quarta-feira, agosto 4, 2021

Saab RBS 70NG

Eurosatory: Sphinx com torreta da Lockheed Martin

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.forte.jor.br
Editor da Revista Forças de Defesa

A Panhard exibe no Eurosatory um mock-up do seu veículo blindado Sphinx com uma torre nova armada com canhão de 40 milímetros da Lockheed Martin, que visa o programa do blindado leve Blindé de Reconnaissance et Combat (EBRC).

A torre foi desenvolvida pela Lockheed Martin do Reino Unido para a atualização do veículo Warrior do exército britânico, integrando o canhão ânglo-francês CTAI de 40mm. Os Optrônicos da torre são fornecidos pela Thales.

A Panhard tinha montado uma torre de empresa belga CMI em um veículo Sphinx na Eurosatory anterior. A nova torre se destina a reduzir os custos através da partilha de um produto comum com o exército britânico.

“Eu acho que seria uma boa escolha porque iria economizar cerca de 30 por cento do custo do programa EBRC”, disse Christian Mons, CEO da Panhard Geral Defese. “Além disso, é um programa anglo-francês.”

A torre comum pouparia algo em torno de 200 a 250 milhões euros no custo de desenvolvimento, disse Mons.

A torre de 4,5 toneladas permitiria que o Panhard atendesse o requisito de limite de peso de 16 ton para o EBRC. Esse limite de peso tem como objetivo permitir que dois EBRC sejam transportados pelo avião de transporte A400M e proporcionar alta mobilidade para o veículo.

A torre pode ser construída sob licença na França, se o Sphinx for escolhido para a EBRC. De acordo com o programa de modernização Scorpion, 290 unidades EBRC estão previstas para o exército francês.

FONTE:
Defensenews

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas Notícias

Assessor de segurança nacional dos EUA viaja ao Brasil

Esta semana, o conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Jake Sullivan, viajará para o Brasil e Argentina, acompanhado...
- Advertisement -
- Advertisement -