Dívida dos EUA é risco para ‘segurança mundial’, alerta CEO do JP Morgan

24

O CEO do banco JP Morgan, Jamie Dimon, voltou a alertar sobre o perigo da dívida dos Estados Unidos, ecoando outros especialistas.

Em um debate em Washington com o Bipartisan Policy Center na sexta-feira, Dimon disse que “a relação dívida/PIB dos Estados Unidos parece um gráfico de taco de hóquei”, ou seja, um gráfico que sobe abruptamente. Ele prevê que essa proporção chegue a 130% até 2035.

“Esse taco de hóquei ainda não começou”, disse ele. “Temos um pouco de tempo. Mas quando começar, os mercados do mundo todo […] vão se revoltar”, avisou.

Atualmente, a relação dívida/PIB está em cerca de 120%, de acordo com dados do Fed de St. Louis, enquanto a dívida nacional dos Estados Unidos já passa de 34 trilhões de dólares.

Jamie Dimon ressaltou o quanto a situação fiscal dos Estados Unidos piorou desde que ele terminou o ensino médio, quando a relação dívida/PIB era de cerca de 35%.

“Naquela época, o déficit em períodos de recessão, ou seja, quando se gasta dinheiro em tempos de crise, era de cerca de 4 ou 5%”, disse ele. “Hoje, é de 6,5% em períodos de crescimento”, acrescentou.

Nesse cenário, o Congressional Budget Office estima que o pagamento de juros sobre a dívida dos EUA possa superar as receitas totais do governo até 2030.

No entanto, Jamie Dimon teme que isso reduza os gastos em outras áreas, inclusive na defesa, alertando que isso representaria um risco “para a segurança do mundo” e afirmando que “precisamos de um exército mais forte, de uma América mais forte, e precisamos disso agora”.

FONTE: br.investing.com

Subscribe
Notify of
guest

24 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Carlos 07
Carlos 07
25 dias atrás

A salvação dos estadunidenses é que eles conseguem pagar os juros dessa dívida. No mais, é muito preocupante para qualquer governante que estará na presidência no futuro.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Carlos 07
25 dias atrás

A solução é aumentar os impostos, e têm muita margem para fazer isso, mas ninguém ganha eleições com esse discurso. Nem para presidência, nem para o congresso…

O que faz falta são políticos com valores patriotas e que queiram fazer o melhor para o país e não para ganhos políticos de curto prazo.

Orivaldo
Orivaldo
Reply to  Hcosta
24 dias atrás

Igual aqui ? Impostos aumentando e a dívida mais ainda

Gabriel BR
Gabriel BR
Reply to  Hcosta
24 dias atrás

Para bancar a segurança da Europa?!
Trump vem ai…

Rui Mendes
Rui Mendes
Reply to  Gabriel BR
23 dias atrás

A Europa paga bem a sua segurança, por os EUA investir mais do seu PIB em defesa, não é para oferecer armas á Europa, pelo contrário, vende é muito para a Europa, o que os EUA investem, é para a suas forças armadas. A NATO existe, não é só para defender a Europa, mas também para ajudarem-se mutuamente, Europeus e Norte-Americanos, contra os Soviéticos, pois se a União-Soviética, ganha-se influência e mais território na Europa, isso era muito mau para os Europeus e Norte-Americanos, que veriam o seu principal inimigo, da altura, a ficar cada vez mais forte. Interesses comuns,… Read more »

António Rodrigues
Reply to  Hcosta
24 dias atrás

Pelas negativas que tem, só posso concluir que anda aqui muito político de trazer por casa.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Hcosta
24 dias atrás

O melhor para o país é roubar a populaçāo via impostos? Medida que nunca deu certo em lugar nenhum?

Hcosta
Hcosta
Reply to  Allan Lemos
24 dias atrás

Não sei em que realidade vive, mas na minha os impostos existem em todos os países…
E não deu certo em lugar nenhum??? Haverá algum mecanismo político mais universal do que os impostos?

E os impostos podem ser sobre o indivíduo, empresas, diretos, indiretos, etc…

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Hcosta
24 dias atrás

Sim, chama-se iniciativa privada. Tomar algo de alguém mediante violência ou grave ameaça é a definiçāo de roubo, isso nāo muda só porque é o Estado fazendo. E eu me referia especificamente ao aumento de impostos em si. Nāo se conserta a economia enfiando imposto na populaçāo, nunca deu certo e nunca dará porque afeta a atividade econômica e a produtividade. E nāo, nāo existe imposto sobre empresas, mas imagino de onde você tirou essa ideia rsrsrs. Você gosta de pagar por dívidas de outra pessoa? Se gostar, eu tenho uns boletos aqui, ai é só você fingir que meu… Read more »

grochowski
grochowski
Reply to  Carlos 07
23 dias atrás

Os EUA são emissores de moeda de reserva mundial (o dólar) e podem fazer uso do imposto inflacionário sem grandes consequências. Eles simplesmente emitirão mais dólares e/ou deixarão a inflação comer a dívida.

E adivinha quem vai pagar a dívida deles? Sim, nós!

Paulo Sollo
Paulo Sollo
25 dias atrás

A prepotência destes caras é Estratosférica. “um risco para a segurança do mundo”… O que será do mundo se a auto designada “polícia do mundo” não possuír mais a capacidade de oprimir o planeta com seu poder bélico espalhado por todos os lados? ” Ain, eles mantêm a estabilidade evitando novos conflitos”. Papo furado. Eles são disseminadores de novos conflitos. Desestabilizadores. O encolhimento militar dos eua é fundamental para este mundo ter mais liberdade e é um processo irreversível que está em andamento. Aqueles que contam com a proteção dos eua, como países europeus e alguns asiáticos, terão que aumentar… Read more »

Last edited 25 dias atrás by Paulo Sollo
Jose
Jose
Reply to  Paulo Sollo
25 dias atrás

Caro Paulo garanto que os EUA não são os únicos que andam de “Mercedes mas com um carnê daqueles para pagar”, a diferença é que sabemos o tamanho do problema (carnê) dos americanos, enquanto outros manipulam seus dados.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Paulo Sollo
24 dias atrás

Um mundo com mais liberdade segundo o Sr. Paulo Sollo: – Rússia agredindo seus vizinhos para recuperar territórios de outrora; – China anexando outros territórios e mares territoriais de países do sudeste asiático; – Países árabes atacando Israel e este respondendo com Nukes. – Coreia do Norte atacando Coreia do Sul, incluindo Nukes. – Índia e Paquistão resolvendo suas pendências em conflito nuclear. – Países europeus bonitinhos explorando países africanos e, quem sabe, sul americanos. Falem o que quiser dos EUA e, provavelmente, terão razão em muita coisa. Mas o fato é que, desde que o mundo é mundo, seres… Read more »

Jose
Jose
Reply to  Felipe M.
24 dias atrás

Felipe recordando o baiano “na cara não, na cara não” kkkkk.

Vitor
Vitor
25 dias atrás

Uma hora a conta chega aí é o fim da prepotência.

Donald
Donald
25 dias atrás

Os caras fazem tempestade por copo d’água. Para EUA bastava aplicar austeridade severa (mais isso teria consequências, como reduziria a força que eles têm no mundo).

Matheus
Matheus
25 dias atrás

De certa forma, sim, a culpa é do resto do mundo.
Deixaram a economia mundial na mão de Wall St. que é mais suja e corrupta do que o politico mais fraco de Brasilia, deixaram o FED imprimir mais dinheiro do que um Argentino e só agora estão percebendo a c*agada que fizeram.

Sequim
Sequim
Reply to  Matheus
25 dias atrás

Pois é. Wall Street sem freios e regulamentação é realmente um grande perigo para a economia não só americana, mas mundial. Basta ver o que os CEOs made in Wall Street fizeram com a Boeing. Basta ver a lambança dos subprimes da crise de 2008.

RPiletti
RPiletti
25 dias atrás

estima que o pagamento de juros sobre a dívida dos EUA possa superar as receitas totais do governo até 2030.”
Vai copiar a Argentina e dar calote…

Gustavo
Gustavo
24 dias atrás

E simples corta as forças armadas pela metade, corta75% do setor defesa, e faz uma auditoria pública, aumentas os impostos, 10 anos a dívida está paga. Só tem duas consequências perde oriente pro Irã e Rússia, e o pacífico pra China.

Orivaldo
Orivaldo
24 dias atrás

Quando se é o dono do banco imobiliário

BraZil
BraZil
24 dias atrás

Opa. Ele falou precisamos de uma “América mais forte”? que deslize…

lucena
lucena
24 dias atrás

Os EUA a muito tempo viraram uma S/A … tecnicamente, pelos parâmetros do FMI e pela lógica financeira … os EUA são um pais quebrado…é um doente que só vivem pelo aparelho das grandes corporações financista extranacionais e do complexo militar.
.
Basta verificar o que o governo americano oferece aos países … bases militares ,armas. …necessitam de guerras para vender e ter lucro.
.
A população mundial um dia … vai quere outra forma de governança mundial que não utilize a geopolítica da guerra e acultura do medo para prosperar .

João Augusto
João Augusto
23 dias atrás

Pra quem não tem trave no olho é igualmente verdade que os EUA – e não só sua dívida – são um risco para a segurança mundial.