domingo, dezembro 4, 2022

Saab RBS 70NG

Onde está Lapin?

Destaques

Guilherme Poggio
Guilherme Poggiohttp://www.forte.jor.br
Editor da Revista Forças de Defesa

O Kremlin teria dispensado o comandante do Distrito Militar Central (CMD), coronel general Alexander Lapin, de sua posição como comandante do grupo “central” de forças russas na Ucrânia. O Kremlin não confirmou oficialmente a retirada de Lapin em 29 de outubro, levando ao aumento de relatos contraditórios em veículos patrocinados pelo Kremlin e canais Telegram.

Os veículos patrocinados pelo Kremlin citaram relatos do canal de TV “Grozny”, da Chechênia, milbloggers e outras fontes oficiais não identificadas de que Lapin não comanda mais as forças russas no norte de Luhansk Oblast. Alguns milbloggers russos alegaram que Lapin renunciou por iniciativa própria, enquanto outros alegaram que ele foi demitido injustamente. Um milblogger afiliado ao grupo Wagner afirmou que Lapin perdeu sua posição devido ao seu fracasso devastador em mobilizar e organizar homens em sua zona de responsabilidade, e a ISW já havia relatado anteriormente sobre o mau tratos aos homens mobilizados e não treinados que se encontram na linha de frente Svatove-Kreminna sob o comando de Lapin.

Não está claro se Lapin também foi dispensado de seu comando do Distrito Militar Central. Alguns milbloggers sugeriram que Lapin também não é mais o comandante do CMD, no entanto, não há relatórios ou evidências claras. A agência russa local Ura alegou que Lapin está tirando uma licença médica de três semanas citando uma fonte não identificada do Ministério da Defesa da Rússia (MoD).

A ISW não pode confirmar de forma independente os relatos da demissão de Lapin, mas a enxurrada de relatos conflitantes pode indicar que o Kremlin está lutando para controlar a narrativa sobre seu comando militar superior. O Kremlin havia anteriormente se abstido de discutir mudanças de comando antes da bem-sucedida contra-ofensiva ucraniana em Lyman, após a qual o presidente russo Vladimir Putin substituiu formalmente os comandantes dos distritos militares ocidentais e orientais (WMD e EMD).

Putin provavelmente reorganizou publicamente os comandantes distritais para usá-los como bodes expiatórios para os fracassos militares russos em Kharkiv Oblast e Lyman. A crescente transparência dentro do espaço de informação russo – liderada pelos siloviki O líder checheno Ramzan Kadyrov e o financista do Grupo Wagner, Yevgeniy Prigozhin, e a comunidade pró-guerra – provavelmente está tornando mais desafiador para o Kremlin esconder e explicar publicamente quaisquer mudanças de comando. Kadyrov e Prigozhin atacaram publicamente Lapin em várias ocasiões, levando alguns milbloggers a apontar que outros comandantes distritais russos não receberam nenhuma crítica, apesar de suas próprias falhas (e demissões). [13] Os relatos da demissão de Lapin, sejam verdadeiros ou falsos, indicam que a facção russa siloviki está ganhando domínio no espaço de informação que lhe permite prejudicar a imagem do alto comando militar russo que o MoD provavelmente preferiria apresentar.

Relatos da demissão de Lapin destacaram ainda mais a fragmentação dentro da comunidade russa pró-guerra. Um milblogger que defendeu Lapin afirmou que “lobistas” não especificados finalmente removeram Lapin de seu posto agindo em seu próprio interesse, indo contra o grupo pró-Lapin de milbloggers. Os veículos russos líderes do Kremlin também enfatizaram que um grupo de milbloggers apoiou Lapin, indicando a influência cada vez maior dos milbloggers no espaço da informação. O milblogger acrescentou que ele e outros milbloggers pró-Lapin enfrentaram críticas acusando os milbloggers de estarem na folha de pagamento de Lapin e produzir propaganda em apoio a ele. Um milblogger pró-Wagner, por sua vez, afirmou que gritos esmagadores em apoio a Lapin não escondiam seus numerosos fracassos militares. Milbloggers de ambos os lados estão efetivamente se concentrando nas falhas do comando militar russo de ambos os lados da discussão, o que prejudica ainda mais a reputação das Forças Armadas Russas e do Kremlin.

FONTE: ISW

NOTA DO EDITOR:  O general Alexander Lapin foi o oficial russo que homenageou o seu filho, após este liderar a malsucedida ofensiva contra os ucranianos na região de Sumy e Chernihiv no início da invasão russa À Ucrânia.

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

21 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest

21 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Matusa
Matusa
1 mês atrás

Deixe-o descansar.
Agora, a operação especial está em boas mãos.
Muito melhores.

RPiletti
RPiletti
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Lógico, sempre é possível piorar o que já está ruim.

Neural
Neural
Reply to  RPiletti
1 mês atrás

Ainda bem que saiu, era o pior general Russo. Kadyrov e o CEO dos Wagner pediram a cabeça dele publicamente.

Tá tudo melhorando pra Rússia, reforços chegando, novos armamentos chegando. Hoje já teve ofensiva em Bakhmut, já está 60% tomada.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Neural
1 mês atrás

Estamos vendo a melhora russa … especialmente as debandadas.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Neural
1 mês atrás

Acho que deu ruim para a Rússia em Bakhmut. Havia Himars no caminho … no caminho havia Himars. No sábado, 29 de outubro, as forças russas reduziram o ritmo das operações ofensivas perto de Bakhmut, na região de Donetsk, provavelmente devido ao ataque ucraniano. Isto é afirmado na mensagem do Instituto para o Estudo da Guerra (ISW). Assim, é relatado que as forças ucranianas lançaram um ataque de alta precisão contra as tropas russas, que estavam se preparando para um novo ataque, ao sul de Bakhmut, perto de Mayorsk. Como resultado do ataque, cerca de 300 militares russos foram mortos.… Read more »

Plínio Jr
Plínio Jr
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Sim um sucesso, principalmente nas retiradas… e Kherson é a bola da vez….

Red Pill - 红色药丸
Red Pill - 红色药丸
Reply to  Plínio Jr
1 mês atrás

Faz 6 meses que vc fala essas coisas e de prático a Rússia ainda possui 20% da Ucrania.

Plinio Jr
Plinio Jr
Reply to  Red Pill - 红色药丸
1 mês atrás

Nem os russos sabem que tem 20% da Ucrania, poderia o amigo dizer os sucessos que foram as batalhas de Kharkiv e Kiev pelos russos ?

IvanF
IvanF
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Então a “operação especial” estava em mãos incompetentes? Ou melhor, muito incompetentes!?

Marcelo
Marcelo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Eu me lembro de uma certa Operação Valkyria na Alemanha nazista … será que estão preparando a versão russa?

paulof
paulof
1 mês atrás

a questão é ele está vivo ainda?

PauloR
PauloR
1 mês atrás

Esse racha interno é bastante interessante. Espero que a situação piore ainda mais e os russos se matem enquanto os ucranianos assistem.

naval762
naval762
1 mês atrás

Tiraram o bode expiatório, agora vai ….
Ps, quem vai ficar no lugar do caprino agora? O cara que contrata mão de obra dos presídios ou o barbudinho chefe da turma do tiktok?

Underground
Underground
1 mês atrás

Segundo Sr. Fontes, Lapin foi encontrado boiando em rio.

mago
mago
1 mês atrás

Sob novo comando, as forças russas já mandaram a Ucrânia para o século XVIII em apenas uma semana de ataques devastadores sobre suas cidades e tambem, com praticamente todas as frentes estabilizadas, já começam a se prepararem para grandes ofensivas contra as forças do reich ucraniano. Surgiram nas redes algumas especulações de que muitas coisas no antigo comando militar em operações na Ucrânia, andavam “misteriosamente” muito “devagar”. Bom! Já sabemos que agora a Ucrânia está com os dias contados.

Marcelo
Marcelo
Reply to  mago
1 mês atrás

Teclar é fácil. Díficil é dobrar os ucranianos.

Guilherme Leite
Guilherme Leite
Reply to  mago
1 mês atrás

A Ucrânia começou essa guerra com 3 dias contados, depois deram 14, a sobrevida ucraniana só aumenta, já a dos comandantes russos, rs.

Marcelo
Marcelo
1 mês atrás

The Guardian – 30/10/2022 – O navio principal da Rússia no Mar Negro, o Almirante Makarov, foi danificado e possivelmente desativado durante um audacioso ataque de drone ucraniano no fim de semana no porto da Crimeia de Sebastopol, de acordo com um exame de imagens de vídeo. Investigadores de código aberto disseram que a fragata foi um dos três navios russos que foram atingidos no sábado. Um enxame de drones atingiu a marinha da Rússia às 4h20. As coisas estão mesmo melhorando para a Rússia, né?
https://www.theguardian.com/world/2022/oct/31/russia-ukraine-war-at-a-glance-what-we-know-on-day-250-of-the-invasion

Last edited 1 mês atrás by Marcelo
Marcelo
Marcelo
1 mês atrás

Força Aérea da Ucrânia escolhe pilotos para treinamento em caças ocidentais. Ainda não se sabe se o treinamento será apenas para o F-16 ou também para o F-15. O tempo corre contra a Rússia.
https://www.ukrinform.net/rubric-ato/3604327-ukraines-air-force-picks-pilots-for-training-on-westerntype-fighter-jets.html

ORIVALDO
ORIVALDO
1 mês atrás

Vai ser com chá, caindo da escada fumando ou pulando da janela do hospital ?

Andrea
Andrea
1 mês atrás

Há pessoas(?) aqui torcendo pelos russos? Por que? A Ucrânia não é um país democrático?

Últimas Notícias

Empresa alemã produzirá munição do Gepard na Espanha

A Rheinmetall, depois de adquirir o mundialmente famoso fabricante espanhol de munições Expal Systems SA, planeja estabelecer a produção...
Parceiro

- Advertisement -
- Advertisement -