Embaixada do Brasil na Rússia recomenda evitar ‘aglomerações públicas e deslocamentos desnecessários’

48

Depois das ações do grupo paramilitar russo Wagner neste sábado (24), a embaixada do Brasil em Moscou, a capital da Rússia, emitiu um comunicado aos brasileiros que estão no país. Por meio do plantão consular, o documento pediu que sejam evitadas “aglomerações públicas e deslocamentos desnecessários”.

O texto destaca também que a representação brasileira no país “acompanha atentamente os recentes acontecimentos na Rússia e pede que seus nacionais sigam as orientações e medidas de segurança difundidas pelas autoridades locais por meios oficiais”.

A agência estatal russa confirmou que mercenários do grupo paramilitar Wagner estão em Rostov, cidade próxima à fronteira com a Ucrânia. Os soldados cercaram o quartel-general militar da cidade. O líder do grupo paramilitar, Yevgeny Prigozhin, anunciou na tarde deste sábado que seus homens, que se dirigiam a Moscou a partir do sudoeste da Rússia, retornaram aos acampamentos, para evitar um banho de sangue.

O prefeito de Moscou, Serguei Sobyanin, havia anunciado mais cedo que “medidas antiterroristas” foram adotadas na capital depois que o líder do grupo se rebelou contra o comando militar russo. As autoridades dos oblasts (estados federais) de Rostov e Lipetsk também anunciaram medidas adicionais de segurança.

Vídeos que circulam na internet na Rússia mostram homens armados cercando prédios administrativos na cidade de Rostov, no sul do país, com tanques mobilizados no centro. O líder do grupo Wagner, Yevgeni Prigozhin, afirmara anteriormente que suas tropas haviam ingressado no território russo pelo oblast de Rostov.

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, prometeu punir a “traição” do líder do grupo paramilitar Wagner, cuja rebelião contra o comando militar de Moscou representa uma “ameaça mortal” e o risco de uma “guerra civil” para o país, em pleno conflito com a Ucrânia.

Vestindo terno e gravata pretos, com semblante sério e tom solene, o presidente russo se referiu, sem nomeá-lo explicitamente, ao homem que o desafia, Yevgeni Prigozhin. “É uma punhalada pelas costas para o nosso país e o nosso povo”, disse Putin em seu discurso à nação.

 

FONTE: R7

Subscribe
Notify of
guest

48 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Atirador 33
Atirador 33
9 meses atrás

Rússia terra sem comando e sem ordem, a história do ksar Nicolau se repete com Putin.

George
George
Reply to  Atirador 33
9 meses atrás

Se eu voltar no tempo dois anos e contar para o pessoal daquela época o que se passa hoje na Rússia seria chamado de maluco.

Diasprank
Diasprank
Reply to  George
9 meses atrás

Se vc for contar o que se passa na Ucrânia, será chamado de assombração.

George
George
Reply to  Diasprank
9 meses atrás

Um dia a Rússia já foi chamada de potência. Hoje está bem parecida com república bananeira da América Latina.
Com essa desorganização interna não tem mais como seguir em frente na Ucrânia. Agora é só avanço para trás (especialidade do Putin).

Magaren
Magaren
Reply to  Atirador 33
9 meses atrás

O exércicito de branca leone pelo menos tinha comando.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Magaren
9 meses atrás
Nilo
Nilo
Reply to  Camargoer.
9 meses atrás

Mestre concordo com Teropode, no sentido de que deve ter havido um grau de teatrializacao, no sentido de dar mais impacto, ao que podemos chamar de mais uma greve sindical do que uma tentativa de golpe. O Perigosin (rsrsrsrs) deixou um recado, Putin se não quiser ser surpreendido em um futuro, terá que levar em consideração mudanças, incluvise já a notícias neste sentido. Como: -Utkin, Prigozhin, Lukashenka e Dyumin começarão sua reunião em Moscou. -levantar todos os documentos sobre Shoigu e o representante mais endinheirado do Ministério da Defesa, -nova estrutura de comando, WAGNER PMC. -Todos os PMCs (independentemente de… Read more »

Diasprank
Diasprank
Reply to  Magaren
9 meses atrás

24 de junho – Wagner a 200 km de Moscou.
25 de junho – Wagner a 100 km de Kiev.

Putin – The Master of 5D Chess.

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Diasprank
9 meses atrás

Verdade, já transportaram milhares de soldados do grupo Wagner, carros de combate e outros equipamentos pesados, do sul da Rússia para a fronteira norte da Ucrânia. De um dia pra outro.

Devem ter se deslocado secretamente, sem nenhum satélite perceber, usando túneis de uma liga de titânio e nióbio nanorreforçados com grafeno, cortando caminho pelo manto terrestre.

Isso já é jogada de xadrez pandimensional, com direito ao uso de fendas no espaço-tempo.

Underground
Underground
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
9 meses atrás

Nunão,
Essa é uma parte importante da coisa. Como transportar tropas, veículos, munição, sem ninguém ver.
Mas fiquei curioso com isso, pois tem muita gente falando isso e não sei de onde tiraram. Notícia diversionista?

Underground
Underground
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
9 meses atrás

O único membro do Wagner que está em Belarus é o seu líder, pelo que se sabe.

Diasprank
Diasprank
Reply to  Atirador 33
9 meses atrás

Não tenho essa visão messiânica, vamos acha que os russos vão finalmente para o ataque.

Gilson Elano
Gilson Elano
9 meses atrás

Vivi pra ver o Pudim e o exército nazista vermelho, com medo de uma milícia.
Pena que não se engalfinharam, teria sido bastante interessante.

Diasprank
Diasprank
Reply to  Gilson Elano
9 meses atrás

O problema é que os ucranianos não vão viver para ver isso.

George
George
Reply to  Diasprank
9 meses atrás

A guerra na Ucrânia virou Guerra na Rússia.

Diasprank
Diasprank
Reply to  George
9 meses atrás

Notícia de agora da SkyNews.
Prighozin foi incumbido de um ataque à Ucrânia.
O Jornal está dizendo que é Kiev.
Eu acho que é Kharkov.

José
José
Reply to  Diasprank
9 meses atrás

Aham. Aham.

Underground
Underground
Reply to  Gilson Elano
9 meses atrás

É um exército de coração nazista e cérebro vermelho. O uniforme é do jeito que quiserem.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Gilson Elano
9 meses atrás

Caro Gilson. O nazismo é um movimento político de inspiração fascista que ocorreu na Alemanha na década de 30. Já o exercido vermelho foi organizado por Trostky para sustentar o governo soviético. Aliás, o exército vermelho foi extinto quando a ex-URSS colapsou após a queda do Muro de Berlin. È um grande erro misturar estas coisas. O exército vermelho soviético nunca foi nazista e nem o regime de Putin é de esquerda.

Renan
Renan
9 meses atrás

Kkkk vamos rir do palhaço Putin. Se a OTAN dar meia dúzia de m16 eles tomam moscow. kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Last edited 9 meses atrás by Renan
Realista
Realista
Reply to  Renan
9 meses atrás

Espera sentado ai que o Prigozhin vai derrubar o Putin KKKKKDASKODASKO

Diasprank
Diasprank
Reply to  Renan
9 meses atrás

A única e principal questão: Estão esperando o quê?

George
George
Reply to  Diasprank
9 meses atrás

Dinheiro. Mas parece que Putin já abriu o cofre para o Grupo Wagner

Realista
Realista
Reply to  George
9 meses atrás

Na verdade o Putin prendeu os 4 bilhões de rublos achado em uma van que o próprio Prigozhin assumiu ser ” dele ”

Matheus
Matheus
9 meses atrás

Na verdade já devia comunicar pra pelo menos terem os documentos em mãos e dinheiro pra passagem caso a m*rda agarre de vez lá.

Francisco Vieira
Francisco Vieira
9 meses atrás

São uns xxxxxx! A violência e o crime aqui está muito pior do que na Rússia, os manos de São Paulo dominam dos morros até os poderes da praça dos tres poderes, uma pessoa é assaltada por minuto e esses xxxxx estão preocupados com “aglomerações” lá em Moscou!

JuggerBR
JuggerBR
9 meses atrás

Carequinha do PMC Wagner cometendo janelocídio em 3,2,1…

João
João
9 meses atrás

Confesso q me preocupei de uma arma nuclear cair em mãos erradas …
Chantagem nuclear por mercenarios… imaginem…

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  João
9 meses atrás

Caro João. Entre muitas razões, é por causa disso que sou favorável ao banimento das armas nucleares. Existe o risco de um fanático fascista ser eleito em sistemas democráticos e também ter ao seu dispor armas nucleares. Lembre que com o colapso da ex-URSS, milhares de armas nucleares ficaram disponíveis. Isso pode acontecer com o Paquistão, com a Índia, com os EUA (que já mostraram possuirem um sistema político frágil), França, Inglaterra, China. A Coréia do Norte tem armas nucleares nas mãos de pessoas que vivem em um regime fechado. Israel pode se tornar uma ameaça nuclear (nas verdade, Israel… Read more »

Joao
Joao
Reply to  Camargoer.
9 meses atrás

É uma teoria.
O problema é que se banido, alguém pode fazer novamente, e “rápido”, dependendo dos detentores da tecnologia…
E cabe outra reflexão.
O que é mais provável? Uma dessas cair em mãos erradas, ou uma guerra entre os países que as não terão mais?
Imagine, Índia e Paquistão. Israel e Árabes. EUA e China ou Rússia.
Difícil…

Maurício.
Maurício.
9 meses atrás

Ele diria: Temos pólvora! 😂 Agora, falando sério, ele não diria nada de útil e não aconteceria nada de mais grave, afinal, não seria a primeira embaixada a ir pelos ares por bombardeio…

Arthur
Arthur
9 meses atrás

Daqui ins três meses esses caras irão se dar conta que o “gópi” teve inicio em 23.06 e acabou no dia 24.06. Ou ainda tem quem acredita nas mentiras do Prigozhin? Pelamordedeus, é guerra que segue, e lá no sul da Ucrânia, os Leo e Bradley continuam tomando mecha… Não tem essa de ficar esperando o “gopi” do chefe do Wagner, porque esse também tem chefe, lá no Kremlim. Segue o estado de excessão (por causa do “gópi”), com a caça aos que apoiaram o mequetrefe. A finalidade foi a de depurar. Inclusive, na Sky News, um general inglês já… Read more »

Joao
Joao
Reply to  Arthur
9 meses atrás

O Grupo Wagner já atacou da Bielorussia?
Não?
Então esse plano já caiu…. Porque a Ucrânia não precisa fazer movimento escondido pra defender suas frentes.
E a da Bielorrússia, com certeza, tá defendida.

Diasprank
Diasprank
9 meses atrás

Ele está mais preocupado em acabar com um acordo com a União Europeia que era claramente prejudicial ao Brasil.

Cristiane Quirino
Cristiane Quirino
9 meses atrás

Após 1 ano de guerra, eu pensei que teria mais gente insatisfeita com Putin no Kremlin mas parece que me enganei.
Depois de 1 ano de guerra sangrenta, nem um general aderiu ao golpe, nenhum politico, ninguém importante aderiu ao golpe.
Parece que Putin continua forte na Russia.

Diasprank
Diasprank
Reply to  Cristiane Quirino
9 meses atrás

É exatamente por isso que a guerra está demorando.
A Rússia está usando relativamente pouquíssimos meios.
A Ucrânia com menos de 40 milhões de habitantes tem mais de 1 milhão de soldados.
A Rússia, com 150 milhões de habitantes, cerca de 300 mil no front.
Evidentemente que as baixas ucranianas são muitos maiores que as russas, até pelo efetivo empregado e pelas táticas russas que são para causar estragos no Exército inimigo.

Heinz
Heinz
Reply to  Diasprank
9 meses atrás

“É exatamente por isso que a guerra está demorando” = Os russos subestimaram os ucranianos e agora pagam um alto preço em vidas e equipamentos, tanto é que já perderam muito território do que haviam controlado no início da invasão. A Rússia está usando relativamente pouquíssimos meios. = É verdade esse bilhete, vamos esquecer quem tá colocando T62, T55, na frente de combate, e quem já fez mobilização forçada de suas forças. A Ucrânia com menos de 40 milhões de habitantes tem mais de 1 milhão de soldados. = se somente números ganhassem guerras, Israel já tinha sido evaporado do… Read more »

Godo
Godo
Reply to  Heinz
9 meses atrás

A Ucrânia também está usando t-62. A Ucrânia apenas em bakhmut teve 50 mil mortos, E várias brigadas destruídas. Com certeza a ucrania esta tendo muito mais baixas do que os russos, justamente pela artilharia e aviacao

Last edited 9 meses atrás by Godo
José
José
Reply to  Diasprank
9 meses atrás

Muda-se os nomes e o texto continua o mesmo.

Carvalho
Carvalho
Reply to  José
9 meses atrás

Ele estava aguardando instruções da Matriz…

Mafix
Mafix
Reply to  Cristiane Quirino
9 meses atrás

Não viu os videos da população batendo palmas para o Wagner e sem medo do tal grupo ‘mercenario’ ?
(Agora vamos falar sério, não sabemos o que se passou realmente no tal acontecimento do dia de ontem)

gordo
gordo
9 meses atrás

Só gostaria de entender qual o motivo que os Russos teriam para bombardear (proposital) a nossa embaixada, ou qualquer outra embaixada? Difícil imaginar o que alguém falaria numa situação dessas, de tão irreal que é.

Camargoer.
Camargoer.
9 meses atrás

Olá Colegas. Como os acontecimentos foram relativamente rápidos e a cobertura jornalística bastante superficial, eu preferi esperar para entender. Aliás, ainda falta muita coisa para entender. O filme “Operação Valkíria” é um excelente ponto de partida de como se faz um golpe de estado clássico. Talvez a cena mais importante é quando o Coronel Stauffenberg pergunta aos conspiradores: “E depois? Vocês derrubam Hitler e tomam o poder, mas e depois?”. Se os mercenários dos batalhões Wagner pretendiam derrubar Putin, a pergunta que precisava ser respondida era “E depois?”. Mesmo agora, a pergunta continua importante. Após uma rebelião contra o governo… Read more »

Carvalho
Carvalho
Reply to  Camargoer.
9 meses atrás

Bem colocado, meu caro.
Em um país onde a ordem democratica e institucional foi quebrada, o vácuo de poder pode ser agarrado por qualquer um (desde que apoiado por um grupo armado).
A situação na Rússia é tão ruim….que até os EUA se alarmaram cam uma eventual queda de Putin.
Desde o início da Guerra afirmo que a Rússia é institucionalmente fraca….e o que vier depois de Putin, será uma aberração armada.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Carvalho
9 meses atrás

Olá Carvalho. As análises apresentadas pelos meios de mídia são bastante fracas. Eventualmente, a CNN ou a GloboNews convida um professor ou professora de assuntos internacionais que faz uma boa análise. Tenho ignorado os colunistas e jornalistas. Ainda que muita gente não goste dele, o Celso Amorin tem feito boas avaliações. Talvez fosse o caso de entrevistarem outros ex-chanceleres, com exceção do “Arnesto Araújo” que deve estar equivocado até para sugerir seis números para a Megassena. Acho que os batalhões Wagner nunca representaram um risco para Putin, mas sua sublevação poderia ter prejudicado a posição russa na guerra contra a… Read more »

Carvalho
Carvalho
Reply to  Camargoer.
9 meses atrás

Sim..concirdo
Mas somente am ambientes organizacionais caoticos e conturbados…existe espaço para esses tipos de bizarrices.
Prighojin é um ex presidiário (assaltos a mão armada). Não acredito que este motim tenha sido para dissimular qualquer outro tipo de política.
A política na Rússia cada vez mais estará nas mãos de gente como ele, Kadirov e Lukashenko.
Não.pode dar certo…..

Joao
Joao
Reply to  Camargoer.
9 meses atrás

Mas muitos tem pouco conhecimento sobre ciências militares, o que torna essas análises também superficiais, quando entram em alguns aspectos do conflito, embora tenham uma boa redação e/ou alocução.

Camargoer.
Camargoer.
9 meses atrás

Caro. Existem vários casos de embaixadas que foram invadidas durantes revoluções ou que sofreram ataques terroristas. Lembro das embaixadas dos EUA no Vietnã, Irã, Quênia, Tanzânia, da embaixada de Israel na Argentina, da residência do embaixador japonês no Peru. Lembre que em 2019, a embaixada brasileira em Berlin foi vandalizada e a embaixada brasileira na Nova Zelandia foi invadida por manifestantes também 2019 que protestavam contra o governo brasileiro. Estes casos mostram mais ou menos quais são as reações que os governos tomam em relação aos ataques às suas representações diplomáticas.