sexta-feira, julho 23, 2021

Saab RBS 70NG

Colômbia elogia acordo militar entre Brasil e EUA

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

vinheta-clipping-forteA Colômbia gostou “muitíssimo” de um acordo de cooperação militar firmado entre os governos de Brasil e Estados Unidos na segunda-feira. O ministro da Defesa colombiano, Gabriel Silva, afirmou que o pacto mostra que o importante não são as ideologias, mas sim a luta conjunta contra problemas como o narcotráfico. O convênio inclui colaboração no treinamento de militares, programas de tecnologia na área de defesa e visitas de embarcações.

“Dissemos que respeitamos totalmente a autonomia dos outros países para fazer acordos militares, há uns que não nos agradam e outros que nos agradam muitíssimo”, afirmou Silva, em entrevista à rádio RCN. A cooperação entre EUA e Brasil “parece a nós que demonstra que não importa qual seja a ideologia, não importa qual seja a posição política, a cooperação internacional no (setor) militar e na luta contra o terrorismo e o narcotráfico é uma obrigação dos Estados.”

O acordo entre Brasília e Washington “é um sinal muito positivo”. “Vemos como um sinal demonstrando que o que vem fazendo a Colômbia é o correto”, disse o ministro. Silva não mencionou que tipo de acordos desagradavam Bogotá. No passado, o ministro e outros nomes do governo já demonstraram inquietação diante de compras de armas feitas pela Venezuela, que incluem caças e milhares de fuzis de assalto.

Silva também disse que a visita programada para amanhã do secretário de Defesa dos EUA, Robert Gates, a Bogotá é parte de um giro do funcionário norte-americano pela região. Na visita, devem ser avaliados acordos e a cooperação entre Colômbia e EUA.

FONTE: Estadão

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

3 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
DaGuerra
DaGuerra
11 anos atrás

Excelente medida! O que terá levado o governo petista a assinar o acordo? Será que em protesto à esta reaproximação alguém vai explodir outra bomba na frente da embaixada brasileira como no Chile?

Nick
Nick
11 anos atrás

El Chavito ainda não falou nada sobre esse acordo militar Brasil-EUA? Por que está calado???

[]’s

Curvo
Curvo
11 anos atrás

Enquanto isto em Caracas … El Chavito treina de adultos civis (milícias) até crianças (juventude hitlerista, digo bolivariana, desculpem !).

Últimas Notícias

VÍDEO: Defesa russa mostra pela 1ª vez teste do sistema antiaéreo S-500 contra alvo balístico

No polígono de Kapustin Yar, na região russa de Astrakhan, um sistema de defesa antiaérea de última geração S-500...
- Advertisement -
- Advertisement -