Por Rodolfo Queiroz Laterza [1]

1 – Aspectos gerais

No início de 2023, em inúmeras análises sobre o alcance e perspectivas de sucesso da ofensiva de primavera das Forças Armadas da Ucrânia (FAU) na mídia ocidental e ucraniana, informações indicando o tamanho das forças russas ativas na Ucrânia, bem como o número de forças russas na reserva, começaram a ser veiculadas e difundidas com números discrepantes.

Deve-se notar que o Ministério da Defesa da Rússia nunca forneceu oficialmente informações públicas sobre o número de grupos russos regulares na zona de combate.

De acordo com o canal de telegrama “Militarista”, referindo-se a especialistas ocidentais, no final de 2022, além de 300 mil mobilizados, cerca de 100 mil voluntários chegaram às forças russas localizadas na zona de combate distribuídas entre numerosos Batalhões de Voluntários – identificados pelo acrônimo “BARS” ou assinaram um contrato com PMCs, notadamente com o Wagner Group

Há evidências de que, no final de abril de 2023, as forças russas regulares e proxies (Batalhões de Voluntários, regimentos da Rosguardia e combatentes de empreiteiras militares privadas como o Wagner Group)  concentrava cerca de 300-350 mil combatentes ao longo de todo perímetro operacional, abrangendo desde o eixo de Svatovo-Kreminna a todo setor do Donbass, bem como nas direções de Zaporozhye e Kherson, compreendendo estimados 113 BTGs (grupos táticos de batalhão) nas regiões de Zaporozhye e Kherson e 205 dessas unidades na direção de Donetsk e Svatovo-Kreminna.

No total, no momento do início do conflito a partir de 24 de fevereiro de 2022, o número do exército russo na Ucrânia (Donbass, a direção de Kharkov e o agrupamento perto de Kiev) era de cerca de 80 mil soldados e cerca de 50 mil combatentes das milícias separatistas de Donetsk e Luhansk, além de aproximadamente 7 mil chechenos institucionalizados em formações da Rosguardia (espécie de Guarda Nacional da Federação Russa) e em torno de 10 mil combatentes de empreiteiras militares privadas (Private Military Company).

Este contingente permaneceu até aproximadamente outubro de 2022, quando os mobilizados em decreto do Presidente Putin começaram a chegar a setores da linha de frente em reforço a áreas com escassez de efetivo e que sofriam ataques das forças ucranianas no âmbito das bem-sucedidas ofensivas de agosto-setembro, notadamente nas regiões de Kharkiv e Kherson.  No outono de 2022 e início de 2023, a essas 130.000 baionetas, outros 300.000 Kuzmichi (convocados reservistas) e 100.000 voluntários de novos Batalhões de Voluntários BARS e contratados de PMCs foram adicionados.

No total, o número de combatentes russos na Ucrânia, na época da primavera de 2023, em formações militares oficiais e informais é de aproximadamente 370 mil, convergindo com as estimativas do Diretório de Inteligência Militar das Forças Armadas da Ucrânia, conhecido pelo acrônimo “GUR”.

Este efetivo compreende combatentes que agora estão posicionados na linha de frente e na retaguarda, divididos em 48 brigadas, 122 regimentos e 315 outras formações diversas. A partir desse número, fica claro que a inteligência da Ucrânia não leva em conta a reserva operacional russa mobilizada e em treinamento, cujo número chega a cerca de 150.000 – 200.000 combatentes.

2 – Reserva frontal do exército russo

O presidente russo Vladimir Putin, em 21 de dezembro de 2022, falou sobre a reserva de linha de frente do exército russo, localizada longe da zona de combates no final de 2022, em uma reunião ampliada do colégio do Ministério da Defesa da Federação Russa, citando um número de 150 mil pessoas.

Na linha de contato, de acordo com a inteligência britânica, existem cerca de 300 mil combatentes russos em formações regulares e voluntárias, bem como cerca de 150-200 mil pessoas na reserva frontal ainda em território russo mas mobilizáveis para futuros planejamentos operacionais (principalmente nas regiões de Kursk e de Belgorod da Federação Russa e na Bielo-Rússia – neste caso em torno de 50 mil soldados dentre o número total acima citado).

Como é sabido, 300.000 pessoas foram convocadas para as fileiras das forças armadas desde o final de setembro de 2022 a partir de Decreto de Mobilização Parcial expedido pela Presidência da Federação Russa. Alguns deles já estão na zona de guerra, reforçando linhas defensivas ou atuando em operações limitadas de reconhecimento de força. Segundo o ministro da Defesa, Sergei Shoigu em declarações recentes, cerca de 150 mil pessoas estão sendo treinadas em campos de treinamento militar.

Estipulamos três versões hipotéticas do propósito de tal reserva mobilizada pelo Ministério da Defesa da Rússia, cuja localização e número exatos são desconhecidos. Supõe-se que os grupos de reserva estejam localizados a pelo menos 300 km da linha de frente. Elencamos as seguintes questões hipotéticas sobre a mantença de uma reserva frontal significativa pelo órgão superior de defesa da Federação Russa:

  • I) Acredita-se que esta reserva, provavelmente composta por militares mobilizados, seja reabastecida, se necessário, por unidades de combate, uma vez que o número de unidades de linha de frente é ainda insuficiente para os objetivos militares totais russos, agravado por perdas irrecuperáveis em combate e em situação de não combate, rotação de pessoal e pausa operacional, fatores que devem ser levados em conta na avaliação de qualquer contexto tático-operacional em um conflito militar de longa duração.
  • II) Em nossa avaliação, o Ministério da Defesa russo não tem condições de fornecer rapidamente a muitas tropas veículos leves e blindados diversos, MLRS e sistemas de artilharia, pois que no momento grande parte desses equipamentos está em linhas de montagem das estruturas fabris russas para serem em seguida direcionados para a zona de operações, substituindo as significativas perdas em armas ocorridas desde fevereiro de 2022.
  • III) A título exemplificativo, para preparar uma brigada russa padrão de infantaria motorizada em tempo integral, são necessários de cerca de 100 unidades de veículos blindados leves, como veículos blindados de transporte de pessoal (APC), veículos de combate de infantaria (IFV) e veículos blindados com rodas do tipo Tiger. Além disso, a brigada deve ter pelo menos 30 tanques principais de batalha (MBT), além de sistemas de artilharia, MLRS e morteiros.

Também existe a opinião de que cerca de 150-200 mil combatentes da reserva ainda não empregada na zona de guerra são necessários para a uma eventual contraofensiva russa, sobre a qual a imprensa mundial parou de falar na primavera de 2023, tendo em vista os preparativos da ofensiva ucraniana.

3 – Considerações finais

Após a captura da cidade de Bakhmut (agora denominada pelos russos como Artemovsk), o grupo PMC Wagner, que já atingiu o tamanho de um corpo de exército de até 50 mil combatentes no auge das hostilidades em Bakhmut e arredores, irá se submeter a uma pausa operacional para reabastecimento e recomposição de efetivo diante das necessidades decorrentes de perdas em combate no Donbass. Uma vez recomposta sua capacidade de combate plena, junto com as unidades das Forças Aerotransportadas Russas estacionadas nesta área, poderia partir para novos ataques, abrindo espaço operacional e movendo-se na direção de Slavyansk, Kramatorsk, Konstantinova e Chasov Yar.

Entretanto, para tal intento, será necessário criar segundos escalões reforçados para as tropas que avançam e retirar a reserva não utilizada, tendo em vista o efetivo ainda insuficiente para novas ofensivas e operações de controle de área que estabilizem as novas áreas capturadas.

Um dos grandes erros de planejamento operacional da Rússia neste conflito foi o uso de efetivo insuficiente de suas forças regulares, dependendo de uma força cheia de proxies, com muitas formações paramilitares e informais. Só de voluntários contratados e inseridos em batalhões assim categorizados, foram em torno de 117 mil mobilizados;  PMCs, em torno de 50 mil, principalmente contestados do Wagner Group; combatentes chechenos, 7 regimentos e 4 Batalhões, compondo cerca de 20 mil em junho do ano passado para depois diminuir para em torno de 10 mil; egressos das milícias separatistas de Donetsk e Luhansk que passaram a compor as formações militares russas, após os referendos não legalmente reconhecidos pela Organização das Nações Unidas (ONU), os quais incorporaram tais regiões à jurisdição da Federação Russa, em torno de 70 mil.

Mesmo com o reforço dos mobilizados de setembro de 2022 e novos voluntários arregimentados, o limitado efetivo das forças russas empregado no teatro de operações da Ucrânia ainda é um desafio estrutural para a realização de operações ofensivas, o que justifica parcialmente a posição estratégica de defesa ativa em vigência neste período de primavera, no qual se esperou a iniciativa operacional ofensiva ucraniana. As FAU possuem em torno de 736 mil soldados bem armados pela OTAN no teatro de operações, incluindo as brigadas de defesa territorial precariamente mobilizadas e treinadas, o que constitui um desafio para a conclusão dos objetivos militares da Rússia.

4 – Fontes consultadas


[1] Delegado de Polícia, Mestre em Segurança Pública, historiador e pesquisador sobre geopolítica e conflitos militares.

Subscribe
Notify of
guest

112 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
deadeye
deadeye
1 ano atrás

E um analista com apelido de meme (sapo) em 2022 – disse que nunca passava de 150.000 na Ucrânia devido a rotação rsrs

Luís Henrique
Luís Henrique
Reply to  deadeye
1 ano atrás

A matéria acima também indica isso, está escrito que eram cerca de 130 mil homens desde o início da invasão até o final do ano. E que apenas em outubro teve a convocação do Putin e começaram a chegar mais efetivos no final do ano ou no início de 2023.

Pragmatismo
Pragmatismo
1 ano atrás

Leu? Comente analiticamente.

MFB
MFB
1 ano atrás

Não acredito que ninguém presente no t.o ache aquilo um passeio. Sobre os vídeos, mostre. Tratores e carroças não contam. E voltamos ao velho sistema de uma pessoas postando com 1001 nicks zzzZzZzZz…

José
José
Reply to  MFB
1 ano atrás

Muda nada. E ele ainda insiste.

MFB
MFB
Reply to  José
1 ano atrás

Só aqui nesse post 4 Nicks são da mesma pessoa, fora os outros que já foram deletados. Sem moderação, teríamos um novo recorde do Qings tentando distorcer a realidade da guerra. Ele perdeu a linha depois do fracasso em derrubar Kiev rapidamente.

Kommander
Kommander
Reply to  MFB
1 ano atrás

Será que o problema é essa “pessoa”? Engraçado, em cada comentário seu, tem uma resposta desse tal de “José” e vice-versa, é muita coincidência. Rsrsrs

MFB
MFB
Reply to  Kommander
1 ano atrás

Faz um pedido para o responsável olhar e verificar se eu sou o José, ou João, ou quem quer que seja. Resolvido de forma simples.

Last edited 1 ano atrás by MFB
José
José
Reply to  Kommander
1 ano atrás

Não. Não sou o MFB. Apenas respondemos coisas corretas e não apoiamos o que o Hitler russo fez e está fazendo.

Mr.Guara
Mr.Guara
1 ano atrás

Os EUA (documentos vazados) indicavam em Abril o max de 220.000 baixas nas forças Russas. O Ministerio da defesa do Reino Unido ja chegou a informar 80.000 Russos mortos. Eu entendo a critica de que esse numero foi gerado por paises alinhados a Ucrania. Mas a conta de baixas precisa entrar nesse calculo, e ao meu ver as forças Russas nao chegariam a 250 mil em territorio Ucraniano incluindo PMCs. Sobre a reservas em territorio Russo, é preciso distinguir qual é a parte de conscritos e qual a parte de voluntarios/convocados, ja que conscritos são proibidos pela legislação Russa de… Read more »

Paulo Amaral
Reply to  Mr.Guara
1 ano atrás

Transformamos a Ucrânia em um abatedouro que matou 350 mil jovens ucranianos. Eles mentem sobre quantas pessoas morreram. Eles escondem isso de nós. O Pentágono está escondendo isso do povo americano”, disse ele

MFB
MFB
1 ano atrás

Hoje você veio quente com vários nicks em uma só notícia xings.

MFB
MFB
1 ano atrás

Pessoal do portal, sem querer ser chato, mas o 1001 nicks voltou com força hoje postando com vários nomes e usando os mesmos para distorcer likes e negativas como o usual. Sei que é chato pra kct ficar lendo minhas mensagens, mas só estou tentando contribuir para um ambiente mais saudável nas infindáveis discussões sobre Rússia e Ucrânia.

José
José
Reply to  MFB
1 ano atrás

Fato !

Wilson França
Wilson França
Reply to  MFB
1 ano atrás

Deixa o cara postar, ué….

Miguel Carvalho
Miguel Carvalho
1 ano atrás

Resumindo, a OTAN tem de entrar logo nesse conflito ou a Europa corre o risco de ver a sua posição geopolítica perdida.

Se isto acontecer, duvido que as coisas fiquem circunscritas a esta zona do globo.

Os países que fizeram parte da antiga União Soviética serão aqueles que tomarão a iniciativa.

Vamos ver se é isso tudo.

José
José
1 ano atrás

Não chorem não Qings e seus inúmeros nomes.

sergio
sergio
1 ano atrás

Vou fazem um OFF Topic.
Parece que começou a ofensiva ucraniana estão circulando noticias de intenções combates perto de barkmut e zaporitzia inclusive com videos atestam pelo menos a destruição de 01 leopard 2
e vários veículos blindados ucranianos.

Underground
Underground
Reply to  sergio
1 ano atrás

O leopard em questão é na verdade u a carroça e os vários blindados tratam-se da rocadeora e duas plantadeiras.

Underground
Underground
Reply to  sergio
1 ano atrás

Pessoal tá desesperado para mostrar um Leopard destruído . Também…. depois de os ucranianos terem destruídos cerca de 3 mil tanques.
Não se preocupem, hora dessas aparece algum. Faz parte!!!!

M4|4v1t4
M4|4v1t4
Reply to  sergio
1 ano atrás

Você está certo Reis.

sub urbano
sub urbano
Reply to  sergio
1 ano atrás

Nas ultimas horas: 1 leo 2, 1 AMX10-RC, 4 M113s, 1 M777.

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  sub urbano
1 ano atrás

Corrigindo:
Ao invés de 1 Leo 2 – 1 colheitadeira
Ao invés de 1 AMX1 – 1 trator
Ao invés de 4 M113 – 4 caminhões
Ao invés de 1 M777 – 1 vaca holandesa.

Francisco
Francisco
Reply to  Sturmgewehrstgde
1 ano atrás

Confere aí quantos foram, e nesse site ainda tem muito mais vídeos.
https://www.youtube.com/watch?v=5XYBfXX2eYU

Last edited 1 ano atrás by Francisco
Francisco
Francisco
Reply to  Sturmgewehrstgde
1 ano atrás

_________

COMENTÁRIO APAGADO POR REPETIÇÃO SISTEMÁTICA. BASTA POSTAR O VÍDEO UMA VEZ, NÃO PRECISA POLUIR O BLOG REPETINDO INÚMERAS VEZES. MANTENHA O BLOG LIMPO. LEIA AS REGRAS:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Felipe
Reply to  sub urbano
1 ano atrás

Já deu até no Oryx:
Oryx
@oryxspioenkop
1 h
#UkraineWar: Ukrainian losses updated with:
3x Leopard 2A6 (1 destroyed, 2x abandoned)
4x M2 Bradley (abandoned)
1x VAB APC (abandoned)
1x Oshkosh M-ATV MRAP (abandoned)
More losses will be added tonight (including ~six more M2 Bradleys).

Tutu
Reply to  Felipe
1 ano atrás

Os Ucranianos recebem 2A6?

George
George
Reply to  sergio
1 ano atrás

Eu acho que o Putin tem alguma tara pelos Leopards. Ele vê Leopard em tudo. Vê no AMX, vê na colheitadeira. .

gordo
gordo
1 ano atrás

O maior problema para essa contra ofensiva é a falta de apoio aéreo, que em contra partida no lado Russo sobra. Qualquer um que tenha o mínimo de bom senso sabe que ir para a ofensiva significa se expor ao se deslocar e aí é a hora que aqueles helis que conseguem acertar colheitadeira a 10 km pesam em muito na conta. A Ucrânia não conseguiu se impor no donbass nem antes da invasão, essa contra ofensiva promete e vamos ver como fica o mapa nos próximos dias.

LUIZ
LUIZ
Reply to  gordo
1 ano atrás

E os helicópteros russos estão atacando longe do alcance dos Manpads ucranianos. Vários videos mostra a efetividade desses ataques contra os brindados ucranianos.

gordo
gordo
Reply to  LUIZ
1 ano atrás

Sim, é isso que se imagina que vá acontecer (e parece estar ocorrendo), se a Ucrânia vai contornar é outra historia. No inicio da invasão os helis Russos se expunham muito e voavam sobre áreas recheadas de manpads, e depois de muitas perdas e a realocação das tropas apenas no Donbass as perdas diminuíram. Esses helicópteros de ataque estão apenas sombreando o fronte e atacando os veículos que vem avançando e se expondo, isso sem contar a artilharia que está sendo orientada por drones. Se a tal ofensiva Ucraniana vai ter o resultado desejado é outra historia, e não depende… Read more »

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  gordo
1 ano atrás

Eu concordo com você até certo ponto. Mas, Ucranianos contam com pouco ou nenhum apoio aéreo para suas incursões desde o início do conflito. Russos tiveram, por uma boa parte do tempo, o quase exclusivo uso do apoio aéreo. Como você coloca, aparentemente, havia um grande erro na doutrina. Se expuseram demais e perderam muitos. Isso mudou ou, pelo menos, tem sido menos noticiado. A questão é, pq? A doutrina mudou ao ponto de restringir as perdas? O volume de voos diminuiu? Fato é que, até o momento, a superioridade aérea absoluta não impediu movimentos Ucranianos. E hoje, pelo pouco… Read more »

Oráculo
Oráculo
Reply to  gordo
1 ano atrás

Se você entrar nos canais russos do Telegram, ou mesmo nos pró-Otan, vai encontrar vários vídeos de blindados Ucranianos sendo abatidos essa semana. E numa situação muito parecida com a que os russos enfrentaram em 2022. Tem blindado sendo destruídos por minas terrestres, outros por artilharia guiada por drones e principalmente ATGMs. E ao contrário do que falam os “torcedores” aqui, não é vídeo de trator não. Tem tudo quanto é tipo de blindado indo pelos ares. Inclusive voltaram os vídeos dos tanques pegando fogo, ou “cook off” como dizem os americanos. Só que dessa vez são tanques Ucranianos. Não… Read more »

Last edited 1 ano atrás by Oráculo
Mirade1969
Mirade1969
Reply to  Oráculo
1 ano atrás

Interessante que alguns deles já foram perdidos e ou estão sendo abandonados pois não consegue ir adiante da artilharia russa. Não eram eles a bala de prata? assim como o drone turco que não ouve falar mais. Estão infelizmente sofrendo perdas.

Last edited 1 ano atrás by Mirade1969
Oráculo
Oráculo
Reply to  Mirade1969
1 ano atrás

E vão ser abatidos mesmo. Nenhum tanque é invencível num conflito dessas proporções. Os ATGMs modernos são o inferno dos tanques.

O problema é que a Ucrânia já não tinha mais MBTs. Estavam sobrevivendo com os T62 doados pela Polônia e demais países da OTAN no leste europeu.

Daí chegam alguns Leopards pra eles, os caras se animam demais. E não poderia ser diferente.

Se fosse o EB recebendo Leo 2 A6, a gente soltava foguetes.

José
José
Reply to  LUIZ
1 ano atrás

Imagino como os vídeos mostram os “brindados”. Confia ! Kkkkkkkkk

Last edited 1 ano atrás by José
Marcelo
Marcelo
Reply to  LUIZ
1 ano atrás

Claro. Vimos um Ka-52 Alligator destruir uma colheitadeira … opsss … Leopard 2. Depois ter ter atacados tratores … opsss … blidados ucranianos.

Felipe
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

No Oryx vc acredita?
Oryx
@oryxspioenkop
1 h
#UkraineWar: Ukrainian losses updated with:
3x Leopard 2A6 (1 destroyed, 2x abandoned)
4x M2 Bradley (abandoned)
1x VAB APC (abandoned)
1x Oshkosh M-ATV MRAP (abandoned)
More losses will be added tonight (including ~six more M2 Bradleys).

Mirade1969
Mirade1969
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

Ele pode ter errado o alvo, mas tem blindados doados ai pela Otan voando pelos ares por culpa dele.

LUIZ
LUIZ
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

“Jacarés” Ka-52 derrotou um comboio de veículos blindados da OTAN durante o ataque inimigo na Frente Zaporozhye
▪️ Imagens da destruição de tanques e outros veículos blindados ocidentais pelas tripulações dos helicópteros de reconhecimento e ataque Ka-52 na direção de Zaporozhye
▪️ As tripulações da aviação do exército lançaram um ataque com mísseis guiados a uma coluna de veículos blindados inimigos. Após a destruição de vários veículos blindados, os demais tentaram se dispersar e também foram destruídos.”

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  gordo
1 ano atrás

Onde você tá vendo que tá sobrando apoio aéreo russo?
Tá sobrando tanto que a força aérea russa não e vista a muitos e muitos meses.
Quando aparecem os ucranianos abatem sem dó nem piedade.

Samuel
Samuel
Reply to  gordo
1 ano atrás

Tudo certo ✔

LeoRezende
LeoRezende
Reply to  gordo
1 ano atrás

A leviandade ao se tratar de ataques com nuke’s,é uma características de irresponsáveis como Putin e seus adoradores. Risível.
Enquanto isso,cães ladram,mas a DMA passa…

gordo
gordo
Reply to  gordo
1 ano atrás

Que comentário grosseiro, tanto no vocabulário quanto no raciocínio.

LUIZ
LUIZ
Reply to  gordo
1 ano atrás

O ataque é certeiro nos brindados ucranianos. O ocidente subestima muito os equipamentos russos.

Mirão
Reply to  gordo
1 ano atrás

Chegou hoje aqui um vídeo de uma unidade de radar desse tal IRIS T sendo jantado pelo Lancet…

Vinícius Momesso
Vinícius Momesso
Reply to  Mirão
1 ano atrás

O Lancet tentou, mas que destruiu mesmo foi a artilharia.

Mirade1969
Mirade1969
Reply to  gordo
1 ano atrás

… No total, durante o ataque fracassado na direção de Zaporozhye, as Forças Armadas da Ucrânia perderam pelo menos: – 5 tanques alemães Leopard 2A6 e 2A4 (2 destruídos, 1 atingido e abandonado, 3 abandonados) – 6 veículos de combate de infantaria americanos M2A2 Bradley ODS-SA (todos abatidos e abandonados) – 3 American MRAP M1224 MaxxPro (todos atingidos e abandonados) – 1 veículo blindado holandês YPR-765 (atingido e abandonado) – 1 Checo T-72M1 (destruído) – 1 veículo de desminagem BMR-2 (atingido e abandonado) – 1 carro blindado VAB francês (atingido e abandonado). – vários caminhões queimados Pela primeira vez , tanques… Read more »

Waldir
Waldir
1 ano atrás

Acorda tá acreditando em mentiroso é oq estados EUA é .

M4|4v1t4
M4|4v1t4
1 ano atrás

Precisa torcer muito para a Rússia e ser muito antiamericano para achar que essas fontes fornecem números confiáveis. Lamentável.

Uma coisa acho que todos concordam. Alguma coisa aconteceu com os mais de 10 mil MBT que os russos tinham, que eram, segundo o que se dizia, T-80, T-72 e T-90. De duas uma: Ou era russisse (mentira) ou temos que creditá-los como destruídos pelos ucranianos.

Kommander
Kommander
Reply to  M4|4v1t4
1 ano atrás

Confiáveis são as tuas fontes, que cada vez que tu comenta aqui ____________ Nunca vi tu fazer um comentário técnico ou citar uma fonte que trabalha com a verdade. Só vive inventando um monte de besteira, até hoje eu fico me perguntando:____________ Eu queria ter tanta criatividade assim.

COMENTÁRIO EDITADO. MANTENHA O BLOG LIMPO, SEM ATACAR E DESRESPEITAR. LEIA AS REGRAS DO BLOG. PRIMEIRO AVISO.

https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Maurício.
Maurício.
Reply to  M4|4v1t4
1 ano atrás

Mas tem alguma fonte confiável que forneça números confiáveis nessa guerra? Até agora eu não vi nenhuma dessas fontes, apenas os russos inflando os números de um lado e os “altos funcionários” americanos/ingleses do outro, ou seja, a verdade passa longe desse pessoal.

Francisco
Francisco
Reply to  M4|4v1t4
1 ano atrás
sub urbano
sub urbano
1 ano atrás

Os ucranianos saíram da toca, o couro tá comendo. Ataques em Kherson, Zhaporizia e Donetsk, ou seja todos os setores do front. Varios eixos de avanço, o inimigo nunca tem certeza qual é o objetivo principal. É a mesma doutrina russa, o manual soviético, alguns incautos até hoje acham que o alvo era Kiev kkkk vc nunca verá algo assim numa operação ocidental.

Vinícius Momesso
Vinícius Momesso
Reply to  sub urbano
1 ano atrás

Apenas se inverteram as posições; hoje quem defende é a Rússia e quem ataca é a Ucrânia, mas o manual de guerra das duas permanece o mesmo. Ou seja, dois “cabeças duras” que ainda insistem em lutar da mesma forma.

Gabriel
Gabriel
1 ano atrás

Nenhum especialista conseguiu afirmar se efetivamente a ofensiva ucraniana iniciou ou estão apenas testando as defesas russas em diversas frentes.

Ops, temos alguns entusiastas aqui que “sabem”.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Gabriel
1 ano atrás

Terça-feira (06/06/2023), Serguei Shoigu, naturalmente sem apresentar provas, declarou: “As perdas das [Forças Armadas da Ucrânia] totalizaram 3.715 soldados, 52 tanques, 207 veículos blindados de combate, 134 veículos motorizados, cinco aeronaves, dois helicópteros, 48 ​​peças de artilharia de campo e 53 veículos aéreos não tripulados”. Depois o Ministério da Defesa Russo fará a correção: “As perdas das [Forças Armadas da Ucrânia] totalizaram 3.715 espantalhos, 52 colheitadeiras, 207 tratores, 134 pulverizadored, 5 aeronaves de pulverização, 2 drones agrícolas, 48 ​​ordenhadeiras e 53 corvos assustados”. O MoD russo reconheceu que o agronegócio ucraniano sofreu elevadas perdas durante a Operação Militar Especial. Tudo… Read more »

Last edited 1 ano atrás by Marcelo
Augusto
Augusto
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

Falando em especialistas…

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
1 ano atrás

Agora só falta saber se vão enviar para a frente de combate T54/T55 ou T34.

Francisco
Francisco
Reply to  Sturmgewehrstgde
1 ano atrás

_________

COMENTÁRIO APAGADO POR REPETIÇÃO SISTEMÁTICA. BASTA POSTAR O VÍDEO UMA VEZ, NÃO PRECISA POLUIR O BLOG REPETINDO INÚMERAS VEZES. MANTENHA O BLOG LIMPO. LEIA AS REGRAS:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Underground
Underground
1 ano atrás

A Rússia ainda vai ser acusada de genocídio e será comparada a um outro país. Vai ser difícil para muitos justificarem suas defesas aos russos. Cada comentário postado ficará registrado para a posteridade como uma apologia ao genocidio do povo ucraniano.
Lamentável!

Underground
Underground
Reply to  Underground
1 ano atrás

Vou mais longe: cada comentário postado em qualquer lugar da web fica registrado em arquivos. Amanhã alguém, em algum lugar, coloca um filtro qualquer e o cara vai pedir um visto e recebe “negado” e não sabe o motivo. Muita gente sai postando bobagens sem se dar conta dis riscos.

fjuliano
fjuliano
Reply to  Underground
1 ano atrás

Sabe qual a porcentagem da população mundial representa os países que sancionaram a Rússia? 16% (dezesseis por cento). Isso mesmo: “The countries that have sanctioned Russia over Ukraine represent only 16 percent of the world’s population. https://www.wilsoncenter.org/blog-post/countries-have-sanctioned-russia. A visão de “bem contra o mal” é recebida, inclusive, por uma parcela apenas da população dos países que representam esses 16%. Nem isso é unânime nesses países. Ou seja, a realidade difere muito do discurso enlatado, e o povo no mundo não é imbecil e ignorante como vc e outros pensam. Como bem disse o diplomata indiano, os europeus pensam que os… Read more »

Kommander
Kommander
Reply to  Underground
1 ano atrás

Kkkkkkkkkkkkkkk Meu Deus!

Marcelo
Marcelo
1 ano atrás

Mais uma prova da consciência de campo de batalha em estado da arte das forças ucranianas. Um drone de vigilância localiza um obus rebocado russo, as coordenadas são passadas para a artilharia guiada ucraniana, um projétil M982 Excalibur é disparado e o obus é destruído. Os ucranianos postaram o video no Twitter com a seguinte mensagem: “Um obus rebocado russo D-20 de 152 mm foi destruído pelo exército ucraniano com um impacto direto de M982 Excalibur na margem esquerda do rio Dnipro, Kherson Oblast.”
https://twitter.com/UAWeapons/status/1662453212689965056?s=20

Francisco
Francisco
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

_________

COMENTÁRIO APAGADO POR REPETIÇÃO SISTEMÁTICA. BASTA POSTAR O VÍDEO UMA VEZ, NÃO PRECISA POLUIR O BLOG REPETINDO INÚMERAS VEZES. MANTENHA O BLOG LIMPO. LEIA AS REGRAS:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Marcelo
Marcelo
1 ano atrás

Parece que a Rússia vai mesmo precisar de mais combatentes e equipamentos militares. Atualizando o placar do desastre russo. Em 08/06/2023, o Ministério da Defesa da Ucrania atualizou as perdas russas referentes ao dia 468 do conflito militar: – 212.030 soldados mortos; – 314 aviões militares abatidos; – 299 helicópteros militares abatidos; – 3.873 tanques de guerra destruídos ou capturados; – 3.640 peças de artilharia destruídas ou capturadas; – 7.560 veículos de combate e blindados destruídos ou capturados; – 594 sistemas de foguetes de lançamento múltiplo (MLRS) destruídos ou capturados; – 18 embarcações militares afundadas; – 6.349 veículos de transporte… Read more »

Last edited 1 ano atrás by Marcelo
Felipe
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

Vc acredita mesmo nesses numeros do MD ucraniano? Kk

Francisco
Francisco
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

_________

COMENTÁRIO APAGADO POR REPETIÇÃO SISTEMÁTICA. BASTA POSTAR O VÍDEO UMA VEZ, NÃO PRECISA POLUIR O BLOG REPETINDO INÚMERAS VEZES. MANTENHA O BLOG LIMPO. LEIA AS REGRAS:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Marcelo
Marcelo
1 ano atrás

Agora já não há mais dúvidas a respeito do início da contra-ofensiva ucraniana. Há movimento em grande escala de tropas no sul e na parte sudoeste do Donbass. Os ucranianos estão atacando em vários eixos, buscando os pontos fracos nas defesas russas e para despejar reservas, tentando alcançar a superioridade local e buscando um avanço operacional. A direção da contra-ofensiva faz supor que o Comando Militar ucraniano esteja tentando cortar a ponte terrestre que conecta as forças russas no sul da Ucrânia com a Crimeia ocupada. Por enquanto as forças russas estão segurando as frentes de batalha …
https://www.19fortyfive.com/2023/06/dead-and-wounded-putin-has-lost-212000-in-ukraine-war/

Andre G.
Andre G.
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

Colou o mesmo link duas vezes?

Marcelo
Marcelo
Reply to  Andre G.
1 ano atrás

Sim, porque são dois trechos diferentes com origem na mesma fonte. Por isso o link foi colado duas vezes.

André G.
André G.
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

Valeu pela explicação.

Henrique
Henrique
1 ano atrás

O fato é que os russos fizeram uma grande C.. ao invadir a Ucrânia achando que os EUA e Otan não iriam suportar aquele país. Quiseram infringir uma ação relâmpago (até bem empregada) mas com a arrogância de achar que as inteligências de outros países não estariam informando o adversário… perderam seus melhores efetivos na linha de frente e estão arrastando uma guerra que não parece dar sinais de fim.. chegando ao ponto de implodirem barragens para alagamento de território inimigo, fora as cidades dizimadas ao estilo território arrasado soviético. O fato é que aquilo está cada vez mais se… Read more »

Marcelo
Marcelo
1 ano atrás

A Ucrânia lançou um ataque em Zaphorizhzhia Oblast. O objetivo desse ataque é interromper e eventualmente cortar a ponte de terra para a Crimeia. Na quinta-feira, as forças ucranianas atingiram locais dentro e ao redor da cidade de Orikhiv, apesar de ” perdas significativas”. Vários repórteres militares russos afirmam que a Ucrânia obteve pequenos ganhos em Zaporizhzhia Oblast.
https://www.thedrive.com/the-war-zone/ukraine-situation-report-offensive-brings-claims-of-limited-breathroughs

Oráculo
Oráculo
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

O Kings de pólo invertido não para…

Magaren
Magaren
Reply to  Oráculo
1 ano atrás

Nem se compara, Kirkis ficava postando fanficts da mente dele com vários usuarios que ele cria comentando entre si, Marcelo posta conteudo e coloca a fonte.
Lógico que quem torce para um lado não vai gostar.

Felipe
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

Perderam um monte de Leopard e Bradley nesse ataque.

Francisco
Francisco
Reply to  Felipe
1 ano atrás

_________

COMENTÁRIO APAGADO POR REPETIÇÃO SISTEMÁTICA. BASTA POSTAR O VÍDEO UMA VEZ, NÃO PRECISA POLUIR O BLOG REPETINDO INÚMERAS VEZES. MANTENHA O BLOG LIMPO. LEIA AS REGRAS:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

fjuliano
fjuliano
1 ano atrás

A catástrofe militar do lado ucraniano é sempre escondida pela grande mídia ocidental que fornece a notícia enlatada para as mídias brasileiras repassarem. Natural isso, sempre foi assim. Quais formas possibilitam uma análise mais coerente desse conflito? Notícias como essa, de dois dias atrás, dão um vislumbre do que se passa no campo de batalha: “Nato members may send troops to Ukraine, warns former alliance chief; “We know that Poland is very engaged in providing concrete assistance to Ukraine. And I wouldn’t exclude the possibility that Poland would engage even stronger in this context” ”; https://www.theguardian.com/world/2023/jun/07/nato-members-may-send-troops-to-ukraine-warns-former-alliance-chief ; – Membros da… Read more »

Nickless
Nickless
Reply to  fjuliano
1 ano atrás

verdade, em julho do ano passado o ixpecialista kings falou que o exercito ucraniano estava totalmente destruído, sem força alguma pra tentar qualquer coisa. esses ixpecialistas…

Marcelo
Marcelo
Reply to  fjuliano
1 ano atrás

Hum … catastrofe militar … sei … na foto, parece que foram destruídos 4 Bradleys, 1 Leopard 2 e um limpador de minas terrestres. Só não sei dizer se foi efeito de ATGMs, minas terrestres ou destruição após abandono pelos ucranianos. Grande catástrofe militar …

Francisco
Francisco
Reply to  fjuliano
1 ano atrás

_________

COMENTÁRIO APAGADO POR REPETIÇÃO SISTEMÁTICA. BASTA POSTAR O VÍDEO UMA VEZ, NÃO PRECISA POLUIR O BLOG REPETINDO INÚMERAS VEZES. MANTENHA O BLOG LIMPO. LEIA AS REGRAS:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Franklin Júnior
Franklin Júnior
1 ano atrás

Ao meu ver o único problema p/ a Ucrânia é q ela está ficando sem dinheiro p/ bancar essa guerra( injusta p/ ela, pois foi invadida por um gigante desordenado).
E por mais q o mundo conteste essa “selvageria”, e ajuda seja dada, na verdade nada se pode fazer s/ dinheiro.
Entre países os interesses pesam mais q a amizade.

fjuliano
fjuliano
1 ano atrás

Para quem estava contestando imagens de tanques alemães Leopard destruídos nesse desastre q tem sido a “maravilhosa contra ofensiva ucraniana” aí vai: https://southfront.org/mass-slaughter-of-leopard-2-tanks-bradley-vehicles-in-zaporozhye-region-video/

sub urbano
sub urbano
Reply to  fjuliano
1 ano atrás

vi um video de um KA-52 pulverizando uma coluna inteira de Humvees e Bradleys.

sub urbano
sub urbano
Reply to  sub urbano
1 ano atrás

usando o missil ATAKA, o mesmo dispensado pela FAB pra fazer gracinha pros americanos kkk “i love you trump”

Maurício.
Maurício.
Reply to  sub urbano
1 ano atrás

O ataka não é nada perto dos skyfire 70 dos esquilos…

Marcelo
Marcelo
Reply to  sub urbano
1 ano atrás

Igual à destruição daquele Leopard 2 … ou seria colheitadeira?

Francisco
Francisco
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

_________

COMENTÁRIO APAGADO POR REPETIÇÃO SISTEMÁTICA. BASTA POSTAR O VÍDEO UMA VEZ, NÃO PRECISA POLUIR O BLOG REPETINDO INÚMERAS VEZES. MANTENHA O BLOG LIMPO. LEIA AS REGRAS:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Francisco
Francisco
Reply to  fjuliano
1 ano atrás

_________

COMENTÁRIO APAGADO POR REPETIÇÃO SISTEMÁTICA. BASTA POSTAR O VÍDEO UMA VEZ, NÃO PRECISA POLUIR O BLOG REPETINDO INÚMERAS VEZES. MANTENHA O BLOG LIMPO. LEIA AS REGRAS:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Felipe
1 ano atrás

Já é oficial (ou seja, está até na mídia ocidental): Leo2A6 e Bradleys destruidos: https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2023/06/ucrania-acelera-contraofensiva-em-area-ocupada-pela-russia.shtml

Marcelo
Marcelo
Reply to  Felipe
1 ano atrás

Agora você disse tudo … na mídia ocidental … porque na mídia russa os reveses dos compatriotas não aparecem e os ganhos são superestimados … a propósito … não foram 30 veículos blindados destruídos? Na foto que eu vi havia 4 Bradleys, 1 Leopard 2 e um limpador de minas terrestres. Estão faltando 26 veículos … serão colheitadeiras, tratores ou pulverizadores de plantações?

Scudafax
Scudafax
1 ano atrás

O mais recente desenvolvimento no conflito foi a ferrenha resistência posta pelo lado Russo, com utilização massiva de meios aéreos, especialmente o Ka-52. O mais novo pacote de bilhões de dólares em armamento pode focar em prover meios de defesa contra os helicópteros para as linhas de frente.

Neural
Neural
Reply to  Scudafax
1 ano atrás

Já tá na grande mídia a foto de 3 Bradleys e 1 leopard 2 destruídos..

Contraofensiva de araque

Marcelo
Marcelo
Reply to  Neural
1 ano atrás

Mas não eram 30 veículos blindados destruídos? A foto que eu vi tinha 4 Bradleys, 1 Leopard 2 e um limpador de minas BMR-2. Só não se sabe se foram destruídos por minas / ATGMs ou abandonados pelo ucranianos. Esse é só um teste contra as defesas e até os milbloggers russos já demonstraram preocupação. A toda poderosa Rússia está na defensiva … igual ao porco espinho contra a onça … a pintada vai ficando com as garras e o focinho cheio de espinhos mas acaba conseguindo expor a barriga desprotegida do espinhoso, então …

Francisco
Francisco
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

_________

COMENTÁRIO APAGADO POR REPETIÇÃO SISTEMÁTICA. BASTA POSTAR O VÍDEO UMA VEZ, NÃO PRECISA POLUIR O BLOG REPETINDO INÚMERAS VEZES. MANTENHA O BLOG LIMPO. LEIA AS REGRAS:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

José
José
Reply to  Neural
1 ano atrás

Voltou mais um dia nível Quings….meu Deus.

Scudafax
Scudafax
1 ano atrás

Em resumo: Testar as defesas russas, prover bilhões de dólares em armamento baseado no teste, testar novamente, até conseguir romper as linhas. Lembrando que artilharia pode literalmente pulverizar linhas de defesa estáticas.

Neural
Neural
Reply to  Scudafax
1 ano atrás

3 Bradleys e 1 Leopard 2 destruídos nessa foto aqui, Bordão!!!!@

Neural
Neural
Reply to  Neural
1 ano atrás

O nome da arma cĥamase-se Vikhr, míssil guiado a laser arma principal dos helicopteros russos. O ka-52/Mi-28 lançam ele a mais de 10km de distância, longe do alcance dos Manpads e da AA de tubo. Só AA estilo os Iris-T pode tratar com eles nessa distância

Jodreski
Jodreski
1 ano atrás

Acho que a grande pergunta não é quantos combatentes Russos morreram na Ucrânia e sim quantos soldados Ucranianos já morreram nesse conflito e com quantos ainda a Ucrânia pode contar. A população Ucraniana não tem o mesmo tamanho da Russa, se esse conflito se prolongar chegará o momento que as forças Ucranianas não terão mais da onde tirar pessoal e ai o que a Otan vai fazer? Mandar soldados para a Ucrânia? Pq se for para chegar a esse ponto é melhor já mandar já e por um fim nesse conflito de vez ou não sobrará Ucrânia (se é que… Read more »

Omg
Omg
1 ano atrás

Agora a situação dos russos está bem mais tranquila, porque vão ficar na defensiva e já construíram muitas trincheiras.
A batata quente agora passou pra mão dos ucranianos, que terão o ônus de partir pra ofensiva. E quem ataca trincheiras precisa se preparar para ter muitas perdas.
Seria interessante um artigo desses sobre o tamanho das forças ucranianas. Até hoje não vi em lugar nenhum uma análise do tamanho atual do exercito ucraniano.

Neural
Neural
Reply to  Omg
1 ano atrás

Vão tomar a Crimea! Confia…

Desse jeito vão eleger Putin Czar Russo

Marcelo
Marcelo
1 ano atrás

Depois de passar vergonha destruindo o agro ucraniano, finalmente a Rússia conseguiu alguma prova de que destruiu veículos blindados doados pelo ocidente … festa em Moscow. Mas imagens desses veículos danificados ou destruídos não são um choque. A Ucrânia está avançando sem apoio aéreo em uma área onde os russos já desconfiavam da possibilidade de ataque e prepararam fortes defesas, inclusive com minas terrestres e fortificações. Os Leopards e os Bradleys são mais capazes do que quaisquer outros veículos blindados no arsenal ucraniano, mas não são invencíveis, especialmente nessas condições. O treinamento dos ucranianos foi acelerado, erros serão cometidos e… Read more »

Nuno Taboca
Nuno Taboca
Reply to  Marcelo
1 ano atrás

As perdas são de inerentes à guerra. Ngn nunca disse que leopardo e indestrutível, ou Challenger, ou Bradley. A diferença, é que as font e ocidentais tem liberdade, podem noticiar. Já os russos, se postarem algo contra o imperador, cai da sacada, ou vai pra prisão se sua filha desenhar a bandeira ucraniana. Esse conflito moral, com o ocidente com suas mazelas, erros, mas tendo liberdade para noticiar, e sem medo de ir preso ou morto , e que nos diferencia dos adoradores do imperador putin, bandido.

LUIZ
LUIZ
1 ano atrás

Então os ucranianos tem 40k soldados?kkkkkkk.

“Isso é a luta de um exército incompetente contra uma Nação.”

Explica ai esse trecho.

sub urbano
sub urbano
1 ano atrás

Enquanto vc escrevia essa groselha um lancet fritou um leopard agora a pouco kkk

sub urbano
sub urbano
1 ano atrás

Ucrania perdeu um comboio inteiro para drones (nao tenho certeza se é o Lancet), primeira vez q vejo isso. Jipes, caminhões escoltados por M-113s, mais de 10. Tem um outro video q um KA-52 ataca um grupo de blindados à noite, parece q os ucranianos se juntaram para dormir, perto de uma linha de arvores, o KA-52 detectou o grupo pelos sensores infravermelhos e destruiu 5 blindados.

Neural
Neural
Reply to  sub urbano
1 ano atrás

Lancet acertou um Leopard 2 e destruiu! Tanque de latinha, vídeo no southfront!

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Neural
1 ano atrás

Tá aqui o vídeo;:
https://t.me/intelslava/48691

Francisco
Francisco
1 ano atrás

Para aqueles que ainda duvidam está aí.
https://www.youtube.com/watch?v=5XYBfXX2eYU

e se mesmo assim ainda continuam duvidando tá aqui.
https://www.youtube.com/@tribuntimur/videos