Segundo comandante da Ucrânia, russos teriam capturado soldados ucranianos enquanto as forças de Kyiv se retiravam de Avdiivka

A Ucrânia anunciou sua retirada da cidade, a noroeste da cidade de Donetsk, na sexta-feira (16), após alguns dos combates mais intensos da guerra da Rússia na Ucrânia.

A retirada ocorre após Moscou intensificar seus ataques na área nas últimas semanas, bombardeando-a com ataques aéreos e artilharia e enviando onda após onda de ataques terrestres com veículos blindados e soldados.

A retirada foi “a única solução correta”, disse o comandante ucraniano das forças do sul, Oleksandr Tarnavskyi, em um post no Telegram na sexta-feira, acrescentando que alguns soldados ucranianos foram capturados durante o processo.

“Em uma situação em que o inimigo avança sobre os cadáveres de seus próprios soldados com uma vantagem de dez para um em termos de casco, sob bombardeio constante, esta é a única solução correta”, disse ele. As tropas russas são “numericamente superiores em termos de pessoal, artilharia e aviação”, acrescentou Tarnavskyi.

As forças de Moscou realizaram 20 ataques aéreos e mais de 150 ataques de artilharia na área nas últimas 24 horas, disse ele, acrescentando que os russos estavam “praticamente apagando a cidade da face da Terra”.

A decisão vem apenas dias depois de o novo chefe militar da Ucrânia, Oleksandr Syrskyi, e o ministro da Defesa, Rustem Umerov, visitarem as linhas de frente em Avdiivka, com o chefe militar prometendo enviar reforços para “impedir que o inimigo avance mais profundamente em nosso território”.

No entanto, até quinta-feira (15), as forças ucranianas que lutavam para manter a cidade descreviam condições “infernais” e o inimigo “vindo de todos os lados”.

Syrskyi disse em um post no Facebook na sexta-feira que ordenou a retirada “para evitar o cerco e preservar a vida e a saúde dos militares”, movendo tropas para defender “linhas mais favoráveis”.

Ele disse que os soldados ucranianos haviam feito “tudo o que era possível para destruir as melhores unidades militares russas e infligiram perdas significativas ao inimigo em termos de pessoal e equipamento” na área.

A Ucrânia está “tomando medidas para estabilizar a situação e manter posições”, disse ele, acrescentando que “a vida do pessoal militar é de valor supremo”.

A Rússia também sofreu perdas imensas em sua ofensiva em Avdiivka, mas Moscou parece ter calculado que, dada sua vantagem numérica, elas valiam a pena.

Localizada a poucos quilômetros ao norte do aeroporto de Donetsk, Avdiivka foi capturada pelas forças russas no início de 2015 após meses de combates periodicamente intensos. Está firmemente no radar de Moscou desde então.

Sua captura teria agregado valor a Moscou, com a eleição presidencial da Rússia a poucas semanas de distância.

FONTE: CNN

Subscribe
Notify of
guest

172 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
NEMOrevoltado
NEMOrevoltado
1 mês atrás

Admiro a resilência da Ucrânia, mas o fato é que se continuarem neste rumo, a derrota será inevitável!

Hcosta
Hcosta
Reply to  NEMOrevoltado
1 mês atrás

O último avanço relevante Russo foi em Maio de 2023, em Bakhmut. E muitas tentativas falhadas pelo meio.

Se for a este ritmo, são quantos anos para conquistar o resto do Donbass?
E lembro que, ao capturarem Bakhmut, conquistavam facilmente resto do Donbass, segundo os apoiantes de Putin…

Underground
Underground
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Para tomar Bakhmut os russos perderam soldados numa relação de 20:1.

fjuliano
fjuliano
Reply to  Underground
1 mês atrás

🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣 meu deus….🤣🤣🤣🤣

Lord-M
Lord-M
Reply to  fjuliano
1 mês atrás

A única coisa que restou para EUA-OTAN-Kiev é sustentar a narrativa de sempre, por mais constrangedora que seja… É incrível como subestimam a inteligência da opinião pública (salvo quem subscreve essa narrativa). Mas para quem não se preocupa com reputação… Essa ofensiva começou de fato em outubro de 2023 depois de meses batalhas posicionais; os russos começaram um lento, progressivo e seguro avanço desde então. Como já foi observado n vezes, com tal intensidade de UCAVs, Loitering Munitions e FPVs nesses teatros é absoluta estupidez avanços com grandes formações de tropas e blindados em áreas abertas, quanto mais numa das… Read more »

Elias E. Vargas
Elias E. Vargas
Reply to  Lord-M
1 mês atrás

Essa conflagração decorre da violação do acordo entre OTAN e RUSSIA, por ingerência dos EUA e Britânicos. Se olharmos a ingerência destes últimos na independência do Brasil onde eentre outras benesses, visaram transferir para nós a dívida de Portugal, como condição para apoiar nossa independência. Veja o caso da Venezuela com eles, depois a Guiana, onde mediante fraude dos EUA, meteram a mão em Eseqibo. A Ucrânia serve hoje de laboraório para testar equipamentos e novas técnicas de combate, enquanto desovam para seus armamentos obsoletos e encalhados que certamente cobrarão com juros e correção monetária desse país semi-destruído. Continuam sendo… Read more »

LUIZ
LUIZ
Reply to  Elias E. Vargas
1 mês atrás

Perfeito!!

Charles
Charles
Reply to  Elias E. Vargas
1 mês atrás

É isso mesmo.

Lord-M
Lord-M
Reply to  Elias E. Vargas
1 mês atrás

Esse é o lugar que nos reserva essa ordem ocidental: como neocolônia.

Ocidente que não fazemos parte; somos latino americanos; área de subjugação e exploração.

Absolutamente óbvio.

Paulo Neves
Paulo Neves
Reply to  fjuliano
1 mês atrás

Não alimente o troll…

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  fjuliano
1 mês atrás

Misericordia senhor. Nesta proporção de perdas A Ucrania já teria ganhado a guerra.

Leonardo
Leonardo
Reply to  Antonio Palhares
1 mês atrás

Exatamente, alguns aqui acreditam apenas no que eles querem acreditar, as narrativas da mídia mainstream, como a Rússia tomaria o local com perda de 20:1 conforme alguém citou acima?

É no mínimo má fé.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Underground
1 mês atrás

Os próprios ucranianos disseram que recebiam artilharia russa na cidade todo santo dia, 7 dias por semana, de maneira ininterrupta, enquanto a artilharia deles tinha que contar munição antes de disparar.
Mas os russos, supostamente, perderam 20 pra cada ucraniana que recebia uma bala de raspão.

Me explique como isso seria possível….

fjuliano
fjuliano
Reply to  Willber Rodrigues
1 mês atrás

_____

COMENTÁRIO APAGADO. OS EDITORES AVISARAM DEZENAS DE VEZES, NOS ÚLTIMOS DIAS, PARA SE MANTEREM NOS TEMAS DAS MATÉRIAS.

LEIAM AS REGRAS DO BLOG:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Underground
Underground
Reply to  Willber Rodrigues
1 mês atrás

Se pelo simples fato das armas russas terem pouca precisão.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Underground
1 mês atrás

Tão pouca precisão, que mesmo depois de ser incessantemente bombardeada, essa cidade ainda tem todas as tropas ucranianas e seus fortes intactos, e eles não precisam recuar, já que os artilheiros russos são vesgos e tem 15 graus de miopia e astigmatismo, certo?

Ou não?

Bispo
Bispo
Reply to  Underground
1 mês atrás

Sei , fica na frente de um AK , arma velha , para testes de precisão..rs

Eromaster
Eromaster
Reply to  Underground
1 mês atrás

Vc acredita nisso mesmo?

Jefferson B
Jefferson B
Reply to  Willber Rodrigues
1 mês atrás

Os russos perderam muitas vezes mais soldados em Bahkmut do que os ucranianos, isso é fato, é da natureza da operação usada na cidade.
A estratégia Rússia é para vencer e não para ter poucas baixas.

Mirade1969
Mirade1969
Reply to  Jefferson B
1 mês atrás

Mostre os dados e as fontes fidedignas…

Jefferson B
Jefferson B
Reply to  Mirade1969
1 mês atrás

Não precisa de fonte, aliás, você não tem fonte também!
Basta entender a estratégia empregada e as diversas falas de Prigozhin e outros membros russos no telegram.
Bahkmut foi roubado pela Rússia, para isso custou várias vezes mais soldados russos do que ucranianos.
Basta pesquisas as operações russas, não há intenção de ter poucas baixas e evitar danos estruturais, ambas as cidades foram completamente destruídas e com enormes baixas de russos.

Heinz
Heinz
Reply to  Mirade1969
1 mês atrás

O que seriam fontes fidedignas para você?

Faver
Faver
Reply to  Jefferson B
1 mês atrás

Tem um reportagem aqui no forte, falando sobre isto. Me parece que os números não são estes.

Maurício.
Maurício.
Reply to  Willber Rodrigues
1 mês atrás

“Me explique como isso seria possível….”

Quanto alguém vier com esses números avulsos, tirado não sei de onde, é só você pedir uma fonte confiável que comprove tais números, simples assim.

Leonardo
Leonardo
Reply to  Underground
1 mês atrás

Fonte: Águas de Lindóia!!!!😂😂😂😂😂😂😂

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Leonardo
1 mês atrás

As águas de Ibirá possuem vanádio. Apenas um fonte na França possui composição parecida. Recomendo quem estiver perto de RIo Preto que vá com um grande galão de água para levar para casa. A água da fonte é gratuíta

AVISO DOS EDITORES: VOLTEM AO TEMA DA MATÉRIA.

LEIAM AS REGRAS DO BLOG:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Edimur
Edimur
Reply to  Underground
1 mês atrás

Muda o a bicareira ou passe a ler alguns blogs Gringos como Snafu Saloman

Munhoz
Munhoz
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Se vc estudar a guerra do Vietnã vai ver que enquanto os EUA davam suporte para o Sul o norte não avançava , na hora que o suporte acabou o Sul caiu !
Isto é uma guerra sustentada como na Coreia e Vietnã, é isto que o pessoal não entende, a Ucrânia é um estado corrupto que esta se desmantelando, ela esta sendo roída aos poucos.
Porem sem a ajuda ocidental não vai demora muito para ela cair, o que sustenta ela é o ocidente .

Eromaster
Eromaster
Reply to  Munhoz
1 mês atrás

Exatamente!!!.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Munhoz
1 mês atrás

Não, isso era o que a propaganda de Putin dizia antes da guerra.
Vietname e outras guerras tinham soldados dos EUA no terreno.
A Ucrânia luta, quase unanimemente, contra um invasor. Não havia guerra civil e o apoio só chegou em força depois da resistência demonstrada pelas suas Forças Armadas.

Alguém acredita que os Ucranianos vão desistir da luta? Ainda para mais contra a Rússia que só demonstra incompetência?

E vamos ver se não vai acontecer o mesmo que Bakhmut…

Sérgio 02
Sérgio 02
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

E qual foi o último avanço relevante dos Ucrânianos ???? Deixa ver, eita e verdade não houve rsrsrsse continua desse jeito o universo vai esfriar e a Ucrânia não avança.

Kommander
Kommander
Reply to  NEMOrevoltado
1 mês atrás

O meu medo é não sobrar um ucraniano para contar a história, isso sim. Já estão começando a pensar no número de baixas e perdas, no fraco sistema de recrutamento e na falta de pessoal, tendo que recrutar até idosos.

Não tem como manter um conflito sem soldados, a máquina mais valiosa de uma guerra.

Lord-M
Lord-M
Reply to  Kommander
1 mês atrás

A questão do recrutamento é que quase não há mais jovens em idade militar (na faixa de 18-25 anos); faz tempo que as mobilizações de recrutamento são um fracasso e literalmente pegam a unha homens em idade militar pelo país. Ninguém em sã consciência quer servir como bucha de canhão do regime/EUA/OTAN nessa guerra perdida.

Unidades de defesa territorial inclusive tem enviado homens com Síndrome de Down para as frentes! Tratados de pior maneira possível como registros em vídeo que viralizaram em algumas redes atestaram.

Bispo
Bispo
Reply to  Kommander
1 mês atrás

Sobraram políticos ,tipos Zelensky’s… que fugiram para a UK , claro.

Vitor
Vitor
Reply to  Bispo
1 mês atrás

O ocidente entrou em contagem regressiva qual país vai acolher a patota do miliante comediante que provocou esse desastre ucraniano.

Mirade1969
Mirade1969
Reply to  Bispo
1 mês atrás

Vai lá morar com o Boris… Boris Johnson o que ele ouviu para que a Ucrânia chegasse nestes dias terríveis…

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Kommander
1 mês atrás

” O meu medo”.
Kkkkkkkkkk
Sério? Esse é seu medo?
Você dorme pensando nisso?
As vezes você se refugia embaixo da cama por causa disso?

Ê Tupiniquim, vá fazer algo de útil já vida.

Edimur
Edimur
Reply to  Kommander
1 mês atrás

Pela Dívida que vai sobrar para os Ucrânianos já tô achando melhor se entregar para o russos e anexar, pq vão dever até a alma para os EUA que vão Tal como os Russos sugalos,não sei qual é o pior Zelenski já morreu só não sabe como

Orivaldo
Orivaldo
Reply to  NEMOrevoltado
1 mês atrás

Sim. 10 anos para tomar uma “Cidade”. 1 milênio toma a Ucrânia toda ?

Bispo
Bispo
Reply to  Orivaldo
1 mês atrás

Sabe nada inocente.

Essa é considerada (foi agora é escombros) uma cidade fortaleza Ucrânia, desde 2014 estava sendo fortificada para resistir aos russos ..

Virou pó…

Lord-M
Lord-M
Reply to  Bispo
1 mês atrás

Porque será que a Ucrânia perde dezenas de milhares de homens com essas “cidadezinhas sem importância”?

É nessas “cidadezinhas” que a Rússia está destruindo as Forças Armadas da Ucrânia… Isso que interessa a Rússia: destruir permanentemente a capacidade militar ucraniana e libertar definitivamente o território.

Steel
Steel
Reply to  Orivaldo
1 mês atrás

EDITADO:
COMENTÁRIO BLOQUEADO DEVIDO AO USO DE MÚLTIPLOS NOMES DE USUÁRIO.

Bispo
Bispo
Reply to  Steel
1 mês atrás

Em 2014 com a queda (manipulada pela CIA) do presidente eleito ucraniano pró Rússia, a Rússia “recuperou” a Crimeia …e começou o que já estava na fervura.

Underground
Underground
Reply to  NEMOrevoltado
1 mês atrás

Continuo aguardando aquele movimento de xadrez estratégico que culminou com a transferência secreta dos soldados do grupo Wagner para a Bielorrússia, para fazer a famosa pinça e tomar Kiev.

Vitor
Vitor
Reply to  NEMOrevoltado
1 mês atrás

Vamos aos fatos “não mediáticos ” dos floristas com viez da propaganda com colonizição intelectual ocidental á décadas na mídia tupiniquim. Cair na real é uma realidade de reconhecer que o resquísio faz mal aos neurônios tudo que foi massificado está desmoronando como um castelo de areia .A última brigada treinada ” 3 ª brigada Azov essa com ideologia do terceiro…” saiu em fuga com as calças arraiada.

Macgaren
Macgaren
Reply to  NEMOrevoltado
1 mês atrás

Faz mais de 1 ano que a derrota é inevitável.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Macgaren
1 mês atrás

Praticamente 2 anos.
Nem os russos verdadeiros são tão otimistas quanto aos russos tupiniquins.

Underground
Underground
1 mês atrás

Quando começou essa guerra, achava que a Ucrânia cairia em três meses.
Não caiu!
Agora acho que essa guerra acabará somente com o desaparecimento de Putin.
Tudo achismo.

Diego
Diego
Reply to  Underground
1 mês atrás

Ou em uma negociação diplomática que já era pra ter acontecido,com Putin desaparecido ou não sempre vai ter um inimigo.

Bispo
Bispo
Reply to  Underground
1 mês atrás

Mais fácil o sol nascer no oeste aos ondas do mar inverterem de direção os rios fluírem para as montanhas..rs

A guerra acaba quando o perdedor aceitar a derrota.. simples.

Vitor
Vitor
Reply to  Underground
1 mês atrás

Na verdade ela está sendo destroçada como nação assim como sua identidade .

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Underground
1 mês atrás

Eu achei que era questão de semana(s), até a cúpula ser capturada.
Na verdade, foi o que a grande maioria pensou.
São 2 anos.
E os russos tupiniquins estão aqui, radiantes, há 11 mil km de distância, comemorando, como se fosse uma copa do mundo, a tomada por completo de uma cidade a poucos kms do aeroporto de Donetsk, cuja maior parte já estava sob controle russo há vários anos antes do atual conflito.

Mas aqui só se restringe o tal do “proselitismo político”, apesar de, na mesma regra, constar vedação ao “proselitismo ideológico”.

Wagner
Wagner
1 mês atrás

Segundo serviço secreto inglês , a conquista da cidade foi com paus e pedras.
Uma grande perca para a Ucrânia, o cinturão da ” ferrugem” caiu totalmente, um grande impacto no PIB Ucraniano.

Sergio Machado
Sergio Machado
Reply to  Wagner
1 mês atrás

Inteligência inglesa nesse conflito tem atuado mais como torcedor. Mente mais que as partes envolvidas diretamente.

Marcos
Marcos
Reply to  Wagner
1 mês atrás

Eles vão lançar uma nota dizendo que os Russos gastaram bilhões de dólares e um custo humano imensurável por uma cidade sem relevância.

wilhelm
wilhelm
Reply to  Marcos
1 mês atrás

Lembro-me que bem no início da guerra haviam ditos especialistas ocidentais dizendo que Mariupol, uma das maiores cidades ucranianas, não passava de um ponto sem importância e que a conquista dela era apenas uma vitória pírrica.

Pelo andar da carruagem, se algum dia os russos chegarem novamente a ameaçar Kiev e conquistá-la, os mesmos especialistas provavelmente vão dizer que é só mais uma cidade sem importância e trazer a tona algum novo “game changer” que vai virar a maré da guerra.

Diego
Diego
Reply to  Wagner
1 mês atrás

Inclusive abundantemente no território Russo, No Lago Seliger,entre Moscou e São Petesburgo tem umas variantes que dá um trabalho,chega a ter de 7 a 8 Kilos

Camargoer.
Camargoer.
1 mês atrás

Como tenho repetido, uma guerra estúpida.

O desastre humanitário no território ucraniano é imenso.

São mais de 4 milhões de refugiados, uma enorme destruição da infraestrutura civil e um passivo ambiental que afetará a população local por gerações.

Por isso defendo o imediato cessar fogo para, em seguida, os dois países se sentarem e encontrarem os termos de uma paz definitiva.

José
José
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Se o ditaror lá não tivesse invadido pra roubar território não teríamos isso. Sentar a mesa com bandido não da né amigo.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  José
1 mês atrás

José…. não precisa argumentar sobre superioridade moral ou qualquer coisa assim. O cenário é de destruição da infraestrutura na Ucrânia, êxodo de refugiados ucranianos, calamidade ambiental que afetará a população civil por décadas. Até o mundo mineral sabe que a Rùssia invadiu a Ucrânia, seja lá por quais motivos. Chegaram a pensar que as sanções econômicas contra a Rússia e a ajuda militar á Ucrânia seriam suficientes para enfraquecer a Rùssia. Não aconteceu. Este conflito só terminará por meio da diplomacia, então que seja agora. Qual será o acordo entre os dois países para encerrar a guerra é uma matéria… Read more »

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

“Chegaram a pensar que as sanções econômicas contra a Rússia e a ajuda militar á Ucrânia seriam suficientes para enfraquecer a Rùssia. Não aconteceu.” Já falei trocentas vezes: se sanções não funcionaram nem contra Irã e CN, porque funcionariam contra a Rússia? “Este conflito só terminará por meio da diplomacia, então que seja agora. Qual será o acordo entre os dois países para encerrar a guerra é uma matéria que vai ser resolvida entre os dois países.” O problema é que o melhor “timming” pra Ucrânia estar em boa posição diplomática foi quando a primeira contra-ofensiva deu certo, eles ainda… Read more »

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Willber Rodrigues
1 mês atrás

Vocẽ tem razão. Os dois países desperdiçaram inúmeras oportunidades para um acordo, inclusive antes da guerra. Agora Inẽs é morta.

Só é possível ir daqui para frente e nas condições colocadas. O resto é o luar de Paquetá.

Marcus Pedrinha Pádua
Marcus Pedrinha Pádua
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Perfeitamente colocado, Camargoer. E ainda ganha um ponto adicional pela referência cultural preciosa (“até o mundo mineral”)…🤩

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Marcus Pedrinha Pádua
1 mês atrás

Riso.. aprendi com o Mino Carta.

Nicolas
Nicolas
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Que vergonha alheia! Tinha que ser __________ para falar tanta asneira ______
______

A Rússia já violou ao menos uns 5 acordos com a Ucrania! A comecar pelo devolucão das armas nucleares em reconhecimento de seu terrotorio!

E sim, a Rússia está em frangalhos, tanto a ajuda para a Ucrania quanto os embargos, vão fazer a URSS voltar direto para 1991; se tiverem sorte!

COMENTÁRIO EDITADO.
2 – Mantenha o respeito: não provoque e não ataque outros comentaristas, nem o site ou seus editores;
LEIA AS REGRAS DO BLOG:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Satyricon
Satyricon
Reply to  Nicolas
1 mês atrás

Nicolas, corretíssimo. Não há como fazer um acordo com um facínora como o Putler. Assinou vários, honrou nenhum. Uma pausa agora é tudo que ele quer (e precisa). É uma lástima Avdivika ter caído, isso é fato. Mas a ___________ está cantando vitória precipitadamente. Esquecem-se que demorou 10 anos pra tomar essa cidade e que essa guerra de 3 dias já dura mais de 700. O tempo corre contra os Russos. A enorme frota de petroleiros fantasmas foi desmascarada e desviada. Restam pouquíssimos, o suficiente para enforcar a economia russa. E não nos esqueçamos que a Mãe Rússia tem hoje… Read more »

Bispo
Bispo
Reply to  José
1 mês atrás

A história humana de guerras não há bandidos , fascínoras, há vencedores e perdedores.

Quem perde se submete, fato.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  José
1 mês atrás

Terão que sentar à mesa sim. Em piores condições do que em 2022 na Turquia. Até acho que não será o comediante que certamente terá se “escafedido” .

Kommander
Kommander
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Uma coisa é certa, a relação entre russos e ucranianos nunca mais será a mesma. O que vai ser um pouco difícil de aceitar, porque até não muito tempo atrás os dois países eram praticamente irmãos.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Kommander
1 mês atrás

Levará décadas para normalizar. A guerra entre o Brasil é o Paraguai é um exemplo. É difícil dizer que o atraso paraguaio é consequência da derrota na guerra, mas acho correto dizer que isso afetou em parte. Foi preciso décadas para que os dois países normalizassem a relação. Existem outros exemplos. Por isso, a urgência no cessar fogo. Dizem que isso irá beneficiar um lado ou outro. Não importa. A questão da população ucraniana é a prioridade. Durante a I Guerra, os governantes tiveram uma postura parecida, preocupados apenas com questões nacionalistas e chauvinistas, enquanto a população civil teve vidas… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Camargoer.
Vitor
Vitor
Reply to  Kommander
1 mês atrás

É só expurgar os nazis o resto é família

Underground
Underground
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

A paz definitiva só será alcançada com a saída definitiva dos russos da Ucrânia. Qualquer outro acordo será, para um futuro próximo, sob qualquer pretexto, a Rússia retomar as agressões.
Um acordo de paz já foi assinado lá atrás e não resultou em nada.
A Russia tornou-se um Estado mafioso, cuja sustentação se baseia em terror e roubos.
Essa guerra só termina com o desaparecimento de Putin.

Joao
Joao
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

É terrível mesmo. Mas o mais fraco tem sempre q ceder pro mais forte? Toda nação deve “doar” pro invasor pra evitar baixas? A Rússia invadiu um país soberano, pra, segundo ela, se defender da OTAN. Um país sem postura ofensiva. Essa justificativa é válida? EUA poderia ter atacado Cuba? China pode atacar a Coreia do Sul? A Rússia desrespeitou tudo q tratou, ao ponto de idas as suas antigas “vítimas” buscarem a OTAN. E no final, ataca. Me desculpe, mas essa doutrina “Marta Suplicy” de rendição não condiz com a realidade de um povo que se incentivo a como… Read more »

Vitor
Vitor
Reply to  Joao
1 mês atrás

Acorda : política x geopolítica o primeiro a atende os políticos o outro defende os interesses do estado.

Akhinos
Akhinos
Reply to  Joao
1 mês atrás

Amigo tu precisa ler mais os grandes clássicos da filosofia, geopolítica e história. A humanidade enquanto espécie nunca teve a mais remota empatia por aqueles que considera diferentes e acima de tudo fracos. Você não quer ser esmagado por aqueles que são mais fortes? Simples. Faça com que o mais forte entenda que te esmagar vai custar as duas pernas dele. E que ele será um animal ferido pronto para ser predado por outro depois. Eu sei que o liberalismo turvou a mente de muitos aqui nesse fórum sobre a natureza perversa do ser humano.Mas infelizmente não somos uma espécie… Read more »

Faver
Faver
Reply to  Joao
1 mês atrás

O que acontece com a Ucrânia é lastimavel. Agora tem mais nuances nesta história e que muitas vezes esquecemos. Tinham regiões do Donbass que queriam se separar da Ucrânia, com o apoio da russia, e ninguém apoiou elas. Todo mundo criticou. Só que isto já aconteceu em outros lugares, como a Iuguslávia, onde Croácia e Kosovo tiveram apoio dos países do Ocidente para se separar, inclusive com intervenção militar. Dois pesos e duas medidas. A Ucrânia sofrer invasão é terrível, mas deveria ter tratado melhor a insurgência do oeste.

Last edited 1 mês atrás by Faver
Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Faver
1 mês atrás

Como foi sua postura quando países estrangeiros resolveram apoiar movimentar separatistas na Croácia e no Kosovo? Você apoiou? Se ainda não era vivo ou não tinha discernimento, você hoje, olhando para trás, sobre esse fato, apoia que isso tenha acontecido? Pq, a postura adotada lá atrás ou sobre esse fato anterior, deve ser a mesma sobre o apoio russo aos separatistas na Ucrânia. Aliás, se você apoia o separatismo na Ucrânia, mantenha a coerência e apoie a independência de Taiwan. Mas, duvido e muito que você mantenha a coerência em todos esses casos. E sabemos pq. O interesse não está… Read more »

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Culpe os líderes ocidentais que decidiram usar os ucranianos como buchas de canhāo, era para essa guerra ter acabado se nāo fosse por isso.

Muitos me criticavam quando eu dizia que o comediante era um irresponsável que vendeu o sangue de seu povo.

José
José
Reply to  Allan Lemos
1 mês atrás

Ainda com esse papo ? Culpa do ocidente…otan…

Faver
Faver
Reply to  José
1 mês atrás

A culpa é do invasor. Mas tinha uma guerra civil há anos no oeste da Ucrânia. Tinha invasão da Criméia. A Ucrânia e seus dirigentes tinham o dever de tratar melhor estas questões. Cozinhou a situação mesmo vendo que o vizinho tinha intenção de elevar a agressão.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Allan Lemos
1 mês atrás

Então era melhor os russos terem a prerrogativa de fazer o que quiser né?
Podem invadir a Ucrânia. Podem invadir a Geórgia. Podem invadir a Lituânia, a Estonia e a Letônia. Depois podem dar uma passada pela Romênia, pela Hungria e pela Polônia.

Uau. Que ideal de paz mais admirável.

Orivaldo
Orivaldo
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Vamos nos sentar com os Invasores, que nos massacra faz 2 anos. Com certeza vamos encontrar a paz Definitiva. Que papinho mais furado !!

Last edited 1 mês atrás by Orivaldo
Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Orivaldo
1 mês atrás

Olá Ori. A guerra é entre a Ucrânia e a Russia. Para encerrar o conflito, os dois precisam negociar. Não faz sentido a Ucrãnia negociar o fim da guerra com Cuba, com a Austrália ou mesmo com o Brasil. Também não adianta a Rússia negociar o fim desta guerra com os BRICS, com o Japão ou com Timbuktu. O bom senso sugere que a negociação para encerrar o conflito na Ucrânia deve ser feita entre os países em conflito, como aconteceu entre os EUA e o Vietnã, ou entre a Alemanha e os EUA, Inglaterra e URSS. Claro que é… Read more »

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

A Ucrânia teve uma oportunidade em 2022 muito favorável para assinar um tratado de paz. Os Ingleses e Americanos. Ou seja a OTAN, não deixaram o Zelensky assinar o tratado na Turquia. E prometeram coisas que jamais cumpririam. Daí colocaram os ucranianos no moedor de carne russo. E a Ucrânia será abandonada pela OTAN. A Romênia e a Polônia querem partes de seu território. Vai ficar com uma dívida de guerra impagável. Tudo porque resolveu ouvir o canto da sereia da OTAN.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Ler esse comentário com a música We are World ao fundo.

99% dos ucranianos dariam tudo pela paz.

99% dos ucranianos dariam tudo para que o dia 24/02/2022 fosse um dia como qualquer outro, acordando, fazendo as coisas do dia a dia e indo dormir, sem nenhum país estrangeiro bombardeando e tomando seus territórios.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Felipe M.
1 mês atrás

Ainda que “We are the world” se tornou um clássico, prefiro “Imagine” de Lennon.

Paulo Sollo
Paulo Sollo
1 mês atrás

Como é de praxe, mídia ocidental tem o hábito de oferecer como consolo aos mal informados que mesmo sendo seguidamente derrotada, a Ucrânia impõe baixas pesadíssimas aos russos, chegando ao número de 10×1 em favor da Ucrânia, mas os russos continuam porque tem muito mais recursos humanos. . Uma piada. Um dispararate facilmente desmascarado por vários fatos. Em primeiro lugar os ucranianos assumem que não tem equipamentos nem munições nem tropas suficientes. Mas nas fantasias dos ____________ existe a crença de que a chuva de aço ininterrupta lançada pelos russos só acerta civis e a resposta ucraniana em cadência 10x… Read more »

Profyler
Profyler
1 mês atrás

Nessa velocidade e com esses numeros de perdas vão chegar quando em Kiev? 2078?

Ganhou essa cidade e ponto pra russia. Qualquer coisa a mais que isso é torcida dos fãs do ditador. Fato.

Rafael Aires
Rafael Aires
Reply to  Profyler
1 mês atrás

Mas não precisa. Vão tomando algumas cidades e quando o que restou da Ucrânia (que significa borda/fronteira em russo) fakar que vai entrar na OTAN, o Putin manda tropas. O Putin está errado, Europa e EUA estão errados mas o pior é o Zelensky que que achou que a OTAN iria mandar tropas, ou sei lá. Ele que tinha que cuidar da população ucraniana. Essa cidade é só mais uma que foi destruída, infelizmente. Enquanto isso, Putin diz “спасибо”.

Gabriel Pereira Lima
Gabriel Pereira Lima
Reply to  Profyler
1 mês atrás

Se você colocar que a Ucrânia tem contigente militar e material infinito, e com o ritmo de conquista russo nessa velocidade constante, digamos que sim.

fjuliano
fjuliano
1 mês atrás

Podem esperar uma avalanche de notícias patéticas atacando de todas as formas a Rússia. Se no campo de batalha a situação dos combatentes do governo do boneco é lamentável, então que a ofensiva continue no campo midiático. No entanto já não sei sequer se é a maioria hoje em dia que cai nessa canalhice em forma de “notícias”. E a realidade segue dando duchas e mais duchas de água gélida. E tic tac tic tac Zélascado…sua hora se aproxima.

Profyler
Profyler
Reply to  fjuliano
1 mês atrás

Ué fazer o que se a gloriosa segunda maior potência militar demorou todo esse tempo pra conquitar advivka. Kkkk
O exército russo é patético queira vc acreditar ou não.

Paulo Sollo
Paulo Sollo
Reply to  Profyler
1 mês atrás

O Exército Russo não demorou 10 anos para conquistar advivka porque o Rxército Russo só entrou em ação ali a menos de um ano. Durante 9 anos foram os separatistas e não o Exército Russo que ue esteve combatendo ali. Então podemos considerar que o Exército Russo até que foi rápido. O que nem de longe se pode dizer do patético exército dos eua que saiu derrotado depois de 20 anos e 1 trilhão gastos no Afeganistão contra esfarrapados de chinelos e AK-47. Imagino que se o exército dos eua fossem enfrentar um exército casca grossa como os ucranianos seriam… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Paulo Sollo
Profyler
Profyler
Reply to  Paulo Sollo
1 mês atrás

Uau 1 ano então pra conquistar alguns pouquíssimos quilômetros???

É bom demais esse exército russo mesmo kkkkk

wilhelm
wilhelm
Reply to  Profyler
1 mês atrás

Avdiivka era uma das maiores fortalezas do exército ucraniano. Haviam inúmeros bunkers, trincheiras, depósitos,etc, que foram montados pelos ucranianos durante anos para resistir a essa ofensiva russa — o que obviamente não funcionou, como se pode constatar.

Pelo andar das coisas, acho que Kramatorsk, outra cidade extremamente fortificada, cairá em um futuro não tão distante também.

Vitor
Vitor
Reply to  wilhelm
1 mês atrás

Logo Kramatorsk ficará em manchete.

Mercenário
Mercenário
Reply to  wilhelm
1 mês atrás

Kramatorsk é uma cidade bem maior. Avdiivka é praticamente um subúrbio de Donetsk, que é a maior cidade da região e controlada pelos russos desde 2014. Os russos estão conseguindo sucesso através do uso de força aérea com o uso das bombas FAB 500 e outras modificadas. A Ucrânia não tem como impedir esses ataques pela falta de defesa AA próxima da linha de frente e falta de aviação. Sem falar que o fogo de contrabateria está prejudicado pela escassez de munição de artilharia. Por outro lado, basta ver em fotos a quantidade absurda de equipamentos e pessoal que os… Read more »

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Paulo Sollo
1 mês atrás

Dois pesos, duas medidas, como sempre.

1) “a guerra é contra a OTAN”. Isso sem tropas regulares da OTAN no terreno.

2) “ah, mas não eram os russos, eram os separatistas”. Isso com tropas russas no terreno. .

Sergio
Sergio
1 mês atrás

Esse ditador só será detido pelo povo russo ou, certamente, pela lei maior, aquela que não pode ser contestada, quando for enviado definitivamente ao inferno!

Ou a outro planeta primitivo bem distante daqui.

A Ucrânia sozinha nada pode fazer e me parece que o ocidente apesar dos discursos atua com o C** nas mãos.

Sempre foi assim.

Que sirva de lição ao Brasil.

Manda quem tem porrete!

Renato de Mello Machado
Renato de Mello Machado
1 mês atrás

Uma medida eficiente ucraniana.Não ceder terreno fazendo cabeça de ponte para futuros contra ataques.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Renato de Mello Machado
1 mês atrás

Quando os russos fizem isso é “covardice” …

Renato de Mello Machado
Renato de Mello Machado
Reply to  Vinicius Momesso
1 mês atrás

Tem doses de ironia no meu comentário porque de cabeça de ponte em cabeça de ponte dos alemães os russos chegaram a Berlim.

LUIZ
LUIZ
Reply to  Renato de Mello Machado
1 mês atrás

As cabeças de ponte são constantemente bombardeadas pelos russos. Até os ucranianos acharam um erro sacrificar homens em busca de nada.

Renato de Mello Machado
Renato de Mello Machado
Reply to  LUIZ
1 mês atrás

Sim.Estava impossível segurar porque a cidade estava no meio da pinça.

Bispo
Bispo
Reply to  Renato de Mello Machado
1 mês atrás

Futuros ataques , só se for cardíaco de tanto correrem…rs

Renato de Mello Machado
Renato de Mello Machado
Reply to  Bispo
1 mês atrás

Devagar e sempre hehehe assim que o exército russo gosta.

Allan Lemos
Allan Lemos
1 mês atrás

A fonte da Ucrânia secou. O comediante irá jogar a culpa no novo comandante e demiti-lo ou virar homem e assumir a responsabilidade pelo seu fracasso?

Profyler
Profyler
1 mês atrás

Acho que em 300 se esforçar muito já chegaria…

Coringa Makalaba
Coringa Makalaba
1 mês atrás

Longe vão os tempos em que a discussão era a entrada da Ucrânia na OTAN e o cancelamento da Rússia.
Agora, temos réplicas do comediante a contradizerem o que eles divulgam, como exemplo: Putin, prometeu chegar à Kiev em 5 dias … Mas nunca mostraram Putin a afirmar isto, apenas um cidadão que disse falsidades para que o Iraque fosse invadido e tem uma mesada por levar recados.

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Coringa Makalaba
1 mês atrás

De fato Putin não deu data de “cinco dias”, ou “semanas” em seus discursos específicos sobre a invasão à Ucrânia (eu pelo menos não vi nada com metas desse tipo desde fevereiro de 2022). Mas ele disse claramente em discurso, durante a primeira ofensiva russa, que o objetivo era que a dita “operação especial” terminasse “o mais breve possível”. E o Kremlin também instou os militares ucranianos a dar um golpe e depor Zelensky para o conflito acabar logo, naqueles primeiros dias. É só procurar. E, a não ser que se faça uma interpretação extremamente amigável ao Putin e ao… Read more »

Profyler
Profyler
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
1 mês atrás

Shhhhh, os fãs do glorioso exército russo não gosta de realidade.

fjuliano
fjuliano
Reply to  Profyler
1 mês atrás

A realidade está na sua frente meu caro. Leia o artigo em pauta. Leia mais uma vez. Alguma confusão em concluir que os russos tomaram essa cidade/fortaleza? Alguma confusão em concluir que todo o aparato de inteligência e logística da OTAN funcionando 24/7 em prol do governo do boneco não está segurando os russos? Alguma confusão com as obviedades da realidade? Mas fique tranquilo que vários filmes vão ser feitos para saciar a fome ilusória de vcs.

Alexandre
Alexandre
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
1 mês atrás

O mais rápido possível sempre será o desejo de qualquer um no que diz respeito a guerra, instar militares inimigos a darem um golpe e depor seu líder é o que qualquer um também faria. Não conseguir o que se deseja não significa que não haverá sucesso em se alcançar os objetivos! Aliás, quais eram os objetivos dos EUA no Afeganistão?

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Alexandre
1 mês atrás

E o que diabos o Afeganistão tem a ver com esse assunto?

Mania besta de tentar transformar todo debate em briga de torcidas de pró-EUA de um lado e pró-Rússia de outro. Chatice interminável que só nivela por baixo e não leva a lugar algum.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
1 mês atrás

Ele estava constantemente a ameaçar os líderes europeus. Com o Boris Johnson, Durão Barroso, etc…

https://sicnoticias.pt/especiais/guerra-russia-ucrania/2023-09-02-Durao-Barroso-conta-telefonema-que-manteve-com-Putin-em-2014-8884554c

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Interessante. Bom achado. Eu cheguei a pesquisar discursos de 2014 mas não achei, mas tinha uma lembrança a respeito. Graças à sua dica achei mais repercussões disso: https://observador.pt/2014/09/02/putin-disse-durao-barroso-que-pode-tomar-kiev-em-duas-semanas/ “A conversa aconteceu por telefone e foi relatada por Barroso na cimeira de chefes de Estado e de Governo da União Europeia, no sábado. O ainda presidente da Comissão Europeia questionou Putin sobre o milhar de soldados russos que a NATO afirma estarem a combater em território ucraniano. “O problema não é esse. É que, se quiser, em duas semanas tomo Kiev”, terá sido a resposta de Putin, conta o La Reppublica.… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Fernando "Nunão" De Martini
Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
1 mês atrás

E o mais interessante, na sequência, o Kremlin passou recibo:

“MOSCOW, September 02. /ITAR-TASS/. The Kremlin says President Vladimir Putin’s remarks about the capability of taking Kiev in two weeks was taken out of the context and had a very different meaning.”

https://tass.com/russia/747668/amp

Last edited 1 mês atrás by Fernando "Nunão" De Martini
Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
1 mês atrás

Olá Nunão. Creio que a estratégia inicial era mais parecida com a “Doutrina do Choque”, cuja ideia é criar uma grande desorganização social, prejudicando a coordenação de ações. Ao contrário da “guerra relâmpago”, cujo objetivo é ocupar um território, seja de modo permanente ou temporário, a “doutrina do choque” tem o objetivo de provocar mudanças estruturais na sociedade. A partir do fim do primeiro ano de guerra, escrevi aqui que eu havia percebido uma mudança na estratégia russa, passando para uma guerra de atrito, cujo objetivo seria controlar a intensidade do conflito na capacidade da Russia de manter um conflito… Read more »

Orivaldo
Orivaldo
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Se optou pela Guerra de atrito e porque ele acreditava que seria expulso da Ucrania. Qual a lógica de estar atolado até o pescoço na sua fronteira? Nenhuma. É pura incompetência.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Orivaldo
1 mês atrás

Há uma frase que gosto muito sobre a dinâmicas das guerras. “Vence quem erra menos”.

Neste momento, o que dá para perceber é uma mudança na estratégia da Rússia, só isso Buscar uma explicação para o “porquê” seria apenas especulação.

pode ser por qualquer coisa, inclusive pela combinação de muitas delas.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Não é muito difícil perceber a intenção. É uma repetição do que aconteceu na Geórgia a uma escala muito maior.
A diferença foi o nível de resistência e a incapacidade de controlar totalmente as províncias “separatistas”.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
1 mês atrás

Essa questão de 24h, 48h, 1 semana, 15 dias, 1 mês, nunca foi o Putin que disse. Mas foi repetida, ad Nausea, por meses aqui, antes da invasão e, inclusive, nos primeiros dias e semanas da invasão. Uma boa parte das vezes pelos múltiplos perfis, que viviam de fazer proselitismo ideológico aqui. Proselitismo ideológico que continua em prática, especialmente em situações como essa, em que a matéria retrata algum tipo de ganho/vitória russa. Essa questão de prazo se soma a outras falas repetidas ad Nausea aqui, como “a culpa é do comediante”, “moedor de carne russo”, “game changer ucraniano”, “acabou… Read more »

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
1 mês atrás

Inclusive, somando ao meu posto anterior, preso na moderação, algum dúvida que esse Fjuliano, Lord M ou Paulo Rollo são exatamente a mesma pessoa dos múltiplos perfis?
É nítido que é a mesma pessoa, que supostamente teria sido banida daqui.
E é justamente esse indivíduo que vivia de repetir essas coisas aqui.

Nota da moderação:
Prezado
Não afirme algo se não tiver 100% de certeza.

Orivaldo
Orivaldo
Reply to  Coringa Makalaba
1 mês atrás

Pode não ter dito. Mas tentou um ataque de decapitação no começo da “Operação Especial”. Nem de surpresa conseguiram os objetivos. Sem contar a perda de tropas treinadissimas

Bispo
Bispo
1 mês atrás

Que nada … 500 mil mortos a cada 02 anos em 10 anos , estarão enviando sexagenário para o front ..rs

Neural
Neural
1 mês atrás

Era a cidade mais fortificada e caiu rápido. Mariupol demorou meses, Bakhmut idem. Ucrânia já gastou suas melhores cartas lá em Bakhmut e Mariupol.

Rússia teve menos perdas humanas e materiais por um simples motivo: ela tem artilharia em maior volume e tem força aérea, estima-se que nesse momento da guerra a relação está de 20:1

Profyler
Profyler
Reply to  Neural
1 mês atrás

“Rapido” aham…

Orivaldo
Orivaldo
Reply to  Neural
1 mês atrás

Sim . 10 anos de combate.

Luís Henrique
Luís Henrique
1 mês atrás

Tudo isso é muito triste, a guerra, as vidas perdidas. Mas analisando friamente, aqueles que acreditam 100% nas mídias ocidentais, devem estar se perguntando como os russos tomaram mais uma cidade, já que estavam sendo aniquilados? Como estão mantendo superioridade de efetivo e meios já que a Ucrânia afundou um navio de transporte que era fundamental para a Rússia? E o que eu escrevi lá na matéria do afundamento do navio, que isso era um balde de água em um oceano e não mudava em nada o cenário que esta muito mais difícil para a Ucrânia, que a Rússia esta… Read more »

Akhinos
Akhinos
Reply to  Luís Henrique
1 mês atrás

Tem mto adolescente fã do Hoje no Mundo da OTAN nesse grupo. Eles acham que assuntos militares são iguais aos animes que eles assistem, e ai vivem negativando outros aqui que possuem mto mais bagagem para discutir seriamente o assunto. É claramente um problema geracional, pois eles são incapazes de emitirem uma opinião equilibrada que não seja o puro suco de propaganda seja do lado ocidental seja do lado russo.

fjuliano
fjuliano
Reply to  Akhinos
1 mês atrás

Perfeito, e o pior que as vezes sem saber damos corda para esse pessoal.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Akhinos
1 mês atrás

É verdade. Basta ver posts como esse. Surgem vários perfis novos, que nunca comentaram por aqui. “perfis novos”. Acompanho a trilogia desde 2011/2012. Acompanhei as discussões do FX2. Por muitos anos, esse fórum foi excelente. Varias discussões bacanas, com argumentos, de um lado e de outro. Haviam discussões ideológicas, mas além de ser bem menos, ao menos havia argumentação. Não esse proselitismo ideológico baseado, quase sempre, em mentiras, dissimulados, distorções. Desde pouco antes do conflito entre Ucrânia e Rússia, começaram a surgir vários perfis “diferentes”, com comentários e posturas muito parecidos. Muitas vezes, respondendo uns aos outros. Não demorou pra… Read more »

fjuliano
fjuliano
Reply to  Luís Henrique
1 mês atrás

Excelente comentário. Ocorre um curto circuito na cabeça desse pessoal que se orienta por essas mídias e pela grande mídia igualmente: “Como assim os russos tomaram mais uma cidade???” “Mas os russos isso e aquilo e aquilo outro como eu cansei de ver e ler nesse e naquele!!!!”. É, bem vindos ao mundo real.

Slim Shady
Slim Shady
1 mês atrás

Eu quero que essa guerra passe, quero a paz entre as nações, rezo pelos combatentes que tombaram em ambos os lados. Se tratando agora de opinião de uma pessoa LEIGA, NÃO SERVI O EXÉRCITO, apenas um admirador de temas militares. A Rússia vai ganhar no cansaço, a Ucrânia luta contra o tempo e o impossível. Ambos ganharam experiência de guerra, quem não lembra de colunas blindadas russas na beira da estrada sem combustível, Torres dos tanques russos voando, baixas grandes e moral baixa. Agora a Rússia, se fortificou nos territórios já conquistados, teria que haver algo muito MUITO grande pra… Read more »

Quirino
Quirino
1 mês atrás

Deve ter sido sofrido para os jornalistas da CNN, a manipulação para tentar amenizar a tragédia foi tanta que falaram que a cidade foi capturada pelas forças russas (o certo seria força separatistas pró Rússia) em 2015 e dão a entender que o exercito russos esta tentando capturar a cidade a 10 anos, enfim, essa é a impressa “livre” dando seu melhor. Sobre Avdiivka o que aconteceu ali era uma tragédia anunciada a vários meses atrás, em outubro ou novembro (não me lembro bem agora) Zaluzhny disse que a cidade cairia em 4 meses e de fato foi bem próximo… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Quirino
fjuliano
fjuliano
Reply to  Quirino
1 mês atrás

Perfeito comentário, do tipo que anima vir aqui ler a seção.

LUIZ
LUIZ
Reply to  fjuliano
1 mês atrás

Ainda tem quem negative um comentário perfeito desse. E o que vai acontecer nos próximos meses em outras frentes.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  LUIZ
1 mês atrás

Quem negativa são os torcedores. Quando o time deles perde.

wilhelm
wilhelm
1 mês atrás

Não sei se os russos chegam a Kiev em 500 anos, mas nós sabemos que em poucos meses de combate o exército ucraniano já teve que ser reconstruído algumas vezes por causa do “ritmo” dos russos e atualmente possui um problema crônico e irreversível de material humano devido as perdas catastróficas que estão enfrentando.

A não ser que você acredite que a Ucrânia dispõe de uma fonte infinita de homens em idade militar e outros recursos, eu diria que as chances da Ucrânia perder são bem grandes nos próximos meses ou anos.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  wilhelm
1 mês atrás

“próximo meses ou anos”.
Que linha de tempo é essa?
Março/2024 a Março/2034?

A verdade é só uma.
Ngm aqui sabe de nada.
Uma barulheira do caramba pra nada.
Amanhã um novo Moskva é afundado e vocês todos se enfiam no buraco de onde sairam.
No outro dia, os russos ganham mais uma e vocês ressurgem.
É sempre assim. 2 anos dessa ladainha.

Cassini
Cassini
1 mês atrás

O título da matéria induz à interpretação errada dos fatos.

Tinha de ser a CNN.

Yuri Dogkove
Yuri Dogkove
Reply to  Cassini
1 mês atrás

E você acha que foi coincidência os editores do Forte escolherem justamente essa matéria para postar? Inocente você…

Dod
Dod
1 mês atrás

O povo Ucraniano luta muito bem, uma pena ñ ter uma força belica capaz.Brasil deveria seguir o exemplo do que ñ fazer

Yuri Dogkove
Yuri Dogkove
1 mês atrás

Se for chorar, manda audio! hahahahaha

Faver
Faver
1 mês atrás

Quem sabe a Ucrânia retoma a cidade com os 1 milhão de drones e os F16 que vem por aí. Que lástima para a Ucrânia, esta era uma das cidades que era questão de honra para os ucranianos manterem. Um símbolo de fortaleza. Complicado.

JapaSp Jantador
JapaSp Jantador
1 mês atrás

Em torno de 50mil russos contra 8mil ucranianos, e nao adiantaria mais ucranianos sem apoio de artilharia.
Decisão correta o recuo.

JPonte
JPonte
1 mês atrás

Uma batalha de 10 anos !!!!!!
Então isto significa o Putin ter determinação de lutar outros 10 anos ???
Bem , vai sair muito caro esta guerra na Ucrânia , muito tempo , muito dinheiro , muita perda humana …… um dreno de recursos nas economias americanas e europeias ….. será que conseguem manter o ritmo ? Por quanto tempo ?

LUIZ
LUIZ
Reply to  JPonte
1 mês atrás

60 bilhões de dólares que os republicanos não estão muito decididos a abrir o cofre pra injetar na Ucrânia que não tem mais um efetivo humano de antes pra bater de frente contra os russos. È muita grana pra investir no cemitério ucraniano.

Maurício.
Maurício.
1 mês atrás

Por mais que a Rússia tenha se mostrado bem incompetente nessa guerra, a tomada de Avdiivka era só uma questão de tempo. Por mais que alguns ficam de blá blá blá e mimimi, a Rússia possui mais números, tanto de soldados como de armas, principalmente artilharia, e números contam, isso é fato, de resto, só a mesma narrativa da CNN, que tanto sucesso faz por essas bandas do Brasil…

Steel
Steel
1 mês atrás

EDITADO:
COMENTÁRIO BLOQUEADO DEVIDO AO USO DE MÚLTIPLOS NOMES DE USUÁRIO.

Sérgio 02
Sérgio 02
1 mês atrás

Bom, pelo menos a contra ofensiva de alguém está funcionando né rsrs

Talisson
Talisson
1 mês atrás

Que diferença faz se demorarão 500 anos, se o material é velho, o uniforme é feio, se o Abrans é mais bacana que o T72, se os americanos são infinitamente mais honestos que os russos etc etc No final conseguirão em parte ou em todo o que queriam para a Ucrânia, seja lá o que for, com o país destroçado e seus cidadãos sendo chamados de “insurgentes” como os iraquianos eram chamados.

Gabriel BR
Gabriel BR
1 mês atrás

A derrota ucraniana será o marco do fim da hegemonia ocidental.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Gabriel BR
1 mês atrás

Olá Gabriel. Discordo. No atual cenário, acho que o fim do conflito vai passar por um acordo diplomático. Sou incapaz de imaginar quais serão os pontos deste acordo.

Assim como aconteceram em outros conflitos no passado, como Vietnã, Afeganistão, Iraque… etc, etc, etc… alguns nos quais as potências (EUA e URSS) venceram ou perderam, nenhum deles foi a causa do fim ou da consolidação de qualquer poder hegemônico, esta guerra também não.

O fato é que a China se tornou uma potência mundial/ ocupando espaços geopolíticos que antes eram ocupados pelos EUA, EU e URSS.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
1 mês atrás

Não foram dez anos de combates contra os Russos.

Manus Ferrum
Manus Ferrum
Reply to  Antonio Palhares
1 mês atrás

Excelente lembrete.

Machado
Machado
1 mês atrás

Deu a lógica. A história já demonstrou que não tem como vencer a Rússia no campo de batalha. A Rússia é invencível.

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Machado
1 mês atrás

Machado, você precisa estudar mais a história.
Independentemente das numerosas vitórias que a Rússia (incluindo o período soviético) conquistou, há diversas derrotas sérias sofridas em batalhas.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
1 mês atrás

Pois é… lembro do Japão vencendo a Russia Czarista e a Russia bolchevique (não sei dizer se já era a URSS) assinando um armistício com o Império Alemão no fim da I Guerra em março de 1918. Curiosamente, se a Russia bolchevique tivesse lutado mais 8 ou 9 meses, teria se beneficiado do armistício de novembro de 1918, mas não havia mais como sustentar a guerra. Os soldados russos estavam desertando ao milhares, o país estava passando por uma revolução e a crise humanitária afetava toda a Rússia

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

É verdade. Mas, talvez se a Rússia Bolchevique não tivesse saído da guerra naquele momento, o que resultaria não seria uma Rússia Bolchevique. A Rússia, internamente, estava um caos.
Há outras derrotas emblemáticas da Rússia na história, como a Guerra que perderam para a Suécia e, especialmente, o conflito que perderam na Criméia, que causou grandes danos políticos ao Império.
Além disso, mais recentemente, a guerra perdida no Afeganistão, que foi uma das causas principais da queda da URSS, além da primeira guerra da Chechênia, em uma Rússia que tentava começar a se reerguer após o fim da URSS.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Felipe M.
1 mês atrás

Olá Felipe

Teve também a guerra entre a URSS e a Finlândia no início da II Guerra.

Sobre o armistício assinado entre a Rússia bolchevique e o Império alemão, poderia ou não ter sido diferente, mas não foi.

A situação da Rússia era de caos, como vocẽ colocou. O império havia caído, o exército russo desertava aos milhares por dia, a população civil sofria com a falta de alimentos, havia uma revolução em andamento e o início de uma guerra civil e um dos pontos prometidos por Lenin era encerrar a guerra contra a Alemanha.

LUIZ
LUIZ
1 mês atrás

Os russos ja tão macetando em Robotino.

Manus Ferrum
Manus Ferrum
1 mês atrás

Kiev se amaldiçoando por ter feito aquela contraofensiva desastrosa do ano passado.

JClaudio
JClaudio
1 mês atrás

A Otan vai lutar até o último ucraniano. No final vai ter que ceder aos russos além do que eles queriam no início, porém, com o país destruído e a população em condições de trabalha reduzida. A Crimeia e os territórios ocupados NUNCA voltarão para a Ucrânia. Assim como no acordo nuclear com o Irã, mais uma vez o _____
_____
_____

COMENTÁRIO EDITADO. NÃO USE O ESPAÇO DE COMENTÁRIOS PARA PROSELITISMO POLÍTICO.
LEIA AS REGRAS DO BLOG:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Tom
Tom
1 mês atrás

Mais dia, menos dia, quando o fim deste conflito chegar será inescapável o pensamento, principalmente no lado “mais perdedor”, que diante da enorme tragédia posta tudo poderia ter terminado antes. Ainda que com o mesmo resultado no terreno, porém sem o acúmulo de tantas mortes. Mas na prática acho isso tão improvável quanto querer que dois homens brigando em meio a chutes e pontapés parem repentinamente para conversar civilizadamente. Difícil de acontecer sem a turma do “deixa disso”. Infelizmente a coisa parece que vai seguir até que um capitule e com a quantidade de mortes que tiver de ser.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Tom
1 mês atrás

Olá Tom. Este é um dos pontos que venho colocando há mais de um ano. Segundo a ONU, entre 10 e 15 mil civis foram mortos nesta guerra, inclusive crianças. Podemos estimar algo em torno de 100 mil feridos.

Isso significa cerca de mil civis mortos por mẽs e cerca de 10 mil feridos.

O cessar fogo imediato é uma urgência humanitária.

Bigliazzi
Bigliazzi
1 mês atrás

Os Russos são insuperáveis, 10 anos para tomar a cidade… Fazendo uma regra de três serão 7.000 anos para tomar a Ucrânia… De que adianta tudo isso??? O asteroide chega em 2029…. Hahahahaha

Rafa
Rafa
1 mês atrás

Putz, vi um vídeo aqui de um soldado russo eliminando um inimigo na faca. Rapaz…

Bernardo
Bernardo
1 mês atrás

População maculina da Ucrania e Russa tenham certeza que vai cair drasticamente imaginem os que ja
fugiram com os mortos poe ai 500k pra cada lado. Dificil demais! Acho que vai ser pior aos Ucranianos país devastado, uma divida gigantesca sem mão de obra? Triste talvez catastrófico.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Bernardo
1 mês atrás

A Ucrânia perdeu mais de 4 millhões de refugiados, cerca de 10%. Pode-se estimar que a população masculina tenha diminuído na mesma proporção.

Sobre a mão de obra, é possível considerar cerca de 50% da população como economicamente ativa (PEA), incluindo tanto homens como mulheres. Considerando mortos, feridos e refugiados, a gente pode estimar uma redução entre 15~20% da PEA

O PIB da Ucrânia caiu 20% en 2022 e cerca de 3% em 2023, sendo que a guerra está consumindo cerca de 30% do PIB. Um desastre.

paulof
paulof
1 mês atrás

Andrey Morozov, um apoiador da guerra, se suicidou (suicidado) depois que divulgou que os russos perderam 16.000 soldados durante a captura do território agora ocupado, lembrando que foi em 2014 para Ucrânia para se juntar as milícias patrocinadas por Putin na Ucrânia e participou da invasão de 2022, quem tem contato com as redes russas pode ser que o conhece como Murz, mais que os números que ele divulgou o novo suicidado era uma cheerleader de Putin, nunca tinha lido nada assim, uma simples notícia (falsa ou não) obrigar a tirar uma vida de um capacho.