Home Artilharia Antiaérea HEL MD, demonstrador laser da Boeing, destrói alvo em condições de vento...

HEL MD, demonstrador laser da Boeing, destrói alvo em condições de vento e neblina

307
2

Demonstrador Laser HEL MD da Boeing destrói alvo encoberto - foto Boeing

Vários alvos aéreos foram destruídos em situações de vento e neblina, condições climáticas típicas do ambiente marinho, em demonstrações realizadas na Base Aérea de Eglin, na Flórida – EUA

Na quinta-feira, 4 de setembro, a Boeing divulgou nota e foto sobre demonstração de capacidades de seu sistema HEL MD (High Energy Laser Mobile Demonstrator – demonstrador móvel de laser de alta energia), em disparos realizados sob condições marítimas. Os testes foram realizados no estado da Flórida (EUA), na Base Aérea de Eglin.

Segundo Dave De Young, diretor da Boeing para sistemas de energia direta, “sob condições de vento, chuva e nebulosidade na Flórida, esses engajamentos foram os mais desafiadores até o momento com o laser de 10 kilowatts do HEL MD.” Ele completou: “Como comprovado no Campo de Provas de White Sands no Novo México, em 2013, e na Base Aérea de Eglin na primavera (do Hemisfério Norte), o HEL MD é confiável e capaz de adquirir, acompanhar e engajar, de forma consistente, uma variedade de alvos em diferentes ambientes, demonstrando a potencial utilidade militar de sistemas de energia direta.”

Nas demonstrações recentes, o HEL MD utilizou um laser de alta energia de 10 kilowatts, instalado num veículo militar tático da Oshkosh. O demonstrador, segundo a empresa, é a primeira plataforma móvel do tipo laser de alta energia, contra foguetes, atilharia e morteiros (C-RAM) , a ser construída e demonstrada para o Exército dos Estados Unidos.

DeYoung também afirmou que, “com o único custo de combustível diesel, o sistema laser pode disparar repetidamente sem despender valiosas munições ou recursos humanos adicionais.” Com as duas séries de demonstrações, a Boeing informou ter atingido todos os objetivos de desempenho dentro do cronograma, engajando mais de 150 alvos aéreos, incluindo morteiros de 60mm e veículos aéreos não tripulados (VANT). O próximo passo será a instalação de um laser de 50 ou 60 kilowatts no HEL MD para demonstrar capacidade anti-RAM (foguetes, artilharia e morteiros) e anti-VANT nesse nível de potência taticamente significativo.

FONTE / FOTO: Boeing (tradução e edição do site das Forças Terrestres a partir de original em inglês)

VEJA TAMBÉM:

2
Deixe um comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
Carlos SoaresVader Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Vader
Membro
Trusted Member

Amigos, num futuro não muito remoto quem dispuser de um sistema desses vai “trancar o espaço aéreo” contra quase quaisquer tipos de ameaças, de morteiros e foguetes terra-terra a aeronaves. Qualquer coisa que possa ser detectada poderá ser destruída antes de engajar qualquer alvo. Imaginem que se quer proteger uma área determinada. Com meia dúzia de sistema desses de energia dirigida, com variados “calibres”, você simplesmente impede que um inimigo ataque tal área. Isso vai ser a próxima grande revolução na guerra. E o que vale para uma área vale para uma frota, para uma coluna blindada, para uma FT,… Read more »

Carlos Soares
Visitante
Carlos Soares

É, mas não haverá “made in USA” …. com certeza.

USA, depois ainda vão dizer que a China ou a Russia já estão testando algo similar. rs.