quinta-feira, julho 29, 2021

Saab RBS 70NG

Imagens: Mísseis Patriot rumo à Turquia

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

1

Em dezembro passado o governo alemão aprovou o envio de mísseis Patriot e um contingente de 400 militares para a Turquia. As imagens abaixo mostram os lançadores embarcando em um navio de transporte dinamarquês.verladungpatriot83633031

verladungpatriot8364372

verladungpatriot83632993

verladungpatriot83643721

verladungpatriot83632994

FONTE: Militaryphotos.net

VEJA TAMBÉM:

 

- Advertisement -

6 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
6 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
sub-urbano
sub-urbano
8 anos atrás

A otan é o tipo de integração militar que a américa latina deveria imitar. Deveriamos ter soluções internas para todos os problemas daqui, começando pelas FARC. O problema é tirar da cabeça do latino americano o pensamento colonizado de auto depreciação. Nesse ponto até a União africana está a frente da unasul.

Fábio Mayer
Fábio Mayer
8 anos atrás

No dia que existir alguma coisa parecida com a OTAN neste continente esquerdopata, vai ter uma coalisão de forças “progressistas” do Brasil, Argentina e Venezuela para entrar em guerra com a Colômbia para entregar o poder daquele país às FARC…e tão logo consigam isso, farão uma coalisão para destituir o governo de direita do Chile!

Ricardo
Ricardo
8 anos atrás

Otan da América do Sul? Seria certamente uma das alianças mais fracas e débeis da história conteporanea.

MAD DOG
MAD DOG
8 anos atrás

Infelizmente, sou obrigado a concordar com vc Fabio Mayer.

Com os atuais governos esquerdistas sul-americanos, querendo conquistar o Mundo!!! rs

Imaginem o Cérebro (Chavez) e o molusco (Pink), juntos o que não fariam em seus devaneios!!! … o CAOS estaria instalado na América do Sul.

MAD DOG
MAD DOG
8 anos atrás

Digo infelizmente, pelo fato de se não tivéssemos governos tão imaturos em suas ideologias, já não teríamos as FARCs, nem outros movimentos subversivos (MST, entre outros), atuando na região da América do Sul, bem como, a futura soberânia do continente como um todo, estaria protegida do resto do Mundo por conta da futura escassez de recursos naturais para o planeta, o que muito provavelmente levará a conflitos no TOAS no futuro.

DeLux
DeLux
8 anos atrás

Os russos se mexem e a Otan contra-posiciona…

Últimas Notícias

Armamento multifuncional que entende o campo de batalha moderno

Hoje em dia as tropas enfrentam uma gama mais ampla de desafios e, para obter sucesso, é preciso contar...
- Advertisement -
- Advertisement -