Home Armas de Fogo Sargento do Exército apontado como ‘maior armeiro do tráfico de drogas’ do...

Sargento do Exército apontado como ‘maior armeiro do tráfico de drogas’ do Rio é preso

4227
37
Prisão do sargento do Exército Carlos Alberto de Almeida FOTO: MARCIO ALVES

O sargento do Exército Carlos Alberto de Almeida, de 46 anos, considerado o maior armeiro do tráfico de drogas do Rio de Janeiro, foi preso por policiais da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme) na Favela da Coreia, em Senador Camará, Zona Oeste, na noite desta sexta-feira. Outras três pessoas envolvidas na mesma facção criminosa também fora presas com ele: Alexsandro Rodrigues Figueira, de 34 anos; Felipe Rodrigues Fugueira, de 31; e Murilo Barbosa Ludigerio, de 22. As informações foram divulgadas pela Polícia Civil.

O quarteto foi preso em flagrante delito no momento que fabricavam peças de armas de fogo e realizavam a montagem de fuzis que seriam entregues aos chefes do tráfico de drogas de uma das principais facções criminosas do Rio (TCP), com operação na Vila Aliança, Coréia, Vila dos Pinheiros, Parada de Lucas , Serrinha, Dendê e outras da Baixada Fluminense. De acordo com o delegado titular da Desarme, Fabricio Oliveira, cada um colaborava com uma função específica: no torno mecânico, na pintura das armas, na compra de peças, entre outras atividades, mas sempre comandados pelo militar.

– É muito prematuro dar informações precisas sobre a origem de cada arma de fogo, carregadores e munição, além de outras peças. Em um primeiro momento, porém, não há indício de que o sargento tenha desviado esse material do Exército. Ele próprio nega que já tenha feito isso. O trabalho era pegar armamento defeituoso, um fuzil quebrado, e colocar em condições melhores, ou instalar equipamentos novos – afirmou.

Segundo Oliveira, o sargento relatou ainda que o envolvimento dele com o tráfico teve início em um momento que passava por dificuldades financeiras:

– Ele relatou que, após dificuldades financeiras, diz que teria sido vítima de uma saidinha de banco, acabou realizando trabalhos para o tráfico na Vila Aliança há alguns anos. E isso foi se estreitando – contou.

Leia matéria completa no site do Extra.

37
Deixe um comentário

avatar
37 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
24 Comment authors
sergio ribamar ferreiraJorge AlbertoJeffcolombelliCarlos Alberto Soares Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Possani
Visitante
Possani

Pra combater essas guerrilhas que tem no Rio, primeiro tem que admitir que estamos em guerra. Que tem locais que são independentes do Brasil e o estado tem a obrigação de retomar. E depois legalizar a maconha e cocaina, sendo produzida em território nacional com uma alta carga tributária e penas pesadas a quem for pego saindo do pais com drogas. Mas como disse o Marcinho VP ontem na reportagem do UOL. O trafico financia campanha politica. É só lembrar do helicóptero do senador Zezé Perrela, um dos maiores traficantes desse pais, agora recente o avião que saiu carregado de… Read more »

Possani
Visitante
Possani

Lembrando que enquanto houver procura, sempre vai ter a oferta.

Delfim Sobreira
Visitante
Delfim Sobreira

Se sargentão cascudo especializado cai na tentação, imaginem a jovem soldadesca conscrita oriunda das classes mais pobres.
.
O evento do General já vai começar micado. Um tapa na cara de quem acha que FAs, GLO, intervenção, são a solução da criminalidade.
.
Polícia estadual e civil prendendo militares criminosos… PE, PA, PBN, trabalham não ?

Walfrido Strobel
Visitante

Delfin Sobreira, o que a PA e PE tem a ver com crimes de natureza civil???
Isso é função da PC mesmo.

Rafael_PP
Visitante
Rafael_PP

Delfim Sobreira 21 de outubro de 2017 at 13:58:
.
Devem estar mais preocupados com o direito de resposta à Época.

Renato de Mello Machado
Visitante
Renato de Mello Machado

Talvez se uma bala dessas armas que ele montava atingisse alguém da família dele, o faria pensar mais na vida.Mas não é correto que outras pessoas sofram por causa desse estrume.Caso de pena de morte é esse aí.

Ivanmc
Visitante
Ivanmc

Soldado no Brasil serve até 8 anos no EB, como cabo ou 3°Agr temporário. Depois da baixa não existe emprego, se ganha 1 salário mínimo como porteiro ou supermercado e olhe lá, empresas de segurança estão enxugando os seus quadros. Não existe políticas públicas de melhoria e condições de trabalho, quiçá profissionalizar os militares, dando oportunidades de seguirem carreira como antes de 1994, logo esses ex militantes são assediados pelo crime organizado é matemática antropológica pura.

Ivanmc
Visitante
Ivanmc

Corrigindo: 3°SGT temporário.

Agnelo
Visitante
Agnelo

Delfim
Tá parecendo birra.
A PC não fez mais q a obrigação, e deveria estar fazendo mais, inclusive expurgando os policiais q recebem arrego, assim como a PM também deveria.
Se observar o q foi divulgado, a Inteligência do EB q ajudou.
Enquanto não integrar, e ficar cada um puxando sua sardinha, vai ficar assim, essa M q está o Rio.
Pau em vagabundo das FFAA e dos OSP.
Pois além de matarem cidadãos, matam companheiros.

Renan
Visitante
Renan

Ou estes temporarios usam o tempo de 8 Anos para fazer uma faculdade e se preparar para o mercado de trabalho ou se alinham as fileiras do trafico.
Qual é o caminho mais facil?
Pena de morte para corruptos e trafico de drogas. Metade da podridão do pais acabaria em alguns anos.
Abraços

Ivanmc
Visitante
Ivanmc

Renan 21 de outubro de 2017 at 18:44
.
Concordo.

Bravox
Visitante
Bravox

A falta que faz uma politica de aproveitamento para militares temporarios ,uma lei de pena de morte para trafico de drogas é outra coisa que falta no brasil…

Luciano
Visitante
Luciano

É ingenuidade acreditar que essas quadrilhas todas não possuem suporte especializado para suas ações tendo serviços de inteligência, logística e etc. Não tem como ter tanto armamento militar, muitos bem modernos, sem apoio de corpo técnico. Muitas dessas armas e munições não são fabricadas no Brasil e ai fica a questão: não é mais fácil rastrear essas cargas de armas e munições ANTES delas chegarem nas quadrilhas ou lutar cotidianamente (com todo ônus que isso trás!) contra as mesmas que as usam? A mesma coisa com a coca e muitas drogas sintéticas. Não as produzimos, logo o combate, o estrangulamento… Read more »

Rinaldo Nery
Visitante
Rinaldo Nery

Possani, só uma correção : o avião não saiu da fazenda do Blairo Maggi; veio direto da Bolívia. E foi interceptado pela FAB.

Rodrigo Martins Ferreira
Visitante
Rodrigo Martins Ferreira

Bravox 21 de outubro de 2017 at 19:00 O nome já diz temporário. O EB tem obrigação de fazer uma formação militar descente e se até pra isto está faltando dinheiro, imagina para transformar o Exército em SENAI. Possani 21 de outubro de 2017 at 13:32 Até hoje a história deste helicóptero está mal contada. No manual do R66 diz que ele tem capacidade máxima de 450kg de carga, somando a carga, piloto e combustível e a PF na época divulgou exatos 450kg de pó.. Na época eu trabalhava na Abril e levei esta sugestão de investigação a Veja, mas… Read more »

Carpophorus
Visitante
Carpophorus

Já existem políticas de aproveitamento dos militares temporários, são os concursos públicos como a ESsa, EEAR, ESAEX, etc… O problema é que os soldados, cabos e os outros temporários não estudam e se acostumam com a vida na caserna pensando que é eterna. Agora, se o cara envereda pro lado do crime, isso é questão de formação do indivíduo como homem e não há política pública que resolva um sujeito mau caráter.

Daniel Ferreira
Visitante
Daniel Ferreira

Sabe por que a pena de morte NÃO acabaria com metade da podridão do país em alguns anos? Porque aqui corrupto não vai sequer preso, quanto mais condenado à morte. Estamos vendo agora os primeiros casos de políticos ficando na cadeira (como Cabral, Cunha, Gedel), mas esses são 0,00001% dos políticos corruptos. O restante (Aécio, Lula, Padilha, Temer, Moreira Franco, Renan etc. etc. etc.) vai continuar na política por décadas até o STF terminar de julgar os processos. Se existisse pena de morte, duvido que seria aplicada a crimes cometidos por essa gente. Só pobre sem advogado que seria executado.… Read more »

Agnelo
Visitante
Agnelo

Daniel
Esses mesmos políticos corruptos, financiados por este dinheiro, pela contravenção e pelo tráfico, q cuidam das promoções, transferências e nomeação de comandantes dos Btl de PM e indicam delegados.
Como as OSP vão cuidar da criminalidade?
Sds

joshua
Visitante
joshua

Prender soldado do tráfico é fácil como esse sargento . Porque a polícia civil não prende os generais do tráfico?
Não é função do exercito ir atrás de bandido nas favelas, isso cabe aos policiais. Exercito tem que estar nas fronteiras fazendo segurança das mesmas.

João Augusto
Visitante
João Augusto

Sobreira já disse, mas vou ecoar com um pequeno acréscimo:

“Um tapa na cara de quem acha que FAs, GLO, intervenção, são a solução da criminalidade” e para a corrupção.

Delfim Sobreira
Visitante
Delfim Sobreira

Agnelo
Não é birra e sim realidade.
OrCrim não são OrTerr. Sua natureza não é política, religiosa ou ideológica radicais. É o bom e velho lucro. O uso de táticas de guerrilha ou até terror não são fins e sim meios.
Tráfico é um termo para comércio proibido. Como tal, se sujeita às regras de mercado, oferta e demanda. Não é apenas um problema legal, mas econômico. E olhar sobre este prisma ajuda em muito.
Há uma enorme demanda por drogas na sociedade. Sim, a sociedade é hipócrita, e não assume sua parcela de culpa no processo. Mas a solução passa porrisso.

Delfim Sobreira
Visitante
Delfim Sobreira

Continuando.
Então, numa indústria tão lucrativa quanto proibida, não falta quem se deixe seduzir, infelizmente.
A legalização não me agrada mas não há alternativa.

Zorann
Visitante
Zorann

Olá Joshua! . Não precisa de um setor de inteligencia para saber onde são as bocas de tráfico. Todo mundo sabe. Oque falta são leis mais rígidas, policiais poderem trabalhar sem identificação nestas situações. Quando a polícia resolve ir lá, troca tiros, morrem policiais, civis, e na manhá seguinte o bandido está solto. A boca é fechada e abre no dia seguinte em outro lugar próximo, ou no mesmo lugar. . Nas cidades pequenas a situação é pior. Porque o policial não vai fechar boca de fumo, para o bandido ser solto no dia seguinte e ele ou seus comparsas… Read more »

Agnelo
Visitante
Agnelo

Delfim Boa tarde Não concordo com legalização. Bebida, cigarro, brinquedo, CD, DVD, eletroeletrônico etc etc são todos legais, e só Deus sabe o quanto entra no Brasil e corrompe gente. Não se aperta quem usa, não querem apertar quem vende e nem campanha há contra droga… campanha séria, tipo nós assistimos contra a AIDS quando éramos novos. Quanto ao terror, independe o motivo, se aterroriza, é terrorismo. Em relação às fronteiras. Tem q ser uma política de governo séria. Não adianta pôr exército patrulhando o ignoto e entrar tudo pela Ponte da Amizade… Além disso, em locais como Tabatinga onde… Read more »

donitz123
Visitante

Por que será que eu não estou surpreso?

Bavaria Lion
Visitante

Está aí o porque de a intervenção militar não ser mais solução: as instituições apodreceram, os porcos venceram.

Viva ao insubmersível e ao caralhal.

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Agnelo 21 de outubro de 2017 at 18:35
Concordo.
________________________________________

“Renan 21 de outubro de 2017 at 18:44
Ou estes temporarios usam o tempo de 8 Anos para fazer uma faculdade e se preparar para o mercado de trabalho ou se alinham as fileiras do trafico.
Qual é o caminho mais facil?”
_________________________________________

Deveriam entrar direto para ACADEPOL e CPsgtoPM, ponto.

João Augusto
Visitante
João Augusto

Curioso que deu-se a entender que o contexto baixa renda + convivência e assédio do tráfico é um risco para os militares… Esse é basicamente o mesmo argumento que se usa para gerar empatia com os jovens de periferia que seguem, também depois de viverem num contexto baixa renda + convivência e assédio do tráfico, para a criminalidade, com a diferença de que, no mais das vezes, esses últimos são desempregados ou em atividade econômica informal, o que, naturalmente, os torna mais vulneráveis. Têm escolha os dois perfis ou nenhum dos dois? Influencia ou não influencia o contexto baixa renda… Read more »

Walfrido Strobel
Visitante

A Polícia do RJ sempre exagerando para ganhar fama.
Encontra meia dúzia de fuzis e ja diz que era o “maior armeiro do tráfico”.
A uns anos prenderam uma quadrilha de traficantes e disseram que ela era responsável por 1/3 da cocaína do RJ, um jornalista disse com razão que se fosse a quadrilha responsável por tanta droga, esta prisão teria causado desabastecimento por um periodo.
Nada aconteceu, não faltou droga em nenhum lugar do RJ segundo o jornal mostrando que a Polícia mentiu para se exibir ou desconhece o assunto.

Rinaldo Nery
Visitante
Rinaldo Nery

Polícia de MG apreendeu um carregamento enorme de drogas e armas em sacos de farinha, num caminhão, em Divinopolis.

colombelli
Visitante
colombelli

Por isso que eu disse e repito Tira a brigada paraquesdista e a 9 urgente do Rio. isso ja acontecia 23 anos atras quando fiz estágio no 2 batalhão. Ainda, so defende pena de morte quem não conhece o judiciário por dentro. O dia que voces descobrirem como é o judiciário………Não fica a dever nada pros outros poderes em tudo o que há de ruim. Aumentar pena, sim, mas morte não dá. O problema mais grave até nem é o quantum da pena, é a progressão. Quando se quis acabar com ela nos hediondos, o STF foi contra. Resultado esta… Read more »

Jeff
Visitante
Jeff

“Bavaria Lion
Está aí o porque de a intervenção militar não ser mais solução: as instituições apodreceram, os porcos venceram.”
.
Discordo, tem muita gente de bem na ativa e na reserva coçando a mão pra dar pipoco em todo nível de bandidagem desse país. Eu particularmente não acredito em um Brasil melhor sem uma grande revolução.
Mas é REVOLUÇÃO mesmo, de verdade, não esse tipo de revolução de hoje em dia, que se faz rodinha engatinhando pelados com o dedo um no furicó do outro, ou homem pelado sendo tocado em shopping.

Zorann
Visitante
Zorann

Olá Rinaldo Nery! . Divinópolis é aqui pertinho, a 60 kilometros. E conheço bem, inclusive a única delegacia de policia da cidade. É um conjunto de alguns prédios que ficam ao lado do Mercado Municipal. A cidade é grande, com quase 250.000 habitantes, é local de desova de carros roubados (na cidade há 5 ou 6 pátios para recolher carros) e possui uma única delegacia. Lá o serviço é alternado: 3 dias por semana, você pode fazer Boletins de Ocorrência e nos outros 2, liberar carros nos pátios. Se foi roubado hoje, e não é dia de BO, você tem… Read more »

Walfrido Strobel
Visitante

Sei que corrupção e desonestidade existem em todos o níveis de todas as instituições, mas vou dar um exemplo do que ocorreu com um colega da FAB em uma cidade do litoral do RJ por volta de 1995. Teve o carro roubado e ligaram dizendo que estava na Delegacia, ao chegar ao local viu que teria que comprar 5 rodas com pneus, pois o carro estava sobre cavaletes. Quando estava saindo para comprar iniciou uma discussão entre funcionários de como o carro foi parar na Delegacia sem as rodas se o único caminhão Munk estava em pane e ele chegou… Read more »

Jorge Alberto
Visitante
Jorge Alberto

Rafael_pp – Sem duvidas! Como disse a nota, se voce leu, nao sao maioria, sao a minoria! . Ainda sobre e opiniao pessoal: Esses elementos das FA q se corrompem, sao banidos da força e os politicos que o Sr votou? O que acontece com eles? – Aaaa… sim claro, vais dizer agora q “vota em branco”… Entao nem deverias estar a postar opinioes sobre, aq…. . Renan, muito bem colocado! Ja vi soldados passarem a cabo e ou a 3SGT temporario e fazerem faculdade, e mestrado antes de sair… Souberam aproveitar! . Eb nao tem obrigacao nenhuma de formar… Read more »

Jorge Alberto
Visitante
Jorge Alberto

Verdadeiramente cansando dessa ideologia pobre de socialismo q impera no Brasil (PT)… So traz desgraça!!!
.
Quando alguem vai tomar providencias a respeito? Por um fim nisso nas Federais? PT incentiva, quer ver o caos e utilizar isso no futuro para tomar o poder e dizer q “conserta isso na ditadura” (do proletariado=comunismo), PSDB nao esta nem ai pra isso! Vide como SP esta…
.
Acho q ja chegamos ao fundo do poço!

sergio ribamar ferreira
Visitante
sergio ribamar ferreira

Concordo com o Sr. Colombelli. 23 anos? bem antes já existia este caos. Quanto ao Judiciário, concordo em tudo. Opinião pessoal: pior dos três poderes. Abraços a todos os revoltados.