O primeiro veículo blindado Centauro II do Exército Brasileiro com a camuflagem verde marrom. O blindado foi declarado vitorioso em novembro de 2022 na concorrência para o fornecimento do VBC Cav – MSR 8×8. Serão entregues 98 veículos Centauro II 8×8 da Iveco da Itália, ao longo de 5 anos, totalizando investimento estimado de R$ 3,3 bilhões.

Segundo o Exército Brasileiro, a aquisição da viatura Centauro II 8×8 se destina a substituir parte da frota de blindados EE-9 (Cascavel), que chegou ao final de sua vida útil após quatro décadas de exaustiva utilização.

O Centauro II entrou em operação em 2015, projetado para operar desde guerra convencional até missões de fiscalização e/ou manutenção da paz em reconhecimento tático, apoio de fogo de unidades de combate e defesa territorial. Ele pode escoltar comboios e ser usado para missões de patrulhamento rodoviário.

O blindado foi concebido como um sistema de armas leves para a doutrina moderna de guerra centrada em rede (Network-Centric Warfare), para servir em missões OOTW (Operations Other Than War) e para guerra urbana. Tem um peso de 30 toneladas e é equipado com uma torre Hitfact MkII desenvolvida pela Leonardo, com canhão de 120 mm.

Subscribe
Notify of
guest

122 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Gabriel BR
Gabriel BR
18 dias atrás

A melhor aquisição do EB em décadas.

JOAQUIM ROCHA
JOAQUIM ROCHA
Reply to  Gabriel BR
18 dias atrás

Concordo.

Bispo
Bispo
Reply to  Gabriel BR
18 dias atrás

Discordo Totalmente:

1-Pesado e grande para o fim que se destina, não será funcional em muitas áreas urbanas, terrenos acidentados.

2-Custo de manutenção, vide Ucrânia.

3-Consumo de Combustível, Ucrânia de novo dando aula.

4-Proteção balística x mobilidade… drones de 500 dólares mandam um salve… se quem puder.

Felipe Mendes
Felipe Mendes
Reply to  Bispo
18 dias atrás

Vamos comprar Toyotas e armá-los com metralhadoras .50, pois, dessa jeito , teremos um veículo leve, funcional, custo baixo, consumo baixo etc.. (é cada coisa que temos que ler..)

Andre Prates
Andre Prates
Reply to  Felipe Mendes
18 dias atrás

strada com escopeta 12 . Pois a toyota e muito cara pra um drone e a .50 tambem.

Agora uma strada usadinha oi fiorino fica bom.

Comenteiro
Comenteiro
Reply to  Andre Prates
18 dias atrás

Uno com escada no teto. Máquina imbatível.

Mcruel
Mcruel
Reply to  Comenteiro
18 dias atrás

Um fusca com um revólver .22 e tá feito!

Santamariense
Santamariense
Reply to  Mcruel
16 dias atrás

Hehehehehe…essa foi a melhor opção.!!

igor
igor
Reply to  Mcruel
12 dias atrás

Um fusca e um 22 pistolinha, voce acabou de descrever meu tio

Daniel
Daniel
Reply to  Comenteiro
17 dias atrás

E a escada ainda pode servir de proteção contra os drones. Parecido com aquelas grades que os russos usam na Ucrânia.

Tiago da cruz pinto
Tiago da cruz pinto
Reply to  Andre Prates
18 dias atrás

Ainda tá caro, melhor reabrir linha de montagem da Gurgel q era de fibra de vidro armar a guarnição com revólver calibre 22 e sem munição reserva

A6MZero
A6MZero
Reply to  Tiago da cruz pinto
18 dias atrás

Pra que se é pra economizar de verdade volta a usar cavalaria montada é barato, custo de manutenção é baixo e ainda é ecofriendly, ai só equipar quem tiver montado com um arco e flechas que são de baixo custo e pronto.

MMerlin
MMerlin
Reply to  A6MZero
17 dias atrás

Um cavalo de pedigree custa mais tanto para comprar quanto para manter, do que um gurgel com toda certeza, rs.

Regis
Regis
Reply to  Felipe Mendes
18 dias atrás

Toyota nada, pois temos o Agrale Marruá e até o blindado Tupi que foi rejeitado pelo EB só pra favorecer a Iveco. Podemos armá-los com o canhão anti-carro ALAC nacional. Assim produzimos aqui mesmo.

Atirador
Atirador
Reply to  Regis
18 dias atrás

Quanta besteira de uma vez só, o Tupi foi rejeitado por que não servia, o marruá não tem blindagem eo ALAC é um lança rojão, nunca foi canhão

FERNANDO
FERNANDO
Reply to  Felipe Mendes
18 dias atrás

Olha, em terrenos de pouco intensidade, sem cavalaria mecanizada para combater, até pode funcionar.
É possível.

Bispo
Bispo
Reply to  Felipe Mendes
18 dias atrás

Ler faz bem amplia as possibilidades cognitivas.

Fiz um crítica construtiva, se puder contrapor o exposto , seria ótimo, aprenderia algo novo.

Reafirmo, drones, mudaram a dinâmica da infantaria blindada, carros paquidermes, com baixa mobilidade, baixa proteção balística… R.I.P

🤔 Toyota dá para pular fora antes do impacto dos drones…vou considerar com um ponto positivo…rs

Cada unidade desse paquiderme mirim, Dumbo Italiano…a R$33.000.000,00 …deveria ser infantaria de drones DFI ,rs…muito mais barato, baixo custo de manutenção, eficácia hiper comprovada…taxa de sobrevivência acima de 90%.

RPiletti
RPiletti
Reply to  Bispo
18 dias atrás

Teu comentário até tem fundamento. Mas, a compra de Centauros não descartaria a compra dos drones, é ter vontade politica e $$$ para completarem os Centauros.

JOAQUIM ROCHA
JOAQUIM ROCHA
Reply to  Bispo
17 dias atrás

Acredito que vc deveria considerar também alguma defesa aérea, por que mesmo antes dos drones, qualquer ataque aéreo é fatal para a blindagem.

Felipe Mendes
Felipe Mendes
Reply to  Bispo
17 dias atrás

Sim, colega, pois fuzis e metralhadoras 5,56, 7,62 e 12.7mm desapareceram dos campos de batalha, né? Desapareceram também as minas terrestres, morteiros e granadas. Por favor, repense profundamente essas bobeiras que comentou.

Santamariense
Santamariense
Reply to  Bispo
16 dias atrás

Diz isso para todos os Exércitos que operam ele ou algo similar…e também para todos aqueles que operam MBT’s e veículos de infantaria. Pelo seu c9mentario, TODOS estão obsoletos e em todas a situações . Armem todos os Exércitos só com drones…pronto, problema resolvido…

Antonio Neto
Antonio Neto
Reply to  Felipe Mendes
18 dias atrás

Buggies com motor VW. Melhor opção

Palpiteiro
Palpiteiro
Reply to  Felipe Mendes
17 dias atrás

Agora é BYD e teaser

Mauro Cambuquira
Mauro Cambuquira
Reply to  Felipe Mendes
14 dias atrás

Nada supera um Peouget 208. Só mandar de presente para o inimigo. É o fim..

Andre Prates
Andre Prates
Reply to  Bispo
18 dias atrás

Vc acha que a GE nao vai criar um modo de anular os drones de 500 dolares.

Bispo
Bispo
Reply to  Andre Prates
18 dias atrás

E você acha que não irão criar um modo de anular o modo que o anula ..rs

Wilson Look
Wilson Look
Reply to  Bispo
18 dias atrás

E a luta da espada contra o escudo continua…

Andre Prates
Andre Prates
Reply to  Bispo
17 dias atrás

Sim! por isso se chama guerra. Veja na Ucrania os Drones tem um papel fundamental Mas quando precisa de Fogo Forca Aço Sobra pra quem?

Santamariense
Santamariense
Reply to  Bispo
16 dias atrás

E a GE não vai criar o modo que anule o modo que anula o que anula? Podemos ficar nisso de forma infinita…

Jose
Jose
Reply to  Bispo
18 dias atrás

Por falar em drone, alguém tem mais informações sobre a queda do Hermes 900?

GuiBeck
GuiBeck
Reply to  Bispo
18 dias atrás

Mesmo raciocínio vale pro teu T-90 hehehehe

JGF
JGF
Reply to  Bispo
18 dias atrás

Eu nem sabia que o centauro II está operando na Ucrânia, alguem confirma essa informação?

Bispo
Bispo
Reply to  JGF
18 dias atrás

A palavra chave e logística operacional.. é uma arma de guerra , e cara, tem que estar apta e sobreviver a N cenários.

Por seu pensamento..se restringindo ao cenário atual ….pickup Fiat..rs, com o pessoal do BOPE apinhado atrás , resolve.

Santamariense
Santamariense
Reply to  JGF
16 dias atrás

Que eu saiba, não está operando lá.

Mauricio Autorino Veiga
Mauricio Autorino Veiga
Reply to  Bispo
18 dias atrás

Parabéns você é o campeão dos “Negativados”!!!

Dudu
Dudu
Reply to  Bispo
18 dias atrás

Concordo. Desde o início sou contra essa compra. Melhor pegar esse dinheiro e investir no desenvolvimento do Astros 3. O que sobrar compra baterias, porque além de recuperar uma empresa brasileira que CRIA TECNOLOGIA AVANÇADA, resgataria empregos e daria um fôlego financeiro para a companhia investir nos vetores do Programa Espacial. Compraram só pra dizer que “Também operam um 8×8” na regiao. Esse lixo, foi desenvolvido base em estudos do Sucuri da Engesa. Adicionaram um segundo eixo direcional, mudaram o desenho da blindagem e comparam na cara dura. Isso não aguenta nem um tiro de 7.62 porque é feito de… Read more »

Last edited 18 dias atrás by Dudu
Rodolfo
Rodolfo
Reply to  Dudu
17 dias atrás

A Avibras ta morta, infelizmente. Investir no Astros agora seria dar dinheiro pra defunto.

Dudu
Dudu
Reply to  Rodolfo
17 dias atrás

Pois eu prefiro ressuscitar uma empresa nacional que cria tecnologia avançada do que continuar dando vida a elefantes brancos como esse

Heinz
Heinz
Reply to  Bispo
17 dias atrás

sua discordância é —— EDITADO ——.

Ricardo Santos
Ricardo Santos
Reply to  Bispo
16 dias atrás

Discordo totalmente! Seria melhor bicicletas com 2 combatentes: piloto da viatura e artilheiro, com um estilingue! São leves, baratos, não precisam de combustível, só de uma graxinha nas engrenagens simples e, não agridem a natureza, pois é só juntar um punhado de pedras pra acertar drones, passarinhos, curiosos etc! O Centauro 2 não é um MBT pra choque! Ele foi escolhido pra substituir o Cascavel! E qual a função do Cascavel? Reconhecimento armado e emboscada, baseados na grande mobilidade que tem! E nisso ele é MASTER PIECE (uma obra de arte) segundo especialistas militares, que não são leigos nem “curiosos”.… Read more »

Jose
Jose
Reply to  Bispo
16 dias atrás

A muito tempo nao vinha um comentário tao sem nexo , por isso bateu recorde de dislikes mais de 200

igor
igor
Reply to  Bispo
12 dias atrás

Meu deus é cada comentário kkkkk consumo de combustivel kkk não vamos guerrear pois vai gastar diesel todos esses blindados meu deus eu não li isso kkkk

Pablo
Pablo
Reply to  Gabriel BR
18 dias atrás

Cara, isso depende do emprego de cada arma, ou tu acha que os sistemas de engenharia do exercito (pontes) sao menos importantes que o blindado?

FERNANDO
FERNANDO
18 dias atrás

Não sei se foi a melhor jogada.
Mas, impõe respeito!

Dudu
Dudu
18 dias atrás

A iveco deu um desconto? Primeiro a aquisição foi orçada em mais de R$ 5 bilhões. Agora caiu para R$ 3,3 bilhoes?

Por favor, quem souber, explique por favor.

Bardini
Bardini
Reply to  Dudu
18 dias atrás

R$ 3,3 bilhões de reais é o valor dos blindados. O contrato de Suporte Logístico Integrado não foi fechado quando divulgaram este valor. Com tudo inclusso, a conta pode ir para próximo dos R$ 5,0 bilhões de reais, pelo simples motivo de que não existe mágica…

Fábio CDC
Fábio CDC
18 dias atrás

Lindão!

Heinz
Heinz
18 dias atrás

Essa pintura ficou incrível!

bruto
bruto
Reply to  Heinz
18 dias atrás

eu ia elogiar esse pintura , mas pensei se fosse outra cor qual seria

Santamariense
Santamariense
Reply to  bruto
16 dias atrás

A camuflagem dos Leopard 1A5 ficaria muito mais bonita. Mas, isso é só estética. Importa que seja funcional.

BraZil
BraZil
18 dias atrás

É lindo e bom. ma não sei se é a melhor aquisição, pois a melhor seria a fabricada aqui como faz quem pode. Além disso é caro demais. Para equipar todas as unidades de forma ideal teríamos que vender a Amazônia. Uma coisa é adquirir algo nesse nível de preço, que preveja um total ideal de poucas unidades (Ex. aeronave Jstars,, navio ELINT SIGINT sub NUKE com Mísseis balísticos etc). Seriam poucos e poderiam ser caríssimos, mas um blindado que tem que ser comprado ás centenas para ter alguma relevância combativa…não acho ideal. Sabem o que parece, que somos os… Read more »

BraZil
BraZil
Reply to  BraZil
17 dias atrás

Pros colegas que discordam que é caro: e eu falei que é lindo e bom, mas caro e o preço anunciado ainda vai aumentar hem. O bichão será caro, “low grade”, menos equipado e blindado que similares por aí e mais caro que eles, demorará muito tempo a ser implantado no total (e a implantação será parcial, pois a esses preços, não temos grana para equipar todas as unidades que deveriam recebê-los). e caso alguém pergunte: vc é contra a compra? claro que não, mas nossas aquisições de material de defesa do exterior são sempre empurradas, com preços para Brasil,… Read more »

Sulamericano
Sulamericano
Reply to  BraZil
17 dias atrás

Caro BraZil,
A grande maioria do fórum é a favor de aquisições estrangeiras. E o pensamento deles reflete também os dos nossos militares, que tem a mesma preferência.

Realmente 98 Centauros vão fazer qual diferença no EB? Talvez criar uma doutrina na melhor das hipóteses.

Como já citou um outro colega aqui no fórum: o melhor equipamento bélico que você pode ter é a aquele que você tem a capacidade de produzir.

O Zelensky que o diga…

Last edited 17 dias atrás by Sulamericano
Ricardo Santos
Ricardo Santos
Reply to  BraZil
16 dias atrás

Boa tarde, meu senhor! O senhor mora em qual país? Vaticano? Andorra? Malta? Luxemburgo? Ou Liechtenstein? Pra que um blindado faça diferença sozinho no campo de batalha ou comprado em pequenas unidades, de dezenas? Somos um país continental! Nossa necessidade, no caso de MBTs, seria de uns 300 carros de combate, segundo especialistas militares. Os EUA têm cerca de 2000, Israel, que é do tamanho do Rio de Janeiro, tem 2.200, a Rússia tem cerca de 10.000! ONDE, em termos de países que são potências militares, os blindados não precisam serem comprados às centenas pra serem relevantes? Em Vênus ou… Read more »

Last edited 16 dias atrás by Ricardo Santos
BraZil
BraZil
Reply to  Ricardo Santos
13 dias atrás

Bom dia Ricardo Santos. Não entendi o seu comentário e acho que ficou tão confuso por que você não entendeu a minha crítica, portanto, elabore-a melhor, para que eu possa entender e contra argumentar com a educação e atenção de sempre…

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
18 dias atrás

Que o bixão é bonito e impõe respeito, isso não se discute….

Bispo
Bispo
Reply to  Willber Rodrigues
18 dias atrás

O problema não é impor respeito e sim ser eficaz face as ameaças atuais e futuras… T-72, Leopard , Abrams, “os cambaus” que o digam , após ejetarem suas torres em solo ucraniano ..rs

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Bispo
18 dias atrás

Ucrânia é um cenário ambos os lados não tem domínio aéreo, e ambos oa lados usam e abusam do uso de drones.
Mas isso não significa ( ainda ) que os MBT’s estão obsoletos.

Além do mais, o que não falta são imagens de MBT’s tomando tiro e ATGM e virando fogueira de São João, mas e o contrário? Quantos MBT’s e veículos foram destruídos versus. o n° de veículos que sobreviveram e puderam ser reparados?

Henrique A
Henrique A
Reply to  Bispo
18 dias atrás

Na doutrina do EB ele não será empregado como MBT.

E mesmo na doutrina do exército italiano, ele é um tank destroyer, ele procura ocultamento e a emboscada para destruir os blindados inimigos, ele não é para o choque.

Cerberosph
Cerberosph
Reply to  Henrique A
18 dias atrás

Se ele é um caçador de tanks melhor usar esse $$ e comprar todo de drones anti tanks. Numa guerra vai valer muito mais a pena.

Heinz
Heinz
Reply to  Cerberosph
17 dias atrás

nenhum drone substitui o papel de um MBT, deixa de ser —— EDITADO ——

Naamã dos Santos Silva
Naamã dos Santos Silva
Reply to  Cerberosph
17 dias atrás

Sabe de nada inocente.Drone dá para abater com uma rajada de metralhadora,dardo não.

Santamariense
Santamariense
Reply to  Bispo
16 dias atrás

Negativo ..na capacidade de ejetar torre, o T-72 é imbatível….não tem a menor chance para Leopard e Abrams…

Gabriel Moreira
Gabriel Moreira
18 dias atrás

Alguém sabe quando chegam as primeiras unidades? Qual o cronograma? Na reportagem fala em 05 anos, mas se não me engano era.um tempo maior…

Gabriel
Gabriel
Reply to  Gabriel Moreira
18 dias atrás

05 anos para concluir a entrega total, isso que eu quis dizer…

Akhinos
Akhinos
Reply to  Gabriel
17 dias atrás

Eu fiquei curioso tbm, não seriam entregas até 2038? Se for 5 anos para realizar a entrega será ótimo.

Santamariense
Santamariense
Reply to  Gabriel Moreira
16 dias atrás

O primeiro chega daqui algumas semanas…o segundo no início de 2025.

Jose
Jose
18 dias atrás

Bonito é, mas o power train da Iveco é sofrível.

Gabriel
Gabriel
18 dias atrás

Em complemento ao Centauro (sem dúvida uma aquisição excelente), espero que ainda de tempo do EB desistir de recuperar/modernizar alguns Cascavéis e invista na aquisição de Guarani com canhão 30mm.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Gabriel
18 dias atrás

Amém.

Santamariense
Santamariense
Reply to  Gabriel
16 dias atrás

Me diz o motivo de optar pelo Guarani 30 mm em detrimento do Cascavel 90 mm…

Paulo Marques
Paulo Marques
18 dias atrás

Resta saber se a doutrina moderna de guerra centrada em rede será baseada no padrão OTAN e seus aliados ocidentais ou se será baseada no padrão asiático visto a proximidade entre as forças armadas do Brasil e da China, priorizada por essa gestão das FAs do Brasil.

Samuel Asafe
Samuel Asafe
Reply to  Paulo Marques
18 dias atrás

Como dizer que você não lê esse blog sem dizer que não lê esse blog kkkkkkkkkkkkkk. Proximidade militar maior com a china foi a piada da semana.

bruto
bruto
Reply to  Paulo Marques
18 dias atrás

ta fazendo serviço chines

Santamariense
Santamariense
Reply to  Paulo Marques
16 dias atrás

“…visto a proximidade entre as forças armadas do Brasil e da China, priorizada por essa gestão das FAs do Brasil.”

??????

Kommander
Kommander
18 dias atrás

Bonito demais e poderoso! Até que enfim um acerto do EB.

Luiz Carlos
Luiz Carlos
18 dias atrás

Kkkkkk concorrência !
Essas “concorrências” das Faa,s nacional …..

RDX
RDX
18 dias atrás

Pena que não comprou 400 para substituir completamente o Cascavel.

Esse tank destroyer atualmente vale mais que um MBT pois é mais leve, barato e ágil (especialmente em ambiente urbano). Além disso possui mobilidade estratégica superior, especialmente num país com dimensões continentais e com extensa malha rodoviária.

Aliás, esse é o meio perfeito para proteger Roraima contra uma hipotética agressão boliviariana. O Centauro dá conta do T-72. Não podemos dizer o mesmo do velho Leopard 1.

Bardini
Bardini
Reply to  RDX
18 dias atrás

“Pena que não comprou 400 para substituir completamente o Cascavel.” . Se 98 custaram os divulgados R$ 3,3 bilhões reais (e isto é sem contabilizar os custos do contrato de suporte logísco, que não foi divulgado mas que será uma grande pedrada), seriam mais de 13,4 bilhões de reais. Algo que por si só, é completamente descolado da realidade financeira e estrutual da força. . Para comparação, o EB, ao longo de mais de uma década de investimentos no programa ASTROS, que é muito mais estratégico, não investiu estes mesmos R$ 3,3 bilhões reais. . “Esse tank destroyer atualmente vale mais que… Read more »

Last edited 18 dias atrás by Bardini
Felipe
Felipe
Reply to  Bardini
18 dias atrás

Seria possivel sim comprar 400 , compare o valor com a aquisição dos caças da FAB e submarinos da MB… e a intenção do EB não é comprar só estes 98 mas sim 221 unidades conforme a disponibilidade financeira.

Bardini
Bardini
Reply to  Felipe
18 dias atrás

Nos últimos tempos surgiu uma falsa narrativa de que FAB e MB tem grandes projetos, que somam muitos e muitos bilhões de reais a mais que os projetos do EB. E sendo assim, o EB deveria ser prestigiado com grandes contratos, para balancer a situação.
.
Acontece que o EB tem uma série de projetos, que somam tantos bilhões quanto os bilhões das demais forças:
.
comment image
.
A modernização forças blindadas está dentro deste montante e está saindo do jeito que está saindo por existir motivo…

Last edited 18 dias atrás by Bardini
Plinio Jr
Plinio Jr
Reply to  RDX
18 dias atrás

Se mantiverem os 98 previstos estamos no lucro, em um país que habitualmente faz cortes no orçamento de defesa e dificilmente atende as suas necessidades ….

eliton
eliton
18 dias atrás

O EB não pensa em aderir a camuflagem pixelizada?

BraZil
BraZil
Reply to  eliton
18 dias atrás

Deus nos livre. Seria criado um “programa estratégico Textil EB”, onde importaríamos gandolas a uns 50.000 dólares a unidade, (com transferência de tecnologia) e com prazo de entrega em 30 anos e alguns comemorariam…melhor ficarmos com as nacionais atuais…

Luiz Carlos
Luiz Carlos
18 dias atrás

Caraca, levaram esse tempo todo só para pintar nas cores do EB?
Todos sabem que as primeiras unidades , serão oriundas do exército italiano.
Nesse passo, a IVECO irá fabricar em Sete Lagoas/ MG, só em 2050

Santamariense
Santamariense
Reply to  Luiz Carlos
16 dias atrás

Negativo. Todas as unidades destinadas ao EB são novas.

Jose Pereira
Jose Pereira
18 dias atrás

Para completar o ciclo só falta o MBT ARIETE C2
comment image

Jose Pereira
Jose Pereira
Reply to  Jose Pereira
18 dias atrás

A Itália demonstra ser um parceiro pragmático, confiável…muito mais que o próprio governo brasileiro.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Jose Pereira
18 dias atrás

Itália tá se desfazendo da maioria dos seus Arietes pra ir de Leo2, e tú quer que a gente vá de Ariete?
Se é pra continuar com MBT “fim de linha” e sem apoio logístico, melhor continuar com os Leo1A5 mesmo…

Luís Henrique
Luís Henrique
Reply to  Willber Rodrigues
18 dias atrás

A Itália vai modernizar 90 Ariete e opcionalmente mais 35, chegando possivelmente em 125.
E também comprou 132 Leo2A8.
Então vai operar os dois por um tempo.

Dudu
Dudu
Reply to  Jose Pereira
17 dias atrás

Nem os italianos querem esse LIXO. Vão de Leopard. E tu quer trazer essa desgraça pra cá? Isso aqui é um País é não um aterro sanitário.

Naamã dos Santos Silva
Naamã dos Santos Silva
Reply to  Dudu
16 dias atrás

Tomou downvotes por falar verdade.Os Arietes são os piores MBTs da OTAN,se for comprar tanque é melhor os Tipo 10 japoneses ou Abrams no FMS.

Palpatine
Palpatine
18 dias atrás

O EB vai receber uma versão piorada? Cadê a Estação de Armas Remotamente Controlada (SARC) Hitrole? Na frente da torre, também faltam os componentes do APS contra IEDs. Esses equipamentos serão adicionados posteriormente?

Dworkin
Dworkin
Reply to  Palpatine
18 dias atrás

Óbvio que vai ser uma versão capada, igual aos gripens e a suíte eletrônica mais modesta.

Felipe
Felipe
Reply to  Dworkin
18 dias atrás

Onde que nossos Gripen é capado????!!! Inventam cada coisa senhor!

Dworkin
Dworkin
Reply to  Felipe
18 dias atrás

Pesquisa, filho.

Rafael Oliveira
Rafael Oliveira
Reply to  Palpatine
18 dias atrás

O EB vai colocar a SARC REMAX, né?

Daniel Rideel
Daniel Rideel
Reply to  Palpatine
17 dias atrás

O nosso contrato não prevê a integração dos “jammers” Guardian H3 (as antenas externas “em forma de prato” presente nos carros do exército italiano.
Quanto ao Hitrole não faria sentido a aquisição, tendo em vista a Remax (em uma década, ela estará integrada ao carro).

Santamariense
Santamariense
Reply to  Daniel Rideel
16 dias atrás

Por que em uma década? Tu está sendo ironico?

Luís Henrique
Luís Henrique
Reply to  Palpatine
17 dias atrás

Pelo que li as primeiras unidades virão apenas com 7,62 manual. Mas no futuro devem colocar a remax.
Os APS também não virão mas poderão ser adquiridos no futuro e instalados.
O sistema de carregamento também não será automático e a tripulação em vez de 3 será 4 para o carregamento manual. Isto foi decidido para baratear os custos de aquisição e ao longo da vida útil.

Atirador
Atirador
18 dias atrás

São só 12 tiros do canhão mesmo ?

Wilson Look
Wilson Look
Reply to  Atirador
18 dias atrás

Na verdade não, são apenas as munições prontas para uso imediato no carregador automático e no rack de munições para carregamento manual.

marcelo
marcelo
18 dias atrás

Não tem o Centauro III , em produção já?
porque pegaram o desatualizado para compra ?
e apenas 98, onde veria ser o doblo disto .

GFC_RJ
GFC_RJ
Reply to  marcelo
18 dias atrás

—— EDITADO ——Centauro III, rapá?!
Tá viajando!

IvanF
IvanF
Reply to  marcelo
18 dias atrás

Sei que é tudo empresa parente, mas a doblo é outra Fiat…

Santamariense
Santamariense
Reply to  IvanF
16 dias atrás

Hehehehehe…boa!

Dod
Dod
18 dias atrás

Ficou bonitão!

Cavalcante
Cavalcante
18 dias atrás

So queria ver o EB com total autonomia. Projetar e desenvolver seus próprios sistemas de defesa e ataque para terra, ar e águas. Mao de obra especialista e material tem de sobra. O que faltar, da pra negociar com outras potências. Temos o kc-390 desejado por todos. Poderia ser uma moeda de troca. Dentre outros…

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
18 dias atrás

Ainda bem que não pegamos o Merkava. o destino seria o do Atmos

Bernardo Santos
Bernardo Santos
18 dias atrás

Não seria as 98 unidades entregues até 2036?

William Pereira
William Pereira
18 dias atrás

Uê e a defesa aérea? O Brasil precisa urgente!

Naamã dos Santos Silva
Naamã dos Santos Silva
Reply to  William Pereira
17 dias atrás

Defesa aérea se chama Gripen.

Jefferson B
Jefferson B
18 dias atrás

Centauro 2 é maravilhoso, veículo incrível!

sergio 02
sergio 02
17 dias atrás

Eu daria adeus a todos os MBT, e equiparia o Exercito inteiro com cantauros, na guerra moderna se vc não tiver uma mobilidade extrema, vc esta ferrado, vc precisa atirar e sair correndo feito louco para evitar drones, fogo de contra bateria etc. justamente o que esse veiculo foi feito para fazer atirar e sair correndo.

Bruno
Bruno
17 dias atrás

Bichão bonito e eficiente para oq se destina. Mas nós deveríamos construir nossos meios militares, e não comprar no exterior.

Daniel
Daniel
17 dias atrás

Será que seriam os veículos ideais para substituir os SK105A2S do Corpo de Fuzileiros Navais ou seria necessário um blindado com lagartas?

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Daniel
16 dias atrás

Boa pergunta… tenho a impressão que os SK já atingiram o limite.

talvez exista algum problema com o peso. O SK pesar algo como 17 ton e o Centauro umas 27 ton.

Curiosamente, o FN não adotou o Cascavel para operar no lugar do SK, Isso pode mostrar que haveria algum obstáculo para o Centauro no lugar do SK.

Daniel
Daniel
Reply to  Camargoer.
16 dias atrás

Então não foi por causa do peso, porque o do Cascavel fica mais ou menos nas 12-13 toneladas. Talvez os FN queiram um MBT mesmo. Se não me engano, no Livro Branco de Defesa aparece a foto de um Abrams . . . O que seria irônico, já que até os Marines abandonaram esse tipo de veículo.

Camargoer.
Camargoer.
16 dias atrás

Então…. o EB sempre esteve envolvido em conspirações, golpes e insurreições… o mais longo período no qual o EB esteve contido foi entre a promulgação da CF88 até recentemente.

Um processo de repressão contra a população usa os porões, milícias, esquadrões da morte, atentados, sequestros, prisões ilegais..

Renato de Mello Machado
Renato de Mello Machado
Reply to  Camargoer.
15 dias atrás

Nossa! Se o EB é tudo isso como tu diz.Imagina o que é o exército russo,norte coreano,cubano,venezuelano e chinês?

Angelo
15 dias atrás

Uma dúvida:
Não seriam 99 unidades, acho que viria um pra teste e validação do exército e se aprovados viriam os outros , será que são 98 pois o de teste já teria vindo?
Obrigado.

Tuxedo
Tuxedo
9 dias atrás

O ideal para um país como o Brasil seria de 422 Centauro 8×8. Por mim já pode aposentar o Cascavel 6×6 e os MBTs Leopard 1a5 e M60 Patton.