Home Blindados 17º RCMec recebe viaturas blindadas Guarani

17º RCMec recebe viaturas blindadas Guarani

4819
44

17º RCMec - 1

Amambai (MS) – No mês de dezembro, o 17º Regimento de Cavalaria Mecanizado recebeu cinco Viaturas Blindadas de Transporte de Pessoal – Média de Rodas (VBTP-MR) Guarani, que faz parte do Projeto Guarani, um dos Projetos Estratégicos Indutores da Transformação, responsáveis pela entrega de capacidades específicas para a Força Terrestre, propiciando a geração de aptidões diversas para o cumprimento de uma variada gama de tarefas e missões.

17º RCMec - 7

17º RCMec - 2

17º RCMec - 3

17º RCMec - 4

17º RCMec - 5

17º RCMec - 6

FONTE: 17º RCMec

44
Deixe um comentário

avatar
44 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
21 Comment authors
Mauricio R.leandro moreiraBoscoRafael Oliveiracarlos alberto soares Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Rafael
Visitante
Rafael

O melhor PA os RC MEC na minha opinião seria um guarini 8×8 com canhão 30 mm substituindo o urutu eo cascavel ao mesmo tempo e um veículo blindado 4×4 substituindo os Agrale

antonio carlos
Visitante
antonio carlos

Com o calote da Dilma na Ind,de defesa, Iveco vitimada, vai levar anos para equipar todas o RMEC e BIB com esse com blindagem fraca. Exército pobre se contenta por pouco, no 1ª mundo não se usa APC de 3 eixos. esse spó serve para favelas, desfiles e invadir o a Bolívia.

Safe
Visitante
Safe

Podiam fazer um projeto super em conta pra colocar um “canhão” de 9x19mm super potente.Pra que 30mm?Somos um país pacifico e estamos em uma crise do capitalismo global.

Delfim
Visitante
Delfim

Safe.
Um Guarani preto, com uma arma dessas por controle remoto, ou outro calibre que nem precisaria ser de fuzil, faria a alegria aqui no RJ.

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

somos pacíficos mas e os outros países? vc tem um estado mostrando a realidade geopolítica na AS e no Mundo, em foco o Brasil? caso algum país invadisse esse canhãozinho daria conta de ou veículos blindados? e nesse estudo leva em conta que a situação com os vizinhos pode mudar em questão de 2 meses?

Safe
Visitante
Safe

Delfim
Eu não sei se a Polícia tem autorização de usar esse equipamento mais pra mim uma metralhadora 5,56 pra baixo, com zoom não precisa nem ter termal faria mta diferença.Teríamos tiros mto mais preciso evitando as “balas perdidas” além claro de maior precisão/letalidade dos tiros nos traficantes.Fora que eles veriam oque é supressão de verdade.

Carlos Campos
Eu só estava brincando com o fato da maioria dos Guaranis serem entregues sem as torres e com o fato dos governantes acharem que a AL ser um paraíso.Foi só ironia.

spacejockey
Visitante
spacejockey

Esse Guarany rende por aqui…

antonio
Visitante
antonio

precisamos melhorar os nossos equipamentos e incentivar a indústria nacional e políticos consciente para ter resultado positivos

matheus lucas
Visitante

cade a torre platt mr 550 do guarani .

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

Safe
Então peço desculpa por não ter notado sua ironia

Alfredo Araujo
Visitante
Alfredo Araujo

Querer 8×8 no lugar do 6×6 é mole…
Explicar a diferença e argumentar o pq sem usar (PQ O MUNDO TODO USA) que é dificil…

Já compararam as dimensões do Guarani com o Piranha 3 (LAV nos EUA) ?

Bosco
Visitante

Contrataram o tiozinho de chinelo pra levar os blindados.

sergio r ferreira
Visitante
sergio r ferreira

Um canhão de 20mm não seria adequado?

Bosco
Visitante

Sergio, O calibre 20 mm está em desuso para veículos de combate. Até mesmo o de 25 mm está fora de moda, apesar de ainda muito adotado. Os canhões mais atuais são os de calibre 30, 35 e 40 mm, havendo uma clara predileção pelo de 30 mm na maioria das forças militares mais avançadas. O de 30 mm tem uma excelente capacidade de perfuração e de fragmentação, excelente alcance e precisão, aliado a uma razoável quantidade de projéteis. Os canhões de 35 e 40 mm são naturalmente mais letais mas levam uma quantidade reduzida de projéteis, o que parece… Read more »

Bosco
Visitante

Sergio,
Esse veículo com certeza tem uma metralhadora .50 que deverá ser instalada ainda. É uma versão de transporte de tropas.

TTTT
Visitante
TTTT

Pois então bosco usar o guarani como se fosse o urutu com uma .50 é uma idiotice , os urutus assim como o cascavel são usados em só nas unidades de cavalaria mecanizada em nível de brigada,regimento e esquadrão. Os esquadrões mec de tropas motorizadas serão trocados pelo guarani com a torre de 30 mm, quando estes forem transformados em infantaria mec, nada mas certo então de remodelar as brigada de cavmec para usarem um guarani 8×8 que use uma 30mm do que substituir o urutu pelo guarani comum é o cascavel pelo guarani 8×8 com a torre de 105mm,… Read more »

Ivan Recife
Visitante

Bosco,
Além do “tiozinho de chinelo”, contrataram também a carreta.
Observe que “ele” não faz ‘pose pra foto’.
Abç.,
Ivan.

_RR_
Visitante
_RR_

antonio carlos ( 29 de dezembro de 2015 at 17:09 ), – Carlos Campos ( 29 de dezembro de 2015 at 18:54 ), – Não creio que se tenha errado com esse veículo… – A rigor, ele é bom o bastante para que o que se pede dele, que é dar mobilidade a uma força mecanizada enquanto a protege de estilhaços e armas menores ( as mais abundantes ), assim como o poder de fogo que se projeta para suas variantes… – O Guarani não é essencialmente austero. A rigor, em sua concepção ele trás praticamente todas as inovações de… Read more »

Rafael
Visitante
Rafael

Então RR aí que tá os cascavel serve na cavalaria mecanizada que existem em forma de brigada,regimento e esquadrao, nas brigadas infantarias motorizadas sempre há um esquadrão CavMec ou um regimento , quando essas infantarias se tornarem inf mec essas unidades passaram a operar o Guarani com torre de 30mm, enquanto nas brigadas de CavMec os urutus serão substituídos por guaranis comuns em cascavel pelo Guarani 8×8 com canhão 150mm, não seria melhor fazer um Guarani de 8×8 com uma torre de 30mm para substituir o urutu e o cascavel ao mesmo tempo, os esquadrões e regimentos CavMec da infantaria… Read more »

Fernando
Visitante
Fernando

O pessoal só critica, deem graças a Deus de a industria nacional estar desenvolvendo e aprimorando projetos militares, além de os produzir. Diferentemente da quase totalidade dos países da América Latina que pouco se destacam no campo de desenvolvimento militar. Somos um país pacifico e estamos longe de ter uma força militar de respeito, mas não é por isso que temos que apedrejar os projetos que aparecem, melhor isso do que comprar equipamentos de 2º mão que ficam estocados em desertos. Parabéns ao exército! que faz muito com pouco, das três forças é a que mais tem investido em reaparelhamento,… Read more »

carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares
groosp
Visitante

A torre da .50 será essa?
http://manobra2013.aman.ensino.eb.br/noticias/mat04/not_001.jpg

Poderiam ter feito uma torre como a dos M1117 ou AAV-7A1 do CFN.

carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares
carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares
carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares

groosp 30 de dezembro de 2015 at 16:39
Negativo, o Guarani não contempla .50, veja os link’s que postei acima.

groosp
Visitante

Todos serão armados com canhão de 30mm? Vai ter dinheiro para isso?

_RR_
Visitante
_RR_

Rafael ( 30 de dezembro de 2015 at 14:10 ), – Cada viatura no seu quadrado. – Grosso modo, o Guarani com a UB-30 faz as vezes de uma unidade blindada de combate de infantaria ( proporciona suporte de fogo ao soldado ), ao passo que a VBTP é voltada para o transporte de pessoal ( leva reforços a frente ). As duas são necessárias e uma não substitui a outra. Ao contrário, se complementam ao dividirem as tarefas específicas… Ambas também tem custos diferentes, o que também justifica seu uso… – A plataforma 8X8 do Guarani está em estudo… Read more »

Joker
Visitante
Joker

Guarani tera 7,62 e 0.50, alem do canhao 30mm. No entanto o quantitativo tem razao inversamente proporcional ao poder de fogo. Haverao menos 30mm que 0.50 e 7,62

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

_RR_ nunca critiquei o Guarani, só para deixar claro

carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares

Joker 30 de dezembro de 2015 at 17:44
.50 Pode dar detalher ou anexar um link que comprove isso ?

carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares

groosp 30 de dezembro de 2015 at 17:12
Não !
http://www.forte.jor.br/?s=Guarani
Pesquise.

matheus lucas
Visitante

porque estes nao estao com a platt mr-550 ja que e mas barrata.

Delfim
Visitante
Delfim

_RR_
Guarani com canhão 120mm ? Somando recuo do canhão com altura e baixo peso do veículo, não pode dar um mau resultado ?

carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares

Delfim 30 de dezembro de 2015 at 23:08
Versão 8 x 8, mas por enquanto é prancheta !

Rafael Oliveira
Visitante
Rafael Oliveira

Carlos Alberto Soares,
x
Eu só me recordo de ter lido sobre as outras torres em outros sites.
x
Pesquise “REMAX , Guarani, Ares” no Google que você encontrará notícias de compras da torre Remax, pelo EB, inclusive em valor superior ao da torre UT30BR.
x
Se o contrato é em valor maior e a torre é mais barata que a com canhão de 30mm, logo se conclui que foi comprado um maior número das torres com metralhadoras.
x
No mais, é de se presumir que o EB compre as torres mais baratas, até mesmo a Pratt, porque dinheiro que é bom, está faltando para o projeto Guarani.
x
Abraço.

_RR_
Visitante
_RR_

Delfim 30 ( de dezembro de 2015 at 23:08 ),

De fato… Aliás, não gosto muito da ideia e não acredito que vá pra frente, pois entendo que mesmo a variante 8X8 teria que ser pesadamente modificada para tanto. E caso seja mesmo possível, nem creio que se possa pensar em uma arma de alta pressão para um veículo que ficaria nas 22 toneladas ( limitação para ser transportado por um KC-390 ), em se tratando desse calibre…

A rigor, acredito que um tipo de 105mm de alta pressão está mais que adequado para a tarefa de reconhecimento…

Joker
Visitante
Joker
carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares

Rafael Oliveira 31 de dezembro de 2015 at 8:02
As viaturas que contemplarão torreta, estas serão da Elbit .30

carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares
Bosco
Visitante

Tomara que os canhões de 30 mm a serem instalados no Guarani sejam capazes de utilizar munição de explosão aérea (airbursting). Esse tipo de munição aumenta muito a flexibilidade e a letalidade do canhão e do veículo.

leandro moreira
Visitante

Excelente noticia, eu ja tinha lido em outros sites ha varios dias atras, que venham mais. Otimo trabalho do EB, MD e GF.

Mauricio R.
Visitante

OFF TOPIC…
.
…mas nem tanto!!!
.
Upgrade do AAV-7, mais fotos:
.
(http://snafu-solomon.blogspot.com.br/2016/02/more-on-aav-survivability-upgradevia.html)