Home Política Externa Bolívia expulsa brasileiros na fronteira e Brasil desloca militares

Bolívia expulsa brasileiros na fronteira e Brasil desloca militares

354
14

O Ministério da Defesa deslocou uma tropa para o município de Capixaba (AC), a 70 quilômetros de Rio Branco, após o Exército da Bolívia ter retomado o processo de expulsão de brasileiros que vivem em seu território.

Na semana passada, antes de expulsarem um colono brasileiro, os militares bolivianos circularam por Capixaba portando pistolas e armas de grosso calibre, fizeram compras no comércio local e até abasteceram seus veículos num posto da cidade.

A tropa do Exército Brasileiro, que conta com apoio da Polícia Federal, tem a missão de guardar a fronteira e impedir novas entradas não autorizadas de militares bolivianos em território nacional.

O Ministério da Defesa movimentou o Exército e a Polícia Federal após o governador do Acre, Tião Viana (PT), ter informado ao Gabinete de Segurança Institucional que colonos brasileiros estão sendo expulsos de suas casas e suas terras estão sendo ocupadas por soldados bolivianos.

Existem mais de 500 colonos brasileiros na região do Alto Acre, que abrange os municípios de Capixaba, Acrelândia, Plácido de Castro, Epicilância, Brasiléia e Assis Brasil. Além dos colonos, existem 50 produtores rurais com pequenas fazendas, que variam de 100 a 300 hectares de pastagens.

O colono José Carlos Caldas, expulso pelos bolivianos, perdeu a plantação e a pequena criação de gado, além de outros bens. Parte do gado teria sido abatida pelos militares para alimentar a tropa boliviana.

O colono registrou o caso na delegacia da Polícia Federal de Epitaciolândia e pediu ajuda do governo brasileiro. A propriedade que ele ocupava na Bolívia pertencia ao pai dele há mais de 40 anos.

O grave é que a Bolívia não parece empenhada em manter boas relações diplomáticas. Qualquer ação militar que envolva os exércitos dos dois países na fronteira deve ser comunicada, mas nem o Exército Brasileiro, nem o Itamaraty e nem o Governo do Acre foram informados da operação. A situação exige por parte da diplomacia brasileira um protesto forte junto aos diplomatas bolivianos – disse ao Blog da Amazônia o secretário Nilson Mourão, de Justiça e Direitos Humanos do Acre, após participar de uma reunião em Capixaba com a presença do ministro Eduardo Paes Sabóia, da Embaixada do Brasil na Bolívia.

Mourão adiantou que ele e o ministro estão elaborando um relatório em que sugerem que a Bolívia seja tolerante com a presença dos colonos brasileiros até o final do ano. Até lá, o os colonos serão assentados pelo Incra em território brasileiro.

– No povoado boliviano de Vila Bella, com cerca de 60 casas, não existe energia elétrica. Estamos dispostos, como sinal de boa vontade, a oferecer energia do Luz para Todos que passa no lado brasileiro da rua que divide os dois países. Estamos sugerindo, ainda, que haja um entendimento envolvendo a diplomacia dos dois países em relação aos 50 proprietários que possuem fazendas de 100 a 300 hectares na Bolívia, na região do município de Capixaba – acrescentou Mourão.

FONTE: Portal Terra

14
Deixe um comentário

avatar
14 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
10 Comment authors
RequenafabioCrescentialdoghisolfiVaderMauricio R. Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Blind Man's Bluff
Visitante
Member
Blind Man's Bluff

O melhor que fazemos contra esse abuso “bostero” é…convocar o INCRA para assentar os colonos??

giordani1974
Visitante
Member
giordani1974

– Itamarati! Itamarati! Soldados estrangeiros entraram no braZil! Na amazônia! No Acre!
– Chamem o Exército BraZileiro para defender nossa pátria! Protestemos na ONU! Os americanos aqui não invadirão!
– Seu Itamarati…Seu Itamarati…não foram os americanos…
– NÃO?!?!?!?!
– Não, foram os bolivianos, a mando do chefe deles o…
– Ah…é?
– Mandemos o EB então?!
– O EB? Pra quê? calma…a unidade de países sulamericanas…faz o seguinte, preenche esses formulários aqui, carimba em três vias e depois Eu vejo com a chefe e tal…

brunoricardods
Visitante
brunoricardods

Nem a Bolivia nos respeita mais! Alias, a muito tempo…
Seria bom se eles se ousassem e invadissem o Acre.

ernaniborges
Visitante
ernaniborges

A Bolívia fez o que fez com a PETROBRAS, o Paraguai com os brasilguaios, o Equador com uma construtora brasileira, ninguém respeita mais o Brasil. Afinal, “BRASIL um país de todos” menos dos brasileiros.

ernaniborges
Visitante
ernaniborges

Cadê o SISFRON, SIVAM, PROJETO CALHA NORTE, etc… Enquanto Brasília dorme, nossos “hermanos” fazem a festa !
Corremos o risco deles resolverem unilateralmente reeditarem o Tratado de Tordesilhas e voltarmos às fronteiras de 1500.

jacubao
Membro
jacubao

O Brasil é a casa da mãe joana há muito tempo e nós somos os filhos bastardos.

Mauricio R.
Visitante
Member
Mauricio R.

“Estamos dispostos, como sinal de boa vontade, a oferecer energia do Luz para Todos que passa no lado brasileiro da rua que divide os dois países.”

Brasileiro é bonzinho e mto burro, não tem que estender a mão coisa nenhuma, não tem que financiar estrada e menos ainda hidroelétrica.
Tem é que escalar e mandar bala, p/ verem que reação vai haver, é só nos desrespeitarem.

Blind Man's Bluff
Visitante
Member
Blind Man's Bluff

O Brasil tem esse projeto de desenvolver os paises da america do sul para formar um bloco forte, do qual é lider. Até ai tudo bem.

Porém com esses bosteros, perucas, paraguas vc estende a mão e eles querem o braço, vc dá o braço e eles te estupram!

Quem ja não sabia disso? (O PT!)

Vader
Membro
Trusted Member

Briguinha de cumpanheros…

aldoghisolfi
Visitante
Member
aldoghisolfi

NUNCA senti tanta vergonha de ser brasileiro, como nos últimos tempos. A soma dos fatos mostram que tudo o que está acontecendo é uma injúria menor, dentro de uma injúria maior (que ainda não aconteceu), devidamente orquestrada pela inteligentsia da ideologia. E aí ficam os amigos do sistema pela AL bolivariana afora, os africanos nos roendo e mamando e o desleixo consciente (pouco caso) com as FFAA, pré-Sal, fronteiras, desarmamento, soldo, salários, professores, saúde, segurança, corrupção, mensaleiros, cuequeiros, bicheiros e cachoeiras, Raposa Terra-do-Sol, entre outras tantas dezenas de injúrias à nacionalidade. Lembremos também que os nossos alunos do ensino médio… Read more »

fabioCrescenti
Visitante
fabioCrescenti

Quero ver se a Dilma é mais homem que o Sapo Barbudo!!!

O pior, existe um programa da Unesco para financiamento de Editores, para escreverem mais livros. O “homem” responsável por determinar quem vai receber esse dinheiro indicado pelo Governo brasileiro, pasmem, é um peruano… foi casado com uma cubana… Imaginem qual tipo de livro recebe incentivos?!?!?!?!?!

VERGONHA!!!

fabioCrescenti
Visitante
fabioCrescenti

Editores = Escritores

aff acordei cedo demais este domingão….

Requena
Visitante
Member
Requena

Esse é o Brasil do PT.
Nem a Bolívia respeita.

Vader
Membro
Trusted Member

Mas a Bolívia não respeita o Brasil faz tempo: desde que “Sua Santidade” deixou o índio cocaleiro ocupar refinarias da Petrobrás com tropas, que este percebeu que Banânia não é de nada ou, como dizem os cucarachos, não tem “cojones”.

Esse é o Brasil do PT… (2)