Geolocalização de imagens mostra retomada de território pelas forças ucranianas ao redor de Bakhmut

30

As forças ucranianas obtiveram ganhos a noroeste de Bakhmut em contra-ataques localizados a partir de 12 de maio. Imagens geolocalizadas publicadas em 12 de maio mostram forças russas fugindo do fogo de artilharia ucraniana na margem sul do reservatório de Berkhivske, cerca de 4 km a noroeste de Bakhmut. Esta filmagem confirma visualmente as alegações feitas por vários milbloggers russos de que as forças ucranianas obtiveram ganhos a noroeste de Bakhmut na área entre Bohdanivka e Berkhivka.

Um milblogger russo afirmou que elementos da 200ª Brigada de Fuzileiros Motorizados (14º Corpo de Exército, Frota do Norte) perderam suas posições na área entre Hryhorivka e Dubovo-Vasylivka (cerca de 6 km a noroeste de Bakhmut). Várias fontes russas alertaram que as forças ucranianas podem estar tentando cercar o Grupo Wagner dentro de Bakhmut. O financista do Grupo Wagner, Yevgeny Priogozhin, enfatizou que as forças ucranianas estão se aproximando de Berkhivka e afirmou que a Ucrânia agora mantém posições dentro de 500 metros dos limites da cidade a noroeste de Bakhmut. Milbloggers russos também relataram que as tropas ucranianas estão contra-atacando em direção a Khromove (3 km a oeste de Bakhmut), Bohdanivka (6 km a noroeste de Bakhmut) e Klishchiivka (6 km a sudoeste de Bakhmut).

Um milblogger russo afirmou que a situação a sudoeste de Bakhmut, perto de Mayorsk, se estabilizou após ataques ucranianos a posições do 1º Corpo de Exército da República Popular de Donetsk. O Ministério da Defesa da Rússia (MoD) rejeitou as alegações feitas por outras fontes russas sobre os avanços ucranianos e alegou, em vez disso, que elementos da 4ª Brigada de Fuzileiros Motorizada Separada (República Popular de Luhansk) e da 200ª Brigada de Fuzileiros Motorizada (14º Corpo de Exército, Frota do Norte) repeliram todos os ataques na área de Berkhivka “levando em consideração as condições favoráveis ​​​​do reservatório de Berkhivske”.

Milbloggers russos e outras vozes proeminentes no espaço de informação pró-guerra continuam a responder aos recentes contra-ataques ucranianos com vários graus de cautela e ansiedade. Muitos milbloggers afirmaram que a atividade ucraniana em torno de Bakhmut marca o início oficial da esperada contra-ofensiva da primavera e especularam sobre onde o principal esforço da Ucrânia ocorrerá. Várias vozes russas proeminentes, no entanto, pediram cautela e moderação ao responder à contra-ofensiva, sugerindo que alguns milbloggers estão defendendo a aplicação de certas lições que aprenderam com o colapso do espaço de informação durante as bem-sucedidas contra-ofensivas de Kharkiv e Kherson na Ucrânia.

Alguns milbloggers alertaram que as reportagens sobre o sucesso ucraniano poderiam ser uma tentativa deliberada dos ucranianos de semear o pânico. Outro milblogger alertou contra a aceitação de todos os relatórios de que as atividades ucranianas são “operações psicológicas” pelo valor de face e expressou preocupação com as respostas da propaganda russa aos contra-ataques. Um milblogger sugeriu que relatos confiáveis ​​de contra-ataques ucranianos não significam que “tudo está pegando fogo”, alertando o público contra o desespero. O milblogger observou que dizer a verdade sobre as operações ucranianas não equivale a “semear o pânico”. A resposta geral do espaço de informação russo parece estar focada na ideia de evitar a propagação do pânico.

FONTE: ISW

Subscribe
Notify of
guest

30 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Alex
Alex
9 meses atrás

Um milBlogger russo comentou que isso é somente uma tentaiva para tentar semear o pânico nos tonhos

Underground
Underground
9 meses atrás

Pânico?
Nada! Tá tudo sob controle.
Daqui a pouco aparece alguém dizendo: “Eu tenho um vídeo que mostra os ucranianos sendo destruídos”. Falam isso desde a segunda semana da guerra.

Geraldo Lessa
Geraldo Lessa
9 meses atrás

Muito pouco para as perdas sofridas.
Cerca de 1.100 só em Donestk.
1.600 no total
Além de seis tanques, inclusive 1 Leopard.

Heinz
Heinz
Reply to  Geraldo Lessa
9 meses atrás

Morreram 1100 Ucranianos hoje em donestk? Então tá chegando ao fim do exército Ucraniano, agora quem vai pra linha de frente vão ser agricultores com seus tratores..
Só pra te atualizar, realmente hoje os russos destruíram um grande depósito Ucraniano, foi uma explosão e tanto.
Já os russos, perderam 2 helis Mi8, um SU34, e um SU35.

Marcos
Marcos
Reply to  Heinz
9 meses atrás

Tem vídeos (ao menos 2 aeronaves) e diversas fontes russas confirmando que hoje foram 4 aeronaves. A dúvida é se são 2 Mil Mi 8 da variante EW ou apenas 1. Ontem (fonte Russa – Tass) foi confirmado um Mil Mi 28 perdido na Crimeia por motivos técnicos. Total 5, entre hoje e ontem, com toda tripulação perdida.

Geraldo Lessa
Geraldo Lessa
Reply to  Heinz
9 meses atrás

Perderam outro depósito hoje.
Este em Ternopil.
Além de um Su-24, um Mig-29 e um Mi-8.
Com relação à tática de jogar milhares de soldados para recuperar uma curva de estrada e levar de volta um monte de mortos é comum para a Ucrânia.
E sim, ontem foi o dia com mais baixas para a Ucrânia desde o início da guerra.
Esperando a tal da contra-ofensiva.

Plínio Jr
Plínio Jr
Reply to  Geraldo Lessa
9 meses atrás

Vc disse que a FA ucraniana havia sido destruída , como ainda tem Su-24 em operaçao?

Até os russos confirmam a difícil situação em Bakhmut e vc no mundo de Nárnia ..

Donald
Reply to  Geraldo Lessa
9 meses atrás

Kkkk. Fonte mídia russa. Agora te pergunto uma coisa: pq a Rússia tá a meses tentando tomar essa cidade e nunca consegue? Pelas informações da mídia russa era para os ucranianos já está pedindo bandeira branca.

Donald
Reply to  Geraldo Lessa
9 meses atrás

Kings pode ter certeza a Rússia vai se esfacelar em vários países e vcs ainda irão estar no estado de negação. A Rússia não é uma potência como vcs acreditam. Ela nunca venceu guerras sem ajuda do Ocidente.

Edu
Edu
Reply to  Donald
9 meses atrás

Vão dizer que os ucranianos caíram na armadilha. Que o objetivo do xadrez 5D era devolver a Crimeia.

Rogério
Rogério
Reply to  Edu
9 meses atrás

to achando que o plano por tras é a Russia entrar p/ UE e Otan, começam uma guerra com a Ucrania, a mesma anexa a Russia e entra p/ a UE.

Satyricon
Satyricon
Reply to  Geraldo Lessa
9 meses atrás

A mudança de Nicks está próxima.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Satyricon
9 meses atrás

Ontem mesmo estava alternando entre dois nicks diferentes.

NEMOrevoltado
NEMOrevoltado
Reply to  Geraldo Lessa
9 meses atrás

Link e imagens por favor.

Adoraria ver este leopard destruido!

Edu
Edu
Reply to  NEMOrevoltado
9 meses atrás

Imagem feita no Paint pelo sobrinho de 5 anos.

Barbosa
Barbosa
Reply to  Geraldo Lessa
9 meses atrás

Esse Leopard foi perdido em treinamento nem chegou ao fronte, foi acidente.

Nei
Nei
Reply to  Geraldo Lessa
9 meses atrás

EDITADO:
2 – Mantenha o respeito: não provoque e não ataque outros comentaristas.

Chega kings. Niguém acredita no que você inventa para ter seu ego inflado.

Prove, apenas prove.

O maior ______ do Brasil não é o “L”, é o Kings.

Victor F
Victor F
9 meses atrás

Não acredito que essa seja a tão prometida contra-ofensiva Ucraniana. Quem tá realmente observando a situação de perto já teve ter percebido isso, as unidades que recuperaram território em Barkmut não são unidades novas nem as que estão com equipamentos ocidentais São unidades que já estavam na região ou na retaguarda imediata fazendo rotação com unidades na linha de frente. É mais provável que as forças Ucranianas realizarmos ataques pra testar as defesas Russas e ao realizar a fragilidade local das unidades na linha de frente ele exploraram a oportunidade. Os vídeos de ação na região mostram Blindados T-64/T-72 Ucranianos… Read more »

Geraldo Lessa
Geraldo Lessa
Reply to  Victor F
9 meses atrás

Evidente que esse não é o ataque principal.
Tanto não é que os russos continuam avançando no centro de Bakhmut e não estão muito preocupados com esse ataque por lá.
Muito longe de tudo.
E mesmo assim, as perdas ucranianas foram enormes.
Eles devem atacar no sul.
Só que lá os russos estão preparados.
Teremos dias muito interessantes.
Isso se os ucanianos atacarem mesmo, porque está parecendo que teremos uma nova Kursk.
Versão 3.0.

Victor F
Victor F
Reply to  Geraldo Lessa
9 meses atrás

Segundo os realtos de vocês os Ucranianos tem “pesadas perdas” ou “perdas catastróficas” todos os dias.

Todos os dias eles são dizimados
Todos os dias os Ucranianos são massacrados

E mesmo assim, mesmo com toda destruição mesmo com toda a morte Ucraniana

Os Russos não conseguem avançar mais do que 500m por dia ou manter uma posição quando os Ucranianos resolvem pressionar um pouquinho.

Me responda, os Russos estão lutando contra os Ucranianos ou contra os Tyranids?

Edu
Edu
Reply to  Victor F
9 meses atrás

O exército ucraniano foi destruído pela quinta vez de acordo com o farinhaco.

Edu
Edu
Reply to  Geraldo Lessa
9 meses atrás

Avançando para Moscou.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Geraldo Lessa
9 meses atrás

“Tanto não é que os russos continuam avançando no centro de Bakhmut”

Essa deve ser a maior cidade do planeta. Avançam, avançam e chegam em lugar nenhum

Edu
Edu
9 meses atrás

EDITADO:
Comentário duplicado.

Marcelo
Marcelo
9 meses atrás

Os ucranianos estão avançando sobre os flancos do grupo Wagner em Bakhmut em uma clara tentativa de cercar os invasores. Isso representa uma grande ameaça porque, com as táticas de terra arrasada utilizadas pelos russos na cidade, não sobrou nada para proteger os mercenários de Prighozin e esses estão ficando sem munições. Caso o cerco venha a ser fechado, o jogo vai virar e serão os combatentes do grupo Wagner que ficarão em maus lençóis. A diferença é que os russos são quase cegos em termos de consciência do campo de batalha, enquanto os ucranianos estão beirando o estado da… Read more »

Marcelo
Marcelo
9 meses atrás

O Instute for the Study of War (ISW) indicou que os contra-ataques ucranianos a noroeste e a sudoeste de Bakhmut, já retomaram cerca de 17 quilômetros quadrados. No norte, as forças ucranianas avançaram ao longo do reservatório de Berkhivka e, ao mesno tempo, avançaram para o sul de Ivanivske. Enquanto os milbloggers russos se desesperam … Sergei Shoigu, ministro da Defesa russo, diz que “A situação geral na área da operação militar especial está sob controle.”
https://www.thedrive.com/the-war-zone/ukraine-situation-report-kyiv-retakes-ground-on-bakhmuts-flanks

JUJU BERTULINA
JUJU BERTULINA
9 meses atrás

Isso seria notícia?
Armas de urânio. Nuvem de poeira indo para o oeste?”
https://meinungsfreiheit.rtde.life/meinung/170261-uranwaffen-staubwolke-auf-weg-nach/