segunda-feira, junho 27, 2022

Saab RBS 70NG

Invasão pelo norte pode ser retomada pelos russos

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.forte.jor.br
Editor da Revista Forças de Defesa

Equipamentos e tropas da Rússia estão sendo concentrados na fronteira norte da Ucrânia, entre Sumi e Chernihiv

As trincheiras profundas e os postos de observação dispersos que marcavam a fronteira norte da Ucrânia com a Rússia não eram páreo para as colunas de tanques que rolaram em 24 de fevereiro.

Agora, tendo derrotado os russos de volta ao seu lado – ao longo de semanas de batalha, e a um grande custo – os guardas de fronteira da região de Chernihiv, na Ucrânia, estão observando com cautela enquanto seus adversários voltam a reunir tropas e equipamentos em massa.

A guerra aqui é diferente de outras partes do país, onde as tropas russas estão firmemente abrigadas em território ucraniano. Esta é uma guerra transfronteiriça. Tanques russos lançam projéteis em aldeias ucranianas. Projéteis voam por uma tensa terra de ninguém em tiroteios esporádicos.

“A fronteira nunca mais será a mesma”, disse Serhiy Khomenko, 30, comandante de uma unidade que patrulha a fronteira perto da aldeia onde cresceu. “Se antes havia apenas um fosso de tanque, agora tudo será minado.”

Khomenko e seus subordinados não têm mais dias de folga. Eles vivem nos pântanos e florestas que margeiam a fronteira, lutando não apenas contra os russos, mas também contra os “mosquitos do tamanho de dedos”. O que eles queimam nas trincheiras para mantê-los afastados costumavam deixá-los tontos, disse ele. Agora eles estão acostumados.

Sete semanas se passaram desde que os russos se retiraram da região de Chernihiv. O inverno se transformou em primavera e dezenas de milhares de deslocados retornaram à medida que as estradas e os serviços públicos foram restaurados.

Autoridades de fronteira dizem que tudo está acontecendo muito cedo. Entre dois e oito projéteis caem na região de Chernihiv todos os dias, disse Oleksandr Sereda, vice-comandante dos guardas de fronteira da região. As tropas ucranianas são regularmente forçadas a devolver fogo através da fronteira.

“De qualquer forma, estamos nos preparando para uma possível reinvasão”, disse ele. “Eles estão atacando nossas posições e cidades. [Os russos] não têm noção das regras de engajamento.”

A mesma dinâmica está ocorrendo na região vizinha de Sumy, que os russos desocuparam na mesma época que Chernihiv. E em Kharkiv, enquanto as forças ucranianas empurram os russos de volta à fronteira, as autoridades locais disseram que esperam que a guerra lá também se transforme em uma em que os preparativos defensivos substituam as batalhas campais.

As relações entre os moradores de ambos os lados da fronteira eram próximas, mas tensas antes da invasão. Os laços familiares e culturais são profundos, mas a anexação da Crimeia pela Rússia em 2014, bem como seu apoio aos separatistas no leste da Ucrânia, criaram tensão, mesmo a centenas de quilômetros de distância.

“Anteriormente, parentes, amigos e conhecidos vinham da Rússia para cá com boas intenções”, disse Khomenko. Após a invasão em fevereiro, tudo isso se tornou impensável. “Agora, a fronteira está salpicada de rios de sangue. É um memorial para aqueles que morreram. Esta linha agora está associada a vidas sacrificadas”, disse Sereda.

Em Tykhonovychi, uma vila de cerca de 600 moradores separada da fronteira por meia dúzia de quilômetros de floresta, dois jovens locais que serviam na guarda de fronteira foram mortos nos últimos dias antes da retirada dos russos.

Andriy Samusenko e Anton Myahkyi eram amigos de infância. Ambos tinham 30 anos, olhos azuis e deixaram para trás famílias adoradoras.

Seus colegas sabem exatamente como eles morreram, porque os soldados russos que os emboscaram tinham suas câmeras ligadas e postaram as imagens no Telegram.

O vídeo mostra soldados russos disparando uma granada propelida por foguete na caminhonete dos guardas de fronteira e depois executando sumariamente aqueles que sobreviveram.

A esposa de Samusenko, Nina, 35, agora está criando suas cinco filhas sozinha e está grávida de três meses. Ela e Andriy conceberam na véspera da guerra, antes que ele engajasse no exército. Ela espera que seu sexto seja um menino.

Os vizinhos tentaram ajudá-la, mas ela está muito aflita para se envolver. Quando visitada por repórteres, tudo o que ela conseguiu dizer sobre o marido antes de ser tomada pelas lágrimas foi: “Ele era o melhor”.

Por uma estrada de terra a cerca de um quilômetro e meio da casa dos Samusenko, a família Myahkyi se reuniu para receber três dos guardas de fronteira de Anton que estavam visitando para colocar flores em seu túmulo.

Sua avó, Halyna Petrivna, 68, gostava muito dele. Ela sabe o número exato de dias desde que Anton foi morto, desde que ele foi enterrado e desde a invasão. Ela está lidando com a mesma pergunta que muitos ucranianos lutaram para responder: “Por quê?”

“Tantos jovens se perderam, e para quê?” perguntou Petrivna. “Eu não entendo o propósito deles. Por que eles estão bombardeando sem parar? O que eles esperam? Que nos rendemos?”

As pessoas em Tykhonovychi e outras aldeias estão dando tudo o que têm aos guardas de fronteira. Eles cozinham todas as suas refeições, e os civis ocupam postos avançados se os guardas estiverem cansados demais.

“Se você disser a eles que precisa de leite, eles lhe trarão um tonel”, disse Khomenko, o comandante.

Tendo visto a facilidade com que os russos atravessaram a fronteira uma vez, a maioria aqui está se preparando para outra rodada.

“As pessoas estão cautelosas. Eles ouvem que os russos aumentaram sua força novamente”, disse Anatoliy Bondarenko, 45, prefeito da vila.

No dia da invasão, em fevereiro, Bondarenko recebeu a notícia de uma aldeia mais próxima da fronteira de que os russos estavam a caminho. Ele ligou para todos que podia para dizer a eles que se escondessem. Então ele escondeu todos os documentos que pôde.

Três tanques entraram e derrubaram um poste de energia. Alguns moradores saíram para confrontar os soldados russos, que eles lembram como agindo confusos, até mesmo perdidos.

Seguiu-se uma breve discussão, mas então os russos estavam a caminho – chegando aos arredores de Chernihiv, uma cidade de 300.000 habitantes que cercaram, mas nunca assumiram. Ao longo de março, jatos e artilharia russos bombardearam e bombardearam a cidade impiedosamente. O quartel-general dos guardas de fronteira foi atingido pelo menos 30 vezes e seriamente danificado, mas a maioria dos alvos não serviu para fins militares – prédios de apartamentos, mercearias, escolas. Mais de 700 civis foram mortos lá, segundo o prefeito da cidade.

Nas aldeias, a maior mudança foi a atitude em relação à fronteira. Uma vez, tinha sido uma linha imaginária, um acidente da história, nada para se preocupar muito. Agora eles veem isso como a única coisa entre eles e uma horda de invasores.

“Depois que a grande guerra começou, mesmo aqueles que têm irmãos e irmãs na Rússia pararam de falar uns com os outros”, disse Bondarenko, cuja esposa é originária de um vilarejo na Rússia. Uma amiga dela ligou recentemente para dizer que não acreditava que Chernihiv tivesse sido bombardeada e que os ucranianos deveriam assistir aos canais russos para saber a verdade.

“Às vezes, quando ligo a TV para assistir canais russos, sinto que é necessário ter nervos, é necessário ser mentalmente saudável. Um homem com nervos fracos pode quebrar uma TV”, disse Bondarenko. “É impossível assistir. Eu apenas ligo, fico com raiva imediatamente e depois desligo. Eles são apenas zumbis agora.”

FONTE;/FOTO: The Washington Post

- Advertisement -

101 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
101 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Carlos Lins
Carlos Lins
1 mês atrás

Evidentemente que tomadas Donbass e Odessa, os russos vão ocupar novamente a fronteira fronteira norte/nordeste da Ucrânia.
Isso se não conquistarem todo o leste da Ucrânia.

Gugs
Gugs
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Está tudo sob controle, né tonho?

Carlos Lins
Carlos Lins
Reply to  Gugs
1 mês atrás

Chora.

Hank Voight
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Mais do mesmo besteirol Xings!?

Carlos Lins
Carlos Lins
Reply to  Hank Voight
1 mês atrás

Chora.

César
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Vc tem dúzias e dúzias de perfis falsos e só sabe trolar ¨Chora¨, desocupado? Acabou as fake news? Acabou as narrativas?

Heinz Guderian
Heinz Guderian
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Não tomaram nem Mykolaiv e já estão pensando em Odessa?

Andre
Andre
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Kiev cai hoje?

paulof
paulof
Reply to  Andre
1 mês atrás

já caiu, segundo o tonho eram 3 dias…agora são cenas produzidas em hollywood e fake news pensadas em Londres por algum invejoso do sucesso de Putina parecer cada dia mais o Ken,

Carlos Lins
Carlos Lins
Reply to  Andre
1 mês atrás

Chora.

Andre
Andre
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Vou chorar aqui porque falho todas as minhas previsões e tenho que ficar trocando de nome para tentar passar menos vergonha.

CLAUDIO REIS
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

esse Vietnã Russo está cada dia pior .. pros russos ! saindo caro e mais caro a cada dia !

Mafix
Mafix
1 mês atrás

Sera que os poloneses vão ajudar ja que assinaram uma aliança entre os dois paises retirando bordas e dando poderes aos dois paises como iguais em varias areas ?

Carlos Lins
Carlos Lins
Reply to  Mafix
1 mês atrás

Tropas polonesas na Ucrânia é tudo o que a Rússia quer.
Serão massacradas e a OTAN nada fará.
Oremos por isso.

Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Você precisa de muita oração mesmo. Oração, terapia e remedinho, para essa sua mente doentia.
Verme nojento xenofóbico.

Mafix
Mafix
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Rapaz os polaco tem leopard da versão 2 que vale por uns 90 t-62 que a Russia ta caçando nos porão da era sovietica fora o treinando padrão ocidental que 1 soldado vale por toda horda de mordor …

Andre
Andre
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Faz 20 anos que a Otan faz fronteira com a Rússia. A Rússia ainda não atacou por que mesmo?

Ferreira Junior
Ferreira Junior
1 mês atrás

O texto começa informativo e termina como propaganda de guerra.

RAFAEL
RAFAEL
Reply to  Ferreira Junior
1 mês atrás

Sim. Questionei isso no texto do oficial que “largou tudo”. Impressionante como a trilogia lança cada vez mais texto assim. Só não entendo o porque? Qual o sentido disso aqui?

Maurício Oliveira
Maurício Oliveira
Reply to  Ferreira Junior
1 mês atrás

Goebel fez assim e todos, digo todos pra não ser taxado de xings, fazem o mesmo.

Mgtow
Mgtow
Reply to  Ferreira Junior
1 mês atrás

É uma tática pra prender o leitor.
Eu não caio

Augusto
Augusto
Reply to  Ferreira Junior
1 mês atrás

Realmente, o texto não tem nada de relevante no aspecto militar. Parece propaganda de guerra mesmo.

L G
L G
1 mês atrás

A Polônia irá invadir e conquistar os seus antigos territórios perdidos na segunda Guerra mundial para a Ucrânia região oeste . Putin já tinha feito essa proposta de dividir a Ucrânia com a Polônia. População toda Polônia. Vamos estudar e aguardar. A Polônia irá crescer muito.

gari
gari
Reply to  L G
1 mês atrás

é, bem provável que a Polônia vá fazer o mesmo tipo acordo que os nazistas, dividindo a Polônia…
acho que não.

Nilson
Nilson
Reply to  L G
1 mês atrás

Mas nesse caso legitimaria a Alemanha a retomar os territórios que entregou à Polônia no fim da WW2, que a Polônia recebeu em troca das partes das atuais Ucrânia e BieloRússia que entregou à URSS.

Maurício.
Maurício.
1 mês atrás

“Um homem com nervos fracos pode quebrar uma TV”

vVeR3M.gif
César
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Pois então não quebre a TV senão a mamãe não compra outra, viu crianção? E de castigo tu pode ficar sem Toddynho e sem videogame durante uma semana e ainda ter que lavar as louças, heim!?

Maurício.
Maurício.
Reply to  César
1 mês atrás

Por que choras?

César
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Vc que vai chorar quando te cortarem o Toddynho e o videogame, crianção.

Maurício.
Maurício.
Reply to  César
1 mês atrás

Ainda no choro?

César
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Caso não tenha percebido vc que esta chorando aqui, crianção desocupado!

Maurício.
Maurício.
Reply to  César
1 mês atrás

Chorando ainda? Não é possível…rsrsrs.

César
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Não é possível mesmo que tu não para de chorar, crianção. Ainda mais agora que no ultimo post a moderação cortou vários perfis fakes de vcs! Então chora chora muito, seu desocupado.

Maurício.
Maurício.
Reply to  César
1 mês atrás

O meu comentário já foi liberado, mas voltando ao assunto, por que continua chorando? Por falar em perfil fake, tu aprendeu a usar com o pavão misterioso?🤭

César
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Mas vc que esta chorando de novo, crianção! Tu não tem ideia de como vc banca o boboca aqui? Porque tantos deslikes? Isso fora seus trocentos perfis falsos que não adianta de nada? Porque vc não arruma um trabalho de verdade pra tu ver como vc para de bancar o infantil no outro dia?

Maurício.
Maurício.
Reply to  César
1 mês atrás

Chora não pavão misterioso.

César
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Não esta na hora do seu Toddynho, crianção? Chora aí que a mamãe prepara pra vc!

Nei
Nei
Reply to  César
1 mês atrás

Esquece César. Tudo alienado com problemas de cérebro. Não tem como discutir com criança

Chevalier
Chevalier
1 mês atrás

“Uma amiga dela ligou recentemente para dizer que não acreditava que Chernihiv tivesse sido bombardeada e que os ucranianos deveriam assistir aos canais russos para saber a verdade.“Às vezes, quando ligo a TV para assistir canais russos, sinto que é necessário ter nervos, é necessário ser mentalmente saudável. Um homem com nervos fracos pode quebrar uma TV”, disse Bondarenko. “É impossível assistir. Eu apenas ligo, fico com raiva imediatamente e depois desligo. Eles são apenas zumbis agora.” A grande mídia ocidental percorreu um longo caminho de aprendizado nas últimas décadas, formou-se com louvores na arte de mentir, mas a mídia… Read more »

Pablo Maroka
Pablo Maroka
1 mês atrás

Vão enfrentar um monte ied agora.

imagina essa sucata de 40 anos atrás voando pelos ares

Slow
Slow
Reply to  Pablo Maroka
1 mês atrás

pergunta para os quase 2 mil que se renderam oque eles acham das sucatas …

Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  Slow
1 mês atrás

Gira o disco…sempre o mesmo papo furado.

Slow
Slow
Reply to  Felipe Morais
1 mês atrás

Vcs todo dia inventa o “ era só 3 dias “ ..

Nei
Nei
Reply to  Slow
1 mês atrás

E não era?

Mafix
Mafix
Reply to  Pablo Maroka
1 mês atrás

Acho que uma granada resolve …

L G
L G
1 mês atrás

https://youtu.be/VhBoxV__klU segue vídeo para analisar e estudar os países que mais tem tanques no mundo. Não importa se são antigos ou novos vistos que as armas antitanques modernas, mísseis antitanques, drones, etc ,conseguem destruir qualquer um. Os mais antigos são mais fáceis de conduzir, sem muito treinamento,. Vídeo destruição de Leopard e Abrams na Síria. Vamos estudar gente.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  L G
1 mês atrás

Tem diferença sim…

Olha os sistemas de aquisição de alvos, velocidade de giro de torre, capacidade de disparar em alta velocidade e acertar ai vc vai entender pq trazer os T62 vão acabar até viabilizando o uso do Leopard 1

Nascimento
Nascimento
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 mês atrás

Nem brinca com isso…

Senão o EB vai achar que o Leopard 1A5BR ainda serve…

Haja verborragia e masturbação mental via “dótrima” pra manter esse CC em pleno século XXI…

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Nascimento
1 mês atrás

Tem grana pra ter coisa melhor ?

Ninguém aqui é bobo..infelizmente tem que comprar o que consegue operar e manter.

Mafix
Mafix
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 mês atrás

O problema não nem grana o problema é a infra br que é horrivel não suporta a tonelagem de algo mais pesado…

Nascimento
Nascimento
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 mês atrás

Tem sim. Olha o que gastarão modernizando Cascavel e o que gastaram modernizando o M113.

M1A1 via FMS é muito mais barato do que modernizar Leopard 1A5BR…

Melhor ainda pois é uma plataforma que pode ser modernizada até 2050 no mínimo.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Nascimento
1 mês atrás

Não posso afirmar em relação ao M1…

Seria Zero ou usados ?

O cascavel e o M113 são antigos e obsoletos, não há dúvida..

Mas é algo que o EB consegue manter e operar sem muito stress

É a mesma coisa do Leopard..

Nascimento
Nascimento
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 mês atrás

Seriam usados, os Leopard 1A5 também vieram usados da Bélgica, os M1A1 americanos quase não foram usados inclusive e estão muito bem armazenados no deserto.

Esse é o problema do EB, não quer mudar…Não haveria “muito stress” pra operar Bradleys e Abrams, só reduzir os RCBs pra um número crível e não esses absurdos 350 CCs atuais, seria o mínimo pra manter o EB no século XXI até 2050.

Carlos Lins
Carlos Lins
Reply to  L G
1 mês atrás

Como afirmado em outro post, a Ucrânia tinha cerca de 2.000 tanques.
800 na ativa e 1200 na reserva.
Diria que foram bastante castigados e tiveram que recorrer a unidades de aliados que continuam sendo castigadas.
Grandes, enormes perdas.

Mafix
Mafix
Reply to  L G
1 mês atrás

Abrams na siria ?

L G
L G
Reply to  Mafix
1 mês atrás

Iraque, Iemen

Leonid Brejnev
Leonid Brejnev
1 mês atrás

Pobres ucranianos, estão sendo usados pelos americanos, e estão se ferrando. A ministra das Relações Exteriores da Alemanha, Annalena Baerbock, disse nesta quarta (25) que o Ocidente está cansado da Guerra na Ucrânia. “Chegamos a um momento de fadiga”
No Fórum Econômico de Davos, na Suíça, o veterano diplomata americano Henry Kissinger disse que Kiev deveria ceder as terras ocupadas por Putin e se declarar neutra.
Vamos grande urso, se a Rússia esta do nosso lado não podemos duvidar da vitória.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Leonid Brejnev
1 mês atrás

A pergunta que vocês nunca respondem..

E você acha que os ucranianos, que já foram dominados pelos russos duas vezes e não foi uma boa experiência, devam simplesmente se entregar e sair de uma vida meia-boca para um vida ruim sendo anexo da Federação Russa ?

Slow
Slow
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 mês atrás

Era só ter feito um documento com garantias de que não iria entrar pra OTAN , mas é melhor usar seu povo como bucha da nato né .. no final não vai entrar do mesmo jeito, além de perder partes ( se não o território inteiro ) e levar milhares pra uma guerra que não vai vencer …

PARABENS ESTADISTA !

Wellington Jr
Wellington Jr
Reply to  Slow
1 mês atrás

Mas não teve nada haver com a OTAN a invasão, olha a Finlandia e Suécia se candidatando a OTAN ( a Ucrania não poderia nem cogitar pois estava em guerra civil e tinha o problema da Criméia) porque a Rússia não invadiu lá já? Não é por causa da Expansão da OTAN a invasão? Ou é só uma mentira para os retardados engolirem e repetir como se fosse uma verdade?

Slow
Slow
Reply to  Wellington Jr
1 mês atrás

Olha se Ucrânia não poderia entrar era só assinar um documento, acabava com a narrativa do Putin ..

Andre
Andre
Reply to  Slow
1 mês atrás

A Rússia assinou um documento dizendo que respeitaria a integridade territorial da Ucrânia caso ela entregasse as armas nucleares. Olha no que deu….

Nei
Nei
Reply to  Slow
1 mês atrás

Tens problemas de cabeça vc e o Putin? A lei diz isso sobre ingresso na OTAN, todas as midias diziam isso e Putin não sabia? Assinar papel, acordos, os Rússos não cumprem também. #slowapoiadordeguerras

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Slow
1 mês atrás

Quer dizer que agora um país tem que se sujeitar as exigências de outro ?

Ahhhhh se fossem os EUA exigindo algo assim do Brasil o que eu ia ler de vocês chamarem de vassalo, escravo, colônia, etc..

Cria vergonha na sua cara, fica ai defendendo um assassino..

Slow
Slow
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 mês atrás

“ Ahhhhh se fossem os EUA exigindo algo assim do Brasil o que eu ia ler de vocês chamarem de vassalo, escravo, colônia, etc.. “

Os EUA se metem até na eleição aqui.

https://www.google.com/amp/s/www.bbc.com/portuguese/brasil-61446937.amp

“ Cria vergonha na sua cara, fica ai defendendo um assassino.. “

Falou o cara que defende o único país usou bomba nuclear contra população é ainda invadiu diversos ..

Nei
Nei
Reply to  Slow
1 mês atrás

#slowapoiadordeguerra

Pedro
Pedro
Reply to  Slow
1 mês atrás

a é..a Rússia respeita pra caramba documentos… Já não respeitou o documento que dizia que não iria invadir se a Ucrânia se livrasse das aramas atômicas. Depois..a Ucrânia é livre pra fazer o q que quiser..

Slow
Slow
Reply to  Pedro
1 mês atrás

Que documento é esse ai que Rússia prometeu não invadir ? 🤣🤣

Que eu saiba Ucrânia entregou suas armas em troca de segurança e reconhecimento como país independente .. Assinado por Rússia, EUA e Reino Unido ..

Nei
Nei
Reply to  Slow
1 mês atrás

Você não sabe nada. #slowapoiadordeguerra

Andre
Andre
Reply to  Slow
1 mês atrás

Se o problema é entrar para a Otan, prq a Rússia não ataca a Letônia, que faz parte da Otan há 20 anos e faz fronteira com a Rússia?

Essa velocidade necessária para inventar desculpas e defender seu amor pelo Putin acaba criando essas bobagens.

Nei
Nei
Reply to  Slow
1 mês atrás

Mentira esse seu papo de alienado Russo. A desculpa Russa, éra os Nazis. Iria ser invadida com ou sem acordo. A culpa de algo aqui, é da Rússia que invadiu outro país com retóricas lunáticas na cabeça do idiota que se acha um ser Supremo.
Não apoio a Ucrânia, mas apoiar a Rússia está longe de ser certo também. Mas esse é você. Louco, apoiador de genocídio.

Carlos Lins
Carlos Lins
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 mês atrás

Papo de perdedor.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Só responder a pergunta..

Alessandro
Alessandro
Reply to  Leonid Brejnev
1 mês atrás

É impressionante como vcs conseguem inverter a lógica das coisas, quem sofre o ataque é o vilão pq não desiste de se DEFENDER, e o invasor é tratado como vítima pq o “coitadinho” atacou por uma causa.

MALDITA deseducação brasileira paulo freiriana.

Last edited 1 mês atrás by Alessandro
Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  Alessandro
1 mês atrás

Perai, não jogue essa culpa aí no nosso país. O mau caratismo e canalhice desse vagabundo que fica comentando água aqui não é culpa de nosso país. Talvez seja culpa de seus pais, que não lhe educaram e ele virou esse verme xenofóbico doente mental.

Last edited 1 mês atrás by Felipe Morais
Nei
Nei
Reply to  Felipe Morais
1 mês atrás

Melhor comentário de 2022 até agora.

Hank Voight
Reply to  Leonid Brejnev
1 mês atrás

Outro Nick Xings!?

Firmino
Firmino
Reply to  Hank Voight
1 mês atrás

Está perdidinho, né HMS.
Vou te arrumar uma passagem para Jerusalém para vc se reencontrar.

Kkkkkk

Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  Firmino
1 mês atrás

Deveria arrumar uma passagem pra você mesmo ir pro front, seu frouxo!

António Rodrigues
Reply to  Firmino
1 mês atrás

Mesmo querendo parecer um esquerdista de top acaba sempre sendo um autêntico nazi essa boca para o povo hebreu é do piorio, ainda mandam bocas ao batalhão Azov….

António Rodrigues
Reply to  Hank Voight
1 mês atrás

Foi desenterrar a pior múmia que o Kremlin alguma vez viu, deve estar a advinhar o que vai acontecer ao Putina…

Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  Leonid Brejnev
1 mês atrás

Putin foi chamado para Davos?

Parece que o Zelensk discursou lá né?

Slow
Slow
Reply to  Felipe Morais
1 mês atrás

Nossa grande coisa ..

Carlos Gallani
Carlos Gallani
1 mês atrás

Nada indica que a sorte dos Russos vá melhorar, talvez seja apenas um chamariz para dividir tropas Ucranianas!

SmokingSnake 🐍
SmokingSnake 🐍
1 mês atrás

Está na hora da OTAN entrar na Ucrânia, a OTAN teria permissão do governo legítimo da Ucrânia ao contrário dos russos que são invasores.

Antunes 1980
Antunes 1980
1 mês atrás

Se realmente a Rússia avançar novamente para o norte teremos mais uns 1.000 vídeos no mês de tanques e equipamentos russos destruídos.

Firmino
Firmino
Reply to  Antunes 1980
1 mês atrás

Creio que não dessa vez.
Com o uso massivo de artilharia, os prédios usados como ponto de tiro serão demolidos pelos russos..
Remember Mariupol.

Nei
Nei
Reply to  Firmino
1 mês atrás

Vai jogar futebol Firmino, guerra você não sabe de nada.

Zabumba
Zabumba
Reply to  Antunes 1980
1 mês atrás

Não pode esquecer das trincheiras planejadas por oficiais da OTAN…que virou vala de soldado desconhecido.

Nei
Nei
Reply to  Zabumba
1 mês atrás

Outro apoiador de genocídio. Deveria ser preso.

Carlos Lins
Carlos Lins
1 mês atrás

E dessa vez não terá massacre fake de civis, como em Bucha.

Pedro
Pedro
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Vai ser de verdade agora né Kings? Volta pro vídeo game vai…

Heinz Guderian
Heinz Guderian
1 mês atrás

Notícia quente para o Kings e sua turma! O parlamento russo aboliu o limite de idade para a contratação de soldados e também facilitou a entrada de estrangeiros nas FA russas. A partir de hoje, pessoas com mais de 40 anos e menos de 65 podem se alistar na Rússia. Corram, é a chance de vocês de lutarem pelo seu Deus, Vladimir, levem consigo a bandeira comunista e lutem contras os nazistas, fascistas e atlanticistas malvadões da Ucrânia. Com suas estratégias e conhecimentos de táticas de guerra os russos com certeza, tomarão todo o DOnbas, Sumy, Odessa, Kharkiv e Kiev.… Read more »

Luis
Luis
Reply to  Heinz Guderian
1 mês atrás

“A partir de hoje, pessoas com mais de 40 anos e menos de 65 podem se alistar na Rússia”

E, pelo andar da carruagem, logo estarão liberando para os acima de 65.

Sagaz
Sagaz
Reply to  Heinz Guderian
1 mês atrás

Tal qual a vacina da covid vai mudando os grupos de risco.

Avai2022
Avai2022
1 mês atrás

Tonho a Rússia e China perderam … no
Longo prazo os estrategistas sabem
Que a Ucrânia enterrou os sonhos
Chineses e russos … até Iran percebeu que tem que sair do acordo nuclear …
Você me lembra o general de imprensa iraquiano que falava que a vitória seria
Iminente … e o US army na esquina …
Perdeu … foi feio demais … o
Ocidente agora quer apenas degradar mais a capacidade Russa …

Elisandro
Elisandro
1 mês atrás

Se os russos invadirem novamente, veremos que essa historia de que foram “empurrados” para a fronteira e apenas propaganda… De acordo com a mídia russa independente os militares não desejavam isso mas foram ordenados a se retirar pelo Putin.

Pedro
Pedro
Reply to  Elisandro
1 mês atrás

mídia russa independente já ficou estranho…

Luis
Luis
Reply to  Elisandro
1 mês atrás

De acordo com a mídia russa independente…
Confia!

https://artigos.wiki/blog/en/List_of_journalists_killed_in_Russia

Nilson
Nilson
Reply to  Elisandro
1 mês atrás

Não houve história de que os russos foram empurrados para a fronteira. Ficou bem claro que se retiraram das frentes de Kiev, Chernyiv e Sumy porque na “primeira fase” estavam com frentes amplas demais para a quantidade de tropas disponíveis, linhas logísticas longas e expostas, então optaram por iniciar uma “segunda fase” concentrando tropas no Em Kherson, Zaporizia, Izium e Donbass, mantendo uma pequena guarnição em torno de Kharkov também.

Luciano
Luciano
1 mês atrás

Sempre temos níveis diferentes de percepção de um conflito. Quando são pontos e nomes num mapa, há uma certa indiferença. Quando são autoridades diplomáticas discutindo, há uma impressão de civilidade e certas regras sociais, muitas vezes. Mas qdo lemos relatos de quem tá no front, na trincheira, dentro de um blindado ou no comando de uma aeronave a coisa toma outra proporção, sendo que muitas vezes somos levados pela empolgação de uma narrativa elétrica de um fervoroso combate, mesmo sendo muitas vezes de um dos lados que nao concordamos. Porém, independente do lado, qdo tomamos conhecimento das histórias da população… Read more »

Últimas Notícias

Stoltenberg: Diálogo amplo entre Rússia e OTAN não é mais possível

BRUXELAS, 27 de junho. /TASS/. A Otan e a Rússia devem preservar as linhas de comunicação, mas um amplo...
- Advertisement -
- Advertisement -