Home Carros de Combate Paraguai recebe oferta de 20 Leopard 1A5 por € 12,8 milhões

Paraguai recebe oferta de 20 Leopard 1A5 por € 12,8 milhões

8868
155
Leopard 1A5

O site Defensa.com noticiou que a empresa italiana Marconi Industrial Services e a espanhola Breogán Ingeniería ofertaram ao Paraguai 18 carros de combate Leopard IA5 e dois carros Leopard 1 de recuperação procedentes do Exército Italiano, pelo preço de € 12,8 milhões.

A oferta inclui peças de reposição, documentação técnica e um ano de garantia. As rodas e esteiras tem vida remanescente de 70%, mas sistemas de rádio e de alerta deverão ser selecionados pelo cliente segundo preferência e necessidade de homogeneização.

Os carros estão na Itália, nas instalações da Marconi Industrial Services e a oferta conta com financiamento de uma entidade de crédito espanhola em condições vantajosas.

Segundo o Defensa.com, o Exército Paraguaio pode se interessar pela aquisição, pois atualmente enfrenta luta antiguerrilha no norte do país contra grupos como o Ejército del Pueblo Paraguayo (EPP) e Agrupación Campesina Armada (ACA).

155
Deixe um comentário

avatar
149 Comment threads
6 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
53 Comment authors
SidyPedro nine-nineJorge PREC PQDTFábio Ferreira FernandesJorge PREC PQDT Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Ronaldo de souza gonçalves
Visitante
Ronaldo de souza gonçalves

Se o Paraguai não quiser o Brasil pode arrematar,já que tem toda a logística aqui.Mas deixemos que os nossos irmãos os compre e vamos fazer a manutenção para eles.

Chico Novato
Visitante
Chico Novato

Já é um começo. Seria uma boa aquisição para o Paraguai.

TukhAV
Visitante
TukhAV

Seria uma boa, melhor para nós se fosse via KMW, com manutenção na fabriqueta da empresa no Brasil.

João Adaime
Visitante
João Adaime

Euro 12.800.000 X R$ 3,90 (cotação do Euro hoje) = R$ 49.920.000,00.
R$ 49.920.000,00 / 20 = R$ 2.496.000,00 cada.
Mesmo com o pacote adicional de peças, documentação e garantia, fico na dúvida.
Não seriam 12,8 milhões de reais e não euros?
Ou não seriam 2Ax?
Este blindado é apropriado para luta antiguerrilha?
Peço ajuda dos colegas.

Ivan BC
Visitante
Ivan BC

Estranho né…está caro! Os nossos custaram 500 mil reais cada?
Poxa, o EB precisa ir atrás desses blindados…Os Leo1A5 é nosso! kkkkk

Gustavo GB
Visitante
Gustavo GB

O Brasil deveria oferecer € 13 milhões por esses blindados e deixar o Paraguai chupando dedo.

Gustavo GB
Visitante
Gustavo GB

Não tinha listo a nota do Defensa.com. É melhor esses blindados irem para o Paraguai esmagar essas guerrilhas. É preciso apagar essas fagulhas antes que virem um incêndio de grandes proporções.

Dodo
Visitante
Dodo

Ja esta na hora do paraguai adiquiri blindados modernos,os caras opera shermans e stuarts da 2 guerra mundial….alem do que o Brasil possui a capacidade de mantener esses vetores localmente,ou seja,caso o paraguai prefise de manutencao,eles mandam para ca e a gente lucra com isso kkkk

Manuel Flávio
Visitante
Manuel Flávio

Seria melhor virem para o EB, isso sim.
Todas as torres de Leo1BE estão com problemas. Além do mais, o Exército vai operar o Leo1A5 por mais 1 década pelo menos.

Marcus
Visitante
Marcus

Manuel Flávio, que tipos de problemas?

Bravox
Visitante
Bravox

Nao são os 1a5 italianos que estão com vida util desgastada comparado aos 1a5 alemães ?

Almir Blanco
Visitante
Almir Blanco

Triste ler os comentários acima, o Brasil disputando blindados velhos com o Paraguai!!!!!Nossa mãe do céu, deixem essas tralhas para eles, que aliás merecem mais do que a gente, o Brasil tinha que estar procurando Leopards 2 ou até superior, me canso de constatar como estamos no fundo do poço, mas parece que o poço é ainda mais fundo…

Arariboia
Visitante
Arariboia

Piada os comentários! Pessoal querendo Léo 1A5…

Blindagem dele mal aguenta 30/40mm
Léo 2A4 chilenos e T-72B1 e BMP-3 venezuelanos e T-55 do Peru comem ele de palitinho.

Dodo
Visitante
Dodo

Almir lamentavel é ver sua ignorancia,o 1a5 ainda é um dos blindados mais utilizados pelas forcas do ocidente,alem de ser comparavel ao t70 russo em nivel tecnologico,um excelente veiculo,muito superior a qualquer coisa que nosos visinhos possuam. Por favor antes de comentar asneiras movidas por desconhecimento e por esse cançer na mente de certas pessoas mais velhas(40 anos) que eu chamo de geracao vira lata

Dodo
Visitante
Dodo

Ps nossa é mto ruim escrever em smartphone kkkkkk

Dodo
Visitante
Dodo

Arariboia,engraçado que os alemaes falavam a mesma coisa do t34 quando iniciaram a operaçao barbarrosa,levaram uma surra de blindados “considerados inferiores” aos seus tigers 1 e 2… O chile tem meia duzia de Leo 2a4,idem pra venezuela com os seus t70,o que importa é o numero de vetores que estao disponiveis para fazsr frente a um vetor inimigo,a estrategia sovietica era mandar 3 t34 contra um tiger e esse era eliminado rapidinho. Sobre os t55 peruanos eu nao vou nem comentar nada,o cara ta achando que um blindado desenvolvido nos anos finais da 2 guerra podem fazer frente a um… Read more »

Manuel Flávio
Visitante
Manuel Flávio

Marcus 5 de Janeiro de 2018 at 16:17

Parte significativa da causa da indisponibilidade é a falta de sobressalentes para o estabilizador de tiro.
A torre do Leo1BE tem vários componentes que só existiam nessa versão.

Fellipe Barbieri
Visitante
Fellipe Barbieri

Acho meio estranho esse preço, tô achando caro … seria uma boa pro Paraguay mais acho que tem outras opções melhores bem mais baratas do que esses Leopards 1A5 . Eu acredito que o Paraguay deveria ir atrás de uns M60 ou T-55 que tem manutenção barata e que poderiam ser comprados em maior quantidade, mais ainda acho que seria uma boa um lote de T-72 usados que a Rússia tem aos montes, seriam baratos . Já no nosso caso deveríamos focar em um blindado superior nem que seja para ir comprado aos poucos, talvez uma versão simplificada de alguns… Read more »

Rafael_PP
Visitante
Rafael_PP

Dodo 5 de Janeiro de 2018 at 16:44:”O chile tem meia duzia de Leo 2a4,idem pra venezuela com os seus t70,o que importa é o numero de vetores que estao disponiveis para fazsr frente a um vetor inimigo”
.
O Chile possui mais de 100 Leopards 1A5, mais de 200 Leopards 2A4, e quase 300 Marderes 1A3. A Venezuela adquiriu cerca de 180 T72-B1. De certa forma emparelha em quantidade com os Leopards operacionais brasileiros…
.
Ps: não adianta me chamar de vira-lata ou qualquer outro adjetivo pejorativo. Não me ofendo fácil.

Bravox
Visitante
Bravox

Lembrando que nosso pais e talvez o chile (este nao sei ao certo) sao os unicos que tem doutrina militar para operar “tanques” na america do sul .

Roberto Medeiros
Visitante
Roberto Medeiros

Dodo 5 de Janeiro de 2018 at 16:44 Arariboia,engraçado que os alemaes falavam a mesma coisa do t34 quando iniciaram a operaçao barbarrosa,levaram uma surra de blindados “considerados inferiores” aos seus tigers 1 e 2… Dodo, quando os alemães atacaram a Rússia na operação Barbarossa, em 1941, eles ainda não tinham os Pzkw V (Pantera) e muito menos os Tigre I e II. O carro mais possante dos Alemães em 1941 era o Pzkw IV, que era inferior ao T34. A partir de um T-34 capturado, foi que Guderian traçou as especificações do que viria a ser o Pantera. E… Read more »

Ivan BC
Visitante
Ivan BC

Não sabia que o Chile tinha Marder, os caras são feras mesmo! De qualquer forma o Chile é aliado do Brasil e nem faz fronteira com o Brasil.

Baschera
Visitante
Baschera

Deu a louca no pessoal.
Deixem esta tralha para o Paraguay mesmo.

Única utilidade que eu vejo neste velho blindado é sua carroceria sem a torre. O conjunto de chassi e rodado de esteiras daria um bom lançador de foguetes…mas só se usarmos o que ja temos.

Estes velhos Leo 1 estão muito caros.

Sds.

Agnelo Moreira
Visitante
Agnelo Moreira

Ivan BC Viu fugir um pouco do tema, pra falar um pouco do Chile q Of de lá, q estudaram comigo, me disseram. Eles pensam um pouco como Israel. Não podem perder terreno, pois ou são partidos ao meio, se em confronto com a Argentina, ou chega-se rápido em locais importantes, se atacados pelo Peru. Por isso, entendem q não devem se preparar em caso de seus vizinhos mudarem a postura, mas devem estar preparados já, sob pena de não ter força suficiente para se defender. Sua capacidade de mobilização também não é grande, o q complica. Assim, investem em… Read more »

Agnelo Moreira
Visitante
Agnelo Moreira

Vou fugir…

Ivan BC
Visitante
Ivan BC

Agnelo Moreira 5 de Janeiro de 2018 at 18:44
Obrigado!
Que pena que ainda existe esse atrito entre os 2 países, tem que acabar com esse atrito…

Arariboia
Visitante
Arariboia

Roberto Medeiros O Leo 1A5 é fraquíssimo em blindagem ela no ponto mais forte é de 700mm em aço e armado com com canhão de 105mm… Ele praticamente não perfura a blindagem do T-72b1 com era e não resiste aos disparos do 125mm.
Não vou falou do T-72BA/B2/B3/B3M russos porque é outro continuem e é covardia com os nosso leo.

Os BMP-3 possuem um canhão de baixa preção 100mm + míssil e o canhão de 30mm.

Arariboia
Visitante
Arariboia

*Pressão
**continente

Thiago
Visitante
Thiago

Leopard 1a5 é mbt de primeira geração recauchutado. Devia ir pra sucata. Com esse dinheiro o Paraguai podia conseguir coisa melhor.

Pedro nine-nine
Visitante
Pedro nine-nine

Leopard 1a5 não é de primeira geração. Leopard 1a5 faz parte de uma das melhores plataformas de carros de combate já desenhadas. Leopard 1a5 é a evolução de um projecto que foi desenhado para flankear forças inimigas com uso da mobilidade, tecnologia e poder de fogo. Estudem melhor as blindagens adicionais e o papel delas no carro de combate e irão perceber que um canhão de 105mm pode sim danificar carros mais modernos. O exemplo da Turquia, com os seus bem melhores Leo2a4 mostra que carros de combate modernos e rodeados de protecção adicional estão na mesma sujeitos a danos… Read more »

Dodo
Visitante
Dodo

Rafael_pp fwlo e repito novamente,vc tem espirito de vira lata,180 leopard operadionais ? Ta viajando ? O brasil tem perto de 400 leopardas 1a5 e em torno de 200 leopards 1 e algumas desenas de m60 patons,alguns destes modernizados,o Brasil continua tendo a maior força blindada da america do sul

Sidy
Visitante
Sidy

O Brasil possui 230 carros de combate Leopard 1A5 BR e 36 blindados antiaéreos Gepard 1A2. Quanto aos Leo 1A1/Be, não deve haver 50 operacionais.
Soma-se a isso o fato de que a partir de 2027 os nossos Leo 1A5 darão baixa, então adquirir mais Leo 1A5 agora, e nesta quantidade pífia, só aumenta nosso problema.

Dodo
Visitante
Dodo

Só lra complementar aqui,lembrem da surra que a Turquia levou durante a operacao eufrates shield ano passado,dos mais de 20 Leopards 2a4 enviados cerca de 7 foram destruidos(incriveis 35% de toda a força de ataque)por misseis de unidades anti carro kurdas,um resultado tao catastrofico que o exercito alemao enviou seus lotes de leopards para uma reavaliacak completa,tinha uma materia do deuche walle(nao sei bem comk se escreve o nome desse jorrnal) que fala sobre isso,o chile desesperado tbm fez a mesma coisa,visto que boa parte dos misseis anti-tanque utilizados pelos kurdos sao os mesmos que equipam o exercito peruano e… Read more »

Artur Paulo
Visitante
Artur Paulo

Será que agora os imbecis dos nosso “polititicos” (de titica de galinha) vão parar com a mania de doarem os equipamentos militares? Pois se podem comprar da Itália, seja pelo preço que for, então que não doemos mais nada a esses nosso vizinhos.

seal
Visitante
seal

Dodo 5 de Janeiro de 2018 at 21:04. Dodo, não fala besteira. O EB adquiriu 240 leopard 1A5br dos estoques da alemanha. Dos 128 leopard 1A1 belgas, somente 91 estavam operacionais. Os M-60, dos 91 tanques adquiridos dos EUA, somente 28 estão operacionais, não são modernizados, são da última versão fabricada M-60A3TTS ( Termal Tank Signal).

PARA
Visitante
PARA

Dodo 5 de Janeiro de 2018 at 21:04

Na verdade o EB possui isso aqui operacional:

216 Leo 1A5 nos quatro RCC
39 Leo 1A1 em três RCB do RS
28 M-60 no RCB do MS.

Dodo
Visitante
Dodo

Seal e para,me escuso pelo erro nos valores. So por curiosidade,onde conseguiram essas informaçoes de operacionalidade ? E o que foi feio dos 63 outros M60? (btw quando eu falei modernizados me referi a versao mais atual deles,a a3tts)

Pedro nine-nine
Visitante
Pedro nine-nine

Dodo, so sei que se o problema for peças, Portugal tem mais de 60 estacionados, na versão TTS. ^^

Dodo
Visitante
Dodo

E quanto a VLTP’s e outros blindados e caça tanques que nao sejam MBT’s alguem sabe de um valor aproximado ? Por exemplo o numero de guaranis e cascaveis por exemplo

Roberto Medeiros
Visitante
Roberto Medeiros

Arariboia 5 de Janeiro de 2018 at 20:15 Roberto Medeiros O Leo 1A5 é fraquíssimo em blindagem ela no ponto mais forte é de 700mm em aço e armado com com canhão de 105mm… Ele praticamente não perfura a blindagem do T-72b1 com era e não resiste aos disparos do 125mm. Não vou falou do T-72BA/B2/B3/B3M russos porque é outro continuem e é covardia com os nosso leo. Os BMP-3 possuem um canhão de baixa preção 100mm + míssil e o canhão de 30mm. Arariboia: O Leo 1A5 é uma evolução do Leo 1 (que foi desenvolvido para destruir os… Read more »

Roberto Medeiros
Visitante
Roberto Medeiros

Um detalhe, Arariboia: O canhão de 105 mm do Leopard 1A5, com um único tiro, tem capacidade de atravessar de 520 a 580 mm de blindagem. Ou seja: tem condições de romper com um tiro a blindagem frontal de um T72 (blindagem frontal reforçada, com equivalência virtual a 500/600 mm)

Os Leopard 1A5 ainda são, para um TO na América do Sul, um Carro de Combate com um valor significativo. O unico rival que o supera hoje no continente é o Leo 2 chileno

Manuel Flávio
Visitante
Manuel Flávio

Ao militares do EB, Agnelo, Colombelli,

Continua “sobrando” o 1 regimento de cavalaria mecanizado no RS, fruto da dissolução da 8ª DE.

O que será feito com ele? Vai permanecer lá, sendo que no NE serão criadas 2 brigadas, sendo, portanto, necessário 1 esquadrão mecanizado em cada? E a 18ª Bd de Fronteira também não tem esquadrão cav. mecanizado.
Ou até mesmo esse regimento poderia ser transferido para Roraima.

Ou seja, há necessidade de realocação dos esquadrões regimento mecanizado que está sobrando. O EB pretende fazer alguma coisa, ou o regimento vai ficar lá no RS?

tenmurphy
Visitante
tenmurphy

Não seria o caso de substituir todos os M60 por M1 Abrams?

Sidy
Visitante
Sidy

Seria o caso de comprar M1A1 agora para suprir nossas necessidades e ir comprando mais a medida que os Leo 1A5 forem dando baixa.
E antes que venham com a conversa de “prefiro Leo 2”, não tem Leo 2 usado no mercado e Leo 2 novo não cabe no bolso do EB.

Arariboia
Visitante
Arariboia

Roberto Medeiros, na verdade o Léo é porcamente blindado… Ele tá no limite pra romper a blindagem do T-72BV frontal, isso se aproximando muito na casa do 1mil metros… Já o T-72BV atira e perfura o Leo 1A5 na casa dos 3mil ou mais e é imune lateralmente ao 105mm. Resumindo… as chances de Vitória do Léo 1A5 contra um T-72BV é limitada ao arco fronal, isso se conseguir chegar na distância de disparo de +- 1mil metros. O Léo 1A5 é altamente vuneravel aos T-72B1 / Léo 2A4 e até mesmo pro T-55 Não sei onde vocês tiram que… Read more »

Arariboia
Visitante
Arariboia

Na verdade depende do T.O… se for contra venezuela, Chile e Peru ele tá lascando, já que em ambos se tem boas quantidades de mísseis anti tank… não falo nem da quantidade de armas anti tanque do tipo AT4 ou RPG7 que eles possuem.

Roberto F Santos
Visitante
Roberto F Santos

Chega de comprar latas velhas, deixa pro Paraguai.

Dodo
Visitante
Dodo

Arariboia,se o leo 2 é tao poderosoe blindado assim,como voce explica a catastrofe que foi a atuacao deles no teatro de operacoes sirias,em que quase metadae das unkdades turcas foram destruidas por misseis anti-tanque kurdos e tanques considerwdos inferiores como os t55 que os kurdos capturaram do ISIS ? E como explicar a alemenha exigir uma reavaliacao completa de suas unidades ?(coisa que o chile tbm fez). Na primeira vez em que esse blindado operou em uma situacao real de guerra,sua blindagem se mkstrou mto vulneravel a misseis anticarro como o kornet russo(o mesmo operado pelo peru e pela bolivia)

Adler Medrado
Visitante
sub-urbano
Visitante
sub-urbano

Não sei como ainda conseguem comparar o Leo1A5 com os Leo2 chilenos….

É a mesma coisa que comparar os T-72M iraquianos com os T-72-B russos.

Gabriel Bolsonaro
Visitante
Gabriel Bolsonaro

Deixem isto para o Paraguai, antes que la vire uma cuba ou coreia do norte.

Fellipe Barbieri
Visitante
Fellipe Barbieri

Eu só seu que quero o M1 Abrams para o Brasil … deveríamos dispensar todos os Leo 1A1 e 1A5 além dos M60 restantes e comprar um lote de uns 360 Abrams usados dos EUA … pois não dá mas pra ficar pensando em comprar Leo 1A5, o veículo é bom sim e tem suas qualidades, mas acho que já deveríamos ter partido para algo melhor faz tempo, e não venha ninguém falar em Osório NG que isso já é delírio demais até para o Brasil . Então aos amigos eu perguntou, além do próprio M1Abrams quais são as nossas… Read more »

Sidy
Visitante
Sidy

No mercado ocidental, não há opções – ou ainda, existiria os Merkavas usados, mas vai saber o estado em que estão e quanto custariam.
Leo 2 usado não tem em quantidade suficiente. Como não acredito que adquiriam tanques russos ou chineses, não tem muito para onde correr – ou vai de M1A1 ou ficamos sem MBT em menos de dez anos.

TukhAV
Visitante
TukhAV

Felipe, os M1 Abrams é um mastodonte; seu peso inviabiliza a sua mobilização no território nacional com os modais disponíveis hoje. Algo mais factível seriam os Leo2 e os T90.
Não gosto da ideia de desenvolver uma família nacional de carros leves (até 40t), como foi aventado. Acabaremos com um Tam da vida; caro por não ter escala e inferior até mesmo aos vetustos Leo A1 bananóides.

Sidy
Visitante
Sidy

Não há Leo 2 usado disponível no mercado, só em pequenas quantidades e com lotes de fabricação diferentes. Quanto ao peso, é similar ao do M1A1. Tanque russo no EB só acredito vendo.

TukhAV
Visitante
TukhAV

O M1 Abrams é *