A proibição da União Europeia ao petróleo russo e o teto de preço de US$ 60 por barril do Ocidente estão custando ao Kremlin mais de US$ 170 milhões por dia, de acordo com o Centro de Pesquisa em Energia e Ar Limpo.

O think tank com sede na Finlândia estimou que as exportações de petróleo bruto da Rússia caíram 12% em dezembro. A receita do país com petróleo bruto caiu 32%, em grande parte devido à última rodada de sanções ocidentais. No mês passado, a UE proibiu oficialmente as importações marítimas de petróleo da Rússia e impôs um teto de preço de US$ 60 para o petróleo bruto russo. As sanções impedem a Rússia de usar serviços de transporte e seguros ocidentais ao transportar seu petróleo pelos mercados globais. 

Essas restrições prejudicaram as vendas de uma das exportações mais lucrativas da Rússia. O país perdeu US$ 15 milhões em receita de exportação de petróleo na última semana de 2022, informou a Bloomberg, com apenas China, Índia e Turquia entre os poucos compradores restantes.

Esses aliados também conseguiram exigir descontos mais robustos no petróleo russo com o preço máximo em vigor. O principal produto petrolífero da Rússia agora está sendo negociado bem abaixo do preço máximo de US$ 60 , vendendo para nações como a Índia, apesar de promessas anteriores de que a Rússia interromperia os negócios com nações que apoiassem o mecanismo de preço máximo.

O CREA estima que os ventos contrários relacionados às sanções energéticas estão custando à Rússia € 160 milhões, ou US$ 170 milhões por dia, disse a organização em um relatório publicado na quarta-feira. Acrescentou que as perdas podem chegar a € 280 milhões, ou US$ 300 milhões por dia até 5 de fevereiro, quando se espera que a UE proíba os produtos petrolíferos russos.

O golpe no orçamento de Moscou pode significar um fim mais rápido para a invasão russa da Ucrânia, especialmente se o Ocidente aumentar as restrições comerciais ao país já fortemente sancionado. O relatório sugeriu métodos como revisar o teto do preço do petróleo para US$ 25 a US$ 35 o barril, aumentar a punição para navios que violarem o teto de preço ou adicionar restrições comerciais ao petróleo do oleoduto russo.

“A UE tomou medidas maciças no ano passado para cortar sua dependência das importações de combustíveis fósseis da Rússia e cortar o financiamento para o ataque não provocado e ilegal do Kremlin contra a Ucrânia e a Europa”, disse o think tank. “Mais cortes na receita do Kremlin enfraquecerão materialmente a capacidade do país de continuar seu ataque e ajudar a encerrar a guerra.

FONTE: BusinessInsider

Subscribe
Notify of
guest

46 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
737-800RJ
737-800RJ
17 dias atrás

Isso aí não é nada pra super potência econômica Mãe Rússia, que já está chegando em Lisboa com sua operação de 5 dias de “desnazificação” da Ucrânia.
O anão do xadrez 9D é um estrategista de mão cheia!

Trintro123
Trintro123
Reply to  737-800RJ
17 dias atrás

No xadrez 9D, a última peça que caiu foi Soledar.

Andre
Andre
Reply to  Trintro123
17 dias atrás

E que peça importante: 14km2 e uns 10 mil habitantes antes da invasão.

Para quem disse que tomaria Kiev em duas semanas, está ótimo.

Parabéns ao wagner group, prq se fosse depender do exército russo….

Trintro123
Trintro123
Reply to  Andre
17 dias atrás

Muito importante.
Tanto é que a Ucrânia perdeu mais de 20.000 homens tentando defendê-la.
Agora, começa o segundo tempo.

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  Trintro123
17 dias atrás

Não foi a Ucrânia que perdeu mais de 20.000 homens. Foi a OTAN. A Rússia está lutando contra a OTAN, não contra a Ucrânia, deixar isso bem claro. A Ucrânia só é a parte da OTAN que está perdendo mais, só isso. Depois da Ucrânia, o país da OTAN que mais foi moído foi a Polônia.

Frederickson Petersen
Frederickson Petersen
Reply to  100nick-Elã
17 dias atrás

Falou a versão feminina do Antônio Kings!

Raça Negra
Raça Negra
Reply to  Frederickson Petersen
17 dias atrás

Queria nem rir!

Andre
Andre
Reply to  100nick-Elã
17 dias atrás

E por que a Russia não ataca o território polonês ou de outro país da Otan? Medo?

Slowz
Slowz
Reply to  Andre
17 dias atrás

Na verdade pq a OTAN não manda tropas assumidamente pra defender os ucranianos dos assassinos ?

Medo ou respeito ?

Velho Alfredo
Velho Alfredo
Reply to  100nick-Elã
17 dias atrás

Buááá…. Buáááá….

Como era grande…. Buá….

Andre
Andre
Reply to  Trintro123
17 dias atrás

Caramba, Da Lua, com tantas perdas de soldados ucranianos, como a Russia ainda não recuperou a cidade de Kherson, que passou a fazer parte do território russo depois do plebiscito?

E Kiev, sem soldados defendendo a importante cidade de Soledar, cai em umas duas semanas?

Jagdv#44
Jagdv#44
Reply to  Andre
17 dias atrás

As minas de sal abaixo de Soledar valem US$ 500 mi.
Agora, elas pertencem ao Prigozhim, dono do Wagner Group.
Como pode ver, é puramente comercial a guerra.

Andre
Andre
Reply to  Jagdv#44
17 dias atrás

Bem, a guerra precisa acabar e as minas precisam estar sob controle russo quando isso acontecer.

Por enquanto, valem muito pouco.

Slowz
Slowz
Reply to  737-800RJ
17 dias atrás

Torce pro anão continuar lá pq se fosse pelo Medvedev vc sabe oque já acontecido com a Ucrânia né ..

Trintro123
Trintro123
17 dias atrás

Mas o Ocidente não ia parar de comprar o petróleo russo?
E o gás?
Não entendi

Neural
Neural
Reply to  Trintro123
17 dias atrás

Russia tá vendendo só gás nesses preços ai. Óleo mesmo a Ásia ta comprando tudo numa cotação pouco abaixo do Brent

Trintro123
Trintro123
Reply to  Neural
17 dias atrás

A Europa já pode se acostumar a ficar sem petróleo russo.

Andre
Andre
Reply to  Trintro123
17 dias atrás

Leia de novo a notícia, mas dessa vez prestando atenção, que vc vai entender.

Trintro123
Trintro123
Reply to  Andre
17 dias atrás

O que eu entendi é que a Rússia desviou suas exportações para a China, Índia (é pouco, né) e outros países.
Será que a Rússia está sem dinheiro?
Será?

Jagdv#44
Jagdv#44
Reply to  Trintro123
17 dias atrás

Recebendo 60% a menos pelo barril.

Raça Negra
Raça Negra
Reply to  Trintro123
17 dias atrás

Está rapidamente ficando sem dinheiro….

Os números não mentem e são implacáveis! Conforme o gráfico abaixo o petróleo russo alcançou a cotação de US$ 37,80 e os maiores clientes (China e Índia) ainda recebem 40% de desconto.

Sinto muito

88074E94-F752-497D-BDFC-203025409DF2.jpeg
Nilo
Nilo
Reply to  Andre
17 dias atrás

Ele le e sabe descobriu que entre linhas está escrito: A Europa, diga-se a Alemanha está pagando mais caro pela energia, sua indústria com isso perde competitividade.

Last edited 17 dias atrás by Nilo
Andre
Andre
Reply to  Nilo
17 dias atrás

Caramba, isso está bem escondido entre as linhas mesmo. Aqui nem aparece para mim.

O que aparece é:

No mês passado, a UE proibiu oficialmente as importações marítimas de petróleo da Rússia e impôs um teto de preço de US$ 60 para o petróleo bruto russo.

Com o barril custando ~US$85, eles estão é pagando mais barato.

Nilo
Nilo
Reply to  Andre
17 dias atrás

Continua sem entender, no final faz como o coronel que levou mulher e filho para manifestação em Brasília, foi achar culpado no quartel, como se algum general tivesse pego mulher e filho dele pela mão e levado para a manifestação, depois tem que pedir desculpas.

Heinz
Heinz
17 dias atrás

Fake news, eu vi no canal do telegram intel slava que a economia russa está “bombando”, e que as tropas russas já estão chegando em Berlim.

Slowz
Slowz
Reply to  Heinz
17 dias atrás

Dos criadores de “ A Rússia não aguenta bancar 3 meses de guerra “

Nei
Nei
Reply to  Slowz
17 dias atrás

Dos criadores “A guerra dos 5 dias”

Slowz
Slowz
Reply to  Nei
17 dias atrás

Quem disse isso ?

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  Nei
17 dias atrás

Puxa, seria vergonhoso demais para a OTAN perder a Guerra para Rússia em apenas 5 dias. Perder por si só já é vergonhoso, haja vista que a Rússia está lutando contra 40 nações, 1 bilhão de habitantes e um orçamento muito menor que da OTAN. E o que é lindo, é que está vencendo. KKKKKKK

Bacchi
Bacchi
Reply to  100nick-Elã
17 dias atrás

O exercito americano, francês, inglês, polonês e tantos outros que compõem a OTAN entraram em campo de batalha e não me avisaram? A ucrania pediu por equipamento e o ocidente esta fornecendo, nada de mais, ate por que a russia esta fazendo a mesma coisa usando equipamentos iranianos e etc.

Andre
Andre
Reply to  Slowz
17 dias atrás

Então não é do mesmo “Se eu quiser tomo Kiev em 2 semanas”?

Nilo
Nilo
Reply to  Andre
17 dias atrás

Tomar Kiev em duas semanas significaria destruir a Ucrânia no mesmo nível que EUA fez com o Iraque, Putin rejeitou essa opção, por isso a fala “Se eu quiser tomo Kiev em 2 semanas”.
Ele não quis usar a cartilha americana de guerra na Ucrânia.
Mas os cabeça pro Otan que se diz amigo da Ucrânia quer ver sangue dos Ucranianos, vai entender rsrsrs

Realista
Realista
Reply to  Andre
17 dias atrás

Ele quer ?

Nei
Nei
Reply to  Heinz
17 dias atrás

KKKK

Trintro123
Trintro123
Reply to  Heinz
17 dias atrás

Só fica atrás da Europa
Mimimi

Saiu da figura A para a B
Como dizia Mario Vianna

https://www.poder360.com.br/europa-em-guerra/russia-se-torna-maior-fornecedora-de-petroleo-para-india/.

santiago
santiago
17 dias atrás

Se a China alimentar a Rússia com tudo que precisa, 32% de receita a menos de uma das áreas de comercio ainda dá para aguentar um tempo. A questão é que essas fraquezas economicas só uma população encurralada (sendo invadida) consegue aguentar. Imagino que internamente não é nada agradável para os russos viverem com restrições sem concordar com o doido e seus comandos.

O fim dessa guerra vai ser de dentro da Rússia para fora.

Andre
Andre
17 dias atrás

Será que dura mesmo até 2033 ou os inimigos ucranianos se livram dos russos antes?

Nei
Nei
Reply to  Andre
17 dias atrás

Alfredo? Até quando? Vamos ver a previsão dele André kkk.

Trintro123
Trintro123
Reply to  Andre
17 dias atrás

No final, tudo vai se ajeitar.
Menos a Ucrânia e a economia da Europa

https://www.brasildefato.com.br/2022/06/21/russia-se-torna-principal-exportadora-de-petroleo-para-china

O resto é chororô.

Trintro123
Trintro123
Reply to  Andre
17 dias atrás

Se a Ucrânia perde cerca de meio batalhão por dia, quanto perderá até 2033?
Sei lá.
Acho que não chega lá não.

Andre
Andre
Reply to  Trintro123
17 dias atrás

Caramba, tantas perdas ucranianas para conquistar apenas Soledar?

Nilo
Nilo
Reply to  Andre
17 dias atrás

Para os russos não existe Ucrânia, são todos russos rsrsrsr

Arthur
Arthur
17 dias atrás

Graças a esse think tank finlandês poderemos dormir mais tranquilos, uma vez que a guerra acabará em poucos dias e que o petróleo é a única fonte de receita russa. Agora, com esses milhares de Leopards e Challenger que Alemanha e Reino Unido estarão enviando, a vitória ucraniana consolidada em Soledar seguirá irresistível até Moscou. Agora me lembrei: a China não está bancando essa guerra pro russo? Guerra por procuração (também contra a OTAN) é um jogo que mais de um pode participar… Mas vamos lá: no fundo, torcida é pura diversão!

Trintro123
Trintro123
Reply to  Arthur
17 dias atrás

Esse finlandês deve trabalhar no Oryx.
Sabe como é.
Finlândia, Holanda, Suécia.
Os nanicos se uniram contra a Rússia.

Fabricio Lustosa
Fabricio Lustosa
17 dias atrás

Toda vez que ocorre uma ofensiva midiática mais incisiva contra a Rússia, podem ter certeza que o caldo engrossou para ucranianos e aliados no campo de batalha. É sempre a mesma coisa, quando a presidente da comissão europeia no final de novembro soltou que só de mortos os militares ucranianos perderam mais de cem mil combatentes, “de repente” pipocou em tudo quanto é jornal mais do mesmo “PUTIN SATANÁS COM CÂNCER”; “RÚSSIA VAI DESMORONAR SEMANA QUE VEM”; “VÃO DERRUBAR PUTIN E COLOCAR NAVALNY” e isso e aquilo….tem dó né. A propósito do artigo: predições da relação econômica Rússia/China para 2023… Read more »

Trintro123
Trintro123
Reply to  Fabricio Lustosa
17 dias atrás

Exatamente.
Às derrotas no campo de batalha e ao moedor de Backmuth, eles contra-atacam com o preço do petróleo.
A Rússia está desviando suas vendas para outros mercados e será a Europa que ficará sem.
A não ser que compre mais caro de outros .