domingo, abril 11, 2021

Saab RBS 70NG

Moscou ‘não tem lugar no clube das democracias’

Destaques

European Commission President Barroso addresses the European Parliament during a debate in Strasbourg

ClippingO presidente da Comissão Europeia defendeu hoje que a realização de um encontro de líderes mundiais sem a Rússia “é uma mensagem fortíssima” e que “com este comportamento, Moscou não tem lugar à mesa no clube das democracias”. “O simples fato de haver esta reunião como G7 e não G8, isto é, sem a Rússia, e o simples fato de esta reunião não ter lugar em Sochi, na Rússia, mas aqui, em Bruxelas, é muito importante, é uma mensagem dizendo claramente que a Rússia de Vladimir Putin, com este tipo de comportamento, não tem lugar à mesa do clube das democracias que são também as economias mais avançadas do mundo”, afirmou Durão Barroso.

José Manuel Durão Barroso falava aos jornalistas portugueses após uma conferência de imprensa de antecipação do G7, que decorre entre hoje à noite e quinta-feira em Bruxelas e reúne os líderes do Canadá, da França, da Alemanha, da Itália, do Japão, do Reino Unido, dos Estados Unidos e os presidentes do Conselho Europeu e da Comissão Europeia. O chefe do executivo comunitário considerou que a ausência da Rússia num encontro que vai abordar principalmente a crise na Ucrânia e as relações com o governo liderado por Vladimir Putin é “uma mensagem fortíssima do ponto de vista político e diplomático que foi bem compreendida, embora obviamente não tenha sido apreciada” pelos russos.

Barroso salientou contudo que a União Europeia deseja manter “canais de contato”, porque “é importante o diálogo”.
“Queremos o diálogo, a conciliação, não queremos a confrontação, e sabemos perfeitamente que sem a Rússia não pode haver uma solução estável para a situação naquela parte da Europa, nomeadamente em relação à Ucrânia”, afirmou.

FONTE: DN

- Advertisement -

3 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Sniper
Sniper
6 anos atrás

Boa! e se o tom fosse de deboche seria ainda melhor! tudo o que o kamarada Putim deseja é que o mundo olhe a terrinha gelada dele com assombro e temor reverencial.
Dar de ombros e uma risada de canto de boca das pessoas certas, exatamente quando o “agente do caos” pensa ser o centro fodástico do universo tem um efeito cataclísmico no moral e ainda multiplica insuportavelmente aqueles complexos bem guardadinhos em seu íntimo. Muita vodka pra curar isso rsrsrs

Gilberto Rezende
Gilberto Rezende
6 anos atrás

Este ato talvez venha a ser o impulso faltante a a mudança geopolítica do seculo 21, a ascensão do emergentes BRICS. A Rússia como participante do G8 foi um fator frenador do grupo BRICS, um agente duplo. A resposta russa a expulsão do G8 e o retorno do antigo G7 claramente hostil a Rússia provocou a decisão da virada energética imediata da Rússia em direção a China. Se a Rússia conseguir ser o parceiro intermediário a equilibrar as relações entre a China e a Índia e assim formar um triunvirato de poder asiático o movimento seguinte será incluir a o… Read more »

Reinaldo Deprera
Reinaldo Deprera
6 anos atrás

Gilberto Rezende, me tira uma dúvida. Porque o Brasil deveria fazer oposição aos EUA? Que diabos que os EUA fazem contra o Brasil? Por acaso eles dependem do nosso sangue para viver ou qualquer coisa do tipo? Usando um site feito com tecnologias livres norte-americanas, através de um meio livre que é a internet e, equipamento que também é fruto do legado norte-americano para a civilização, isso eu já sei que você faz uso. Imagino que você goste de outros tipos de conforto da mesma origem, sabe como é, coisas que só o mercado pode criar. Então, porque tanto ódio?… Read more »

Guerras Modernas

O gigantesco número de helicópteros dos EUA perdidos na Guerra do Vietnã

Durante a Guerra do Vietnã, milhares de aeronaves dos EUA foram perdidas para a artilharia antiaérea (AAA), mísseis superfície-ar...
- Advertisement -
- Advertisement -