IRIS-T-SLM

O governo alemão atualizou a lista de ajuda militar prestada à Ucrânia na quinta-feira, 4 de janeiro.

De acordo com o relatório, como parte do novo pacote de ajuda, a Ucrânia recebeu:

  • Uma quantidade não revelada de munição para tanques Leopard 2 A6;
  • 10 veículos de combate de infantaria Marder;
  • Mísseis para sistemas de defesa aérea IRIS-T SLM;
  • 2 radares de vigilância aérea TRML-4D;
  • Sistema de artilharia antiaérea autopropulsada Skynex;
  • Mais de 9.000 projéteis calibre 155 mm;
  • 2 tanques de remoção de minas Wisent 1 e uma ponte lançada por veículo blindado Beaver;
  • Mais de 3.000 capacetes;
  • 30 sistemas de detecção de drones;
  • 10 radares de vigilância terrestre GO12;
  • 10 caminhões Mercedes-Benz Zetros;
  • 3 tratores HX81 e 1 reboque, além de 34 veículos (caminhões, vans e veículos todo terreno);
  • 305 fuzis de assalto MK 556 e 750 mil cartuchos de munição;
  • mais de 1.000 redes de camuflagem de inverno e 2.000 ponchos de camuflagem de inverno.

Em 2023, as exportações de armas da Alemanha atingiram um recorde de 12,2 bilhões de euros. A Ucrânia foi o principal destinatário de armas da Alemanha, no valor de 4,44 bilhões de euros.
O governo alemão atualizou a lista de ajuda militar à Ucrânia em 22 de dezembro, anunciando o fornecimento de 3 sistemas antiaéreos autopropulsados Gepard com componentes adicionais, além dos 49 sistemas fornecidos anteriormente.

FONTE: Ukrainska Pravda

Subscribe
Notify of
guest

72 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Antunes 1980
Antunes 1980
1 mês atrás

Os equipamentos doados são muito superiores ao que temos disponíveis por aqui.

Por que não buscamos doações junto a Alemanha, França, Inglaterra e Itália?

Rodrigo
Rodrigo
Reply to  Antunes 1980
1 mês atrás

Primeiro não estamos em guerra, segundo mesmo que estivessem nosso alinhamento do nosso presidente é maisncom Rússia donque otan.

Marco Antônio
Reply to  Rodrigo
1 mês atrás

Era a minha resposta, não temos inimigos praticamente

Nilo
Nilo
Reply to  Antunes 1980
1 mês atrás

fora do tópico: Novo T-80BVM. Já sai de fabrica com teto solar rsrsrs
https://vk.com/video-50332460_456403601

Bispo
Bispo
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Até Israel já adotou esse teto 🙃

Henrique
Henrique
Reply to  Antunes 1980
1 mês atrás

vai ver é pq o Governo Federal fala toda hora que Europa é culpada pela guerra e a Russia é inocente de querer exterminar a Ucrânia e cultura dela…. (e tb pq o atual comparou a ex da Alemanha com o cara da Nicaráguakkkkkk)

Fábio Jeffer
Fábio Jeffer
Reply to  Henrique
1 mês atrás

Russia querer exterminar a Ucrânia? É cada uma…

Henrique
Henrique
Reply to  Fábio Jeffer
1 mês atrás

nãooooooooooooooooooooooooo num quer não… A Rússia falar que a Ucrânia não existe, fazer um anexação forçada e banir a cultura ucraniana e a língua das areas ilegalmente ocupadas, passar mais de 600 dias jogando bombas exclusivamente em alvos civis não é um fato que diz que a Russia quer exterminar a ucrânia

é tudo invenção da mídia holidudiana atlanticista ocidental nariguda imperializa yanke reptiliana…….

Last edited 1 mês atrás by Henrique
Fábio Jeffer
Fábio Jeffer
Reply to  Henrique
1 mês atrás

Russia jogando bombas em alvos exclusivamente civis? Vc deveria repensar sua fontes de informação

Nei
Nei
Reply to  Fábio Jeffer
1 mês atrás

Todo dia.

Fábio Jeffer
Fábio Jeffer
Reply to  Nei
1 mês atrás

Os alvos são de valor militar sejam eles quais forem, e muitos desses alvos ficam dentro de Kiev, Karkhov, Lviv e por aí vai onde civis acabam sendo atingido ao contrário da Ucrânia onde os alvos são puramente civis sem nenhum valor militar

Last edited 1 mês atrás by Fábio Jeffer
Lord-M
Lord-M
Reply to  Fábio Jeffer
1 mês atrás

A Ucrânia faz esses ataques desde 2014.

Na grande Donetsky quase que diariamente. Ataques sem nenhuma validade militar.

Na véspera do ano novo fizeram um ataques desses em Belgorod.

É absoluta estupidez. Convence cada vez mais os russos que terão que consolidar uma “buffer zone” cada vez maior com a Ucrânia. A operação não vai acabar enquanto essas ameaças não forem plenamente eliminadas.

E agora no ocidente sem fala em “negociações de paz” (diante do desastre do apoio da OTAN na Ucrânia)?

Só haverá paz quando a Rússia determinar e nas suas condições. Podem anotar.

Henrique
Henrique
Reply to  Fábio Jeffer
1 mês atrás

KKKKK vai vir com essa mesmo kkkk

descobriu esse guerra hoje de tarde?

Fábio Jeffer
Fábio Jeffer
Reply to  Henrique
1 mês atrás

Desde 2014, quando os Ucranianos atacavam abertamente civis no Donbass

Last edited 1 mês atrás by Fábio Jeffer
Henrique
Henrique
Reply to  Fábio Jeffer
1 mês atrás

Fonte delirante…

Lord-M
Lord-M
Reply to  Henrique
1 mês atrás

Amplamente divulgado na mídia dos EUA e da Europa até o começo de 2022; esses ataques sumiram, assim como os neonazistas nas Forças Armadas Ucranianas, desde então.

Só pesquisar (Reuters, The Guardiam, BBC, CNN, WP, etc), antes de fevereiro de 2022.

Henrique
Henrique
Reply to  Lord-M
1 mês atrás

“assim como os neonazistas nas Forças Armadas Ucranianas, d”

kkkkkk ta bom cara…neonazistas… 680 dias de gerra e cara ainda em neonazistas kkkkkk

somo todos nazistas caso vc não saiba

comment image

Lord-M
Lord-M
Reply to  Henrique
1 mês atrás

Quem nega isso ainda?

E de fato é um processo de desnazificação; batalhões como Azov, Aidar, Kraken, dentre outros, praticamente não existem mais.

Como disse, batalhões exemplificados pela própria mídia dos EUA e Europa como neonazistas até fevereiro de 2022.

Heinz
Heinz
Reply to  Lord-M
1 mês atrás

não existem mais? Rapaz tu tá se informando por onde? O regimento Azov, continua a lutar, de fato em Mariupol perderam muitos dos seus soldados, mas conseguiram segurar os russos por tempo suficiente para que outras unidades pudessem se preparar. O regimento Azov, agora está mais bem equipado do que antes, a 12° brigada de propósito especial Azov da NSU está enfrentando os ocupantes nas florestas de Kreminna em em outras frentes de Luhansk, a 3° brigada especial de ataque Azov está na área de Bahkmut, entre outros terrenos. A unidade Kraken foi formada por veteranos do Azov, junto com… Read more »

Henrique
Henrique
Reply to  Heinz
1 mês atrás

mais engraçado que a Rússia capturou um monte de gente desse suposto “batalhões da SS” ai e semanas mais tarde devolveu todo mundo kkkkk

deve ser a primeira desnazificação da historia que vc prende o cara e libera ele na semana seguinte e nada mais acontece kkkkkk

Henrique
Henrique
Reply to  Lord-M
1 mês atrás

E de fato é um processo de desnazificação; batalhões como Azov, Aidar, Kraken, dentre outros, praticamente não existem mais.

kkkkkkkk ta bom fera…. confia

misteriosamente todo mundo que não quer viver sobre o domínio da Rússia é nazi… curioso o caso

Gilson Elano
Gilson Elano
Reply to  Fábio Jeffer
1 mês atrás

Qual a parte desse assalto a mão armada, praticado pelos russos, que não é visto como tentativa de extermínio?

Fábio Jeffer
Fábio Jeffer
Reply to  Gilson Elano
1 mês atrás

Meu amigo essa guerra não tem nada a ver com extermínio, aliás acho que vc e mais alguns nem sabe de fato o que significa essa palavra. Extermínio foi o que Hitler fez com judeus na segunda guerra

Henrique
Henrique
Reply to  Fábio Jeffer
1 mês atrás

Meu amigo essa guerra não tem nada a ver com extermínio,

não tem mesmo… Putin amaçar todo dia a ucrânia com arma nuclear, proibir ucraniano nas areas ilegalmente ocupas, quer impor pela força a cultura russa na ucrânia… nada a ver com extermínio

e nem to falado do crime de GENOCIDIO comprovado pela pratica pela Russia que foi sequestro de crianças

mas cunfia… eSsA GuErRa nÃo tEm nAdA A VeR CoM ExTeRmÍnIo

Gustavo
Gustavo
Reply to  Antunes 1980
1 mês atrás

Já recemos doações americanas, e ficamos muito felizes com suas sucatas, o segredo de um defesa militar não compra equipamentos militares do estrangeiro e produzir localmente com pesquisa e investimento e compra e continuidade do projeto com sua sucessão ou modernização. Entendeu pedintes patriota.

Lord-M
Lord-M
Reply to  Gustavo
1 mês atrás

As “doações” dos EUA para o Brasil sempre relegaram FAs obsoletas, sem conteúdo nacional e alinhadas ideologicamente com Washington.

Tem muita gente que acha isso vantagem para o país.

Scudafax
Scudafax
Reply to  Antunes 1980
1 mês atrás

Eu nunca vi potência estrangeira implorar equipamentos de outras potências. Certamente é o caminho sustentável para obter respeito militar. Afinal, vide o Irã, que até hoje voa F-14…

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Antunes 1980
1 mês atrás

doação?
kkkkkkkkk
imagino a cara da turma lá, cortando dobrado pra tentar fornecer o que a Ucrânia precisa, com um pedido de doação brasilis….”quebra essa pra nois ai meus brothers”

Nativo
Nativo
Reply to  Antunes 1980
1 mês atrás

Já era.
Nem dos EUA está sobrando nada para doações, que podiam ter vindo quando tínhamos o presidente do “i Love you”, mas perder oportunidade é do Brasil mesmo.

Fábio Jeffer
Fábio Jeffer
1 mês atrás

Agora sim, rumo a Vladivostok!

Sulamericano
Sulamericano
Reply to  Fábio Jeffer
1 mês atrás

Se a Ucrânia conseguir manter os territórios que já tem, ela está no lucro.
A impressão que dá é que as ajuda dos aliados da Ucrânia vem a conta gotas e na medida exata para manter a guerra exatamente como está.

wilhelm
wilhelm
Reply to  Sulamericano
1 mês atrás

Não é impressão, não. É fato.

Henrique
Henrique
Reply to  Sulamericano
1 mês atrás

sim, ta indo devagar a ajuda… se derem muito pra Ucrânia a Russia se esfarela e ninguém ta afim de fazer missão de paz la pra conter russo em guerra civil… (se é que eels não vão entrar em guerra civil de qualquer jeito depois)

Bernardo
Bernardo
Reply to  Sulamericano
1 mês atrás

Você não esta errado enquanto a isso imagina o quanto a Ucrania/Russia ja perdeu de soldados? Depois é só passar o trator na Ucrania pra recuperar a terra e usar o que restou como adubo pois é o que estão fazendo. Agora sobre a Russia somente um conflito interno drrubara o atual regime.

Ravengar
Ravengar
1 mês atrás

Boa parte disso aí vai parar no mercado Negro…

RPiletti
RPiletti
Reply to  Ravengar
1 mês atrás

Achismo ou informação com comprovação?

Ravengar
Ravengar
Reply to  RPiletti
1 mês atrás

Veja com seus próprios olhos…
Ha aqui quem ache que os ukras são anjos ..
é tudo negócio…

https://twitter.com/i/status/1716375414036115500

O Hamas agradece…

Last edited 1 mês atrás by Ravengar
Nilo
Nilo
Reply to  Ravengar
1 mês atrás

Meu caro, não vi nada, não sei de nada (sofro de cegueira seletiva) rsrsrsrs

Bernardo
Bernardo
Reply to  Ravengar
1 mês atrás

Então, achismo. Se você se informa por esse tipo de coisa, não tenho o que comentar.
Procure saber o que é DIP (Deceptive Imagery Persuasion). Aliás, não procure, tem coisa além de recuperação.
Tudo o que você lê no twitter e no zap acontece de verdade, pode acreditar

Alecss
Alecss
Reply to  Ravengar
1 mês atrás

Ovídeo em questão está com alerta de aviso de possível desinformação pelo X. O melhor à saber a procedência seria pelo código dos lotes de fabricação. Essas armas são rastreáveis.

rui mendes
rui mendes
Reply to  Alecss
1 mês atrás

Nlaw doados por UK e Suécia, lá diz que foram os EUA, por aí se vê a veracidade, nem ao trabalho se deram de ir ver, quem doou o quê.

Edimur
Edimur
Reply to  RPiletti
1 mês atrás

Talvez historisa

Macgaren
Macgaren
Reply to  Ravengar
1 mês atrás

Concordo, esses dias vi um leo2a6 passando aqui na porta de casa e do outro lado da rua uma bateria do IRIS-T SLM

Henrique
Henrique
Reply to  Ravengar
1 mês atrás

é, eu memos peguei um patriot, quero ver agora o 747 da Cargolux me acordar 3h da manhã de novo…

Vedo
Vedo
1 mês atrás

Caramba entre grandes e pequenos São 50 países contra um

rui mendes
rui mendes
Reply to  Vedo
1 mês atrás

50 parece muitos, não é???
Vê assim, são só os EUA e a Europa.
Agora a Europa, é mais pequena que o Brasil e tem mais ou menos 650 milhões de hab., não contando com a Bielo-Rússia, e com as partes Europeias da Rússia e Turquia.
Agora a Rússia recebe ajuda do Irão, Coreia do Norte e China, pelo menos.

Bosco
Bosco
Reply to  Vedo
1 mês atrás

Podem ser 100 países.
Enquanto a Ucrânia lutar com as mãos amarradas não vai adiantar.
A Rússia ataca o território ucraniano à vontade e não recebe uma resposta adequada por parte da Ucrânia.
E pior , enquanto as armas entregues pela OTAN são para ser utilizadas apenas no território ucraniano invadido as armas entregues pelos iranianos e norte coreanos não tem essa restrição.

Diego
Diego
Reply to  Bosco
1 mês atrás

Os seus comentários técnicos sao em excelência, instiga a gente a procurar informações sobre os misseis e sistemas ou outros assuntos , agora quando parte pra torcida ocidente verso oriente fica ate chato pois sai as mesma coisas de sempre.

Akah-130
Akah-130
Reply to  Diego
1 mês atrás

“Se não concordar comigo é torcida”

Bosco
Bosco
Reply to  Diego
1 mês atrás

Diego,
Não ligo para a sua opinião.

Underground
Underground
Reply to  Vedo
1 mês atrás

50 X 1
Tem alguma coisa errada com os cinquenta ou com o um!

Scudafax
Scudafax
1 mês atrás

Por que não fazem doações para o Bashar Al Assad, de modo a retomar as Colinas de Golã? Ou mesmo rechaçar separatistas curdos ao norte e expulsar base estrangeira em Al-Tanf?

Last edited 1 mês atrás by Scudafax
Monarquista
Monarquista
Reply to  Scudafax
1 mês atrás

Por que ajudariam a Síria? A Síria perdeu as Colinas de Golã numa guerra em que a Síria mesmo começou, e que poderia ter de volta se tivesse assinado o tratado de paz proposto. Não tem sentido suas argumentações.

Lord-M
Lord-M
Reply to  Monarquista
1 mês atrás

No mínimo é curioso que os mesmos que defendem a “integralidade territorial” ucraniana (maior parte artificial, criação soviética) defendem a ocupação e anexação de território sírios, libaneses e palestinos por Israel.

Henrique
Henrique
Reply to  Lord-M
1 mês atrás

KKKK ja ta errado que ta comparado dois conflitos que so 100% diferente.. primeiro que a Russia reconheceu o território da Ucrânia e a independência dela em 1991 SEM questionar território e nem nada e em 2014 roubou os territórios sem motivo nenhum e agora ta roubado os territórios delas de volta mesmo ela sabendo que não é deles e detalhe que TODOS reconhecem a fronteira 1991… isso não tem no conflito de Israel “ahh maiiiis az culinas de gulan..” basta a Síria reconhecer Israel e para de encher o saco sendo um berçário de terroristas que Israel devolve… pro… Read more »

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Scudafax
1 mês atrás

1) Google;
2) Embaixada Alemanha no Brasil;
3) Contatos.

Bernardo
Bernardo
Reply to  Scudafax
1 mês atrás

Pq a Alemanha faria uma doação pra financiar uma guerra contra um aliado? Cuja segurança é declaradamente (publicamente) uma questão de Estado? Com quem a Alemanha tem acordos de compra e venda de armamentos (inclusive restritos) e tecnologia? Pra agradar vc? Uai, o Putin pode doar pra Síria (e já faz isso). O Irã e outros tb (e já fazem). E aí a Síria tenta a sorte novamente quando quiser e vê no que dá. Se perder, perde mais um pouco do território como todos ali perderam das últimas…. quatro vezes? A indústria da construção civil israelense vai ficar muito… Read more »

Nilton L Junior
Nilton L Junior
1 mês atrás

Apenas um paliativo, não vai impedir a chuva de ataques de pás russa com chip de geladeira, não vai devolver a Criméia e nem os territórios conquistado pela Rússia, só vai prolongar um pouco a derrota do exército da Ucrânia.

Jaiminho
Jaiminho
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

EDITADO:
2 – Mantenha o respeito: não provoque e não ataque outros comentaristas.

Alecss
Alecss
1 mês atrás

Difícil mudar uma politica de pacifismo da população e um desinvestimento em defesa nas ultimas décadas de uma forma rápida. Defesa não se faz apenas a toque de caixa. Os estoques da bundeswehr são pequeno. O país não vai virar a chave de sua indústria de defesa como fizeram os russos. Ainda bem para os russos pois as capacidades industriais e tecnológicas dos alemães excedem em muito os russos. A população alemã coloca muitas restrições a seus militares e as industrias do ramo. O ministro Pistorius ao meu ver bastante competente irá sofrer. Eles têm também os mesmos problemas de… Read more »

Edimur
Edimur
1 mês atrás

Hoje li em um Blog Americano que a China deve estar feliz com essa ajuda, imagina o tanto de informacao que estao obtendo destas armas, e sem Clubismo incrivel como a Russia esra lutando contra tantas armas de alta tecnologia e esta se mantento mesmo, mesmo como muito dizem com equipamento sucateado .

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Edimur
1 mês atrás

Horas é simples, essa de equipamento sucateado é a mesma história que esta sem munição, é o famoso migué ou lorota feita pela maquina de propaganda atlanticista que fez da Ucrânia bode na sala da UE.

Henrique
Henrique
Reply to  Edimur
1 mês atrás

claro.. todo equipamento que a Ucrânia recebe vem com cláusula ‘não é pra usar na Rússia propriamente dita’

se acha que as fabricas da Russia tão onde? no Donbas?


e ainda assim a Rússia não consegue avançar kkkk

Last edited 1 mês atrás by Henrique
Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Henrique
1 mês atrás

Pois é. Um blá blá blá de quase dois anos e não há avanço. Pelo contrário. Perderam parte do que tinham conquistado. Não se enxergam

Gilson Elano
Gilson Elano
1 mês atrás

Vamos ver como os mísseis norte coreanos vão se sair contra essa defesa.

Wellington
Wellington
1 mês atrás

Ucrânia: Missão Impossível!

Fabio Junior
Fabio Junior
1 mês atrás

Militarmente não somos ameaça à ninguém, somos um cavalo manco, deveríamos ser uma potência indiscutível, para poder defender nosso país, mas a realidade é que seríamos subjugados em questão de dias até mesma pela…Venezuela, essa é nossa triste realidade.

AVISO DOS EDITORES:

6 – Mantenha-se o máximo possível no tema da matéria, para o assunto não se desviar para temas totalmente desconectados do foco da discussão

LEIA AS REGRAS DO BLOG:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Tenente Blaco
Tenente Blaco
1 mês atrás

Não existe paz na Europa há bastante tempo devido ao desrespeito dos conceitos de integridade territorial e da soberania de estados. No caso da Jugoslávia e depois do Kosovo, declarado independente ou ainda dá Transinistria. Moscovo, apenas aproveitou os atropelos provocados na Ucrânia desde a Revolução Laranja, entretanto derrotada nas urnas com o golpe em Maidan, ambos colocando em causa a indivisibilidade da segurança da Europa Atlântica e da Eurásia, cuja arquitetura tem de ser revista, repensada e aplicada ou teremos mais conflitos. Isto evitando a propaganda, uma vez que desde 2002, até hoje, a Rússia soma e segue na… Read more »

Paulo Sollo
Paulo Sollo
1 mês atrás

A mídia alemã Spiegel divulgou que
uma comissão alemã visitou um centro de reparação de MBTs Leopard na Lituânia e as conclusões da visita foram de que os Leopard apresentam baixíssima durabilidade no campo de batalha.
Tanto os militares ucranianos como os alemães admitem que a manutenção do equipamento alemão é muito difícil e que em condições de combate o seu desgaste é 10 vezes mais rápido do que nos exercícios.

Mike 80
Mike 80
1 mês atrás

70 veiculos de transporte/combate/logística militares, milhares de munições de infantaria/artilharia, 30 detectores de drones, 10 radares, sistema AA Skylex, 305 fuzis+capacetes+camuflagens+munição. Dessa vez a Alemanha não fingiu que estava ajudando, isso aí pode ajudar a fazer um bom estrago.

Last edited 1 mês atrás by Mike 80
Henrique
Henrique
Reply to  Comte. Nogueira
1 mês atrás

fonte: propaganda russa que quer te convencer que tem que deixar a ucrânia sozinha que o suposto segundo maior exercito do mundo não consegue vencer um que ta recendo umas migalhas de ajuda em armas