Home Armas de Fogo Metralhadoras MG 5: Entrega adiada por problemas técnicos

Metralhadoras MG 5: Entrega adiada por problemas técnicos

911
9

Metralhadoras MG 5

O primeiro lote de produção das  1.215 novas metralhadoras MG 5 foi adiado por questões técnicas informou o Ministério alemão da Defesa.

Solicitada em junho de 2013 , o MG 5 ( HK121 ), produzido pela Heckler & Koch (HK) irá substituir os obsoletos  MG3 obsoleto atualmente em  serviço com a Bundeswehr  (Exército Alemão).

As primeiras entregas estavam agendadas para o final de Julho , mas foram adiadas para 2016 por causa de ” irregularidades que podem exigir novo teste ” , afirmou o Ministério da Defesa.

Sob o acordo-quadro de 2013, a Alemanha comprará um mínimo de 7.114 MG 5 e até 12733 a um custo de EUR 118-240 milhões ( USD113-270 milhões). Nos termos desse mesmo acordo, 65 MG 5 foram encomendadas para ensaios ao abrigo de um contrato de produção inicial de baixa escala no valor de EUR 2,76 milhões em Julho de 2014.

FONTE: Jane’s (tradução e adaptação das Forças Terrestres a partir do original em inglês)

FOTO: Heckler & Koch

9
Deixe um comentário

avatar
9 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
6 Comment authors
ShugoFlávioOganzaColombelliClaudio Moreno Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Alfredo Araujo
Visitante
Member
Alfredo Araujo

É uma pena…

Nenhuma metralhadora é sexy feito a MG-3 é… rs

Claudio Moreno
Visitante
Member
Claudio Moreno

Quando o projeto base é bom a longevidade é admirável. A MG3, é baseada na consagrada MG42 da IIWW.

O vídeo abaixo demonstra como a MG42 cortava mato bem rente (nossa FEB que infelizmente o diga). Muito interessante ainda é o sistema muito simples de substituição do cano. Notar ainda a estabilidade no disparo.

https://www.youtube.com/watch?v=N59msUnyy1g

CM

Colombelli
Visitante
Active Member
Colombelli

MG-3 obsoleta? Por quê? O que esta ai faz que a outra não faz?

So é mais compacta. Nada mais. Estão é jogando dinheiro fora melhorando o “imelhorável”.

Flávio
Visitante
Flávio

Sr Colombelli , fiquei me perguntando a mesma coisa.

Obsoleta, por quê ?

Na minha ignorância imagino que o que pode ser melhorado em armas dessa categoria sejam : peso? aquecimento da arma ?

Mas talvez não justifique o investimento.

Sem querer fazer comparações, AK´s-47 toscos e longevos seguem fazendo estrago pelo mundo afora.

sds.

Oganza
Visitante
Member
Oganza

Colombelli, até onde acompanhei esse desenvolvimento, o que o requerimento mais pedia das novas HK 121 era que o seu “tempo últil” de seu barrel em fogo contínuo fosse aumentado em 75% com relação a MG3, que realmente possui esse problema de super aquecimento. Mas eu concordo com vc, e para mim seria apenas o caso de um reprojeto atualização das MG3. O fato meu caro é que isso tudo não passa de um mega lobby da HK… o MD Alemão no ano passado declarou que os G36 “não mais atendem” as demandas do moderno campo de batalha… e qual… Read more »

Colombelli
Visitante
Active Member
Colombelli

Amigos, o que superaquece é o cano. Ora, basta por mais canos de troca. Na MG-42 ou MG-03 troca em menos de 04 segundos o cano.

Peso? um kg a mais ou a menos pra quem ja leva mais de 30 não faz diferença, e olha que lhes falo como infante.

Flávio
Visitante
Flávio

É isso aí!!

Shugo
Visitante
Shugo

Caor Oganza, No caso da concorrência para o novo fuzil alemão: http://www.thefirearmblog.com/blog/2015/09/08/breaking-german-mod-releases-rfi-for-new-infantry-rifles/ http://www.thefirearmblog.com/blog/2015/09/13/bundeswehr-set-to-procure-g36-replacement-weaponsman-tells-us-where-things-stand/ ^^ “The key points of the article are drawn from this solicitation. They are: The BW won’t really get the new rifle until the 2020s. The solicitation is Europe-wide. Sorry ’bout that, Colt, LMT, etc. (Also, sorry ’bout that, HK. You’re going to have to compete with everybody, including those Polish rifles we saw this morning). The solicitation seems biased towards current production, COTS rifles, as the Ministry feels that only with such a head start can they hope to make a 2019 fielding of test units… Read more »