sábado, setembro 18, 2021

Saab RBS 70NG

China ultrapassa EUA em pesquisa de Inteligência Artificial

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

A disputa pela supremacia se intensifica à medida que os dois lados lutam com questões de segurança

TÓQUIO — A China está ultrapassando os EUA em pesquisas de inteligência artificial, disparando alarmes do outro lado do Pacífico enquanto as duas maiores economias do mundo disputam a supremacia da IA.

Em 2020, a China superou os EUA pela primeira vez em termos do número de vezes que um artigo acadêmico sobre IA é citado por outros, uma medida da qualidade de um estudo. Até recentemente, os EUA estavam muito à frente de outros países na pesquisa de IA.

Um dos motivos pelos quais a China está se destacando em IA são os amplos dados que gera. Em 2030, cerca de 8 bilhões de dispositivos na China estarão conectados pela Internet das Coisas — uma vasta rede de objetos físicos conectados pela Internet. Esses dispositivos, montados em carros, infraestrutura, robôs e outros instrumentos, geram uma enorme quantidade de dados.

A China vê a IA como uma forma de compensar a escassez de mão de obra em antecipação ao encolhimento da população, disse Weilin Zhao, pesquisador sênior do Instituto de Pesquisa Itochu.

A IA é usada em uma variedade de setores e afeta muito a competitividade e a segurança de uma nação. A Comissão de Segurança Nacional dos EUA sobre Inteligência Artificial, chefiada pelo ex-CEO do Google Eric Schmidt, alertou em um relatório em março que os EUA podem perder a iniciativa de IA para a China. À medida que os EUA respondem a este desafio, a competição bilateral em IA se aqueceu — com implicações globais.

Em junho, uma aluna chamado Hua Zhibing matriculou-se na Universidade Tsinghua em Pequim. Hua é apaixonada por literatura e arte desde o nascimento, diz ela. Mas Hua não é um estudante comum. “Ela” é uma estudante virtual movida a IA cuja imagem foi vista em todo o mundo no Weibo – a resposta da China ao Twitter – e outras mídias sociais.

Equipado com a capacidade de aprender, Hua absorve dados como texto, imagens e vídeos, diz a universidade. Hua tem as habilidades cognitivas de uma criança de 6 anos. Em um ano, o sistema será capaz de pensar como um garoto de 12 anos, prevê a agência de notícias estatal chinesa Xinhua. Hua pode escrever poemas e desenhar. Espera-se que seja capaz de criar sites no futuro.

Hua é baseada no Wudao 2.0, um modelo de IA desenvolvido sob a liderança da Academia de Inteligência Artificial de Pequim. O objetivo é desenvolver uma forma padronizada de IA capaz de realizar uma variedade de tarefas intelectuais antes exclusivas dos humanos.

Hua possui capacidades linguísticas e de processamento de imagem avançadas, graças ao trabalho de mais de 100 pesquisadores. A ferramenta tem 10 vezes mais parâmetros – uma medida de quão inteligente é um modelo de IA – do que o GPT-3 que fez sua estreia nos EUA em 2020 e chamou a atenção por escrever uma boa redação.

No ano passado, a China ultrapassou os EUA em termos de citações acadêmicas relacionadas à IA pela primeira vez, respondendo por 20,7% do total, contra 19,8% para os EUA, de acordo com um relatório da Universidade de Stanford. Desde 2012, a China lançou 240.000 artigos acadêmicos sobre IA, ultrapassando de longe os EUA, que publicaram 150.000, de acordo com o especialista em pesquisa britânico Clarivate. Estudos chineses têm produzido excelentes resultados em reconhecimento e geração de imagens, entre outros.

O desenvolvimento de IA com linguística avançada e outras capacidades requer vastos recursos humanos e financeiros. Apenas “um punhado de jogadores” pode fazer isso, diz Mamoru Komachi, um professor associado da Universidade Metropolitana de Tóquio, especializado em linguística computacional.

A China tem uma série de instituições acadêmicas e empresas com poder de fogo para se manter na vanguarda da IA, incluindo a Universidade Tsinghua, a Universidade de Pequim, a Academia Chinesa de Ciências, Baidu e Xiaomi. Todas essas universidades e empresas participaram da Academia de Inteligência Artificial de Pequim, que criou o Wudao 2.0.

Embora as empresas e universidades dos EUA permaneçam fortes em IA, o domínio crescente da China é aparente. Na Conferência sobre Sistemas de Processamento de Informação Neural, uma conferência internacional líder em IA, pesquisadores da China foram responsáveis ​​por 29% das apresentações em 2019, a maior participação. Os EUA ficaram com 20%.

Embora os pesquisadores chineses de IA muitas vezes tenham um bom desempenho nos EUA, a China tem trabalhado muito nos últimos anos para desenvolver talentos em casa. A Tsinghua University e a Shanghai Jiao Tong University, ambas conhecidas por estudos avançados de IA, bem como outras universidades chinesas, incluindo a Zhejiang University, o Harbin Institute of Technology e a Northwestern Polytechnical University, têm cerca de 2.000 pesquisadores de IA com trabalhos publicados.

Em 2017, a China adotou o “Plano de Desenvolvimento de Inteligência Artificial da Nova Geração” com o objetivo de se tornar o centro de inovação global. As empresas chinesas também estão se tornando altamente sofisticadas tecnologicamente. Uma, a iFlytek, ganhou uma competição internacional de síntese de voz por 14 anos consecutivos.

É claro que os EUA estão preocupados com o rápido aumento da IA na China. O fato de os EUA estarem excluindo empresas chinesas do país no que diz respeito ao uso de dados pessoais que determinam o desempenho da IA é uma prova disso. Se os EUA e a China continuarem a desenvolver sua própria IA, um conflito global sobre padrões concorrentes pode ser inevitável.

FONTE: Nikkei Asia

- Advertisement -

74 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
74 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos10
Marcos10
25 dias atrás

E o Brasil?

Pedro Bó
Pedro Bó
Reply to  Marcos10
25 dias atrás

A UFRJ tem um excelente laboratório de IA e Lógica Fuzzy (que é fundamental no machine learning) e o IMPA também faz pesquisas na área.

Marcos10
Marcos10
Reply to  Pedro Bó
24 dias atrás

Ou seja, nossa pesquisa é puramente acadêmica.
E mesmo acadêmica, questiono a disponibilidade de material humano. Nossas universidades formam pouca gente na área de matemática, estatística e afins. E IA exige mais, muito, muito mais conhecimento.

IBIZ
IBIZ
Reply to  Marcos10
24 dias atrás

E boa parte dessa gente qualificada, especialmente os melhores, vão trabalhar lá fora pq aqui no Brasil é desperdício de tempo insistir na área de pesquisa.

RPiletti
RPiletti
Reply to  Marcos10
24 dias atrás

O foco do BR são advogados, administradores e médicos.

Wagner
Wagner
Reply to  Marcos10
25 dias atrás

Estamos entrando no modelo falido EAD. Será difícil encostar nesses 2 aí,vamos apenas virar consumidor.

fewoz
Reply to  Wagner
23 dias atrás

Modelo falido? O ensino a distância é enorme hoje. Qual a grande diferença entre aprender online e numa sala de aula? Perder tempo com deslocamento? Pelo visto não conhece sites enormes e populares como Coursera, EdX, entre outros… O EAD não tem nada a ver com a falta de interesse da elite política no futuro do Brasil. São duas coisas completamente diferentes. Obviamente que ninguém deveria estudar Enfermagem ou Medicina online, mas ficar preso às velhas salas de aula e ignorar a internet? Isso sim é um pensamento falido e antiquado.

PACRF
PACRF
Reply to  Marcos10
25 dias atrás

Foi ultrapassado pela China em meados dos anos 1980. Considero que no campo econômico no geral e no campo tecnológico especificamente, nem “ligando o turbo” o Brasil chega perto. Continuamos no extrativismo (madeira, minerais raros, garimpo, pesca predatória, etc.), continuamos tocando fogo em nossas florestas naturais sem ganhar nada com isso (só os grileiros e os contrabandistas ganham). Finalizando, produzimos commodities, justamente para a China comprar.

Agressor's
Agressor's
Reply to  PACRF
24 dias atrás

Sabe uma coisa que a China tem que o braziu não tem? Planejamento ESTATAL!

YouTube: “COMO AS INDUSTRIAS PARASITAM O ESTADO NOS EUA”
 
https://www.youtube.com/watch?v=wAswszP_2Yg

Slow
Slow
Reply to  Marcos10
25 dias atrás

O Brasil vive uma luta imaginária contra os comunista .. criada pelo presidente do país .

José Carlos David
José Carlos David
Reply to  Slow
25 dias atrás

A luta contra o comunismo é antiga, sendo apoiada pela maioria absoluta do povo brasileiro!

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  José Carlos David
25 dias atrás

Levando-se em conta que a maioria absoluta da população nem sabe o que é isso, sua afirmação faz sentido.

Alexandre
Alexandre
Reply to  José Carlos David
25 dias atrás

A maioria do povo brasileiro não sofre de desonestidade intelectual como os maníacos homicidas que exergam comunistas em tudo . Existe uma parcela do povo que se agarram ao anacronismo e alimentam um discurso reacionário de ódio onde basta alguém não pensar como eles que logo é taxado de comunista.

Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  José Carlos David
24 dias atrás

Se a maioria absoluta do povo brasileiro rejeita o comunismo já passou da hora de parar de falar nele né? Principalmente pra justificar incompetência? Não seria melhor deixar esse modelo disfuncional cair no esquecimento?

Slow
Slow
Reply to  José Carlos David
24 dias atrás

Maioria absoluta do povo brasileiro kkk não vou nem perguntar da onde você tirou isso .. mas enfim não é atoa que está aonde tá .

Alexandre
Alexandre
Reply to  José Carlos David
24 dias atrás

Anacronismo puro.

Teropode
Reply to  Slow
24 dias atrás

Tá , mas esta deficiência vem de 1988 , ou eu tô errado ? Vivíamos no ápice da tecnologia e perdemos tudo em 2019 ?

Slow
Slow
Reply to  Teropode
24 dias atrás

O gráfico fala por si só inclusive separa investimento de cada governo Zzz

CD912960-75E6-4AE1-812D-401EA3B47EE7.jpeg
RPiletti
RPiletti
Reply to  Slow
24 dias atrás

Investimento tem que gerar resultado. Tens alguma tabela onde conste o que foi produzido de artigos afins?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  RPiletti
23 dias atrás

Se não investir, como agora, é que não vai ter mesmo, né?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Teropode
23 dias atrás

Seu desapreço por dados, estatísticas e opiniões de experts no assunto faz vc passar esse tipo de vergonha.

Jorge Faustino
Jorge Faustino
Reply to  Marcos10
25 dias atrás

A PM, junto com alguns membros das FA, do Agro e Pastores, vão governar o Brasil.
Ai conseguiremos avançar em todas as áreas do conhecimento.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Jorge Faustino
24 dias atrás

Vão provar que existiu o jardim do Éden e um certo cidadão nele criado, viveu 970 anos. Que tinha um cobra poliglota que conversava com mulher. E o mais fantástico era uma arca construída de madeira por um velho e três filhos. Do tamanho de uma cruzador de batalha. Muito conhecimento científico..

Agressor's
Agressor's
Reply to  Marcos10
24 dias atrás

O país que investir pesado em educação vai dar certo… Lá eles tem essa tecnologia aqui a gente tem boi e soja….

Enquanto os brazileirus ficam “zuando” e fazendo meme de chinês pastel de flango e tal…A China só cresce e se moderniza, cada vez mais inserido na indústria 4.0…Até países como o Catar fazem grandes investimentos por meio de imóveis no mundo todo. O Catar tem mais propriedades em Londres do que a própria Rainha Elizabeth…

Last edited 24 dias atrás by Agressor's
Nascimento
Reply to  Agressor's
23 dias atrás

Investimos pesados em educação conforme mostra o gráfico do Kings e continuamos na mesma situação.

Zorann
Zorann
Reply to  Marcos10
24 dias atrás

Ahh por favor! vamos falar de algo que presta

Wagner
Wagner
25 dias atrás

Era previsto já que o sistema educacional americano começou entrar em declínio já em 2008,com Busch, quando colocou a educação do país para virar lucro. Endividou os estudantes nacionais sem um aprendizado profundo,preferem importar mentes estrangeiras para o desenvolvimento do país. A China já tomou a dianteira e será difícil ultrapassar eles,educação não é gasto é gerador de riquezas para 10 investido gera 100 no futuro.

Augusto L
Augusto L
Reply to  Wagner
25 dias atrás

Wagner o acesso a credito permite mais alunos em faculdades, quanto ao alunos do exterior é fundamental que você tenha diversidade para ter inovação.

https://hbr.org/2013/12/how-diversity-can-drive-innovation

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Augusto L
25 dias atrás

O problema é que deixa os alunos endividados.
Alguns uma boa parte ou a vida toda.
Tanto é verdade que a anistia a estes empréstimos é um assunto em voga nos EUA.

Wagner
Wagner
Reply to  Augusto L
24 dias atrás

Sim mas é um ciclo vicioso de crédito lucrativo,objetivo não é ensinar,se cria universidades apenas com objetivo de se apossar da mensalidade do aluno. Inclusive esse aluno sequer sabe o que é um MMC,Eu vi de perto isso,um aluno de engenharia civil que não sabia matemática,mas aprovado nessas universidades privadas,deram ao coitado o diploma mas não o conhecimento.

Agressor's
Agressor's
Reply to  Wagner
25 dias atrás

O preço médio de uma licenciatura numa universidade pública nos EUA é 80 mil dólares. O ensino superior é uma autêntica mina de ouro para os banqueiros. Virtualmente, todos os estudantes têm dívidas astronômicas, que, acrescidas de juros, levarão, em média, 15 anos para pagar. Durante esse período, os alunos tornam-se servos dos bancos e das suas dívidas, sendo muitas vezes forçados a contrair novos empréstimos para pagar os antigos e assim sobreviver. O sistema de servidão completa-se com a liberdade dos bancos de vender e comprar as dívidas dos alunos a seu bel prazer, sem o consentimento ou sequer… Read more »

Nascimento
Reply to  Agressor's
23 dias atrás

Aqui isso também existe, se chama FIES, mas como é pubrico, gratuitu e di kualidadi, você não reclama né?

Pedro Bó
Pedro Bó
25 dias atrás

Daqui a pouco vem o Xings desfilar suas “pérolas” sobre IA aqui e não deve nem saber printar um “Hello World” em Python.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Pedro Bó
25 dias atrás

Chora não!
A China está investindo US$ 1,5 tri nessa área de ciência e tecnologia.
A questão não é ‘se’ ela vai dominar o mercado, mas ‘quando’.
Alguns especialistas calculam que por volta de 2025 ela estará dominando o mercado de componentes e de aparelhos eletrônicos.

Marcos Braga
Marcos Braga
Reply to  Antoniokings
24 dias atrás

Há domina a tempos!

Carlos Campos
Carlos Campos
25 dias atrás

Vi anos atrás um Brasileiro que falou disso, acredito que a China vai acabar passando os EUA na liderança de IA, só tenho medo é da Skynet.

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Carlos Campos
25 dias atrás

Creio que nossa defesa é o velho botão analógico de desligar kkkkk

Agressor's
Agressor's
Reply to  Carlos Campos
24 dias atrás

Todo império cai, e com os eua não vai ser diferente. Quem pode parar a China: Um meteoro, um meteoro em Pequim ainda…

Augusto L
Augusto L
25 dias atrás

A China tem uma das vantagens a sua demografia, com sua enorme população ela geram muitos mais dados, sem contar que na China não proteção de dados.

Mas ela tem 2 outros pontos negativos, falta de capital privado e um ambiente realmente inovador, com diversidade e liberdade de ideias.

O primeiro é muito complicado porque tem um pouco haver com o setor imobiliário chinês e sua grande bolha, mas pode ser resolvido a longo prazo se realmente tomarem medidas.

O segundo é praticamente impossível de mudar, enquanto o PCC estilar lá.

Slow
Slow
Reply to  Augusto L
25 dias atrás
Hcosta
Hcosta
Reply to  Augusto L
25 dias atrás

Não sei até que ponto o PCC controla assim tanto a economia.
Penso que devem estar mais preocupados com uma mudança de regime, a democracia, do que estar a ordenar o que os industriais devem fazer.
Até deve ser impossível se virmos a escala da capacidade industrial Chinesa.
Forte com os fracos e fraco com os fortes.

nereu
nereu
Reply to  Hcosta
24 dias atrás
Hcosta
Hcosta
Reply to  nereu
24 dias atrás

Não percebo a ligação entre o artigo e o meu comentário. Basta ver aqueles enormes centros de comércio onde se vende de tudo. Como é possível controlar essas trocas comerciais? Vamos à China e na chegada aparecem vários a vender máscaras, desfibrilhadores, etc… Há um grande controlo a nível macro mas no nível mais baixo, mais direto, não dá para controlar e não me parece que queiram. Estão mais preocupados do que dizem no Facebook chinês do que se um empresário vendeu algum produto. Esse artigo contraria a ideia de que uma democracia/modelo ocidental é o melhor sistema para o… Read more »

Augusto L
Augusto L
25 dias atrás

Quanto as vantagens americanas elas estão relacionadas praticamente no que a China tem de ponto fraco + os americanos tem outras aéreas onde eles são lideres que agrega m a IA, pensem em tecnologia quântica, hardware, biotecnologia dentre outros nos quais eles ou estão em primeiros ou no top 3.

Ramon
Ramon
25 dias atrás

Uma vez assistindo um dos desenhos de star Wars, teve um episódio que mostra um pouco de como os separatistas usavam inteligência artificial para analisar a forma de combate dos clones e jedis, e por meio dessa análise o programa passava a melhor estratégia para os droides combateram o exército da República. Voltando ao mundo real creio que essas Inteligências artificiais tem esse objetivo por que se vc entende como o inimigo combate e tem meios de traçar rapidamente uma estratégia de combate vc pode virar o jogo, pois forças regulares tendem a seguir certos padrões em um exército geralmente… Read more »

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  Ramon
24 dias atrás

Ramon

Esse tipo de conceito não de aplica mais, pois nesse caso são maquinas que seguem padroes sem machine learning, ou seja, que necessitam de updates constantes para atender as necessidades do operador…um conceito ultrapassado…
Esses algoritmos novos são grandes variaveis que vão observar os seus comportamentos para tomar uma decisao ou orientar alguem que o faça
Fazer um algoritmo desses é relativamente simples….o problema é voce torna-lo confiante o suficiente
Exemplo….se vc bombardea-lo com informacoes falsas…ele seria capaz de tomar a decisao correta? Pense um pouco….

naval762
naval762
25 dias atrás

A GUERRA ALÉM DOS LIMITES CONJECTURAS SOBRE A GUERRA E A TÁTICA NA ERA DA GLOBALIZAÇÃO QIAO LIANG E WANG XIANGSUI BEIJING: PLA LITERATURE AND ARTS PUBLISHING HOUSE, FEVEREIRO, 1999.
É o resultado do que foi exposto nesse livro há vinte anos. O desenvolvimento da IA chinesa vai acabar dominando tecnologicamente não somente os americanos mas todo o ocidente. Eles avisaram e as lideranças politico-militares ocidentais fizeram pouco caso ou, como eu costumo pensar, se venderam na esperança de terem preservadas suas posições e fortunas.

SmokingSnake 🐍
SmokingSnake 🐍
24 dias atrás

Deixa eles investirem no que vai prejudicar eles próprios, talvez até matar.

Agressor's
Agressor's
Reply to  SmokingSnake 🐍
24 dias atrás

Ninguém mais para a China, nem mesmo os estadunidenses, botem isso nas suas cabeças…O que domina o mundo é o capitalismo, e seja qual for a sua bandeira, ganha quem tiver as melhores estratégias fundamentadas na cadeia comercial mundial… O que é o caso da China hoje…

Os EUA criou o monstro, agora se vira, arrogância criou, agora só uma guerra pra conter o monstro deles…

Last edited 24 dias atrás by Agressor's
Zeus
24 dias atrás

Aos EUA restará levar a cabo a mesma tática desesperada usada contra a huawei, de tentar convencer ao resto do mundo que as tecnologias de IA da China vão escravizar o planeta e todos devem evitá-las e combatê-las, porque a nível de concorrência eles sabem que não vão conseguir acompanhar o imparável avanço chinês. Os estadunidenses são condicionados desde criança na crença de que eles nasceram para dominar o mundo e que são superiores a todos. Serem ultrapassados é, para seus egos, uma dor psicológica insuportável. E no patamar do processo dinâmico de ascenção em que já se encontra a… Read more »

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Zeus
24 dias atrás

Excelente análise. O que eu vejo com isso tudo é um aumento cada vez maior do bilateralismo, caso os EUA tentem achacar seus antigos aliados para barrar o 5G chinês e outras tecnologias sensíveis como IA.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Inimigo do Estado
24 dias atrás

O fato é que não adianta tentar inibir os aliados.
A China já anunciou para daqui a 5 anos a rede 5.5G.
E para 2030 a rede 6G.
Se não incorporar equipamento chinês, vão ficar mais para trás do que já estão.
No final, será um abraço de afogados entre os EUA e seus aliados.

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Antoniokings
23 dias atrás

Anunciar coisas mirabolantes até eu faço rsrsrs como vão os projetos deles de criar sua própria tecnologia de micro processadores de 10 nanometro para baixo e de turbinas de jato de ponta mesmo? Foi anunciado que desenvolveriam não?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Andromeda1016
23 dias atrás

Essa é a questão que eles tratando com essa montanha de dinheiro.
Sua tecnologia própria de litografia de chips.
Chegarão em breve lá.
E quando chegarem, acabou para a concorrência.
E os americanos sabem disso.

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Antoniokings
23 dias atrás

Foram criadas diversas empresas para desenvolver a tecnologia de micro chips mas estão todos fechando a porta. A maioria eram fraudes para desviar dinheiro público e não tinham tecnologia. O mesmo está acontecendo com as empresas de carros elétricos que estão fechando uma por uma também. Eram esquemas de fraude também. Desenvolver processadores requer a aplicação de diversos elementos tecnológicos como software, hardware, maquinaria, etc e não dá para desenvolver tudo isso da noite para o dia. E enquanto eles procuram alcançar o resto do mundo, o resto do mundo continua a avançar aumentando a distância que separa eles da… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Andromeda1016
23 dias atrás

Estão o Governo americano não vai precisar se preocupar.
Fique tranquilo.

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Antoniokings
23 dias atrás

E quem disse que o governo da gringolândia estava preocupado? Se lembro bem, são os chineses que estão gastando o que tem e o que não tem para conseguir desenvolver essa tecnologia não? A tecnologia 5G dos chineses era um 4G anabolizado e só conseguiu vender pelo mundo por causa do preço baixo e a pressão comercial dos chineses que ameaçava retaliar quem não comprasse a tecnologia 5G da Hwauei.

Agressor's
Agressor's
Reply to  Zeus
24 dias atrás

Enquanto o braziu briga entre bolsominions e luladrãos…O mundo gira e agente vai ficando pra trás…Ninguém pode parar a China mais, deram asas para a China e ela fez turbinas…

Last edited 24 dias atrás by Agressor's
Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Zeus
24 dias atrás

Perfeito!

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Zeus
24 dias atrás

O nome formal e histórico da China é “Império do centro” só para deixar claro para os outros, e a eles mesmos também, que a China é o centro do mundo e que nasceram para governá-la. Se os gringos são educados a pensar que devem dominar o mundo, os chineses eram submetidos ao mesmo tratamento há muito mais tempo que os gringos, na verdade há milênios …. Quanto à propalada “inevitável” supremacia deles, acho que muita gente está com pressa de contar os ovos antes da galinha botá-los. Está ficando lúdico assistir essas analises objetivas baseadas em pitacos subjetivos e… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  Andromeda1016
24 dias atrás

Eu conheço a expressão China Império do Meio, não do centro.
Acho que um dos lados é o Japão, os outros não sei.

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Hcosta
23 dias atrás

Centro ou meio não são sinônimos dependendo do contexto? O nome “China” se escreve por meio de dois ideogramas, sendo que o ideograma que representa a palavra meio ou centro, é um quadrado cortado ao meio por uma reta vertical, dando a entender que este ideograma se refere a algo que está no meio. Literalmente se pode traduzir esta palavra como meio, mas a real semântica por trás do seu uso no nome do país é indicar que ela está no centro do mundo e os demais países orbitam ao seu redor. O Japão não tem qualquer relação com a… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  Andromeda1016
23 dias atrás

Era uma região que estava, literalmente, no centro, entre dois outros estados.
A China já foi um conjunto de estados que lutavam entre si.

Agora se interpreta que também que está no centro do mundo, sim, qualquer país faz isso.
Mas não me parece que possamos generalizar e afirmar que a China quer dominar o mundo e se acha superior aos outros. Isso só começou agora…
Até porque era um país muito fechado.

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Hcosta
23 dias atrás

A China era um estado que vivia de tributos pagos por outros estados para não serem invadidos por ela, e sim, se consideravam a última bolacha do pacote. Eram a versão asiática do império inglês ou romano e assim como todos eles, justificavam o domínio sobre outros povos aludindo à sua superioridade em relação aos demais.

Marcos Braga
Marcos Braga
24 dias atrás

Tem muito Brasileiro trabalhando com machine learning para China aqui do Brasil eu sou um delas e não sou formado, recebo em dollar inclusive, agora acho q alguns aqui tem q parar de ser lunáticos, se o governo não investe em desenvolvimento de vacinas que é básico acha mesmo que vai investir em machine learning? Isso dá voto pra eles? O Brasil tem muito cara bom q como eu não tem formação… Agora pergunta se o governo Brazuca sabe que a gente existe? Se não tiver um diploma neinh moral pra gente eles dão, acha q só quem faz PhD… Read more »

Marcelo Baptista
Marcelo Baptista
24 dias atrás

Alguém precisa colocar isto dentro destes algoritmos, senão estamos fritos no futuro.

  • 1ª Lei: Um robô/IA não pode ferir um ser humano ou, por inação, permitir que um ser humano sofra algum mal.
  • 2ª Lei: robô/IA deve obedecer às ordens que lhe sejam dadas por seres humanos, exceto nos casos em que entrem em conflito com a Primeira Lei.
  • 3ª Lei: robô/IA deve proteger sua própria existência, desde que tal proteção não entre em conflito com a Primeira ou Segunda Leis.

P.S.:O IA é inclusão minha, obvio.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Marcelo Baptista
24 dias atrás

do Asimov

Marcelo Baptista
Marcelo Baptista
Reply to  Hcosta
24 dias atrás

Sim, Hcosta, li quase todos os livros dele, adoro FC.
Mas ele era otimista com relação a tecnologia.
Se vc ler Eu,Robo vai notar este otimismo.

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Marcelo Baptista
23 dias atrás

Naquela época não tinha como não ser otimista com a ciência, pois tudo era novo e fascinante. Flash Gordon, jornada nas estrelas, etc, tudo histórias que exploravam o fascínio da ciência.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Andromeda1016
23 dias atrás

Estas histórias eram para contrariar a realidade. A 1ª GM, a 2ª GM, a guerra nuclear…
O pior que a ciência poderia fazer.

Last edited 23 dias atrás by Hcosta
Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Hcosta
23 dias atrás

Sim, mas aí o horror não é da ciência, mas daqueles que a utilizam para o mal. Eu vivia viajando em assuntos de ficção científica e adorava tudo que falava dela.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
24 dias atrás

O Elias Jabbour se não me engano em uma da live no canal do Paulo Gala teria dito que essa marca seria alcançada não esse ano, pelo visto ele errou.
Enquanto isso a verba para ciência e tecnologia é menor em 12 anos.

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Nilton L Junior
23 dias atrás

Será que a culpa não é da pandemia?

Últimas Notícias

Saab recebe pedidos de Carl-Gustaf M4 e munições

A Saab recebeu pedidos para o rifle sem recuo Carl-Gustaf® M4 com munição incluída. O valor do pedido combinado...
- Advertisement -
- Advertisement -