sexta-feira, dezembro 3, 2021

Saab RBS 70NG

Nova pistola do USMC

Destaques

O USMC comprou 12 mil pistolas calibre .45 por US$ 1.900 cada. Serão usadas principalmente pelos MARSOC e Force Recon. As forças de operações especiais americanas vem gradativamente substituindo o calibre 9mm pelo .45. O poder de parada é maior assim como o alcance até 50 metros.

A nova pistola é o modelo Colt CQBP (Close Quarter Battle Pistol) e não a velha M1911A1, mas usa a mesma munição. A CQBP tem oito tiros, é feita de material resistente a sal, e aceita trilhos para acessórios.

As tropas americanas operando no Afeganistão e Iraque observaram que estas armas funcionam bem a curta distância. As unidades da SWAT e Comandos de todo o mundo já tiveram a mesma conclusão. A arma funciona bem com tropas bem treinadas no seu emprego. O calibre 9mm foi escolhido na década de 80 para padronizar com outros países da OTAN. As pistolas calibre 9mm são levadas geralmente por oficiais e pessoal de apoio que raramente as usam.

- Advertisement -

9 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
9 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Luis
Luis
9 anos atrás

Não é a M1911, mas é derivada dela. Quase a mesma coisa, com melhorias, como trilho e materiais melhores.
Deveriam ter adotado algum modelo hi-capacity da canadense Para-Ordnance, com capacidade de munição de 14+1. Carregador maior é sempre vantagem no combate.

Bosco Jr
Bosco Jr(@joseboscojr)
9 anos atrás

A maior alteração em relação à M1911 é a “ação dupla”.

Ivan
Ivan(@ivan)
9 anos atrás

Quem já atirou com uma ‘Colt 45’ sabe o que é ter uma arma na mão em que pode confiar, tanto na certeza que ela vai funcionar como na confiança que o tijolo que ela cospe vai fazer um grande estrago. Esta Colt CQBP é uma decendente direta da centenária M1911, possivelmente com o sistema de ação dupla da Colt Double Eagle (de 1989) e os refinamentos modernos necessários a uma pistola de serviço, como o importante trilho inferior para laternas e/ou miras laser. Quanto a sua capacidade de “apenas” 8 (oito) tiros, comparado às ‘wonder nines’ de 15 (quinze),… Read more »

Luis
Luis
9 anos atrás

O que mais tem no mercado estadounidense são réplicas da Colt M1911 de diferentes fabricantes (Kimber, Smith & Wesson, Springfield Armory, Taurus, etc.), mas a vantagem da Para-Ordnance é a maior capacidade de munição, pois utiliza carregador bifilar, com uma empunhadura mais larga, mantendo o calibre .45 ACP.

Groo
Groo
9 anos atrás

Bosco, salvo esta foto estar errada, essa arma não está com cara de ser dupla ação.

Carregador bifilar deixa a empunhadura da 1911 “gorda”.

A velha 1911 voltou com tudo! Mais de 100 aninhos 🙂

Ivan
Ivan(@ivan)
9 anos atrás

Groo,

Bem observado.
Passou desapercebido.
A pistola da foto deve ser de ação simples, basta observar o gatilho maciço e o cão no estilo da Series 80.

Valeu,
Ivan.

Bosco Jr
Bosco Jr(@joseboscojr)
9 anos atrás

Realmente pela foto parece ser de ação simples.
O gatilho das de “dupla ação” são iguais aos dos revólveres.
Mas é interessante porque, salvo engano, era uma requisição que a nova pistola 45 fosse de dupla ação.
Mas posso estar enganado e se for o caso, me perdoem.

Bosco Jr
Bosco Jr(@joseboscojr)
9 anos atrás

correção:
“são iguais aos” lê-se “é igual ao”.

Bosco Jr
Bosco Jr(@joseboscojr)
9 anos atrás

Eu achei que essa nova pistola fosse fruto do programa Joint Combat Pistol que foi cancelado, e não me avisaram. rsrsrsr
Não tem nada a ver essa com o referido programa, que pelo que eu me lembro tinha como requisito a dupla ação.

Últimas Notícias

Alltec apresenta suas inovações tecnológicas na 6ª Mostra BID Brasil

Alltec desenvolveu uma blindagem adicional do Guarani, veículo para transporte de tropas, do Exército Brasileiro A Alltec, empresa de Pesquisa...
- Advertisement -
- Advertisement -