, 2022

Saab RBS 70NG

John Bolton disse que planejou golpes no exterior

Destaques

Redação Forças de Defesa
Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

John Bolton, falando com Jake Tapper ao vivo no programa “The Lead” da CNN na tarde de terça-feira, disse que o ataque de 6 de janeiro de 2021 ao Capitólio não foi um “golpe de estado cuidadosamente planejado” – e que ele saberia.

“Como alguém que ajudou a planejar golpes de estado – não aqui, mas, você sabe, em outros lugares – é preciso muito trabalho, e não foi isso que [o presidente Donald Trump] fez”, Bolton, que serviu como principal oficial de segurança nacional do governo Trump por 17 meses antes de uma saída amarga em 2019, disse Tapper.

Mas os clipes dos comentários se tornaram virais online, atraindo milhões de visualizações de todos os cantos. Em poucas horas, eles provocaram condenação oficial e especulação não oficial de observadores estrangeiros, especialmente em partes do mundo onde décadas de intervenção dos EUA permanecem como memórias frescas.

Evo Morales, o ex-presidente da Bolívia que foi deposto do cargo em 2019 pelos militares em meio a reivindicações eleitorais obscuras, twittou na quarta-feira que as declarações mostravam que os Estados Unidos eram “o pior inimigo da democracia e da vida”.

Maria Zakharova, porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, pediu na quinta-feira uma investigação internacional sobre as declarações de Bolton.

“É importante saber em quais outros países os Estados Unidos planejaram golpes de estado”, disse Zakharova à Rádio Sputnik.

“Isso não é surpresa”, disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Wang Wenbin, em uma entrevista coletiva diária na quinta-feira. “A admissão simplesmente mostra que interferir nos assuntos internos de outros países e derrubar seus governos se tornaram a prática padrão do governo dos EUA.”

“Isso faz parte do livro de regras dos EUA”, disse Wang.

Bolton não especificou quais golpes ele esteve envolvido no planejamento, se houver, durante a entrevista. Quando Tapper o pressionou, ele apontou para a tentativa frustrada de derrubar o presidente venezuelano Nicolás Maduro em 2019, mas acrescentou que os Estados Unidos não têm “muito a ver com isso”.

Esse foi um exemplo estranho. Por um lado, Bolton havia dito que a tentativa de derrubar Maduro “claramente não era um golpe” em 2019.

O governo de Maduro acusou os Estados Unidos de ajudar a promover a instabilidade política na Venezuela.

Bolton teve duas passagens em altas posições. Sob o presidente George W. Bush, ele serviu em cargos de controle de armas antes de se tornar embaixador nas Nações Unidas em 2005. Ele foi um grande apoiador da invasão do Iraque em 2003 que derrubou Saddam Hussein.

Ele retornou ao escritório do governo em abril de 2018 como conselheiro de segurança nacional da Casa Branca de Trump – o terceiro em menos de 18 meses.

Ele não durou muito, deixando o governo em setembro de 2019. A política externa parecia ser uma das principais fontes de disputa, com Trump mais tarde twittando que, apesar da reputação de Bolton como falcão, Trump na verdade tinha opiniões “mais fortes” sobre Cuba e Venezuela.

Bolton tem apoiado golpes no passado.

Em uma entrevista de 2008 à Al Jazeera, ele disse que os golpes às vezes podem ser “uma maneira necessária para promover o interesse americano” e defendeu a derrubada em 1953 do líder democraticamente eleito do Irã, o primeiro-ministro Mohammad Mosaddegh, orquestrado pela Agência Central de Inteligência.

“Acho que os EUA deveriam ter essa capacidade”, disse Bolton, referindo-se ao Irã e à Coreia do Norte como duas áreas nas quais os Estados Unidos devem se concentrar em derrubar regimes hostis.

Mas, apesar da especulação, vários ex-agentes de inteligência dos EUA responderam na terça-feira com escárnio às observações de Bolton.

“Bolton nunca tocou em um golpe”, escreveu no Twitter Milton Bearden, ex-chefe de estação da CIA que supervisionou as operações secretas dos EUA no Afeganistão na década de 1980. “E quem pensa que fomentar golpes é uma boa ideia, simplesmente não sabe o suficiente.”

FONTE: The Washington Post

- Advertisement -

64 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest

64 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Nemo
Nemo
1 mês atrás

Tudo tranquilo, a CIA já afirmou que a CIA nunca planejou uma mudança de regime.

Matheus
Matheus
1 mês atrás

Quem nem o Chines falou. Isso não é surpresa pra ninguem, é literalmente o modus-operandi dos EUA quando algum país não é alinhado com eles.

Especialmente na América Latina e tem gente que bate palma pra isso ainda.

Fabricio Lustosa
Fabricio Lustosa
Reply to  Matheus
1 mês atrás

Assustador é que muitos brasileiros batem palmas para isso. Esse pessoal, ao que parece, tendo pleno acesso aos produtos de empresas americanas feitos na China e pleno acesso a Miami-FL, bate palmas para QUALQUER ação norte americana.

Matheus
Matheus
Reply to  Fabricio Lustosa
1 mês atrás

Os amigos hispanicos chamam esses de “Gusanos”. Geralmente são da elite local que perde mamata do governo e se muda pra Florida e apoia qualquer tipo de ação demoniaca contra o próprio país de origem.

Gente nojenta que merece ter a cidadania revogada.

Reinaldo Pereira
Reinaldo Pereira
Reply to  Matheus
1 mês atrás

E ta errado? Claro que a esquerda radical comunista se adapta e parece não morrer nunca mesmo. Também é verdade que o melhor truque do diabo é se fingir de morto, fingir que não existe. Ou seja, quando todos acham que o comunismo acabou ele pode comer pelas beiradas. O Foro de São Paulo e a ursal tomaram o poder em boa parte da América Latina e isso prova a vitalidade comunista. Graças a Deus os nossos honrados militares nos livraram dos vermelhos de 64. O mundo é imperfeito, nós ocidentais somos imperfeitos e as democracias liberais tem muitas falhas,… Read more »

fewoz
fewoz
Reply to  Reinaldo Pereira
1 mês atrás

Vai perguntar pra qualquer americano ou europeu, se eles consideram os latinos ocidentais… Acho que você tentou ser irônico com esse comentário, não é possível.

LUIZ
LUIZ
Reply to  Reinaldo Pereira
1 mês atrás

“Mas não é apelando para populistas messiânicos autoritários como o Lula que vamos avançar. ”

Essa foi a melhor parte kkkk. Lula autoritário? Foi ele que pediu o fechamento do Congresso e do STF no inicio do mandato?

Sergio Machado
Sergio Machado
Reply to  Reinaldo Pereira
1 mês atrás

Não dá pra saber se o cara tá sendo debochado ou falando sério.

Ander
Ander
Reply to  Reinaldo Pereira
1 mês atrás

😂😂😂 criança, Brasil só não é uma potência porquê vem sendo sabotado há décadas pelos interesses americanos e europeus, isso não é questão de direita, esquerda, comunismo, capitalismo, socialismo e tantos “ismos” e sim de poder e projeto de estado. Entre um lambe bolas dos Americanos e um que pelo menos questiona, fico com o que questiona.

Cassini
Cassini
Reply to  Reinaldo Pereira
1 mês atrás

Jesus… que diarreia mental.

Sulamericano
Sulamericano
Reply to  Reinaldo Pereira
1 mês atrás

Alguém por favor traga um monte de capim para esse rapaz. A fome está prejudicando a linha de “raciocínio”.

Tá aí mais um exemplo de um brasileiro que entregaria o país de mão beijada para o USA. Grande patriota!

Nilo
Nilo
Reply to  Sulamericano
1 mês atrás

De esquerda ou direita somos tolerantes com esse tipo.
Enquanto os governos, um apois o outro, alimenta o povo com circo, porque o pão etá osso.
A universidades, pesquisas. sem recursos, livros? o que é isso?

Caio
Caio
Reply to  Reinaldo Pereira
1 mês atrás

Vai pra Mianmar, El Salvador, ou melhor ainda Afeganistão.

Charle
Reply to  Reinaldo Pereira
1 mês atrás

Cada maluco que aparece…

Gabriel
Gabriel
1 mês atrás

Agentes de “inteligência” (em todos aspectos e sentidos) sempre foram e sempre serão usadas pela humanidade, na busca de se obter vantagem, seja política, econômica, social, etc

O que espanta é a falta de vergonha na cara de cara de quem se diz “surpreso” ou insinua que é só o americano que faz isso.

Paulo Brics
Reply to  Gabriel
1 mês atrás

O que me espanta é a falta de vergonha na cara de gente que continua idolatrando estes demônios. Os caras assumem que derrubam governos, patrocinam terroristas, destroem a liberdade de ser de outros países, e o nível de alienação é tão absurdo que logo surgem passadores de pano com velhos chavões, como este de “todo mundo faz”. Não cara, muita gente faz, mas ninguém fez tanto e tão criminosamente como eles, os “estandartes da democracia mundial”. E para acrescentar a lista de horrores, este vídeo sobre o Laos, o país mais bombardeado do mundo, onde por 9 anos os cowboys… Read more »

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Gabriel
1 mês atrás

Se essa frase viesse de um agente russo ou chinês vcê tambem estaria passando pano com “mas é assim mesmo” e “todo mundo faz”, ou você estaria achando um absurdo?

Maurício.
Maurício.
Reply to  Gabriel
1 mês atrás

“Como alguém que ajudou a planejar golpes de estado – não aqui, mas, você sabe, em outros lugares”

Nada como tentar passar panos para os americanos…

Screenshots_2022-07-14-18-16-32.png
Varg
Varg
1 mês atrás

Não é novidade nenhuma para nós da América Latina…

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Varg
1 mês atrás

Exato.

J.Leo
J.Leo
1 mês atrás

Como dizem cá nas alterosas: “nó, crendeuspadri, oia issu, baita duma bisbiótisse”.

carlos andreis
carlos andreis
Reply to  J.Leo
1 mês atrás

“Eis pens qui o mundo é deis”

Fabricio Lustosa
Fabricio Lustosa
1 mês atrás

Quantos milhões de pessoas morreram em decorrência das várias guerras híbridas promovidas por esse país que muitos brasileiros endeusam…é deprimente.

Adriano Madureira
Adriano Madureira
Reply to  Fabricio Lustosa
1 mês atrás

Mas lembre-se : Tudo em nome da liberdade,paz e democracia,um grande gesto de altruismo como eles sempre fazem.
Como no afeganistão, que após a invasão, o pentágono em um gesto magnânimo pediu estudos geológicos ao USGS que descobriu grandes riquezas no afeganistão.

comment image

comment image

https://pbs.twimg.com/media/ENXgZECWwAAXyma?format=jpg&name=small

Hcosta
Hcosta
Reply to  Adriano Madureira
1 mês atrás

Líbano, Síria, Egipto, Iraque…

O Irão não é nenhum santo. Tem uma guerra de procuração entre o Irão e a Arábia Saudita.

WSilva
WSilva
Reply to  Adriano Madureira
1 mês atrás

O governo americano é o mais canalha que existe no planeta terra.

É por isso que eu sempre digo aqui, EUA NUNCA foi exemplo de democracia nenhuma, muito menos Brasil ou Índia, exemplo de democracia são os países nórdicos.

Externamente os EUA é um regime sanguinário e brutal, e só há dois tipos de pessoas que acreditam no governo americano:

1- Pessoas dosonestas
2- Pessoas extremamente ignorantes ideologizadas

Heinz
Heinz
Reply to  Fabricio Lustosa
1 mês atrás

De fato, os americanos estão longe de serrem bonzinhos, na verdade são cruéis, mas o senhor, pelos seus comentários recentes defende isso para o outro lado, o que a Rússia fez, no Afeganistão, Georgia, CHechênia, e agora na Ucrânia é quase a mesma coisa que os yankers fazem.
MUdando só o modis operante

PACRF
PACRF
1 mês atrás

A invasão do Capitólio, planejada durante todo mandato e estimulada por Donald Trump, foi uma tentativa de impedir que o legítimo vencedor das eleições norte-americanas fosse declarado presidente. Portanto, foi uma tentativa de golpe. Pior, sem nenhum fundamento legal, ou seja, indícios mínimos de fraude. Afinal, todas as instâncias da justiça norte-americana negaram os recursos apresentados contra o resultado das eleições. Qualquer semelhança com o que ocorre em nosso país, não é mera coincidência.

Nemo
Nemo
Reply to  PACRF
1 mês atrás

Sem discutir o mérito, o que isto tem a ver com o post acima? Você está bem?

Varg
Varg
Reply to  Nemo
1 mês atrás

O testemunho do Bolton foi dado durante uma reportagem sobre a invasão ao Capitólio.

Caerthal
Caerthal
Reply to  PACRF
1 mês atrás

“..sem nenhum fundamento legal, ou seja, indícios mínimos de fraude..”

Essa taça é sua!!!! Já pode virar dirigente petista.

PETERSON MONTEIRO DA SILVA
PETERSON MONTEIRO DA SILVA
1 mês atrás

Oque preocupa não é o fato de a maioria ou se não todos nós já saberemos desse fato… Mais sim o que realmente me preocupa, é o fato que entre nós e em nosso país e assim como em outros, concordarem com isso!!! Sem pensar que em cada golpe, mentiras,e supostas intervenções humanitárias para socorrer os civis, eles mentem, destroem e interferem em países soberanos e concordam que eles são os donos da verdade… como se fossem semideuses andando sobre a terra… O problema não é só saberemos e eles admitirem que fazem isso… O problema é que entre nós… Read more »

João Adaime
João Adaime
1 mês atrás

Ele apenas falou genericamente o que Edward Snowden e Julian Assange contaram em detalhes.
Bolton, em uma entrevista de 2008 à Al Jazeera, disse que os golpes às vezes podem ser “uma maneira necessária para promover o interesse americano”.
Já passou da hora da gente se preocupar em promover o interesse brasileiro.

Varg
Varg
Reply to  João Adaime
1 mês atrás

O interesse brasileiro é ditado por uma elite que só falta abaixar as calças quando vê um estrangeiro, seja ele americano, europeu, russo ou chinês…

Last edited 1 mês atrás by Varg
Cassini
Cassini
Reply to  Varg
1 mês atrás

Russo e chinês não. A putrefata elite brasileira quer ser europeia ou estadunidense.

Rússia e China não são temas populares entre os ricos e abastados deste país.

Heinz
Heinz
Reply to  Cassini
1 mês atrás

Creio que o senhor esteja muito enganado, no agro brasileiro os chineses são o tema principal.

Jefferson Ferreira
Jefferson Ferreira
Reply to  João Adaime
1 mês atrás

Interesse do brasileiro é de quem paga mais, esse é o interesse!

Slow 🇧🇷
Slow 🇧🇷
1 mês atrás

Brasil e Ucrânia sabe muito bem disso k k

Figueiredo
Figueiredo
1 mês atrás

Sem comentários.

PETERSON MONTEIRO DA SILVA
PETERSON MONTEIRO DA SILVA
1 mês atrás

O radicalismo interfere em uma decisão sensata e pragmática…os russos não são Santos, isso é um fato!!! Mais não tem força para nós dividir como os EUA tem!!! Divididos somos mais fácil de sermos manipulados, assim como os ukranianos…ou aqui a quem realmente acreditem que eles assim não o foram??? Pensa existe um país que sempre foi alinhado a outro e que este país menor e mais fraco era responsável pela fabricação de motores navais, aeronáuticos, projetos de aeronaves, navios, entre vários outros comércios inclusive espacial… mais um grupo político começa a crescer recebendo dinheiro de um terceiro país que… Read more »

Elisandro
Elisandro
1 mês atrás

Golpes de Estado e interferir em países alheios já faz parte do cardápio dos EUA. E daí ficam com aquela balela de “apoiamos as democracias”. Apoiam até onde chegam seus interesses. Não se curvou ao Império, periga sofrer um golpe…

Cidadão das Sombras
Cidadão das Sombras
1 mês atrás

John Bolton é um dos seres humanos mais vis e sórdidos a fazer peso na terra atualmente.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Cidadão das Sombras
1 mês atrás

E, no entanto, era pouco sórdido para Trump.

Foxtrot
Foxtrot
1 mês atrás

Que surpresa !
Me diz um secretário de defesa americano que junto com a CIA não fez isso.

Steel Wing
Steel Wing
1 mês atrás

Está mais do que claro que os norte americanos não são confiáveis e que o Brasil deveria ser mais independente em relação à eles.

Por isso sempre digo que o Brasil deveria buscar outros fornecedores

Fernando Laragnoit
Fernando Laragnoit
1 mês atrás

Lendo esta matéria, onde claramente os EUA ainda intervém em eleições e governos estrangeiros, penso:

Com que moral os parlamentares norte-americanos pretendem interromper o envio de recursos de Defesa para o Brasil se (de acordo com a visão deles) os militares interferirem nas eleições de outubro, se os próprios americanos intervém em outros países?

Alex Prado
1 mês atrás

Não me causa surpresa alguma, sempre fizeram e farão sempre, EUA e Europa nunca foram amigos de ninguém, é só interesses e nada mais, intervenções em países que futuramente podem se contrapor com os interesses americanos lógico que os caras vão derrubar ou apoiar a oposição para esse fim, ou seja nada de novo no front.

Last edited 1 mês atrás by Alex Prado
Maurício.
Maurício.
1 mês atrás

“Como alguém que ajudou a planejar golpes de estado – não aqui, mas, você sabe, em outros lugares”

Esse sujeito tentou fazer uma guerra na Venezuela, até que algumas aeronaves russas pousaram por lá e ele e o Trump mudaram de idéia, de acordo com uns “entendidos” os Tomahawks já estavam a caminho…

WSilva
WSilva
1 mês atrás

Acredita/defende os EUA somente pessoas desonestas ou extremamente ignorantes.

Hcosta
Hcosta
Reply to  WSilva
1 mês atrás

Depende. Quando o outro lado faz o mesmo ou pior. Cuba, Venezuela, etc…

Nilton L Junior
Nilton L Junior
1 mês atrás

Ainda bem que eles não tem nada haver com o maidan.

teteu
teteu
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

Ahahahah……nem com os “governos” de direita e extrema direita aqui nas terras brazilis…… ahahah. Aqueles “governos” que são altamente eficientes em manter o Brasil em eterno estado de coma social, economico, educacional……

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  teteu
1 mês atrás

também

Hcosta
Hcosta
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

Deve ser por hipnose que convenceram os Ucranianos a mudar o rumo do país. A Ucrânia tinha uma sociedade tão desenvolvida, justa e livre, acompanhando os melhores padrões mundiais, que só um maluco defenderia a mudança. Ou talvez por alucinogénios…

A resistência Ucraniana ao domínio Russo já tem décadas. Foi Putin o maior responsável por Maidan.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

hahahahaha agora conta outra

Adriano Madureira
Adriano Madureira
1 mês atrás

Não é surpresa para ninguém tal confissão…

Rogério
Rogério
1 mês atrás

Que coisa não! A URSS nunca patrocinou partidos comunistas no mundo e a russia nunca influenciou na eleição d Trump.

rafa
rafa
1 mês atrás

Isso não é surpresa. EUA sempre apoiou os países que possuem a “democracia americana”. Se for outro tipo de democracia, derrubam e colocam a democracia made in USA.

Cassini
Cassini
1 mês atrás

Eis a grande contradição dos EUA: o país que se autoproclama o paladino da democracia e da liberdade é também o país que mais derrubou governos democráticos e mais promoveu ditaduras na História.

E há quem comente dos “comunistas”. tsc tsc

Paulo Neves
Paulo Neves
1 mês atrás

Descobriram, ontem: água molha!

Caerthal
Caerthal
1 mês atrás

Esse sujeito é um fanfarrão.

Caerthal
Caerthal
1 mês atrás

Entramos na Era do Descaramento.

Ander
Ander
1 mês atrás

Nosso vizinho é igual aquele parente rico, tem relação mas nunca quer ver vc bem e prosperando. Não precisa ser muito inteligente só pegar a evolução do PIB do Brasil durante os últimos 100 anos e cruzar com as interferências político/militares orquestradas americanas, literalmente são voos de galinha. Pena que nosso Brasil não tem um planejamento de longo prazo de nação e instituições capazes de fazer frente a eles e aos Brasileiros traidores.

Últimas Notícias

Brasil e Coreia do Sul fecham acordo para produção de semicondutores da Samsung no país

O Brasil e a Coreia do Sul estão fechando acordos para a construção de uma fábrica de chips semicondutores...
Parceiro

- Advertisement -
- Advertisement -