O Governo brasileiro acompanha, com grave preocupação, relatos de envio de drones e mísseis do Irã em direção a Israel, deixando em alerta países vizinhos como Jordânia e Síria.

Desde o início do conflito em curso na Faixa de Gaza, o Governo brasileiro vem alertando sobre o potencial destrutivo do alastramento das hostilidades à Cisjordânia e para outros países, como Líbano, Síria, Iêmen e, agora, o Irã.

O Brasil apela a todas as partes envolvidas que exerçam máxima contenção e conclama a comunidade internacional a mobilizar esforços no sentido de evitar uma escalada.

Em vista dos últimos acontecimentos no Oriente Médio, o Ministério das Relações Exteriores orienta os brasileiros que evitem viagens não essenciais à região, em particular a Israel, Palestina, Líbano, Síria, Jordânia, Iraque e Irã e que os nacionais que já estejam naqueles países sigam as orientações divulgadas nos sítios eletrônicos e mídias sociais das embaixadas brasileiras.

O Itamaraty vem monitorando a situação dos brasileiros na região, em particular em Israel, Palestina e Líbano desde outubro passado.

FONTE: MRE

Subscribe
Notify of
guest

55 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
GuiBeck
GuiBeck
1 mês atrás

Envio de drones é de lascar…..

profyler
profyler
1 mês atrás

O Anão diplomatico ataca novamente com sua declaração insignificante.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  profyler
1 mês atrás

____

COMENTÁRIO APAGADO. NÃO USE O ESPAÇO DE COMENTÁRIOS PARA PROSELITISMO POLÍTICO.

LEIA AS REGRAS DO BLOG:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Rodrigo
Rodrigo
Reply to  Allan Lemos
1 mês atrás

Tb acho toma uma sanção ou baixa nota de investimento.

Samuel Asafe
Samuel Asafe
Reply to  Rodrigo
1 mês atrás

o que q leva um cidadão a achar que uma nota neutra é motivo para apoiar sanção no seu país natal? ou mesmo reduzir a nota de investimento. Oq que é isso pessoal, pelo amor de Deus; olha como vocês estão olhando pro Brasil, a gente sempre foi isso. Sempre fomos neutros, e nunca nos envolvemos em tratativas militares entre países. Isso é o dever do país de cultivar a paz! isso foi semeado na constituição de 88, aqui não é OS ESTADOS UNIDOS. Nós ganhamos nos relacionando com o Irã, assim como ganhamos na relação com Israel, vocês deviam… Read more »

Chris
Chris
Reply to  Allan Lemos
1 mês atrás

Bom… O assunto, desta vez, tem haver com política..

Ja que o tema é uma nota do governo brasileiro. Heheh

RESPOSTA DOS EDITORES: DEBATER UM ASSUNTO QUE “TEM A VER COM POLÍTICA” É MUITO DIFERENTE DE USAR O ESPAÇO DE COMENTÁRIOS PARA FAZER PROPAGANDA POLÍTICA E PROSELITISMO POLÍTICO.

NA DÚVIDA, LEIA AS REGRAS DO BLOG:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Chris
Chris
Reply to  profyler
1 mês atrás

Eu não sei pq as pessoas ficam tão supresas com o atual apoio direto ou indireto do Brasil aos vermelhinhos pelo mundo… Se trata apenas do óbvio.

A novidade é o anão se achar tão poderoso, a ponto de parar guerras pelo mundo… Eqto vivemos diariamente as nossas por saude, educação e segurança.

Last edited 1 mês atrás by Chris
Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  profyler
1 mês atrás

Anão diplomático porquê ? Israel não nos consulta na hora de cometer crimes internacionais. Bombardeou e destruiu a embaixada dos país persa. Não precisa de apoio do Brasil.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Antonio Palhares
1 mês atrás

Foi Israel quem disse que o Brasil é um anão diplomático. E agora quer o nosso apoio para legitimar seus crime em Gazza.

Orivaldo
Orivaldo
1 mês atrás

EDITADO:
6 – Mantenha-se o máximo possível no tema da matéria, para o assunto não se desviar para temas totalmente desconectados do foco da discussão.

Allan Lemos
Allan Lemos
1 mês atrás

____

COMENTÁRIO APAGADO. NÃO USE O ESPAÇO DE COMENTÁRIOS PARA PROSELITISMO POLÍTICO.

LEIA AS REGRAS DO BLOG:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Orivaldo
Orivaldo
Reply to  Allan Lemos
1 mês atrás

_____

COMENTÁRIO APAGADO. LEIA AS REGRAS DO BLOG, RECLAME MENOS DOS OUTROS E FOQUE MAIS NOS TEMAS DAS MATÉRIAS.

7 – Os comentários não são lidos e moderados pelos editores do site em tempo real. Tenha consciência do que escreve e da sua responsabilidade pelo conteúdo;

LEIA AS REGRAS DO BLOG:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Bispo
Bispo
1 mês atrás

O Itamaraty esta certo… não há lado nesse caso…o ataque de Israel ao consulado iraniano , o G7 emitiu nota pífia sobre o mesmo… a hipocrisia reina.

Vitor
Vitor
Reply to  Bispo
1 mês atrás

Fato… democracia e liberdade só existe quando … eu domino seu governo e sua saberania … esse é o embuste do clube do G7

Chris
Chris
Reply to  Vitor
1 mês atrás

Sua narrativa se encaixa perfeitamente ao outro lado tbem !

Chris
Chris
Reply to  Bispo
1 mês atrás

Todos nós sabemos… Que ha lados sim !

Tanto direita, qto esquerda !

Mas diante da repercussão negativa… E queda de popularidade… Agora resolveram se abster totalmente !

Bispo
Bispo
Reply to  Chris
1 mês atrás

Pelo histórico de Israel e Irã difícil se posicionar …melhor ser lacônico.

Sergio Machado
Sergio Machado
1 mês atrás

Itamarati está certo. Não tem que se meter nesse vespeiro. Bibi atacou uma representação diplomática abrindo um precedente perigosíssimo no afã de alargar o conflito e salvar a própria pele na c…… em Gaza. Irã deu o troco, o mundo aceitou, disse que deu empate e assunto encerrado. Por que raios o Brasil tem que embarcar nessa bronca?

Ozawa
Ozawa
Reply to  Sergio Machado
1 mês atrás

De pleno acordo. Opinião irretocável, só acrescento a inércia do G7 qdo do ataque do Bibi que, obviamente, gerou uma resposta em sentido contrário, o que também obviamente é isso que Bibi quer: arrastar o mundo no seu projeto de poder sionista.

Sergio Machado
Sergio Machado
Reply to  Ozawa
1 mês atrás

“ Qual o projeto de poder de um Estado minúsculo no meio de um vespeiro? ” Depende qual realidade você vive.
Na majoritária mundo afora, tomar Gaza e todo território palestino à força , ocupando, eliminando ou expulsando seus ocupantes. Irã, por via direta ou através dos seus proxies, é um obstáculo ao projeto a ser removido.
O atual governo sequer esconde o projeto de anexação da “sua” Judéia e Samaria.

Dr. Mundico
Dr. Mundico
1 mês atrás

A nota não deixa de considerar o ataque (mesmo usando uma singela metáfora), mas admoesta as partes a procurar o diálogo através dos canais diplomáticos internacionais. E é isso, não esperem mais do que isso. Não existem lados a serem “apoiados” ou “condenados” e as relações internacionais não são exercício de “torcida organizada”, mas sim prática de interesses e conveniências. O Brasil não tem absolutamente nada a ganhar apoiando um ou outro lado. Eles que resolvam suas pendências e desacertos. E com o fim da globalização em 2020, agora mais do que nunca cada país deve saber discernir e ponderar… Read more »

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Dr. Mundico
1 mês atrás

Vamos ser sinceros aqui:

A única pessoa do mundo a quem interessa essa guerra é o Bibi.

Todo o resto do mundo NÃO quer esse conflito nesse momento. Principalmente o Biden, a última coisa que ele precisa nesse momento de campanha eleitoral é mais uma batata quente nas mãos e ser responsável por fazer o barril de petróleo custar 500 dólares.
A expectativa é essa mesmo: todo mundo soltar notinhas tentando apaziguar e botar panos quentes nisso tudo.

EduardoSP
EduardoSP
Reply to  Dr. Mundico
1 mês atrás

Seu raciocínio está correto. O ponto é que o governo brasileiro está adotando essa posição quando um governo “simpático” faz algum movimento condenável. Quando é um governo “antipático” que toma uma ação, é um Deus nos acuda.
Ou seja, não é uma posição consistente em defesa dos interesses nacionais, mas sim uma posição de conveniência por afinidades eletivas entre o atual governo brasileiro e essa “turminha do barulho”.

Cleiton
Cleiton
1 mês atrás

Os editores começaram a semana com muita vontade de trabalhar mesmo ,pois essa publicação dará trabalho haha.

Tiago
Tiago
1 mês atrás

Ta de bom tamanho. Como já alardeado pela midia, o ataque foi previamente orquestrado para nao causar tanto dano, então pra que dar tante atenção.

Paulo Sollo
Paulo Sollo
1 mês atrás

Postura absolutamente racional.
Expressou uma preocupação que é compartilhada por todo o mundo sem tomar partido de A ou B.

Nem se o Brasil fosse uma potência militar deveria optar pela polarização e se meter em conflitos alheios. Isto é um desejo infantil e irracional de gente bitolada e de haters da polarização política.

O Brasil tem o privilégio e a liberdade, a opção de poder trabalhar com vários países. Eua, Rússia, França, China, UK, israel, Coreia, Japão, Irã, Venezuela, etc.
Isto é tremendamente inteligente.

Mig25
Mig25
Reply to  Paulo Sollo
1 mês atrás

Perfeito comentário. Essa guerra não nos interessa, e é isso que temos que deixar claro.

Luís Henrique
Luís Henrique
Reply to  Paulo Sollo
1 mês atrás

Não achei assim tão imparcial. Essa frase: “Desde o início do conflito em curso na Faixa de Gaza, o Governo brasileiro vem alertando sobre o potencial destrutivo do alastramento das hostilidades à Cisjordânia e para outros países, como Líbano, Síria, Iêmen e, agora, o Irã.” Da a entender que Israel não ouviu os pedidos do governo brasileiro de parar com o “genocídio”, dito pelo nosso Presidente de ser semelhante ao praticado pelo Nazismo de Hitler, e que Israel continuou ampliando o conflito para vários países, inclusive a Cisjordânia, se não me engano é considerado um território palestino e não um… Read more »

Maurício.
Maurício.
1 mês atrás

– Israel matando geral na faixa de Gaza, milhares de civis e crianças mortas. A grande mídia: “Veja bem, não é bem assim.” – Israel continuando com os assentamentos ilegais. A grande mídia: “Veja bem, não é bem assim.” – Israel proibindo a entrada de caminhões de ajuda humanitária, inclusive com a presença de colonos extremistas armados. A grande mídia: “Veja bem, não é bem assim.” – Colonos extremistas israelenses cada vez mais sem limites, saqueando e ocupando terras e casas de palestinos. A grande mídia: “Veja bem, não é bem assim.” – Israel metralhando civis em volta de caminhão… Read more »

BR Paraná
BR Paraná
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Melhor comentário de todos nós últimos anos.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Parabens Mauricio

Rodrigo
Rodrigo
1 mês atrás

Pondero que há mesmo que se ser cuidado nestas horas, mas achei a nota um tanto fraca demais, deviam ter condenado o ataque, e também especialmente pelo uso da palavra “envio” Parece até que Israel comprou algo na Internet e estava aguardando o “envio” ….

Jagder
Jagder
1 mês atrás

Não foi ataque.
Apenas um evento.

Elintoor_--
Elintoor_--
1 mês atrás

Engraçado ver o pessoal descendo o porrete com afirmações do tipo “anão diplomático” / “nota pífia e insignificante” ou coisa que o valha…
Ora bolas, o que vocês queriam? Que o Itamaraty soltasse uma nota do tipo:
“Vocês ultrapassaram os limites e o Brasil perdeu a paciência !!!
Agora vamos enviar nossos fantásticos Submarinos Scorpenes, equipados com nossos poderosos mísseis MANSUP, para amansar os Persas e inibí-los de realizar um novo ataque”

Carlos 07
Carlos 07
Reply to  Elintoor_--
1 mês atrás

Kkkk. Boa, meu amigo. Realmente é isso que esse pessoal pensa que deveria acontecer. A torcida tomou conta da cabeça de alguns aqui, por isso ficam chateados quando não são apoiados.

Rodrigo
Rodrigo
Reply to  Elintoor_--
1 mês atrás

Não é isso, mas o Nine tem que representar Brasil, diz que condena ataque do ira se israel atacar condena tb. Se diz que é neutro que seja neutro

Rafael Oliveira
Rafael Oliveira
1 mês atrás

Comparando com a nota contrária aos ataques feitos por Israel nota-se claramente o duplo padrão do Itamaraty e do Governo Brasileiro.
O Brasil condenou o ataque de Israel e buscou o cessar-fogo imediato junto à ONU.
Agora apenas ficou preocupado e sequer chamou de ataque. Foi mero envio de drones e mísseis.
Então não dá para dizer que o Brasil é neutro nesses ataques bélicos. Brasil, diplomaticamente, está contra Israel e a favor dos seus inimigos.

Fawcett
Fawcett
1 mês atrás

Acho engraçado que todo mundo fica indignado com o ataque do Irã mas ficou caladinho quando Israel destruiu a embaixada iraniana. Não sabia que estava valendo atacar embaixadas e sair impune. A retaliação iraniana foi feita na medida para minimizar os possíveis danos, evitando assim a escalada do conflito. Infelizmente tudo indica que Bibi atacará novamente, já que esta guerra é interessante para ofuscar o que ocorre em Gaza e para garantir sobrevida ao seu governo. Ele parece aqueles ditadores que quando o regime está cambaleante busca uma crise externa para se manter no poder. Parabéns ao ocidente por comprar… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Fawcett
Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Fawcett
1 mês atrás

Caro, Quase todo mundo. Eu condenei o ataque do Hamas, mesmo entendo que ele está dentro de um processo de décadas de conflito. Venho condenando sem pudor a guerra que Israel está envolvida contra a Palestina, afirmando que Israel está cometendo um crime contra a humanidade. Também critiquei o ataque de Israel contra o consulado do Irã, que seria um tipo de ação que desencadearia uma enorme retaliação caso o alvo fosse um escritório diplomático dos EUA, França, Rússia, China e até de Israel. Ainda que eu entenda que o Irã fez uma retaliação ao ataque, também condeno isso como… Read more »

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

A pergunta que precisa ser feita é “qual foi a intenção de Netanyahu ao atacar o consulado iraniano?”´´ Simples: criar uma nova crise ( requentar´´ uma crise, na verdade, já que ela existe desde sempre ) pra desviar as atenções de todo mundo e, principalmente, do público interno de seu país, da má condução daquela palhaçada em Gaza. A situação do Bibi já não estava boa desde que, no governo dele, teve aquele erro crasso de inteligência, que permitiu aquele ataque em território israelense. E conseguiu ficar ainda pior quando, depois de 7 meses de conflito, a IDF e seus… Read more »

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Acredito que o alvo do ataque, o pessoal da Guarda Revolucionária, eram vistos como alvos de alto valor, que frequentemente usam representação diplomática como escudo. Com uma vigilância que pode não ser de 24hrs, tendo fator crítico para se acertar o alvo, a decisão deve ter sido feita de aguentar as consequências e eliminar aquele pessoal. Pelo menos é assim que parece para mim. E sinceramente não vejo grande problema, nesse caso. Fosse algo diferente, dois países que podem ser adversários geopolíticos e um acertasse a embaixada/consulado/representação diplomática do outro em um país de terceiros, na minha opinião seria algo… Read more »

JPonte
1 mês atrás

O Brasil pretende uma neutralidade , situação difícil de sustentar . A geografia do Brasil , seu contexto político e sua fraqueza política , militar , financeira e dependência tecnológica não lhe permite ser neutro e nem vacilao ….. não adianta pousar de amigo do Irá ….. se o pau cantar e a pressão vier se juntará ao ocidente para sobreviver e enviará soldados se precisar … Tomara que não ou que eu esteja errado ; mas se a III GM vier nos encontrará desarmado e mal treinados para a guerra atual como foi na 1ª e na 2ª GM… Read more »

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  JPonte
1 mês atrás

Bixo, se nem os grandes´´ ( EUA, China, Rússia, Europa, etc ) querem esse conflito e estão trabalhando ativamente pra botar panos quentes´´ nisso e seguir com suas vidas, porque diabos o Brasil seria arrastado pra esse conflito no outro lado do mundo? O Irã vai fazer igual a Alemanha nas 2 Guerras Mundiais, e enviar submarinos pra cá pra afundar navios brasileiros? O Irã vai atacar de surpresa a base da MB em Guanabara ou Itaguaí, e fazer um Pearl Harbour´´ tabajara? Se nem os grandes´´ estão trabalhando para que essa guerra se concretize, não será as burradas do… Read more »

JPonte
Reply to  Willber Rodrigues
1 mês atrás

Eu não vejo este clamor por paz , eu vejo clamor por guerra ….. eu vejo uma crescente articulação de Israel e países do golfo para uma guerra total contra o Irã , esto a escolher momento e a organizar a base …. vejamos os acontecimentos pois estamos apenas no início …
Há muito interesse econômico no ocidente e oriente por guerra ….. será um impulso de saída para a crise econômica que ora se abate sobre a Europa , EUA e alguns países asiáticos como a China …. vejamos

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  JPonte
1 mês atrás

Há muito interesse econômico no ocidente e oriente por guerra …..´´

Na guerra da Ucrânia, sim.
Numa guerra no Oriente Médio, não.
NINGUEM no mundo tá afim de pagar 1.000 dólares num barril de petróleo por causa de uma guerra na região.
Nem os próprio EUA estão interessados nisso, que dirá China e os outros grandes´´..

Akhinos
Akhinos
1 mês atrás

Off topic: Como eu havia cantado a bola aqui meses atrás, o governo Lula passou a apoiar a proposta da PEC dos 2% para a Defesa. Minha fonte no ministério da Fazenda me disse que a perspectiva é aprovar essa PEC após as eleições esse ano.

Para quem quiser conferir tem reportagem no jornal O Globo.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Akhinos
1 mês atrás

Que ótimo, mais grana pro EB gastar no Cascavel NG´´, e em outros sumidouros de dinheiro.
Contagem regressiva para termos mais alto oficiais do que toda OTAN, China e Rússia juntos…

Akhinos
Akhinos
Reply to  Willber Rodrigues
1 mês atrás

Calmae kra, tu é pessimista demais, vamos dar uma chance, confia! A marinha com certeza não vai criar uma terceira esquadra na ilha de Fernando de Noronha e aumentar seu efetivo par 150 mil membros.

EduardoSP
EduardoSP
Reply to  Akhinos
1 mês atrás

Que Deus nos proteja!!

Leandro Costa
Leandro Costa
1 mês atrás

Fez certo o Itamaraty. Nota correta. Pede pela paz, solução negociada, como é de costume nosso. E convenhamos foi um ataque débil Iraniano, feito para calar vozes internas e desescalar qualquer possibilidade de conflito direto com Israel, para o qual eles não tem o menor interesse em entrar até porque eles não teriam condições de retaliar de forma consistente e fazer danos de verdade à Israel. Mas uma resposta era necessária para seu público e eles a enviaram. Ao Irã, interessa em ter seu território intocado para que continue exportando artefatos para Rússia, Houthis e continuar sua guerra de miséria… Read more »

Rodrigo
Rodrigo
Reply to  Leandro Costa
1 mês atrás

Sim interessa ao Irã continuar vendendo petrôleo a China e os seus Drones para a Russia, vemos claramente um bloco com estes 3 paises juntos, As cartas estão na mesa , Não digo que é a 3º guerra mundial como alguns citam, mais é um ALINHAMENTO.

Dr. Mundico
Dr. Mundico
Reply to  Leandro Costa
1 mês atrás

Como já disse aqui várias vezes e volto a repetir: o maior problema do Irã é a total e irrestrita supremacia que é exercida pela Guarda Revolucionária, uma entidade supra-institucional que tutela todos os segmentos da administração e da sociedade. Em outras palavras, quem “manda” no Irã é uma casta militar que mantem o país refém dos seus interesses. Os cães de guarda criados pelo regime dos Aiatolás hoje são os verdadeiros “guardiões” e “donos” do país. É sabido que a Guarda Revolucionária mantem agentes em todos os países da região com o objetivo de espionar, influenciar, intimidar, cooptar, corromper… Read more »

bit_lascado
bit_lascado
1 mês atrás

Não é agindo assim que vamos conseguir um assento no CS da ONU.

Comte. Nogueira
Comte. Nogueira
1 mês atrás

A declaração foi do tamanho daquela emitida pelo G7 quando Israel se achou no direito de bombardear uma embaixada localizada em país soberano.

BraZil
BraZil
1 mês atrás

Bom dia. O Brasil não é para amadores, O Brasil não é um país sério, O Brasil é o país onde até o passado é incerto. Concordo com todos esses aforismos, ditos, não por acaso por estrangeiros…ás vezes o olhar de fora é mais acurado que o olhar de dentro…