As Forças Armadas Russas começaram a usar seus tanques de batalha principais T-14 Armata mais avançados na operação militar especial na Ucrânia.

“As forças russas começaram a usar os últimos tanques Armata para disparar contra as posições ucranianas. Eles ainda não participaram de ações de assalto direto”, disse uma fonte do corpo militar russo à Sputnik.

Ele esclareceu que “os tanques T-14 Armata na zona da operação militar especial receberam proteção lateral adicional contra munição antitanque”. A fonte disse que desde o final do ano passado as tripulações do T-14 Armata recebem treinamento de combate em campos de treinamento localizados em uma das Repúblicas Populares de Donbass.

O T-14 Armata é um promissor tanque principal de batalha com uma torre não tripulada. É equipado com um sistema de controle tático unificado. É o primeiro tanque do mundo capaz de se envolver em guerra centrada em rede, uma doutrina militar que visa transformar vantagem informacional em vantagem competitiva por meio de uma rede robusta de forças geograficamente dispersas bem conectadas e informadas.

Este veículo blindado pode ser usado para reconhecimento, direcionamento e controle de tiro e está equipado com o sistema de defesa ativa Afganit, blindagem dinâmica Malajit de quarta geração e um canhão de cano liso 2A82 de 125 mm.

 

FONTE: Sputnik

Subscribe
Notify of
guest

222 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
A6MZero
A6MZero
11 meses atrás

As estimativas é que menos de 40 unidades foram produzidas, muitas delas com componentes eletrônicos de origem estrangeira especialmente francesa e os embargos impossibilitam a produção de componentes locais para substituir, então o armata não é o tanque a ser batido mas sim um prototipo que sequer entrou em produção em massa (em que pese as alegações russas). Pode até ser que demonstre ser um meio efetivo e de sucesso no futuro mas hoje ele ainda não é, e convenhamos do jeito que andam as coisas pra Rússia as chances de ser produzido em massa são pequenas ou quase inexistentes… Read more »

A6MZero
A6MZero
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Sputinik rsrsrs, até os relatórios chineses afirmam que o VT4 (versão de exportação do Type99) se mostrou superior ao armata.

Hank Voight
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Nenhum foi torrado ainda você quis dizer, porque na hora que um javelin acertá-lo vai virar churrasco, provavelmente com direito à lançamento de torre em altura…kkkk

Underground
Underground
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Exato!
Assisti aqui ao menos cinco centenas de vídeos de blindados russos sendo atingidos, de todo tipo de jeito. Alguns até bonitos de ver. Teve um que a torre subiu verticalmente. Parecia que ia para o espaço. Teve outro que a torre saiu rodopiando, deixando vários círculos de fumaça. Outro ainda, tinha uns vinte blindados fugindo para todo lado. Não escapou um.

RSmith
RSmith
Reply to  Underground
11 meses atrás

comentários muito triste… coisa de meninos jogando video game… esquecem que, para cada video desses, no mínimo 4 pessoas morrem da forma mais terrível possível de ser imaginar… ai ficam torcendo como se fosse jogo de futebol… é vida ou morte em cada lance… um pouco mais de respeito pelo sacrifício e sofrimento alheio seria recordável e louvável…. :-/

Xtrem
Xtrem
Reply to  RSmith
11 meses atrás

Os 4 no tanque explodido tem mais valor que os alvos explodidos pelo tanque ????

Guerra é matar ou morrer, só os vencedores são de fato respeitados, os perdedores, submetem-se.

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  RSmith
11 meses atrás

Mas essas mesmas 4 pessoas que estavam no tanque estavam jogando videogame ou atirando para matar outras pessoas?

Márcio
Márcio
Reply to  RSmith
11 meses atrás

Vidas jogadas fora por Putin, culpe ele por isso.
Ao povo ucraniano, só torço pra eles defenderem o seu território.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  RSmith
11 meses atrás

Também esquecem que mesmo o tanque ocidental, cuja a torre não levanta após um impacto direto, todos os 4 tripulantes também morrem, e para eles, tanto faz a torre subir ou não.

Maurício Veiga
Maurício Veiga
Reply to  RSmith
11 meses atrás

Vida de Soldado é assim, matar ou morrer, nenhuma novidade…

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

O importante é não fritar a tripulação, torre é só colocar outra e já foi. Usa a cabeça, o que duvido muito que consiga…

Hank Voight
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Fico imaginando a tentativa de colocar novamente uma torre em um casco totalmente calcinado pela explosão da munição guardada no interior do veículo….

Já pensou em usar a cabeça meu caro “defençor da b0ss@lid@de”?

Márcio Teodoro da Silva
Márcio Teodoro da Silva
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Ué, só limpar, trocar o que danificou e volta ao combate. Quanto a componentes estrangeiros. A China em breve vai suprir tudo.

Hank Voight
Reply to  Márcio Teodoro da Silva
11 meses atrás

Falo o mesmo: imagino tentar limpar o casco de um tanque totalmente destruído e incinerado pela explosão da munição guardads internamente.

Pelo visto você também não usa a cabeça

Santamariense
Santamariense
Reply to  Márcio Teodoro da Silva
11 meses atrás

Limpar? O que? Meu caro, o que está se tentando fazer vocês entenderem, é que quando uma torre é ejetada, é porque não sobrou praticamente nada aproveitável do blindado!

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Há casos e casos, nem todo veículo será totalmente destruído na explosão, então um ou outro pode ser consertado e voltar para a linha de frente, nisso que você deveria pensar, meu caro inimigo da inteligência. Um tanque de guerra certamente não é feito com aço vagabundo do teu Ford Ka 98.

Santamariense
Santamariense
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

E esses “sortudos” carros que não forem destruídos na ejeção da torre serão consertados onde? E toda a logística para isso? Quantos carros que tiveram suas torres lançadas aos céus foram recuperados até agora??

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Santamariense
11 meses atrás

Não sei, pergunte aos russos.

Santamariense
Santamariense
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Bem a resposta que eu esperava. Não tem argumentação sobre a realidade.

Hank Voight
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Não tem casos e casos não meu caro “defençor da b0ss@lid@de”! Para a torre ser arremessada longe é preciso a munição dentro do tanque explodir e essa explosão além de vaporizar os ocupantes destrói tudo

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Fico imaginando o mesmo com uma tripulação de um leopard-2, com a torre no lugar mas o seu interior incinerado junto com a tripulação.

Hank Voight
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
11 meses atrás

A diferença é que o canhão do Leo 2 possui maior alcance que o canhão de 125mm dos tanques russos além de optrônicos melhores….

Ah! e a blindagem chobham é melhor que a dos MBTs russos! pode ser atingido por um ATGM? pode, mas as chances de sobrevivência da tripulação são melhores.

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Os Leopards fornecidos a Ucrânia são de variantes obsoletas…

As mesmas destruídas na Síria…

Hank Voight
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

A tradição de Tanques isqueiros é: T-54/55, T-62, T-72…..

Krest
Krest
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Qualquer mbt do mundo se atinfido por ym javelin teria o mesmo fim. Não entendo qual o pobto de dizer uma obviedade como essas. Comentário de gente que trata essa guerra como se fosse um Corinthians x palmeiras. Lamentável.

Renato Carvalho
Renato Carvalho
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Quando a torre vai embora o que tem dentro já virou churrasco…

Santamariense
Santamariense
Reply to  Renato Carvalho
11 meses atrás

Exato! Mas, a torcida do putin não entende e não quer entender….

Santamariense
Santamariense
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Ah é? Que fácil é fazer isso….instalar uma nova torre. Isso seria no campo de batalha mesmo? Ou seria em uma oficina, bem longe da linha de frente? E quando a torre é ejetada o restante do carro fica intacto? Hummm….entendi…..

Santamariense
Santamariense
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Cara não fala do que tu não sabe…hehehehe

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Exato, nenhum tripulante de MBT sobrevive a um impacto direto de míssil anti-tanque ou canhão principal, seja Russo, Chinês, Alemão ou Americano, tem vários vídeos de leopard 2 e Ambrans na Síria e Iêmen que mostram isso.
Tanto faz a torre subir ou ficar no lugar.

A6MZero
A6MZero
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Claro que não foi, afinal nunca esteve em operação até hoje só esteve desfilando na praça vermelha…

E como disse pode ser que seja um ótimo meio mas no momento não é mais que um prototipo ou um meio de produção muito limitada (40 unidades segundo fontes russas com planos de atingir ate 132 unidades, mas não há confirmação).

Mauro Cambuquira
Mauro Cambuquira
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Ele foi usado na Síria.

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  Mauro Cambuquira
11 meses atrás

Foi sim. Tinha um modelo em plástico que foi enviado para a Síria.

Nei
Nei
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Toma xings kkk

Nei
Nei
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Calma tonho. O Armata 40 produzidos, um pifado até hoje, se aparecer no fort de batalha, também vai queimar, assim como qualquer outro do mundo inteiro, não são imbatíveis.

General
General
Reply to  Nei
11 meses atrás

Depois que inventaram os mísseis anti tanque não tem tanque certo. Tudo vira lata de sardinha

Ildo
Ildo
Reply to  General
11 meses atrás

Segundo os “especialistas” defensores dos EUA/OTAN só os carros de combate russos que são destruídos por ATGMs modernos…

Matheus
Matheus
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

VT4 é versão de exportação do ZTZ96.

Renato Carvalho
Renato Carvalho
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Não foi torrado pq não foi usado, vide T 90 expelindo torres.

Santamariense
Santamariense
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Cara, que colocação infantil! Se for por isso, quantas centenas de carros de combate, blindados de infantaria e outros, já foram destruídos por Javelins, NLAW, etc, nessa guerra?

Charles António Conga Cassicai
Charles António Conga Cassicai
Reply to  Santamariense
11 meses atrás

Assim, queres-te “gabar” de javelins que são melhores? Acorda sr…porque os EUA e seus lacaios (Ocidente) estão a dançar tango com um único país (Grande Federação Russa)? Imaginemos que entre em cena o Kim Jong Un (Coreia de Norte) e China?

Hank Voight
Reply to  Charles António Conga Cassicai
11 meses atrás

“grande federação russa”?? kkkkkkk

Você está falando do Putinstão, há mais de 400 dias atolado na Ucrânia e que já perdeu mais de 10.000 veículos?

Neir
Neir
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Você fala em derrota russa na Ucrânia? Os Bambambans do mundo militar passaram 12 anos no Afeganistão e saíram com gente até nas rodas dos aviões, largando todos armamentos de graça para os talibãs, e olha que esses últimos não tinham um apoio tipo o que a Ucrânia recebe?
Então quem tá perdendo essa guerra a Rússia ou a Ucrânia/Otan/USA?

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  Neir
11 meses atrás

Mas como a Rússia saiu do Afeganistão?
Aliás não saiu, foi expulsa.
Deixou todo equipamento militar para trás.

Ildo
Ildo
Reply to  Sturmgewehrstgde
11 meses atrás

Negativo.

A URSS se retirou do Afeganistão organizadamente. Qualquer pesquisa básica na internet confirma.

Já os “super” EUA/OTAN fizeram um vexame histórico tal foi o caos em sus retirada desesperada…

Conan
Conan
Reply to  Neir
11 meses atrás

Saíram porque receberam ordens de sair, coisa de política e só por isso o talibam retornou. Não me parece muito difícil de entender isso.

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  Charles António Conga Cassicai
11 meses atrás

A verdade é que os javelins estão dando uma surra nos russos.
A Ucrânia terá as terras mais produtivas do mundo após a guerra devido ao esterco dos corpos de russos. E só para isso que servem.

Ildo
Ildo
Reply to  Sturmgewehrstgde
11 meses atrás

Comentário xenófobo e russofóbico.

Nenhuma surpresa, aliás.

Santamariense
Santamariense
Reply to  Charles António Conga Cassicai
11 meses atrás

Meu caro, não quero me gabar de nada….basta tu olhares quantos carros de combate russos foram destruídos por mísseis anticarros como o Javelin, NLAW, AT-4, etc. E muitos ucranianos também foram destruídos pelos russos, com kornet, etc. Nenhum carro de combate resiste à um impacto certeiro de um míssil anticarro. Quanto à “grande” federação russa, ela não está mais lutando sozinha há tempos….

Magaren
Magaren
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Nem tem como, tem que ir para algum conflito armado primeiro ao contrário dos citados.

Se bobear deve estar rodando com motor de maquinas de lavar consul.

Last edited 11 meses atrás by Magaren
Hank Voight
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

A Sputnik está no mesmo patamar daquilo que o gato enterra

PACRF
PACRF
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Realmente, na Rússia e seus satélites, assim como na China, só existem agências de notícias “oficiais”, que só fazem propaganda de seus respectivos governos.

LUIZ
LUIZ
Reply to  PACRF
11 meses atrás

EUA também e seus F-35 problemáticos. Os equipamentos dos EUA na Ucrânia tão virando sucata queimada. A efetividade dos equipamentos ocidentais na Ucrânia foi anulada pelos russos.

Hank Voight
Reply to  LUIZ
11 meses atrás

O F-35 está voando e nautralizando os alvos iranianos na Síria, e principalmente sambando em cima dos SAMs russos….

No mais o Oryx discorda de você pois a Ucrânia está repleta de sucata russa torrada

“A efetividade dos equipamentos ocidentais na Ucrânia foi anulada pelos russos.”

CTR+c/CTR+V de propaganda (mentir0s@) russa….

Pragmatismo
Pragmatismo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Do mesmo nível da Inteligência Brithânica.

Mauro Cambuquira
Mauro Cambuquira
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Monta uma agência de notícias lá e ganhe muito dinheiro com as informações que você tem.
Pensa que é fácil ser uma agência de notícias? Já pensou em brigar com a narrativa ocidental toda contra você?

Hank Voight
Reply to  Mauro Cambuquira
11 meses atrás

Então para “brigar com a narrativa ocidental” o jeito é contar as mentiras desses regimes? Lógica interessante a sua…

Nei
Nei
Reply to  Mauro Cambuquira
11 meses atrás

Isso acontece porque a Rússia invadiu um país soberano, simples.

Lucas
Lucas
Reply to  Nei
10 meses atrás

EDITADO

6 – Mantenha-se o máximo possível no tema da matéria, para o assunto não se desviar para temas totalmente desconectados do foco da discussão;

https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

PACRF
PACRF
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Realmente as fontes de informação disponíveis indicam que apenas 40 unidades foram produzidas do T-14. É pouco para se tornar um diferencial e “virar” a guerra a favor da Rússia, que já perdeu 1.906 tanques até agora contra 490 tanques da Ucrânia. https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2023/04/putin-estreia-novo-tanque-na-guerra-da-ucrania.shtml

Hank Voight
Reply to  PACRF
11 meses atrás

Fico imaginando também a dor de cabeça logística que será manter esses carros de combate na linha de frente, provavelmente teremos canibalizações

A6MZero
A6MZero
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

O mais racional seria modernizar os T90 ainda disponíveis e aumentar a escala de produção do mesmo modelo.

Tentar introduzir um meio de produção limitada nessa campanha não tem sentido lógico além do de propaganda, e mesmo assim se uma só unidade for destruída ou capturada vai ser um enorme tiro no pé.

É chocante ver a Rússia um nação que se acreditava ser uma das mais poderosas forças bélicas do planeta estar fazendo atos de propaganda em vez de ser pragmática e racional no uso de seus meios.

DanielJr
DanielJr
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Concordo com você. O T90 modernizado não é ruim, e a quantidade já disponível, maior facilidade de produção comparado ao T14 fazem do T90 um melhor candidato a tanque principal nesse conflito.

Acredito que a introdução do T14 seja somente para “testes” em campo, aperfeiçoamento final do projeto, essas coisas. Um dos últimos passos antes da produção em série. Pq se esperam que 2 ou 3 dúzias de T14 possam fazer algo de relevante, não vão.

Ildo
Ildo
Reply to  DanielJr
11 meses atrás

O T-90M de longe é o carro de combate mais moderno no conflito (fora o T-14).

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Está virando sucata calcinada do mesmo jeito…rs!

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Comentário esperado….

De qualquer foram me aponte aí algum carros de combate indestrutível frente a UCAVs e ARGMN modernos…

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Quem faz esse tipo de afirmação são vocês, por isso o nível do debate anda tão baixo por aqui…..

E nem vou falar das fake news que você espalha

A6MZero
A6MZero
Reply to  Ildo
11 meses atrás

T90 e o Leopard 2 são em tese comparáveis ambos tem algumas vantagens e desvantagens em certo quesitos se comparados, assim como o Abrams ou o Challenger2 (mas ainda não estão em campo).

Agora quanto a efetividade de ambos é discutível já que a introdução dos Leo2 é recente, mas já houve perdas e capturas confirmadas de T90 e ao menos até o momento nenhum Leopard o foi.

Ildo
Ildo
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Primeiro que os Leopard 2 e Challenger 2 fornecidos até agora não passam de punhados… E as tripulações ucranianas ainda estão sendo treinadas (inclusive já danificaram severamente um Leopard 2 na Polônia). Pelo menos até agora não tem registro de sua entrada em combate…

Os T-90M russos são novos; inclusive incorpora tecnologias do T-14.

Os Leopard 2, Abrams e Challenger 2 fornecidos (ou que serão) a Ucrânia são variantes obsoletas desses carros de combate…

Os Challenger 2 sequer tem blindagem reativa…

Last edited 11 meses atrás by Ildo
Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Comentário compatível com o mero t0rced0r que você é……

É por causa de comentaristas como você e o Qings, que repetem aqui as br@v@t@s da mídia russa e dos grupelhos do Telegram que o nível do debate anda baixo, vide aquela da “torre tabajara do M1 ”

Por mais que os Leo 2, Challengers e Abrams a serem fornecidos pelo ocidente não sejam as últimas versões ainda levam vantagem sobre os MBTs russos (T-90M incluso) em alcance do canhão e optrônicos. E nem vou falar da vantagem da blindagem chobham desses CCs de combate sobre a blindagem dos MBTs russos.

Last edited 11 meses atrás by Hank Voight
Charles António Conga Cassicai
Charles António Conga Cassicai
Reply to  DanielJr
11 meses atrás

Vão contribuir juntos com os já existentes na linha da frente!

Hank Voight
Reply to  Charles António Conga Cassicai
11 meses atrás

Virando sucata torrada….rs

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Vosmecê não cansa desses comentários russofóbicos infantis em série? Não agrega nada.

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Tudo para vocês t0rced0res é “russofobia”…rs

Eu apenas atestei um fato ou seja, do encontro T14 x Javelin o MBT vai virar sucata calcinada…rs!

Amaral
Amaral
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

A sua visão, quem está predominante no conflito ? O que vejo é um país sendo dizimado, arassado, detonado, e implorando ajuda militar. Que estava se preparando para a guerra desde 2014. Ou acha que a resistência da Ucrânia não foi planejada antes da invasão. Tecnologia americana
em reatores nucleares soviéticos. Apareceu do nada. Kkkkk

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Dor de cabeça logística?

Nada comparado ao pesado logístico ucraniano com trocentas variantes de T-55, T-64, T-72, T-80 e agora Challengers e Leopards 1/2.

Nei
Nei
Reply to  Ildo
11 meses atrás

A Ucrânia está em seu país, a Rússia tem que correr muito mais atrás de logística.

Ildo
Ildo
Reply to  Nei
11 meses atrás

?

A Rússia tem seu parque industrial e oficinas intactos. Em franca expansão e modernização.

A Ucrânia atualmente depende totalmente de fonte ocidentais…

Alías, até fornecimento de energia é crítico… Além de infraestrutura logística cada vez mais precária…

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

O “parque industrial” do Putinstão padece de ineficiência e corrupção, e está se mostrando incapaz de repor as perdas em combate o que explica a retirada dos velhos T-55 dos depósitos para serem enviados à linha de frente….

E a “franca expansão e modernização” existe apenas no mundo encantado da mídia russa br@v@teir@

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Como esperado nenhum argumento.

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

A julgar pela corrupção endêmica e incompetência reinante no Putinstão sim!

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

“É”.

Ilibada é a Ucrânia… Onde se estima que 1/3, no máximo, do que se envia chegue ao destino original…

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Ranking de percepção da corrupção da transparência internacional

Ucrânia: 116º lugar

Putinstão: 133º lugar

https://transparenciainternacional.org.br/ipc/

Contra fatos não há argumentos! o Putinstão é mais corrupto que a Ucrânia

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Transparência internacional?

Operativo dos EUA? Por favor…

Nei
Nei
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Sim, nem motor dele conseguiram fazer ainda. Acho que está usando o do T-90 FLYING TOWER.

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  PACRF
11 meses atrás

Se os ucanianos tinham 2.000 tanques e perderam apenas 490, por que estão pedindo tantos tanques?

Ildo
Ildo
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

E receberam outras centenas de T-55 e T-72 depois de fevereiro de 2022…

“Curiosamente” a grande maioria dos carros de combate e blindados ucranianos de fevereiro de 2022″sumiram”… Milhares… O que ainda se vê é rapa do tacho de estoques ucranianos… Em quase todas as frentes os T-72 e T-64 ucranianos originais são cada vez mais raros… Idem IFVs e APCs…

O que se vê atualmente são sobretudo os T-72 fornecidos pelos poloneses… Assim como APCs, MRPAs e blindados utilitários ocidentais…

Mas claro, segundo fontes ocidentais os ucranianos perderam 6 dúzia de blindados e os russos 10.000…

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Só esqueceu de mencionar que os maiores fornecedores de blindados para os Ucranianos até agora têm sido os russos…rs!

E sim, os russos já perderam mais de 10.000 veículos, aceite

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Os teus posts russofóbicos só poluem o espaço.

Nunca tem qualquer conteúdo.

Quantos anos vosmecê tem?

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Para vocês t0rced0res tudo é “russofobia”

Isso é o que eu chamo de lobotomização, pois vocês repetem literalmente todas as br@v@t@s do @nã0 do Kremline também do Ti0zão do Zap (lavrov)

Mauro Cambuquira
Mauro Cambuquira
Reply to  PACRF
11 meses atrás

Bela fonte…

Amaral
Amaral
Reply to  PACRF
11 meses atrás

EDITADO

2 – Mantenha o respeito: não provoque e não ataque outros comentaristas, nem o site ou seus editores;

https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Ildo
Ildo
Reply to  PACRF
11 meses atrás

Esses números são completamente furados; qual a fonte, Oryx?

E quem disse que o T-14 é para ser diferencial? Estão testando em condições reais de combate.

O T-90M da conta do recado plenamente para operações na Ucrânia.

Quem precida “virar” a guerra é a Ucrânia; “virada” cada vez mais fantasiosa e propaganda pura de Kiev e do ocidente…

Nei
Nei
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Seu amigo Elias Jabur (tonho)

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Você ataca a Oryx mas não consegue refutar as informações do site! por outro lado não apresenta nenhuma fonte crível salvo a midi@ c0rr*pt@ e mentir0s@ russa….

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Já refutei com fontes mais de uma vez.

E o post não foi autorizado…

De qualquer forma iria ser atacado Ad hominem… E o conteúdo obviamente ignorado…

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Você não refutou nada, apenas apresentou argumentos c@nhestr0s e sem qualquer comprovação.

Charles António Conga Cassicai
Charles António Conga Cassicai
Reply to  PACRF
11 meses atrás

Essa informação de Ocidente mais os EUA não tem credibilidade nessa Operação Especial…veja vem dizendo que a Rússia está a perder a guerra mas no terreno está a ganhar terreno…fantoches!

Nei
Nei
Reply to  Charles António Conga Cassicai
11 meses atrás

Onde está ganhando terreno? Só na Sputinik e telegram

Ildo
Ildo
Reply to  Nei
11 meses atrás

O Telegram tem centenas de canais ucranianos.

E quem não está lá tem fontes tacanhas sobre esse conflito.

De longe é a maior fonte de material, inclusive ocidentais.

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Os grupelhos de Telegram apenas reproduzem as br@v@t@s russas….

Felizmente a justiça federal do ES proibiu o Telegram no Brasil

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Nem sabe a diferença entre grupo e canal…

Esse é o nível…

E existem centenas de canais ucranianos no Telegram…

Até o Zé-Lensky tem canal no Telegram…

Hank Voight
Reply to  Charles António Conga Cassicai
11 meses atrás

Desde o início da invasão a Rússia vem perdendo os territórios que invadiu!

No mais fica pra você o mesmo: se Goebbels que era mais inteligente não conseguiu, por que você conseguiria?

Nicolas_SS
Nicolas_SS
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

EDITADO
2 – Mantenha o respeito: não provoque e não ataque outros comentaristas.

Wagner
Wagner
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Sim esses foram finalizados com chip de geladeira e máquina de lavar 😄

Mauro Cambuquira
Mauro Cambuquira
Reply to  Wagner
11 meses atrás

Esse comentário veio direto do Facebook da quinta série.

Pragmatismo
Pragmatismo
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Não é crível que um país sério (leia-se inimigo em RI) tenha projetado um MBT dependente de componentes do inimigo.

Hank Voight
Reply to  Pragmatismo
11 meses atrás

Ao analisar as carcaças dos tanques russo batidos em combate os ucranianos acharam diversos componentes estrangeiros

A6MZero
A6MZero
Reply to  Pragmatismo
11 meses atrás

Após o colapso da União Soviética a Rússia passou a importar e utilizar grandes quantidades de tecnologia estrangeira inclusive em armas e aeronaves.

Por exemplo o T90 usa eletrônica e câmeras da Thales e não havia problema algum em usar afinal se o produto for mais efetivo ou mais barato, o problema é que com as sanções insumos ou peças de reposição ficam mais difíceis.

Há diversos outros exemplos, no mercado de aeronaves o MC-21 usa fly-by-wire americano, O Kamov Ka-50 usa sistemas de visão noturna da Sagem (francesa) e da Thomson (americana) e há muitos outros exemplos.

Last edited 11 meses atrás by A6MZero
Ildo
Ildo
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Tudo produzido e/ou modernizado antes de 2014; obviamente o que tinha em estoque foi utilizado.

Desde 2014 a Rússia começou um amplo programa de nacionalização; que entrou em modo “turbo” a partir de fevereiro de 2022…

Nei
Nei
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Sim kkk. Vai sonhando! Até meses atrás tinha caças com GPS Garmin. Bela atualização seu torcedor de guerra.

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

E que como estamos vendo na Ucrânia não está funcionando…rs

Aliás o parque fabril russo, ineficiente e c0rr*pt0, está tendo sérios problemas em repor as perdas em combate

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Pragmatismo
11 meses atrás

Pragmatismo

Do mesmo pessoal que fala das ondas humanas russas.
Só que quem tem 220 mil baixas fatais são os ucranianos.

José
José
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

E os russos tem 2 so né…piada pronta o senhor.

Ildo
Ildo
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

No Parlamento Ucraniano estava tramitando uma lei que proibia registros em cemitérios ucranianos…

As baixas são catastróficas…

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Sim, mas fica proibido de registrar mortos russos. Afinal morrem como moscas todos os dias, mais de mil por dia e daqui a pouco não teria espaço nos cemitérios.
Melhor deixar os russos no próprio lugar que morrem para virar esterco.

Ildo
Ildo
Reply to  Sturmgewehrstgde
11 meses atrás

Quem disse? A Ucrânia?

Quem posta conteúdo sobre os cemitérios ucranianos são canais ucranianos.

Santamariense
Santamariense
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

O que tem na reportagem que refute o que o A6M escreveu? A reportagem é um folder publicitário, e olhe lá….nada mais que isso. Carece de toda credibilidade e de fatos concretos. Mas, se for isso mesmo, que estão usando o Armata na Ucrânia, é uma informação contra tuas afirmações, de que a rússia não estaria enviando seus melhores ou mais novos equipamentos para a guerra.

Nei
Nei
Reply to  Santamariense
11 meses atrás

Toma novamente xings.

Marcos R
Marcos R
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Sem contar o motor que não errou em produção até agora porque não conseguiram resolver os problemas, parece não ter durabilidade.

Djalma
Djalma
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

E tem mais, outro grande problema desse tanque é que os russos partiram/adaptaram um motor estacionário alemão, que no final não se mostrou adequado. Acho então que ao anunciar o uso dele na Ucrânia a Rússia só quer fazer barulho. E a mesma coisa a tal “super poderosa” arma Terminator, que as poucas unidades em uso tem sido exterminadas pelos Javelin, Stugna P, etc. Há que tomar cuidado com matérias do Site Sputnik, que não passa de porta voz do governo russo e de suas estorias fantasiosas. Ex: falam que já destruíram 609 aviões, 400 helicópteros; 7000 tanques, etc; quando… Read more »

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  A6MZero
11 meses atrás

Amigo, quem sabe fazer se vira, a Rússia comprava equipamentos do Ocidente por ser mais fácil e barato comprar pronto de uma cadeia logística estabelecida, nada que o EUA não fizessem o mesmo em relação a China. Essa fonte para a Rússia no Ocidente secou por enquanto, aos Russos restam 3 alternativas: 1-comprar peças de China. 2-Se fazer como o Irãn é comprar por contrabando o que precisa de peças eletrônicas. 3-fabricar as próprias peças novamente como na era soviética. Obs.1; Mesmo a 2° e 3° opção não dando acesso a eletrônica de ponta, se ela compre a missão como… Read more »

Hank Voight
11 meses atrás

Tirando o fato que a Sputnik é uma fonte prolífica de mentiras é melhor os russos tomarem cuidado pois caso contrário veremos um Armata virar churrasco ou pior, em um reboque em uma estrada no meio dos EUA…rs!

Oráculo
Oráculo
11 meses atrás

Aí sim fomos surpreendidos.

Mas é aquela coisa. Em se tratando de Armata, enquanto não aparecer a foto do bicho na Ucrânia, a gente desconfia.

Ele já tá no estágio “só acredito vendo”.

Hank Voight
Reply to  Oráculo
11 meses atrás

Para esse aí só o famoso teste São Tomé! ou seja, vou acreditar quando vir um reduzido à ferro retorcido ou em um reboque no meio dos EUA….rs!

Hank Voight
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

O histórico do MBT israelense é melhor do que os MBTs russos….

E lembre-se: O último tanque russo a se destacar em combate foi o T-34, os demais foram derrotados pelos MBTs ocidentais (Centurion, M-48/60, Challenger, Merkava)

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Lutando contra barbudo de chinelo, até um Fusca com um 38 dá conta…

Last edited 11 meses atrás by Inimigo público
Hank Voight
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Engraçado que a despeito de um fusca com um .38 dar conta, os tanques russos não deram vide a quantidade de carcaças calcinadas espalhadas por aí….

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Nem o poderoso Merkava deu, saíram correndo do Líbano….

Hank Voight
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Não, só um néscio mesmo, que além de fei0 também é b*rr0

Santamariense
Santamariense
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

O mesmo de sempre! O que tua suposta riqueza te torna melhor no debate ou faz alguma diferença aqui? E o que tu sabe do outro debatedor? Ele pode ser muito mais rico que tu!! Mas, e daí? O que isso torna alguém melhor ou pior? Inteligente? Bonito? Em qual parâmetro? Ora, por favor .. quantos anos tu tens? 11?

Nei
Nei
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Se acha muito mesmo, deve ter um Iphone americano né?

Hank Voight
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Foram perdidos ali apenas 05 Merkavas, sendo que apenas 2 eram do modelo IV

Já disse: Goebbels era mais inteligente que você e não conseguiu, por que você conseguiria?

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Goebbles era tão inteligente, nas tão inteligente que morreu torrado.
HMS e sua eterna saga de Sindrome de Estocolmo.

Santamariense
Santamariense
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

Tu conversa com outro comentarista usando dous nicks diferentes ao mesmo tempo?? Sério isso??

Santamariense
Santamariense
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

No que pese a excrescência e a abominação da figura de Goebbels, ele não morreu torrado. Foi tão covarde que se suicidou, junto com a mulher, após matarem os próprios filhos. Até na morte foi uma criatura diabólica e nefasta. Depois de morto, sim, seu corpo foi queimado.

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Israel perdeu Merkava até na Faixa de Gaza…

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Outro tentando repetir o expediente de Goebbels mas sinto muito pois durante a Protective Edge não apenas nenhum Merkava foi perdido como também o uso do Trophy permitiu que na sequência as IDFs neutralizassem as equipes anti tanque do Hamas

Ildo
Ildo
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Israel entendeu muito bem o recado do Hezbollah.

Por isso mesmo jamais invadiram o Líbano novamente.

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Não precisaram depois disso, até porque estão mandando bomba na cabeça dos prepostos iranianos na Síria e no Iraque

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Os ataques israelenses nunca interromperam qualquer fluxo; aliás, a taxa de atrito consta no que é enviado.

E o governo de extrema direita de Israel tem que ter o inimigo externo latente para a opinião pública interna arrefecer contra suas políticas extremistas.

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

EDITADO

6 – Mantenha-se o máximo possível no tema da matéria, para o assunto não se desviar para temas totalmente desconectados do foco da discussão;

https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Hank Voight
Reply to  Oráculo
11 meses atrás

CTR+C/ CTR+V da propaganda russa!

Credibilidade ZERO!

Slowz
Slowz
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Credibilidade mesmo são as fontes ocidentais que falam do fantasma de kiev ..

Hank Voight
Reply to  Slowz
11 meses atrás

EDITADO
2 – Mantenha o respeito: não provoque e não ataque outros comentaristas

Ildo
Ildo
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

EDITADO

2 – Mantenha o respeito: não provoque e não ataque outros comentaristas

Last edited 11 meses atrás by Franz A. Neeracher
Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

EDITADO

2 – Mantenha o respeito: não provoque e não ataque outros comentaristas

Last edited 11 meses atrás by Franz A. Neeracher
Ildo
Ildo
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Ataque? Eu não fui desrespeitoso.

O indivíduo em questão tem dezenas de posts apenas nesta página com o mesmo tom; não agrega nada; só polui o espaço com russofobia de baixísismo nível.

Last edited 11 meses atrás by Ildo
Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

Tudo para vocês é “russofobia”?

Vire o disco e trate de argumentar!

C G
C G
Reply to  Oráculo
11 meses atrás

Vai aparecer foto, faz parte da propaganda, quero ver aparecer foto dele tirada pelos Ucranianos em algum lugar que faça sentido, aí sim eu acredito!

Fernando
Fernando
Reply to  Oráculo
11 meses atrás

Tem hora que me pergunto pq ainda leio os comentários nestes fóruns. É uma torcida organizada de ambos os lados. E o pior, é que sempre o que vem da Rússia e da china não presta e o que os americanos produzem são bons e salvarão o mundo do mal. Galera, vamos ser mais, no mínimo, sensatos. Não sou fã da Rússia e nem concordo com essa guerra. Mas, se analisarmos friamente a situação, a Rússia está se saindo muito bem frente ao que está enfrentando. Aliás, se não fosse o seu poderio militar desdenhado por muitos aqui, já teria… Read more »

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  Fernando
11 meses atrás

Na mesma semana que a Otan ou os EUA entrarem na guerra vai ter desfile da vitoria da Ucrânia e dos aliados na praça vermelha.
No mesmo momento o Putin e seus generais estarão ja presos no tribunal de Haia.

Plínio Jr
Plínio Jr
11 meses atrás

Vamos ver como se sai, levando um equipamento não operacional é um risco enorme tanto em termos de equipamento quanto para as tripulaçoes ..

ORIVALDO
ORIVALDO
11 meses atrás

Nem uma fotinha ?

C G
C G
Reply to  ORIVALDO
11 meses atrás

No posto de gasolina dos EUA mais próximo de vc logo logo! Hahahahahahhaah

Jhenison Fernandez
Jhenison Fernandez
11 meses atrás

Detalhe no local onde armazenam as buchas das munições, embaixo da torre, semelhante aos T-64, 72, 80 e 90.

Hank Voight
Reply to  Jhenison Fernandez
11 meses atrás

Então teremos novos lançamentos de torre em altura? Será que o Armata será o recordista? kkkkkk

Mictanos
11 meses atrás

Depois de tomarem Kiev em 3 dias, a Ucrania toda em 15, o primeiro avanço imparável para a retaguarda, ataque ao fundo do mar e a incapacidade de dominar a Ucrania, teremos a chance histórica de testemunhar a arma impressionante, inderrotável, inexplodível, inmatável e inmorrível Armata. Conto os dias!

Hank Voight
Reply to  Mictanos
11 meses atrás

Cuidado companheiro, você corre o risco de ver um em um reboque no meio dos EUA…kkkk

Nicolas_SS
Nicolas_SS
11 meses atrás

Operação militar especial? A segunda guerra mundial foi o que? Guerra ultra especial?

alexandre
alexandre
11 meses atrás

Alvos para os Abramhs e leopard 2.., vamos ver se as torres voam ..

Satyricon
Satyricon
11 meses atrás

“… esclareceu que “os tanques T-14 Armata na zona da operação militar especial receberam proteção lateral adicional contra munição antitanque”

Esqueceu-se que os javelins atacam por cima, portanto o “acréscimo” será inútil. Levando-se em conta que esse aí possui o mesmo conceito de carregador automático de munição de outros mbt russos, seu destino será o mesmo, ou seja:

Será um estrondo.

Agora vai!

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Satyricon
11 meses atrás

Se os russos estão reforçando as laterais e porque não estão preocupados com ataques vindos de cima, não?

Santamariense
Santamariense
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

Então eles estão mais malucos do que sempre foram…

Nei
Nei
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

Justamente, estão perdidos então.

Afonso Bebiano
Afonso Bebiano
Reply to  Satyricon
11 meses atrás

A proteção lateral deve ser aquele decalque que faz vergonha diante de seus concorrentes da Estrela, da Atma e da Troll.

Mazzeo
Mazzeo
11 meses atrás

Sem nenhum viés, seja para qualquer dos lados que se ofendem cada vez mais rotineiramente aqui na trilogia, me resta uma pergunta a respeito do texto. “O T-14 Armata é um promissor tanque principal de batalha com uma torre não tripulada. É equipado com um sistema de controle tático unificado. É o primeiro tanque do mundo capaz de se envolver em guerra centrada em rede, uma doutrina militar que visa transformar vantagem informacional em vantagem competitiva por meio de uma rede robusta de forças geograficamente dispersas bem conectadas e informadas.” Porem, em 1990, o M1A2 já possuia o IVIS (Inter-Vehicular… Read more »

Renato Carvalho
Renato Carvalho
Reply to  Mazzeo
11 meses atrás

Só a propaganda mesmo, dos mesmos produtores de SU-57,.Poseidon e outras armas fantásticas e imbatíveis.

Amaral
Amaral
Reply to  Renato Carvalho
11 meses atrás

Decerto, é só os produtos de propaganda ocidental que prestam. Esperar para ver, já que os tanques, as baterias antiaéreas, etc, tops do ocidente agora estão lá.

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  Mazzeo
11 meses atrás

Mas o “sistema de rede” do T-14 é baseado no GPS da garmim?

Jagderband#44
Jagderband#44
11 meses atrás

Que pena, eu gostava tanto de frequentar as praias de Portugal.

A6MZero
A6MZero
11 meses atrás

Mas eu não digo que é inverídico o envio, só que o armata é um meio de produção muito limitada (isso segundo próprias fontes russas). E que mandar ele para o combate é completamente desprovido de lógica, afinal as poucas unidades existentes serão de difícil manutenção, alguns de seus sistemas são de origem estrangeira (optronicos de origem francesa) e que são inviáveis de serem subsistidos em razão dos embargos, ao usar alternativas de tecnologia russa será necessário ver sua compatibilidade e efetuar testes, o que vai ficar caro. E para um país que em 3 meses do ano já tem… Read more »

Nei
Nei
11 meses atrás

Segundo o MOD Russo e Sputinik, esse tanque é revolucionário, fizeram a colagem da torre com 3M e disseram que a torre não vai voar tão alto, para não cair nas cabeças dos soldados Russos.

Nei
Nei
11 meses atrás

Comentário de torcedor, somente.

Pragmatismo
Pragmatismo
11 meses atrás

Vamos aguardar as confirmações visuais e a geolocalização.
Mas seria inevitável.
Cadê o povo que estava descrente do seu emprego?

Hank Voight
Reply to  Pragmatismo
11 meses atrás

Continua descrente e com razão, dada a conhecida fanfarronice russa

C G
C G
Reply to  Pragmatismo
11 meses atrás

Se for emprego em material publicitário eu acredito, de resto continuo descrente!

Marcelo
Marcelo
Reply to  Pragmatismo
11 meses atrás

Na Ucrânia tem Javelin, tem NLAW, tem AT-4, tem Stugna-P, tem TOW, tem Schitchblade 600, tem drones lançadores de granadas e muitos outros equipamentos comprovadamente capazes de fritar qualquer tanque de guerra russo. Mas o maior temor no campo de batalha, confirmado por combatentes russos, se chama M982 Excalibur. Vamos ver como o T-14 Armata vai se sair no campo de batalha da Ucrânia … ou será que o anúncio da chegada do T-14 Armata só vai servir como propaganda russa? Só falta o T-14 Armata para os ucranianos completarem a coleção de tanques de guerra russos.

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Marcelo
11 meses atrás

Tem tudo isso é está coalhada de tanques russos.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

Coalhada de tanques de guerra e de veículos blindados russos transformados em sucatas chamuscadas. Vai ser mais fácil ver um T-34 rolando nos campos de batalha da Ucrânia do que um T-14 Armata. Mas estou muito ansioso para ver esse tanque lutando de verdade.

Hank Voight
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

Coalhada de carcaças calcinadas! Segundo o Oryx mais de 10.000

Nuno Taboca
Nuno Taboca
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

Finalmente vc diz uma verdade… Realmente tá coalhada de tanques russos….tostados, com a torre ejetora do lado.

Jagdv#44
Jagdv#44
Reply to  Marcelo
11 meses atrás

Negativo, ainda não vimos T54/55 e T34 destruídos.

Zoe
Zoe
11 meses atrás

Se for verdade, vai ser interessante ver o uso deles. Veremos a real capacidade, independente da torcida de cada um.

Será que a torre voa mais alto que a Starship ?

Luiz Alberto Braga
Luiz Alberto Braga
11 meses atrás

Li um artigo sobre tanques que comenta que o motor desse tanque apresenta fragilidades e tem um alto índice de falhas.

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Luiz Alberto Braga
11 meses atrás

Nada pode ser mais problemático que os motores dos Abrams e no entanto…. Vida que segue.

José
José
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

Muda o disco.

Marcos R
Marcos R
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

Motor do abrams problemático? Onde, seu único problema é beber como um russo.

C G
C G
11 meses atrás

Fonte: Sputinik
EU DUVIDO, mas duvido com força!

Leandro Costa
Leandro Costa
11 meses atrás

Vaporware

Marcelo
Marcelo
11 meses atrás

O Sputinik diz que o T-14 Armata vai estreiar no conflito militar na Ucrânia. Será mesmo? Vamos aos fatos: 1) O desenvolvimento do T-14 Armata vem sofrendo problemas de desempenho e vários atrasos. 2) Poucos T-14 Armata foram fabricados, devido ao aumento dos custos de produçãoção. 3) O Exército Russo carece de peças sobressalentes para o T-14 Armata na frente de batalha, porque sua tecnologia e mais moderna que de outros tanques. 4) O T-14 Armata é maior e mais pesado do que os tanques mais antigos, tornando um desafio enviá-lo rapidamente para a Ucrânia. 5) A Rússia ja admitiu… Read more »

Mauro Cambuquira
Mauro Cambuquira
11 meses atrás

Uai, ele foi usado na Síria. Testado já foi. Vem notícias desencontradas sobre o T-14 Armata, até aqui mesmo já se falou que ele desapareceu do cenário por ser inviável. Logo ele reaparece e muda-se o assunto…

Hank Voight
Reply to  Mauro Cambuquira
11 meses atrás

T-14 usado na Síria é mais uma bravata russa sem lastro na realidade 😉

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Hank Voight
11 meses atrás

Igual a existência do Kinzhal, até as próprias inteligências ocidentais comprovarem seu uso na Ucrânia, e o teu amiguinho, o especialista de baladeiras, tomar Doril.

Ildo
Ildo
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Kinzhal que há poucas semanas atrás destruiu um centro de comando da OTAN em Lviv… Se estima em 200 mortes de pessoal da OTAN, muitos de alto escalão…

Essa informação é tratada como anátema absoluto nos meios da OTAN…

Foi “apenas” um recado dos russos…

Nei
Nei
Reply to  Ildo
11 meses atrás

kkkk. Chega Ildo, só besteiras sem prova, sem fotos, sem nada.

Se tivesse matando 200 pessoas da OTAN, já teria aumentado a escalado em 1000%

Ildo
Ildo
Reply to  Nei
11 meses atrás

Todo mundo que acompanha mídia independente conhece essa informação.

Escalar o que? Só se for para guerra nuclear.

Já perderam dezenas de oficiais em Mariupol e também ficaram calados.

Por motivos óbvios:

Terão que admitir publicament que essa guerra é da OTAN contra a Rússia.

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

“Todo mundo que acompanha mídia independente conhece essa informação.”

Por “mídia independente” leia-se os grupelhos de Telegram pró russos e as mídias estatais do Kremlin contando histórias da c@r0chinh@

Hank Voight
Reply to  Ildo
11 meses atrás

“Kinzhal que há poucas semanas atrás destruiu um centro de comando da OTAN em Lviv… Se estima em 200 mortes de pessoal da OTAN, muitos de alto escalão…”

Mais uma daquelas mentiras inventadas pela mídia russa mas que serve de consolo para os seus pobres apoiadores…

No mais não adianta! Goebbels não conseguiu e você também não vai…rs!

Renato Carvalho
Renato Carvalho
11 meses atrás

O que não ajuda é a fonte..

DanielJr
DanielJr
11 meses atrás

Esse é o Putin concorrendo com o Elon Musk. Musk lançou um foguete mais moderno esses dias, e não deu muito certo. Agora putin quer lançar a espaçonave blindada mais moderna que eles possuem, a torre do T14, ao espaço concorrer com o americano.
Basta um tanque desses achar um lançador de javelin no campo e iniciar a contagem regressiva para a decolagem.

Last edited 11 meses atrás by DanielJr
Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  DanielJr
11 meses atrás

Eu tenho um vídeo em que um ucraniano, após um ataque de morteiros russos, tentou pegar uma torre dessas a unha.
Não consegui, mas se tornou o primeiro astronauta ucraniano pós Maidan.
O título é póstumo, é claro.

Santamariense
Santamariense
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

Tu fica feliz em escrever isso? Até agora, ninguém aqui falou em morte de pessoas, mesmo a guerra ter isso de forma intrínseca. Aí, para não ficar para trás na discurso, tu usa a morte de uma pessoa de maneira debochada?? Pode isso, editores??

Jose
Jose
Reply to  Oliveira Barros
11 meses atrás

Mesmo papo de sempre ! “eu tenho um vídeo”,”eu tenho foto”,”eu tenho meu pai Putin”….

Gako
Gako
11 meses atrás

Nunca vi tanta ignorância do chamado ser humano, brigar por nada! Nada é de ninguém, tudo pertence a Deus, nos só estamos usando enquanto vivos, dai a pouco volta tudo pro pó.
Quanta ignorância matanto crianças, velhos, sem nenhuma compaixão, a troco de que?
Deus tenha piedade de nós, o humano não deu certo, cruz credo!!!!!!!

Welington S.
Welington S.
11 meses atrás

Vamos lá.

Quantos T-14 Armata a Rússia possui de fato?

A Rússia está vendo que, do lado ucraniano, os combatentes estão em peso utilizando mísseis anti-tanque. E se realmente for confirmado o envio dos T-14 Armata para o combate, a Rússia está brincando demais. Com poucas unidades fabricadas até o momento, os caras literalmente vão ariscar e colocá-lo a prova? Isso, ao meu ver, soa com a falta de senso por parte dos militares. Pô, tenho poucas unidades, vou colocá-los a prova só pra mostrar ao Ocidente? Eu, não arriscaria. Continuaria utilizando os que estão aí e ponto.

Paulo
Paulo
11 meses atrás

Operação Militar Especial é meu pai… É Guerra mesmo.

Amaral
Amaral
Reply to  Paulo
11 meses atrás

EDITADO

2 – Mantenha o respeito: não provoque e não ataque outros comentaristas, nem o site ou seus editores;

6 – Mantenha-se o máximo possível no tema da matéria, para o assunto não se desviar para temas totalmente desconectados do foco da discussão;

https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

M4|4v1t4
M4|4v1t4
11 meses atrás

Esse é o tanque a ser batido.

O tanque que é usado como obuse …

… então vamos chamar o Abrams m1a3, Leopard 2a7, Merkava IV e outros de que?
E o KF-51, o Abrams X e outros carros serão chamados de que? De disco voador?

O Armata é uma vergonha. Ele passa vergonha até em desfile e não pode ser usado na linha de frente.

Heinz
Heinz
11 meses atrás

Só não pode ser no nocauteado por um Leopard 1 que está prestes a chegar, ou um T55 Eslovaco. Vamos aguardar quando de fato ele for pra linha de frente

Carlos
Carlos
11 meses atrás

Infelizmente, muitos torcedores. Isso está estragando a trilogia. Já não temos mais pessoas sérias nos comentários, são poucas exceções.

Da mesma forma que os avançados Leopards, veremos o que o T-14 pode fazer no campo de batalha. No mais, é aguardar!

Igor
11 meses atrás

🇺🇦🇺🇦🇺🇦🇧🇷🇧🇷🇧🇷 Que Deus ajude o Brasil e a Ucrânia. Fé é a VITÓRIA

RSmith
RSmith
11 meses atrás

Vamos ver se esse “treco” vai cumprir o prometido ou virar “purpurina” em combate!

Marcos
Marcos
11 meses atrás

Fonte: Sputnik. Bem, aí fica difícil ter credibilidade na matéria, é a mesma coisa que pegar notícia da Kyiv Post.

Se tiverem realmente reforçado as laterais vai ser presa fácil, pois a maioria dos mísseis AT modernos manobram pra atingir de cima e principalmente fogo de artilharia vem de cima. Duvido que iriam gastar as poucas dezenas que tem correndo o risco de serem capturados e enviados para a Otan avaliar

Nei
Nei
11 meses atrás

Sim, testando a testa na torre.

Quero ver foto no Armata no front, não passeando na retaguarda, estragando o motor.

erikbomberman
erikbomberman
11 meses atrás

Cada comentário tosco, mas vamos lá… que análises se tira desta notícia? Entendo que a utilização do Armata, nesta forma noticiada, pode ser o início de testes em T.O para aperfeiçoar o projeto e teste de resistência. Negar que o T-14 é um avanço a ser batido é infantil, mas os russos não tem capacidade atual de construí-lo em larga escala por questões econômicas. O T-14 pode estar presente também para levantar a moral das tropas frente a entrada em serviço dos Leopard 2 A4 na Ucrânia. Mas mais que isso, poderemos ver se as táticas russas estão a altura… Read more »

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  erikbomberman
11 meses atrás

O problema nem é esse. O problema é que os motores do Armata são diferentes de todos os outros tanques Russos. As peças são totalmente diferentes. Sistemas diferentes. Parte elétrica diferente. Portanto, as demandas de manutenção são diferentes. Vão abrir todo um sistema logístico que não existe (e taxando ainda mais o precário sistema logístico que eles tem no momento) para dar suporte à um blindado que mal tem peças de reposição disponíveis, isso se houverem. Para não falar no treinamento das equipes de manutenção que já são mal treinadas para manter os blindados que já estão em operação em… Read more »