segunda-feira, setembro 27, 2021

Saab RBS 70NG

Exercício Culminating: Tropa paraquedista embarca para Fort Polk, nos EUA

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Rio de Janeiro (RJ) – No dia 3 de janeiro de 2021, foi realizada, no Campo de Parada do 26º Batalhão de Infantaria Pará-quedista, uma formatura para marcar a despedida e o embarque da Subunidade (SU) Culminating.

Após dois anos de adestramento, a Companhia de Fuzileiros Paraquedistas dará continuidade ao exercício combinado em solo americano, no Centro de Prontidão e Treinamento Conjunto (JRTC – acrônimo em inglês), em Fort Polk, nos Estados Unidos da América, no período de 3 de janeiro a 22 de fevereiro de 2021. A ação é um intercâmbio entre os dois países e finaliza o Plano Conjunto de atividades realizadas ao longo de cinco anos.

A Força-Tarefa (FT), aprestada para emprego em operações aeroterrestres, utiliza-se de equipamentos e armamentos individuais e coletivos de última geração: canhões sem recuo 84 mm; morteiros 60 e 81 mm; metralhadoras leves; equipamentos de visão noturna; miras laser; lunetas ópticas; GPS; meios de comunicação diversos e paraquedas MC-1. A FT nível subunidade é composta por 172 paraquedistas.

O Exercício Culminating terá a participação de uma subunidade paraquedista, enquadrada em um batalhão de uma brigada da 82ª Airborne Division do Exército dos EUA.

No Brasil, o exercício foi dividido em 5 fases. Na 1ª e 2ª, a SU, originada da Brigada de Infantaria Pára-quedista, participou do assalto aeroterrestre e cumpriu as missões de conquista e manutenção de cabeça de ponte aérea. Na 3ª e 4ª fases, foram praticadas a infiltração aeromóvel, a ocupação e a estabilização da área urbana de São José do Barreiro, interior de São Paulo. Na 5ª fase, realizou-se o Live Fire.

Estiveram presentes na formatura de embarque o Comandante da 1ª Divisão de Exército, General de Divisão Kleber Nunes de Vasconcellos; o Chefe do Preparo da Força Terrestre, General de Divisão Marcos de Sá Affonso da Costa; e o Chefe do Estado-Maior da Brigada de Infantaria Pára-quedista, Coronel Fabiano Lima de Carvalho. Devido à pandemia da COVID-19, todas as medidas sanitárias foram seguidas e cada militar da SU Culminating só pôde convidar até dois familiares para a despedida.

* Uma Companhia de Fuzileiros Paraquedistas é formada por três Pelotões de Fuzileiros, um Pelotão de Apoio e uma Seção de Comando.

FONTE: Agência Verde-Oliva/CCOMSEx

LEIA TAMBÉM:

- Advertisement -

133 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
133 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Gilson
Gilson
8 meses atrás

Boa sorte a todos e mostrar que: o Brasil, está preparado para qualquer eventualidade.

Plinio Carvalho
Plinio Carvalho
Reply to  Gilson
8 meses atrás

Preparado pra qualquer eventualidade?? só em sonho!

Alexandre Cardoso
Alexandre Cardoso
Reply to  Plinio Carvalho
8 meses atrás

INFELIZMENTE, só em sonho …

sj1
sj1
Reply to  Gilson
8 meses atrás

Não está, e nem jamais esteve preparado pra nada ! Sempre foi pego com as calças curtas, no embarque pra Itália não tinhamos nem uniforme de inverno, tudo foi cedido pelos EUA.

rdx
rdx
Reply to  sj1
8 meses atrás

Um exemplo é se surgir uma guerra contra a desprezível Venezuela. Não temos meios para neutralizar os T-72, SAM e drones venezuelanos. Não temos sequer meios para localizar forças inimigas.

Pablo
Pablo
Reply to  rdx
8 meses atrás

Quais seriam os meios necessarios?

rdx
rdx
Reply to  Pablo
8 meses atrás

ATGM (lançadores terrestres e instalados em helicópteros) contra o T-72;
Drones ISTAR (Inteligência, Vigilância, Aquisição de alvos e Reconhecimento) para localizar as posições inimigas e drones suicidas e de ataque para destruir principalmente os lançadores SAM;
SAM de médio alcance capaz de destruir drones (o governo abriu recentemente a licitação);
Radar contrabateria para localizar artilharia inimiga.
Satélite de Inteligência para localizar alvos táticos e estratégicos.

Last edited 8 meses atrás by rdx
rdx
rdx
Reply to  rdx
8 meses atrás

Meios de Guerra Eletrônica para neutralizar drones .

Pablo
Pablo
Reply to  rdx
8 meses atrás

Quais drones os venezuelanos possuem?

Pablo
Pablo
Reply to  Pablo
8 meses atrás

Usariam o T-72 na região amazonica??

rdx
rdx
Reply to  Pablo
8 meses atrás

Pesquise sobre a geografia do estado de Roraima, provável teatro de operações.

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  rdx
8 meses atrás

Tá, a Venefavela conquistou Roraima, puxa vida!! Que meda!! e depois Professor, segue para Brasília?

rdx
rdx
Reply to  Marcelo Andrade
8 meses atrás

Essa é a sua contribuição ao debate?

roberto medeiros
roberto medeiros
Reply to  rdx
8 meses atrás

Uma guerra Venezuela e Brasil é altamente improvavel. Mas se ocorresse, seria por agressáo Venezuelana. Bateriam no primeiro round, seriam contidos no segundo e apanhariam nos seguintes

rdx
rdx
Reply to  Pablo
8 meses atrás

https://www.airway.com.br/nicolas-maduro-diz-que-venezuela-vai-fabricar-drones-militares/

Provavelmente drones iranianos. Lembrando que o regime iraniano é aliado dos bolivarianos e possui uma sólida indústria de drones. Em caso de guerra o Irã é capaz de fornecer eficazes drones ISTAR, suicidas e de ataque ao exército venezuelano. Lembrando que os Houthis usaram com sucesso drones iranianos contra as forças lideradas pela Arábia Saudita (alvos táticos) e no chocante ataque contra as refinarias sauditas (alvos estratégicos).

Pablo
Pablo
Reply to  rdx
8 meses atrás

Essa tua fonte nao diz que a Venezuela tem drone de ataque ou suicida, apenas fala que vai fabricar (falar até papagaio fala), manda fonte provando isso.
Em caso de guerra pode acontecer mil coisas, tu ja esta contando com coisas que nem sabe se vai acontecer, se é que vão acontecer. Outra coisa, com que dinheiro a Venezuela vai manter uma guerra?
Unica coisa que eles tem é artilharia anti aérea e ponto.

Last edited 8 meses atrás by Pablo
rdx
rdx
Reply to  Pablo
8 meses atrás

Eu não tenho que te provar nada (fique achando que tudo está escrito no wikipedia ou SIPRI)…e você tem sérios problemas cognitivos. O meu exemplo é uma conjectura. Dinheiro para manter uma Guerra? Você deve estar de brincadeira. Tem muita gente disposta a manter (com dinheiro, logística, assessoramento e até tropas) o regime bolivariano. Leia-se cubanos, iranianos, russos, Hezbollah, chineses etc.

Pablo
Pablo
Reply to  rdx
8 meses atrás

Eu com problemas e tu com os teus “achismos”.

Pablo
Pablo
Reply to  rdx
8 meses atrás

Como nao tem que provar?
Ta falando em coisas que nem existe ou inventando situações da tua cabeça e fala que eu tenho problema? Tu so pode estar de sacanagem!
Fala que a Venezuela tem drone e eu que uso o Wikipédia?
É cada uma que vou te contar!!

Last edited 8 meses atrás by Pablo
rdx
rdx
Reply to  Pablo
8 meses atrás

Inocente

Pablo
Pablo
Reply to  rdx
8 meses atrás

E tu doente, pra nao dizer outra coisa!

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  rdx
8 meses atrás

caraca, não vou dormir hoje, pára tá!

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  rdx
8 meses atrás

E eles têm?

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  rdx
8 meses atrás

os T72 poderiam ser destruídos com A29,Mi35 ou F5, agora os SAM teríamos que destruir com artilharia, os Drones poderiam ser destruídos pelos F5. claro não seria fácil.

rdx
rdx
Reply to  Carlos Campos
8 meses atrás

O EB não tem meios. O Mi-35 da FAB poderia destruir o T-72 utilizando o míssil Ataka, embora o Mi-35 não tenha sido comprado para essa tarefa. A FAB conseguiria localizar as baterias SAM mas não possui meios para destruí-las (armas anti-radar e/ou drones suicidas). O F-5 poderia caçar os drones mas teria imensa dificuldade em operar numa área coberta por S300, BUK, Tor, Pechora e Su-30.

Last edited 8 meses atrás by rdx
Rodrigo
Rodrigo
Reply to  Carlos Campos
8 meses atrás

como o t72 iria ser destruído pelas aeronaves da FAB se elas estivessem no alcance dos SAMs venezuelanos? o grosso da operação ficaria na mão da infantaria e das FEs tentando se infiltrar atrás da linha de frente venezuelanas.

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  rdx
8 meses atrás

E…eles vão até onde? margem do Amazônas?

Raimundo Nonato Costa
Raimundo Nonato Costa
Reply to  rdx
8 meses atrás

Desprezível Venezuela? Lembro ao caro amigo que ela esta ajudando ao povo de manaus com algo chamado oxigenio… Isso depois de todo tratamento que o governo dispensou a venezuela. Sera que agiriamos da mesma forma autruista?
Acho que nao cabe neste momento gastar recursos com esses exercicios militares. Todos os meios deveriam estar focados em ajudar Manaus.

Pablo
Pablo
Reply to  sj1
8 meses atrás

Contra os franceses foi pego de calcas curtas tambem?

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Pablo
8 meses atrás

pior que foi, mas eles arregaram depois

Pablo
Pablo
Reply to  Carlos Campos
8 meses atrás

Eles quem?

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Pablo
8 meses atrás

os franceses

Pablo
Pablo
Reply to  Carlos Campos
8 meses atrás

O Brasil não foi pego de calça na mão, procura no naval que encontrará uma matéria a respeito.

Salim
Salim
Reply to  Pablo
8 meses atrás

Foi pego sim, tinha força francesa comandada por porta aviões. MB chegou bem depois. A FAB ate mostrou presença, porem náo seria páreo para PA francês e sua esquadra. Isto e historia, o que importa e o que fizemos e iremos fazer para náo termos mais este risco. Infelizmente estamos pior do que naquela época. Precisamos acordar urgente.

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  sj1
8 meses atrás

Pois é, e fizemos bonito. Vai ao norte da Itália e você verá crianças de 4 aois cantando, em portugues, a Cançao do Expedicionário. Eles têm mais amor aos nossos heróis do que nós!!!

Templário Tuga
Reply to  Gilson
8 meses atrás

Pois Pois A tropa Portuguesa ainda esta a espera dos irmão Brasileiros na Republica Centro Africana para ajudar…..saudações ao Brasil

PACRF
PACRF
Reply to  Gilson
8 meses atrás

Estaremos prontos para qualquer eventualidade no dia D e na hora H, como disse o Pazuello.

Gil U
Gil U
Reply to  PACRF
8 meses atrás

Kkkkk quando você lê uma resposta dessas de um ministro da saúde, dá ate para sentir um frio na espinha, é uma demonstração clara de despreparo total, pobre de nos brasileiros.

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
Reply to  Gil U
8 meses atrás

Sim, saudades do 9 dedos e sua guilda!! Aquilo é que foi governo!! Torço sinceraamente que o egrégio STF anule todas as decisões do Moro e ele volte nos braços do povo pois este país merece!!

Jesus Baccaro
Jesus Baccaro
Reply to  Marcelo Andrade
8 meses atrás

Sim, saudades mesmo!
Faltava um dedo mas não faltava cérebro, competência, amor ao povo brasileiro e PATRIOTISMO.
Naquela época querido, o Brasil realmente estava acima de tudo!
Esse país merece #Lula de novo.

André
Reply to  Jesus Baccaro
8 meses atrás

Faz me rir!

pgusmao
pgusmao
Reply to  PACRF
8 meses atrás

Só de olhar a silhueta do Ministro da Saúde e ter de ouvir que ele faz parte da ativa do exército é piada, tem ainda o disparate de dizer que foi de “operações especias”, o que deve ter sido num passado bem distante, hoje não dá conta de subir dois andares de escada. Esse é o retrato de grande parte da alta oficialidade, uns velhinhos e gordinhos.

Eduardo
Eduardo
Reply to  Gilson
8 meses atrás

Sem pólvora? Sem tecnologia? Sonho meu…sonho meu…

Vitor
Vitor
8 meses atrás

Da pra notar que a Tropa recebeu upgrade de Coturno e Gandola. Alguem Sabe maiores detalhes do fabricante destes equipamentos?

Augusto Motta
Augusto Motta
Reply to  Vitor
8 meses atrás

E complementando, vão levar o IA2??????

PauloOsk
PauloOsk
Reply to  Augusto Motta
8 meses atrás

Ia2, minimi, at4.. tao bem equipados.

Barak MX para o Brasil
Barak MX para o Brasil
Reply to  Vitor
8 meses atrás

Compraram tudo de equipamento moderno para treinar nesse exercício.

Gutierrez
Gutierrez
Reply to  Barak MX para o Brasil
8 meses atrás

IA2 e MINIMI são uma realidade nas tropas leves especializadas, inclusive com optrônicos

Zen
Zen
8 meses atrás

Uma dúvida vai só um Kc390 e quais outras aeronaves pra levar todo esse pessoal e equipamentos? Não deixaram claro o que mais vai junto no apoio logístico.

Flanker
Flanker
Reply to  Zen
8 meses atrás

O KC-390 vai com uma equipe total de 21 membros, entre tripulação e pessoal de apoio. O pessoal do EB foi com um Boeing 767 fretado.

Augusto Motta
Augusto Motta
Reply to  Zen
8 meses atrás

Será que vão levar o IA2, ou ficaram com medo de passar vergonha?

Last edited 8 meses atrás by Augusto Motta
Velame
Velame
Reply to  Augusto Motta
8 meses atrás

Todo armamento empregado é o de dotação dos Pel Inf Pqdt. Do morteiro ao fuzil. Cada militar usará o seu armamento.

Heinz Guderian
Heinz Guderian
Reply to  Augusto Motta
8 meses atrás

Vergonha de que? Responde ai “ixpecialista”

Eduardo Oliveira
Eduardo Oliveira
Reply to  Augusto Motta
8 meses atrás

Claro que levaram o IA2. E o pq de passar vergonha?

Pablo
Pablo
Reply to  Augusto Motta
8 meses atrás

Mais um especialista aqui, que honra pro forte.

Juslei
Juslei
Reply to  Augusto Motta
5 meses atrás

Realmente era melhor ter levado os FAL’s recondicionados. Esse IA2 é o maior tiro no pé que o EB deu. Uma verdadeira porcaria. Pior fuzil com que já tive contato, de longe. Quem fala bem desse fuzil, nunca atirou com outros fuzis…

Ten Murphy
Ten Murphy
8 meses atrás

Esse coturno não é péssimo para camuflagem? E se não for, não é péssimo para camuflagem contra sensores infravermelhos?

Pablo
Pablo
Reply to  Ten Murphy
8 meses atrás

Tu acha que e pessimo pela cor ou tem outro motivo?

Last edited 8 meses atrás by Pablo
Ten Murphy
Ten Murphy
Reply to  Pablo
8 meses atrás

Pela cor e brilho.

Last edited 8 meses atrás by Ten Murphy
Velame
Velame
Reply to  Ten Murphy
8 meses atrás

Um sensor infravermelho passivo detecta o calor irradiado pelo “alvo” em contraste com o ambiente. O que o coturno tem a ver com isso? Me explique por favor? Vai detectar só o pé do guerreiro? É isso?

Ten Murphy
Ten Murphy
Reply to  Velame
8 meses atrás

Lembro de ter lido no passado que o infravermelho “enxergava” melhor cores quentes, como o preto e vermelho,salvo engano no sistemas de armas anos atrás. Que essas cores contrastavam mais com o ambiente, que elas geravam mais calor no ambiente e em quem estibesse utilizando. Não vai detectar só o pé, mas também o pé, ou ele vai lutar sem os pés?

Kid
Kid
Reply to  Ten Murphy
5 meses atrás

Lembrando que o boot marrom representa uma tradição, uma representação do sangue dos milhares de pqd que morreram durante os saltos, alvejados, chegavam ao solo com seus boots ensanguentados. E com relação a camuflagem, não tem diferença, acredite, o pé fica no chão, parece óbvio, mas quase sempre fica camuflado pela vegetação.

Augusto Motta
Augusto Motta
8 meses atrás

Tem muitas coisas boas nesse treinamento, mas o melhor que eu acho é que finalmente vão aprender a empunhar um fuzil pelo guarda-mão, largando de vez essa mania de macaquito de empunhar segurando o carregador, todas as fotos aparecem assim, deus do céu!

Fred
Fred
Reply to  Augusto Motta
8 meses atrás

Mania de macaquito? Expressão racista tá liberada agora?
Tem uns malucos aí, comentam num nível patético. Mas isso aí é demais.
Vai pra casa do caral#*!

sub urbano
sub urbano
Reply to  Fred
8 meses atrás

Se tem gente com nick homenageando individuos e unidades nazistas, pode qualquer coisa.

Eduardo Oliveira
Eduardo Oliveira
Reply to  Augusto Motta
8 meses atrás

Da pra ver que vc não entende nada mesmo. Nem de fuzil, nem de empunhadura de fuzil e aparentemente nunca atirou com um fuzil. Falou pouco mas falou merda.

Teropode
Reply to  Eduardo Oliveira
8 meses atrás

Tomei muita pancada na orelha por segurar fala pela carregador , mas vivemos novos tempos , a rapaziada tá até trocando carícias no vestiário , novos tempos .

Eduardo Oliveira
Eduardo Oliveira
Reply to  Augusto Motta
8 meses atrás

A moderação não aceitou a última resposta que te dei, então vou tentar ser o mais educado possível (apesar deles aceitarem sua expressão racista). 1- Vc deve estar falando do pessoal empunhar o FAL com a mão na frente do carregador. NÃO É ERRADO pois, se um dia vc atirou de FAL, o que eu acho bem improvável, vc sabe que a ergonomia dele pra tiro, principalmente no TAR, incursão é horrível, sendo assim, segurando na frente do carregador (Não embaixo) melhora o desempenho. 2- Se vc estiver falando do IA2 a própria Imbel mandou de fábrica um “grip” logo… Read more »

Last edited 8 meses atrás by Eduardo Oliveira
José de Souza
José de Souza
Reply to  Eduardo Oliveira
8 meses atrás

Atirei (razoavelmente bastante pelos padrões do Em dos anos 1990) de FAL e nunca segurei pelo carregador, era pela empunhadura sob o cano. Se sequer pensasses numa besteira dessas, como disse um camarada aí acima, tomava uma porrada no capacete!

Tomcat4,2
Reply to  Augusto Motta
8 meses atrás

Fostes bem infeliz ao usar a expressão “macaquito” meu caro.
Caso não sejas racista sugiro q se retrate.
Espero, mas espero mesmo, q a moderação ainda não tenha visto tal deplorável comentário e apenas devido a isto o mesmo não tenha sido retirado e seu dono advertido.

Tomcat4,2
8 meses atrás

O país mostrando que como poucos está empregando tropa com equipamentos em sua quase totalidade fabricados localmente (arma, aeronave etc) e o povo do super trunfo que ignora absurda e totalmente a logística e toda a estrutura que sustentam uma guerra, malhando pau no país pra variar. Trágico!!!
Como diria o Robin;
_ Santo viralatismo Batman !!!

Paulo C
Paulo C
8 meses atrás

O alcance do Mansup é de 70km? Esse é o mesmo alcance da versão do Exocet criado na década de 80 né? Finalmente chegamos na década de 80. Ufa, agora conseguimos manter ameaças longe da costa…

Victor
Victor
8 meses atrás

É cada especialista que até Deus duvida. Sucesso na missão para os irmãos brasileiros que embarcam para as terras estrangeiras. Vão mostrar o nosso melhor não tenho dúvidas disso. Enquanto isso, os que possuem complexo de vira lata, continuem latindo, porque morder somente nossos cães de guerra mordem! Força Brasil.

Alfa BR
Alfa BR
8 meses atrás

Essa certamente é a Cia Fuz melhor adestrada e equipada do EB hoje.

No adestramento final em prepação para o exercício Culminating a subunidade consumiu mais de 23 mil cartuchos de munição em apenas três dias.

Last edited 8 meses atrás by Alfa BR
sub urbano
sub urbano
Reply to  Alfa BR
8 meses atrás

Tudo pra fazer gracinha pros americanos. Se começar uma guerra com a Venezuela hoje iriam “tiros de guerra” com 15 disparos de FAL de instrução morrer lá no meio do mato contra os motivados guerreiros esquerdistas de MADURO

Welington S.
Welington S.
Reply to  sub urbano
8 meses atrás

Você está querendo comparar um exercício que já vinha sendo feito há mais de 2 anos de preparação com os exercícios padrão do próprio EB? Isso é errado! E outra, se nós temos fabrica de munições no Brasil e inclusive exportamos essas munições para vários países, incluindo os EUA, como é que nós ficaríamos sem munição ou simplesmente iríamos á guerra com pouca munição, para combater os ”guerreiros esquerdistas de MADURO”? Isso não faz sentido. Já conversei com um militar reformado e ele me contou que em tempo de guerra a fabricação de munição aumenta e muito, podendo contar até… Read more »

Agnelo
Agnelo
Reply to  sub urbano
8 meses atrás

Sua esquizofrenia retal é patética…. é muito recalque….

Teropode
Reply to  Agnelo
8 meses atrás

Um sub no sentido pleno da antropologia .

Pablo
Pablo
Reply to  sub urbano
8 meses atrás

Tu e tuas pérolas, isso so me faz rir hahaha

Teropode
Reply to  sub urbano
8 meses atrás

Patética está sua colocação , demostrando o alto grau de debilidade , sugiro uma melhor análise antes de conjecturar besteiras deste nível . Ou peça desculpa pelo ato falho .

Velame
Velame
Reply to  Alfa BR
8 meses atrás

Foram dois anos de preparação meu camarada. Eu sou testemunha do quanto esses caras ralaram e do quanto merecem estar onde estão hoje! Não tenho duvida nenhuma que cumprirão a missão no mais alto nível!

Tutu
Reply to  Alfa BR
8 meses atrás

Também tem a questão do novo programa de prontidão do exército, “FORPRON”, do qual a brigada paraquedista é pioneira.

Last edited 8 meses atrás by Tutu
Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
8 meses atrás

Já estão testando o novo uniforme e os boots

rdx
rdx
Reply to  Marcelo Andrade
8 meses atrás

Meus parabéns! O US Army vai morrer de inveja.

Velame
Velame
Reply to  rdx
8 meses atrás

Se o US Army vai morrer de inveja eu não sei, mas o seu recalque ta cada vez mais escancarado!

Pablo
Pablo
Reply to  Velame
8 meses atrás

Deve ser a TPM

Welington S.
Welington S.
Reply to  rdx
8 meses atrás

Tu é chato pra cassete em bicho? Tá pra nascer um cara mais chato que você. Aliás, se fizer uma lista dos caras chatos que comenta aqui, você fica em primeiro sem sombra de dúvidas. Recalcado.

rdx
rdx
Reply to  Welington S.
8 meses atrás

Eu estou me lixando para você e quem mais achar que sou recalcado e chato. Não frequento este espaço para ser politicamente correto, fazer ufanismo barato, fazer desinformação/propaganda ou defender ideologia A ou B….e muito menos para conquistar admiradores. Não sou dono da verdade e respeito a opinião de todos por mais absurdas que sejam. O seu problema e de outros integrantes deste espaço é a falta de respeito e a incapacidade de aceitar o contraditório. Na falta de argumentos partem para o ataque pessoal e censura.

Agnelo
Agnelo
Reply to  rdx
8 meses atrás

Não vai, não.
Todos os cursos e intercâmbios q fazemos com eles damos show. Eles já estão acostumados.

Victor Filipe
Victor Filipe
Reply to  Agnelo
8 meses atrás

Lembrei de um dia que conversei com um Ex instrutor do CIGS, não vou revelar o nome dele porque não vem ao caso.

Ele falou que um dia foram fazer intercambio com americanos e pra fazer exposição, pegaram os melhores equipamentos de comunicação e radio que tinha a talz, pra mostrar assim como os Americanos fizeram.

ele disse que depois que viram os equipamentos americanos, eles resolveram esconder os nossos pra não passar vergonha…

Agnelo
Agnelo
Reply to  Victor Filipe
8 meses atrás

Isso é verdade
Ele te contou quando os SEAL e os SOF começaram a andar na Selva?

Luizão
Luizão
Reply to  Agnelo
8 meses atrás

Anh? Q historia é essa?

rdx
rdx
8 meses atrás

A propósito: Eu queria ver a cara dos oficiais e praças do US Army depois que usarem o IA-2. Aquele fantástico fuzil com alcance útil de apenas 250 metros, que exige o uso duas mãos para usar o seletor de tiro e extrair o carregador, que possui guarda mão frouxo, não possui foward assist (ou qualquer outro recurso para trancar manualmente o ferrolho) e precisa fazer contorcionismo para enquadrar um alvo. Ah, não esqueçam de avisar para não atirar muito porque ele pode derreter, soltar pecinha ou atirar sozinho.

Pablo
Pablo
Reply to  rdx
8 meses atrás

Falou o especialista em armas formado pelo youtube.

rdx
rdx
Reply to  Pablo
8 meses atrás

Inocente.

Pablo
Pablo
Reply to  rdx
8 meses atrás

Haha, falou o marechal de video game

Teropode
Reply to  rdx
8 meses atrás

250 metros é pouco para uma arma individual ? Pare de achismo , qual seu conhecimento em balistica para falar uma ASNeira destas ?

Victor Filipe
Victor Filipe
Reply to  Teropode
8 meses atrás

Se os 250 metros for verdade. é uma porcaria mesmo. A maioria das AR-15 tem alcance efetivo de 500 Jardas oque da uns 450 metros, mas não é incomum alcance superior pra elas.

https://gungoals.com/how-far-can-an-ar-15-shoot-accurately/

https://www.quora.com/How-effective-is-an-AR-15-at-500-yards-A-nurse-said-on-TV-that-it-is-similar-to-being-hit-from-a-hand-gun

rdx
rdx
Reply to  Teropode
8 meses atrás

O asno é você. FN SCAR, HK416, M16 e até o velho FAL atingem um alvo com precisão a 500 metros. A fonte que cita o alcance de 250 metros é o próprio EB. Estude um pouco mais antes de escrever asneiras e ofender os outros.

Farewell
Farewell
8 meses atrás

……tirando os diversos comentários formulados por “especialistas de sofá”, “militares de vídeo game,” verdadeiros “generais de you tube “com síndrome de viralata, esta operação é uma excelente oportunidade de adestramento, aperfeiçoamento de nossas tropas, bom trabalho e boa sorte a todos os nossos parequedistas…….

Last edited 8 meses atrás by Farewell
rdx
rdx
8 meses atrás

Até agora um show de ofensas e nenhum argumento.

Velame
Velame
Reply to  rdx
8 meses atrás

Ninguem vai ficar batendo palma pra maluco dançar. Não adianta argumentar com você, suas idéias estão contaminadas pelo seu recalque com o EB. Achar que um exercito de uma ditadura falida, onde seus militares desertam aos montes para o Brasil tem condições de nos enfrentar em uma guerra, e usar como argumento um drone made in irã é brincadeira neh?!

Pablo
Pablo
Reply to  Velame
8 meses atrás

E dinheiro chines pra financiar a Venezuela. Uma pérola atrás da outra.

rdx
rdx
Reply to  Pablo
8 meses atrás

Eu disse isto…

“Tem muita gente disposta a manter (com dinheiro, logística, assessoramento e até tropas) o regime bolivariano. Leia-se cubanos, iranianos, russos, Hezbollah, chineses etc.”

Apesar de não ser nenhum absurdo

ttps://istoe.com.br/maduro-pede-ajuda-china-e-abre-portas-para-investimentos-na-indstria-da-venezuela/

“… Maduro disse que seu governo está “aberto” a ampliar os negócios em “todos os níveis da indústria energética venezuelana” com a China, um de seus aliados vitais, juntamente com Rússia, Turquia e Irã.”

rdx
rdx
Reply to  Velame
8 meses atrás

Agora eu entendi. Você não gostou da minha opinião…e em vez de debater o assunto você e outras criaturas preferem partir para a censura e ataques pessoais. Meu caro, não sou defensor de comunistas, muito pelo contrário…e poderia escrever uma verdadeira tese sobre a ameaça bolivariana à democracia brasileira abordando vários temas, em especial a fraqueza das nossas forças armadas brasileiras para enfrentar qualquer coalizão no cenário amazônico. Evidentemente não vou perder o meu tempo para “dar luz a cego”. Cegos por preconceito, ufanismo barato, arrogância…e em alguns casos por simples deficiência cognitiva.

rdx
rdx
Reply to  Velame
8 meses atrás

Nem vou rebater as ofensas (o blog não publica os meus comentários) Você acha mesmo que o nosso exército é capaz de vencer o exército venezuelano (e seus aliados) com os meios atuais? é sério? Estude mais sobre a presença cubana na Venezuela e sobre os principais aliados do regime bolivariano.

rdx
rdx
Reply to  rdx
8 meses atrás

O chato aqui gostaria de sugerir o estudo dos seguintes assuntos aos críticos de plantão:

A experiência do exército cubano no conflito angolano. Pesquisem sobre as punições em casos de deserção.

O desempenho do Hezbollah na Guerra do Líbano em 2006.

O papel dos russos e iranianos no auxílio ao regime sírio.

Nós podemos precisar.

Last edited 8 meses atrás by rdx
Velame
Velame
Reply to  rdx
8 meses atrás

“A experiência do exército cubano no conflito angolano. Pesquisem sobre as punições em casos de deserção”
Um exercito onde seus homens lutam por medo de punição e não porquê acreditam no que fazem, ja esta derrotado. Vai brincar de outra coisa camarada.

Last edited 8 meses atrás by Velame
João Adaime
João Adaime
Reply to  Velame
8 meses atrás

Caro Velame Teu comentário me fez lembrar de um episódio ocorrido durante o desembarque dos aliados na Sicília, na IIGM. Segundo o relato de um oficial aliado, o maior perigo que eles enfrentaram no desembarque foi serem “atropelados” pelos soldados italianos. Quando os aliados chegaram, os italianos largaram as armas e correram ao encontro destes, perguntando se eles conheciam fulano ou sicrano, um primo que morava em NY ou Londres e coisas do gênero. Pouco depois Mussolini seria deposto e preso e os soldados italianos estavam lutando ao lado dos aliados. Claro que os combates na Sicília foram sangrentos, mas… Read more »

João Adaime
João Adaime
Reply to  rdx
8 meses atrás

Prezado rdx
Por favor, esqueça essa ideia de guerra entre Brasil e Venezuela. São dois povos amigos e as duas forças armadas mantém uma boa camaradagem.
Dos tais principais aliados, o Brasil possui boas relações com todos eles e eventuais atritos são causados mais por viés ideológico do atual presidente do que política de estado. Inclusive a China é nosso principal parceiro comercial.
E você está esquecendo um pequenino detalhe. Caso seja agredido, o Brasil pode invocar o TIAR. Fora que nós também temos aliados.Um deles nos classifica como aliado preferencial extra-OTAN.
Abraço

Hanibal
Hanibal
Reply to  João Adaime
8 meses atrás

Meu caro, só vc mesmo pra ter tanta paciência em tentar iluminar esta alma aí com a luz da geopolítica!

Fabio Costa
Fabio Costa
8 meses atrás

Esses comentários contrários à força terrestre brasileira não passam de recalque. Os equipamentos do nosso EB estão a quem de suas necessidades (por esforço político dos 30 anos de esquerda), mas isso está longe de ser uma fraqueza porque nossas FA contam com pessoal motivado, treinado e capacitado. De nada vale ter equipamentos no estado da arte sem que se tenha capacidade de usá-los com eficiência. Como exemplo, podemos citar a Turquia que embora tenha um exército bem equipado pelos seus petrodólares, ainda toma um sacode de extremista islâmicos. Vale lembrar também, do exemplo Russo e Americano no Afeganistão, onde… Read more »

Talisson
Talisson
Reply to  Fabio Costa
8 meses atrás

Concordo, é isso aí. Onde o colega citou a Turquia eu colocaria Arabia Saudita.

Victor Filipe
Victor Filipe
Reply to  Fabio Costa
8 meses atrás

O inverso é valido também, do nada vale ter pessoal motivado se eles vão morrer facilmente por não ter equipamentos adequados.

Milton Amaral
8 meses atrás

Sobre a invasão da Venezuela em Roraima. Eu morei por 2 anos, na década de 80, em Georgetown, capital da República da Guayana. Na época, a Venezuela vivia ameaçando invadir a Guayana, por reclamações de parte do território, na região do Rio Essequibo. Todos os dias, invariavelmente, Georgetown era sobrevoada por bombardeiros Camberra da Venezuela. A Guayana, sem meios para defesa, só cabia reclamar na ONU, sem proveito nenhum. E o sobrevôo não era em muita altitude. Dava para reconhecer claramente o tipo de avião que lá estava. A briga entre os dois países, está há muitos anos acontecendo. A… Read more »

rdx
rdx
8 meses atrás

https://dialogo-americas.com/articles/iran-may-be-providing-military-equipment-to-venezuela-report-warns/

“O Irã pode estar fornecendo equipamento militar para a Venezuela, alerta relatório”

“Em 2012, o Irã admitiu exportar sua tecnologia de UAV para a Venezuela, incluindo seu drone Mohajer-2, o mesmo tipo pilotado pelas forças do Hezbollah e de Bashar al-Assad na Síria, informou o Jerusalem Post na época.”

“O Mohajer-2 é fabricado sob licença na Venezuela como Arpia”
https://en.wikipedia.org/wiki/Qods_Mohajer

rdx
rdx
8 meses atrás

Arpia é o nome do drone venezuelano. Trata-se de uma cópia do iraniano Mohajer-2.

Talisson
Talisson
Reply to  rdx
8 meses atrás

Como diz o Robinson Farinazzo, isso ai é bala de prata, amuleto contra mau olhado. A Venezuela não tem peito pra reaver o territorio na pequena Guiana e vai se meter com o Brasil? Besteira. Nenhum de nós quer isso, muito menos eles.

Charles
Charles
8 meses atrás

Uma Dúvida de Leigo no assunto. O termo “Fuzileiro”, sempre achei que se tratava para militares da marinha, ou seja “fuzileiro naval”…agora leio fuzileiros paraquedistas. Então o termo fuzileiro é genérico isso? pode ter fuzileiro aeronáutico?…Quem pode falar e esclarecer mais, sobre o assunto. Grato

Agnelo
Agnelo
Reply to  Charles
8 meses atrás

Prezado
Fuzileiro é quem combate com o Fuzil. As frações de Infantaria que realizam a manobra contra o inimigo são sempre fuzileiros. Ex: Companhia de Fuzileiros, Pelotão de Fuzileiros.
Um Batalhão de Infantaria tem uma Companhia de Comando e Apoio e 3 Companhias de Fuzileiros. Esta tem um Pelotão de Apoio e 3 Pelotões de Fuzileiros.
O Fuzileiro Naval é um nome adotado no Brasil. “Quem combate com o Fuzil só q Naval”.
Nos EUA e RU são o termo é Marine. Nos batalhões do Exército é Rifle e não Fuzileiros.
Por aí vai.

Charles
Charles
Reply to  Agnelo
8 meses atrás

Grato pelos esclarecimentos..abraço

Agnelo
Agnelo
Reply to  Charles
8 meses atrás

👍🏽👍🏽

m. wolf
m. wolf
8 meses atrás

qual a aeronave utilizada para levar a tropa aos EUA??????????

Flanker
Flanker
Reply to  m. wolf
8 meses atrás

Um Boeing 767 fretado.

RPiletti
RPiletti
Reply to  m. wolf
8 meses atrás

767

MCX
MCX
Reply to  m. wolf
8 meses atrás

Um 767 vai levar a tropa, e o kc-390 vai levando o material nescessário (cerca de 8 ton.) para o exercício!

Eduardo Jardim
Eduardo Jardim
8 meses atrás

Boa noite.

Era para ser um dos fóruns mais interessantes do blog, afinal é um dos exercícios mais aguardados.

Porém o que menos se viu aqui foram considerações sobre o objeto da postagem.

Victor Filipe
Victor Filipe
8 meses atrás

Eu não gosto do IA2 e nunca irei gostar. Sim, é uma arma, sim ele mata, assim como tacar uma pedra na cabeça de alguém também mata. O problema não é a arma ser feita e fabricada aqui, o problema é que ao contrario de materiais como Super tucano ou Astros a arma e cara e foi entregue com um desempenho porco (todo mundo sabe os problemas graves que ela teve e alguns que ainda tem pois é inerente a plataforma) Não gosto do IA-2 porque sei que seria fácil e mais barato pegar a plataforma AR-15 e fazer um… Read more »

rdx
rdx
Reply to  Victor Filipe
8 meses atrás

Perfeito. Eu entendo perfeitamente a estratégia do EB, mas penso que ele deveria ter armado pelo menos as tropas de reação rápida com um fuzil de última geração. 20 mil unidades no máximo. Eu queria ver a brigada paraquedista armada com FN SCAR, HK-416…ou até mesmo o M4 (que é usado pelos Comandos). A propósito: por que a brigada de operações especiais não adotou o “fantástico” IA-2?

Jesus Baccaro
Jesus Baccaro
8 meses atrás

Nem cuidar do próprio povo numa pandemia consegue e acham que vão nos defender numa guerra?
A incompetência generalizada desse governo cheio de generais é uma festa trágica.
Tropas vão passar férias nos EUA e gastam uma grana e recursos que deveriam estar a disposição dos brasileiros.
Nojo!

salete invejosa
salete invejosa
8 meses atrás

manaus afundando na morte, por uma liderança irresponsável, e os militares passeando no estrangeiro. o mínimo que se pode esperar é solidariedade. o que já se viu que não se tem. e vai esse povo todo aglomerado, muito bom.

Luizão
Luizão
8 meses atrás

Que coturno é esse que eles usam na foto? Quem é o fabricante/,arca e quaç é o modelo?

Jesus Baccaro
Jesus Baccaro
8 meses atrás

As férias desse pessoal ainda não terminaram?
Precisamos do avião aqui para coisas realmente importantes.
Como não cancelaram esse gasto inoportuno no momento em que o mundo todo dirige tudo para o combate a pandemia?

Últimas Notícias

Paraquedistas russos começam exercícios em grande escala na Crimeia

SIMFEROPOL, 27 de setembro. /TASS/. Os exercícios em grande escala de um assalto aéreo com um regimento de artilharia...
- Advertisement -
- Advertisement -