terça-feira, outubro 19, 2021

Saab RBS 70NG

Rebeldes das Farc dizem que cessar-fogo termina em 20 de janeiro

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

ivan_marquez_apO cessar-fogo unilateral declarado pelos guerrilheiros das Farc no início das negociações de paz com o governo colombiano em novembro vai acabar em 20 de janeiro, a menos que o governo também decida baixar as armas, disseram as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) na quarta-feira.

Os rebeldes anunciaram o cessar-fogo em 19 de novembro, no primeiro dia das negociações de paz em Havana que buscam encerrar décadas de conflito na Colômbia, mas disseram que seria pelo prazo de apenas dois meses se o governo não implementasse uma trégua.

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, recusou-se a aceitar o cessar-fogo e decidiu manter a pressão militar sobre os guerrilheiros para forçar as Farc a aceitarem o acordo de paz. “Não haverá extensão do cessar-fogo unilateral”, disse o negociador-chefe das Farc, Ivan Márquez, em entrevista coletiva na capital cubana. “Apenas a assinatura de um cessar-fogo bilateral seria possível, se o governo considerar viável tal medida”, acrescentou.

As Farc e o governo colombiano estão nos estágios iniciais da mais recente tentativa de acabar com o conflito de guerrilha que começou com a formação de um movimento agrário comunista em 1964. Milhares de pessoas morreram e milhões foram forçadas a deixar suas casas, no que se tornou o mais longo conflito insurgente da América Latina.

Durante o cessar-fogo, ataques do governo mataram ao menos 34 rebeldes. Ao mesmo tempo, as forças militares e policiais da Colômbia acusaram as Farc de atacarem tropas e alvos de infraestrutura.

FONTE: Reuters via o Estado de S. Paulo

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

7 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
7 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vader
8 anos atrás

Cessar fogo o escambau! Rendição incondicional ou que morram todos de armas na mão!

Alexandre COM
Alexandre COM
8 anos atrás

É mesmo? O governo colombiano tá morrendo de medo… Dá vontade de rir desses covardes…

GIORDANI
GIORDANI
8 anos atrás

É o canto dos cisnes dessa gentalha! Eles não estão nem aí para cessar-fogo…querem é garantir um carguinho público…

Anotem, haverão uns por estas bandas…a$$e$$ore$ especiais…

MAD DOG
MAD DOG
8 anos atrás

Com terroristas e subverssivos não se dá trégua!!!

Que as FAAs Colombianas exterminem a todos!

Aliás, deveríamos sim auxiliá-los a fazer isso, pois as conseqüências das FARCs refletem aqui também, vistos os morros no Rio, apoio ao MST, tráfico de armas e drogas, sem contar os ataques ao EB, (Rio Traíra).
Tráta-se de questão de segurança nacional!
Mas seria difícil, visto que o atual GF, vem de um partido que também, foi patrocinado por eles e os apóia.

Observador
8 anos atrás

O Governo da Colômbia já caiu uma vez nesta esparrela de atender suas exigências da guerrilha para um cessar-fogo. Só serviu para fortalecê-la e para que tomasse territórios inteiramente para si. A Colômbia tem que continuar a caçar e exterminar os líderes da narco-guerrilha, quebrando a cadeia de comando e o moral dos guerilheiros, nem que para isto tenha que caçá-los nas selvas do Equador e da Venezuela, que são os esconderijos atuais destes ratos, sob a aceitação velada dos bolivarianos. E, quando houver a derrota final, discordo do colega Giordani: se as coisas não mudarem na Venezuela, será para… Read more »

Space Jockey
Space Jockey
8 anos atrás

Super Tucano neles !!

até nao aguentar mais

Requena
Requena
8 anos atrás

Como diria aquele velho sargento…

“Calar baionetas e ao ataque”

Últimas Notícias

Colin Powell, líder militar e primeiro secretário de Estado negro dos EUA, morre após complicações da Covid-19

(CNN) – Colin Powell, o primeiro secretário de estado negro dos EUA cuja liderança em várias administrações republicanas ajudou...
- Advertisement -
- Advertisement -